57.novembro 2013 revista

460 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
460
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

57.novembro 2013 revista

  1. 1. Revista 57ª edição, novembro de 2013 Sunglasses: mais do que proteção, o óculos de sol é um acessório que traduz estilo e atitude. Confira, nessa edição, a melhor tendência para o verão!
  2. 2. 07 ............ ............ ............ ..... 08 .... .... ............ ............ ............ ............ .... 12 ............ ............ ............ ........ ........ ........ ............ ............ ............ ...... 17 .... .... ...... ...... ............ ............ ............ ............ ............ ............ ............ ..... 18 ............ do + .. lizado ............ ............ ............ orren .......... .......... .......... rsona C e ...... ...... .. 22 ........ ento P ............ ............ ............ ............ reinam ............ ............ ............ sitiva T ...... ...... ........ .... 26 o po ............ ............ ............ ............ ntaçã ca ...... ............ A lime ............ ............ stéti ...... ...... ........ .... 22 up – E ............ ............ ............ ............ ............ ............ ............ Check ............ a ...... ...... ...... ..... 26 a mod ............ ............ ............ ............ ............ ............ ............ Você n ............ ...... .... 30 e .. ...... ........ vidad ............ ............ ............ ............ ............ ............ Pós-ati ............ ............ .... ...... ...... ...... 33 ........ ............ ............ porte ............ ............ ............ ............ Passa ............ ............ stilo ...... ...... ..... 34 ........ com e ............ ............ ............ ............ Viver ............ ............ ............ ............ .... ...... o .. ...... ...... 38 ............ mund ............ ............ ............ ............ Eu no ............ ............ ............ .... tilo ...... ...... om es ............ ............ ............ ............ Viver c ............ ............ ............ ila .... ............ V ...... ho te da ............ É o bic Semen ............ ntece ............ A co ............ ce ...... Aconte Muito interessante a abordagem do veterinário sobre as cirurgias estéticas e de conveniências em animais domésticos, pois não tinha ideia do que elas poderiam causar... Parabéns por nos informar sobre esse assunto tão delicado. Att. Rafaela R. Página 20 Bell Marques Jornalista Responsável Mel Simões Colunista Acácio Tolentino Colunista “Eu no mundo“ Rafael Ajuz Colunista “Viver com Estilo” Sandra Tumelero Colunista “É o Bicho” Ricardo Antônio Colunista “Correndo +” Edilberto Barros Colunista “Alimentação Positiva” Karen Moreno Colunista “Passaporte ” Elcio Vieira “Você na Moda” Por Finíssimo Colaboraram nessa edição: Marcos Soares e Rafael Sotero Fotografia Equipe POSIATIVIDADE Contato Comercial (61) 9261-2778 revistaposiatividade@yahoo.com.br www.facebook.com/posiatividade A Revista POSIATIVIDADE não se responsabiliza pelos anúncios veiculados, como também não se responsabiliza pelas matérias publicadas, que são de responsabilidade de seus autores. Geraldo Azevedo, Melina Simões e Elba Ramalho
  3. 3. CORRIDA E CALOR relação complicada Por Edilberto Barros T á chegando o verão com seus dias lindos, céu azul e temperaturas elevadas, mas... Cuidado! É aí que mora o perigo! Saiba que uma das maiores dificuldades que o nosso corpo enfrenta em exercícios como a corrida longa, é manter o equilíbrio da temperatura. O preço é alto. Valores maiores que 60% de toda energia são gastos somente com a manutenção da temperatura, e acredite, o restante é utilizado para o deslocamento! Essa informação é importante, pois nos dá a noção exata da importância dos cuidados que devemos ter para manter o equilíbrio da temperatura e treinar com saúde. Importante! Em uma corrida de 1 hora per- demos em torno de 2 litros de água (2 kg). Em temperaturas elevadas perdemos muita água e eletrólitos (sódio) pelo suor e pouco calor, fazendo surgir um quadro grave de desidratação e hipertermia e outras complicações, podendo chegar, em casos extremos, ao óbito. Dicas importantes: Hidrate-se com água e bebidas isotônicas em temperaturas adequadas (gelada), antes durante e depois; use protetor de pela e vestimentas leves, apropriadas para o treino; evite treinamento em horários entre 10 e 16 horas, como também a exposição ao sol depois do treinamento; faça os treinos longos (acima de 1 hora) mais cedo (acorde 1 hora antes e evite o sol forte). “Vá pela sombra”, e boa corrida! Edilberto Barros é graduado, mestre e doutorando em Educação Física (CREF 873/DF). Pósgraduado em fisiologia do exercício e em treinamento desportivo. Treinador nível 5 da Federação Internacional de Atletismo – IAAF e professor da academia da mesma IAAF para corrida de longa distância. Atualmente treina vários atletas de alto rendimento, entre eles, Lucélia Peres, última brasileira a vencer a corrida Internacional de São Silvestre, como também treina vários corredores recreacionais (qualidade de vida). Contatos: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 7
  4. 4. Como ganhar saúde e dinheiro praticando atividade física? Por Rafael Sotero Estamos completando 66 anos e nesse momento Estamos completando anos e nesse momento Estamos completando e e aproveite as inúmeras de comemoração venha6 anos e nesse momento de comemoração venha aproveite as inúmeras de comemoração seruma ecliente Intimus inúmeras vantagens de servenha aproveite as Depil. vantagens de uma cliente Intimus Depil. vantagens de a Quinta descontosIntimus Depil. ser uma cliente especiais em De Segunda a Quinta descontos especiais em De Segunda De Segunda a Quintaestacionamento coberto nossos serviços, mais descontos especiais em nossos serviços, mais estacionamento coberto nossos por nós! MARAVILHA! e e pago por nós! MARAVILHA! pago serviços, mais estacionamento coberto e pago por nós! MARAVILHA! A o longo de milhares de anos o ser humano evolui diante de suas experiências e necessidades em prol da sobrevivência. Esse contexto há décadas parece perder seu valor devido à maneira que estamos vivendo, pois o atual ambiente em que vivemos se renova e se modifica numa velocidade diferenciada da maneira que evoluímos. Somos frutos de milhares de anos e reféns de diárias transformações! Criamos um modelo de vida, como, por exemplo, o da inatividade física, que causa bem estar e satisfação imediata, porém perigoso para a sobrevivência. Esse modelo parece não estar de acordo com os anseios das pessoas quando perguntamos, por exemplo: o que deseja para a sua vida? É comum encontramos respostas como: - Saúde e dinheiro! Verdade seja dita..., há uma preocupação e aprendizado rápido em relação a gestão do dinheiro em nossa sociedade e uma preguiçosa gestão de saúde! Contudo, poucos percebem, por até nunca terem vivido de forma diferente, que esse modelo, na verdade, proporciona a redução do dinheiro e perda da saúde. Diante disso, parece que devemos rever nossa história evolutiva e reconhecer que nossos ancestrais conseguiam gerir de forma mais adequada à vida ao adotarem um modelo mais ativo fisicamente, aumentando assim a capacidade de produção, bem como, qualidade e perspectiva de vida. Não vivemos atoa, vivemos de maneira ativa e inteligente, portanto, pratique atividade física e conquiste saúde e dinheiro! Rafael Sotero é Graduado, Mestre e Doutorando em Educação Física pela UCB. Professor universitário e assessor do programa de Pós - graduação Stricto Senso na Universidade Católica de Brasília. Professor de programas de pós graduação lato senso, e pesquisador do laboratório de avaliação física e treinamento (LAFIT-UCB). Autor de artigos científicos nacionais e internacionais na área do exercícios físico (Lattes:http:// lattes.cnpq.br/8781058505366286). 8 Para maior comodidade, ampliamos a nossa equipe, Para maior comodidade, ampliamos a nossa equipe, Para maior a atender comampliamos a nossa equipe, passamos comodidade,com sem hora marcada e e passamos a atender e e sem hora marcada passamosprestes a inaugurar umum novo espaço.e estamos a prestes a com e sem hora marcada estamos atender inaugurar novo espaço. estamos prestes a inaugurar um novo espaço. www.intimusdepil.com.br www.intimusdepil.com.br facebook.com/intimusdepil facebook.com/intimusdepil www.intimusdepil.com.br facebook.com/intimusdepil Av.Av. das Castanheiras, AE 820m loja 103 em cima do Supermercado Big Box das Castanheiras, AE 820m loja 103 em cima do Supermercado Big Box 61-3435.6787cima Av. das Castanheiras, AE 820m 61-3435.6787 do Supermercado Big Box loja 103 em 9
  5. 5. Suplementos & Testosterona Por Karen Moreno testosterona é um hormônio esteroide A Existem suplementos alimentares que são uti- (derivado da gordura, mais especifica- lizados com o intuito de estimularem a produção mente do colesterol) naturalmente endógena de testosterona; ou seja, a testosterona produzido pelo organismo do homem produzida pelo nosso próprio organismo. Em vá- e da mulher. No homem existe uma produção cer- rios suplementos para ganho de massa muscular, ca de 30 vezes maior que na mulher. Sendo, por- por exemplo, encontram-se substâncias como Tri- tanto um hormônio androgênico, ou seja, respon- bulus Terrestris, Mucuna Pruriens, Maca Peruana e sável pela diferenciação sexual na espécie humana. Crisina; que teoricamente auxiliam no aumento É também importante no anabolismo celular, pro- desta produção endógena (Tribulus, Mucuna e porcionando o desenvolvimento de diversos teci- Maca) ou impedem (Crisina e Maca) a conversão dos do organismo, tais como músculos e ossos. de testosterona em estrógeno (hormônio femini- A deficiência de testosterona pode comu- lizante). Esses suplementos são considerados mente ocorrer em situações de estresse (psicoló- adaptogênicos, ou seja, agem “normalizando” os gico ou físico – como atividade física em excesso) níveis, não aumentando além dos limites possí- e na obesidade severa. Essa deficiência resulta em veis permitidos pelo corpo. perda de massa óssea e muscular, aumento da Aqueles indivíduos com dificuldades em ob- massa de gordura, diminuição da libido, redução ter resultados na atividade física, apesar de esta- da fertilidade, fadiga excessiva, dentre outros pro- rem com a alimentação equilibrada e com ativida- blemas de saúde. A reposição deste hormônio de física adequada podem investigar a relação do pode trazer benefícios para indivíduos com defici- estresse ou excesso de peso com os níveis de tes- ência, no entanto, o principal tratamento, ou tra- tosterona. E após investigação pode ser necessá- tamento inicial, seria a redução ou extinção do rio a suplementação ou mesmo acompanhamen- estímulo primário causador desta deficiência. Vale to médico para normalização dos níveis de ressaltar que a reposição a partir de hormônios na testosterona. A SUA ALIMENTAÇÃO FAZ A DIFE- forma medicamentosa só pode ser prescrita, RENÇA, e a orientação multidisciplinar pode tra- orientada e acompanhada por um médico! zer ainda mais benefícios! Karen Moreno é nutricionista formada pela Universidade de Brasília, Especialista em Nutrição Esportiva pela Universidade Gama Filho e Sócia-proprietária de Clínica 449 – Nutrição esportiva - desde 2001. Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 12 13
  6. 6. Correção Nasal sem Cirurgia Plástica Por Dr. Fernando Nakamura Dr. Nakamura, especialista em cirurgia de nariz e face, discorre sobre a opção de corrigir pequenas imperfeições de nariz e face sem a necessidade da cirurgia plástica. Quem de nós nunca se olhou no espelho e desejou mudar algo? Quer seja por estética ou para melhorias funcionais, mas nunca tomou a iniciativa por receio de mudar e por achar que ainda não é momento certo. Há um método de correção nasal que faz pequenos refinamentos no nariz que tem gerado grande satisfação aos pacientes. O procedimento consiste na aplicação de ácido hialurônico na região nasal. A substância é compatível com o or- corrigir algumas pequenas imperfei- ganismo e absorvível. O cirurgião plástico Dr. Fernando Naka- ções em narizes já operados, visto que mura – Diretor do Instituto PERFACE, explica que o produto o procedimento não é definitivo como possuí alta compatibilidade com o corpo humano, por isso, as no caso de cirurgias. chances de reações adversas são pequenas, desde que seja realizado com rigor técnico e a anatomia seja respeitada. Vale a pena ressaltar que o procedimento deve sempre ser feito por um profissional Outro ponto a ser ressaltado, segundo o cirurgião, o qualificado, cirurgião plástico ou dermatolo- procedimento pode ser uma prévia de um procedimen- gista, membro das Sociedades Brasileiras de to cirúrgico em casos selecionados, assim como para Cirurgia Plástica ou Dermatologia. Dr. Fernando Nakamura - Diretor do Instituto PERFACE, Cirurgião Plástico formado pelo Instituto Ivo Pitanguy - CRM-DF 17.858 / RQE 9333, Visitor Fellowship em Harvard Medical School, Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, Membro Efetivo da Associação dos Ex Alunos do Professor Pitanguy. Contato: (61)9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 16 17
  7. 7. A boa da vez para o Verão Por Marcos Soares C om a chegada do verão, os cuidados com os olhos devem ter a mesma prioridade que a nossa pela. Assim, o uso de óculos de sol é imprescindível para proteger contra a claridade e contra os raios UV; além, é claro de levantar o visual, já que estes se tornaram acessórios de moda, agregando valor, ou compondo o estilo das pessoas. Escolhas adequadas realçam ou suavizam expressões, iluminam o rosto, alegram o visual ou confere um estilo inconfundível! Na hora da escolha, as propostas são muitas em estilos e marcas, mas algumas merecem destaque; como é o caso da grife Stella McCartney, grife homônima da estilista inglesa filha do ex-Beatle 18 Paul McCartney; que é um dos grandes hits da Europa e agora no Brasil. Primeiro, Stella McCartney é “eco-friendly”, ou seja, as suas coleções de óculos são desenvolvidas de forma consciente: 50% da matéria prima das peças e dos estojos são provenientes de fontes renováveis e biodegradáveis. Depois, ela é responsável por traduzir o estilo mais cool do momento com modelos oversized de atmosfera vintage, e em estampas de acordo com as suas coleções de vestir, conquistando celebridades como Kate Moss, Anne Hathaway, Miranda Ker r e Kristen Dunst, como exemplos. Os óculos Stella McCartney são voltados para a mulher contemporânea e segura do seu estilo; e que pensa no meio ambiente de forma consciente. 19
  8. 8. ro por você estar participando, agora dessa parte de Chiclete com Banana imprensa e podermos ter um contato maior, falar mais profissionalmente..., e segundo por sabermos que você sempre foi uma pessoa que foi um símbolo dos chicleteiros daqui de Brasília e você sempre foi uma pessoa que traduziu a nossa felicidade muito bem aqui! Então, é isso, acho que Brasília é traduzida a partir de você. O que você quiser escrever vai estar bem escrito porque vai ser maravilhoso!” Uma homenagem da Revista POSIATIVIDADE ao líder da banda, Bell Marques, que se despediu de Brasília em 2013. E m 2013 os Chicleteiros do mundo inteiro ficaram atordoados e um tanto PRIMEIRA ENTREVISA DA REVISTA POSIATIVIDADE COM BELL MARQUES Bell Marques com a primeira Edição da Revista POSIATIVIDADE - março de 2009 entristecidos com o anúncio da saída de Bell Marques da banda Chiclete com Banana. Deixando de lado todos os rumores e suposições sobre o ocorrido, o fato é que o líder da banda em questão sempre nos recebeu muito bem, com todo carinho e atenção e, sem sombra de dúvida, Bell Marques é digno dessa singela homenagem que fazemos para celebrar momentos inesquecíveis que tivemos ao seu lado nos últimos anos... Eu, Melina Simões, lembro como se fosse on- Nessa edição de novembro, você leitor, verá algumas fotos dessas entrevistas. Inúmeros momentos que vivemos ao lado da banda Chiclete com Banana, mas principalmente e, especialmente, ao lado de seu líder, Bell Marques! Finalizamos essa matéria desejando que seu novo jeito de caminhar seja repleto de luz, sorrisos, sucesso, alegrias e amor!!! Esses são os votos da Revista POSIATIVIDADE para o seu novo caminho, que ele brilhe sempre, cada vez mais e mais! Forte Abraço de toda nossa equipe! Mel Simões – Jornalista Responsável da Revista POSIATIVIDADE. tem as palavras que ele me disse em nossa primeira entrevista. Quando questionado sobre a relação do Chiclete com Banana e Brasília, Bell afirmou: “Mel, eu poderia citar essa relação a partir de você. Você sempre foi uma chicleteira muito assídua dos nossos eventos, uma pessoa muito querida por nós, e olhar pra você é como abril de 2010 olhar pra toda a felicidade dos chicleteiros do cerrado. Então, nós ficamos muito felizes, primei- 22 última entrevista do líder do Chiclete com Banana para a Revista POSIATIVIDADE - abril de 2013 novembro de 2009 em Belém - PA 23
  9. 9. Conheça nossa nova loja em Águas Claras! Av. das Araucárias, lote 1325, loja 05, Ed. Real Quality (em frente ao colégio Sigma) R$129,90 R$149,90 R$129,90 R$149,90 R$119,90 R$119,90 R$119,90 R$119,90 215 Sul • (61) 3245 5003 205 Sul • (61) 3242 7469 Águas Claras (Av. Castanheiras, rua 36 Norte) • (61) 3435 2130 R$149,90 R$129,90 R$129,90 R$129,90 R$119,90 R$119,90 R$169,90 R$129,90 R$109,90 R$119,90 Águas Claras 2 • (Av. das Araucárias, lote 1325, loja 05, Ed. Real Quality, em frente ao colégio Sigma) • (61) 35685442 Twitter @LoggiaOficial • Facebook LoggiaOficial • www.loggiacalcados.com.br
  10. 10. rte o passap lima CAPITAL PERUANA REPLETA DE SABORES Por Elcio Vieira P or muitos anos, Lima era apenas um ponto de apoio para os viajantes que chegavam ao país e seguiam rumo á mística Machu Picchu. Hoje, ela é o destino em si, fisgando cada vez mais turistas pelo estômago. As noites na capital peruana são repletas de sabor e de receitas caprichadas que ganham cada vez mais notoriedade mundo afora, sendo que o sucesso de seus restaurantes lhe garantiu o título de capital gastronômica da América Latina. Chefs renomados, como Gastón Acurio, dono do restaurante Astrid Gastón, mostraram que a culinária peruana está muito além do ceviche. A receita de peixe cru marinado em sumo de limão com cebola, salsa e pimenta malagueta ainda é hors concours na cidade, mas ganhou novas releituras e diferentes formas de apresentação. Lima vem exportando sua alta gastronomia fusion para os quatro cantos do planeta e tornou-se um destino tentador para os gourmets e os mais gulosos. Tours gastronômicos são bastante comuns e contemplam desde o típico drinque pisco sour do tradicionalíssimo Hotel Bolivar, até o 26 26 menu de pescados com visual á beira-mar do restaurante La Rosa Náutica e a cozinha inventiva do concorrido MALABAR. O endereço para comer bem na capital peruana é o bairro Miraflores. Lá estão o turístico LA ROSA NAUTICA, que virou atração por estar sobre uma plataforma que avança pelo mar, e o antenado Saqra. O cardápio, repleto de invenções e surpresas, combina bem com o ambiente moderninho e lúdico do espaço, com um detalhe: tudo que decora o restaurante, das almofadas aos quadros de parede, está á venda. A especialidade é a comida peruana servida com uma releitura contemporânea. Destaque para o Lomo Saltado - carne bovina servida em tiras, cebolas roxas, tomate e pimenta, acompanhada de arroz e batatas. Programe-se também para ir ao Rafael, do chef Rafael Osterling. Como sugestão fica a dica do ensopado de mariscos, tempura erocante de langostines e gnocchi de queijo de cabra, ricota e mussarela de búfala. O Central é mais um badalado restaurante do bairro Miraflores, a cozinha tem paredes de vidro e as façanhas do cozinheiro ficam ás vistas dos clientes. Os pratos chegam á mesa com pinta de obra de arte. No telhado, há uma horta orgânica onde são plantadas hortaliças usadas nas receitas. O que não está lá vem da chácara do chef Virgilio Martinez, localizada a 100 quilômetros de distância. O menu degustação, com oito pratos, é um desafio até para os mais gourmets. Miraflores não é apenas o endereço de bons restaurantes, mas é indicado também para quem quer cair na noite, com muitos bares e discotecas, é o lugar ideal para dançar ou sentar em um barzinho e jogar conversa fora. O La Santa Sede é muito animado e um dos preferidos do público Gay mais tranquilo, o Haiti coloca suas mesas na calçada e serve pisco sour na madrugada a dentro. Animadíssima a região do Barranco tem espaço garantido nas nights de Lima, a sensação por lá são as peñas criollas, casas para bailar a típica música afroperuana - como a La Candelaria, uma das mais turísticas. Para um drinque tranquilo, estilo botequim, o tradicional Juanito´s é referência da boemia limenha: há 70 anos, serve a combinação que é infalível em qualquer parte do mundo: cerveja e sanduíches. No Peru, os cassinos são liberados e um dos melhores endereços para jogar é o Casino La Hacienda, que pertence ao hotel de mesmo nome, as salas são amplas e as noites são embaladas por jogadores animadíssimos. Lima é surpreendente por que encanta quem visita com suas riquezas culturais e gastronômicas. A cidade certamente será um destino que fará parte da sua agenda de viagens. Vale apena conhecer e saborear as diversas opções de restaurantes e sabores do Peru. Saindo de Brasília temos a opção com Copa Airlines via Panamá com conexão imediata a Lima ou com AviancaTaca via São Paulo. Consultem os diversos e diferentes roteiros turísticos com seu agente de viagens e descubra a cidade de Lima. • • • • Dicas: A moeda oficial do Peru é o Novo Sol (S) um novo sol equivale a R$ 0,80. No inverno, entre junho e setembro as temperaturas variam entre 12.C a 20.C, já no verão de dezembro a março, os dias têm entre 25.C e 30.C Lima esta há menos 2 horas em relação ao horário de Brasília A Peru Travel é o organismo responsável pelas informações turísticas do País. Elcio Vieira é formado em Pedagogia e Turismo, Pós Graduado em Psicopedagogia Clínica e Institucional, atua no mercado de turismo em Brasília há 26 anos, tendo visitado mais de 15 paises. Morou 3 anos na itália e na França e atualmente trabalha na Sanchat Tour operadora. Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 27 27
  11. 11. tilo es iver com v Iluminação que vemos D Por Ranieri Mesquita e Fabrício Teixeira e acordo com a teoria da relativida- lorizado pela luz amarela. E por ter o estado de, se vimos, a realidade já foi altera- de alerta estimulado pela luz branca, acha- da. O impacto da luz sobre a super- mos os ambientes melhor iluminados por fície da matéria deturpa sua natureza esta. Mera diferença de sensação e não de para que possa ser vista, a partir daí, formamos o quantidade de luz! Mas se o que os olhos conceito do belo. A imagem que se forma na não veem o coração não sente, logo o que nossa mente é o resultado da soma das fontes vemos... Sentimos! emissoras de luz refletidas nas mais variadas superfícies, absorvidas pelos receptores de luz, os olhos, através das mais variadas lentes. Nossa programação, que recebe o nome de ritmo circadiano, é regida pelas sensações que a luz nos gera. Nosso estado de alerta ou de relaxamento esta diretamente relacionado a cor e a intensidade da luz que estamos percebendo. A luz branca, alusiva a luz do meio dia, nos deixa em estado de alerta, já a luz amarela, alusiva a luz crepuscular, nos relaxa. Sensações que podem e devem ser reproduzidas artificialmente nos ambientes residenciais e de trabalho. A nossa percepção de cor está completamente ligada a luz amarela pela predominância da valorização desta pelo astro rei sol . Portanto, temos a tendência a achar tudo mais bonito va- Ranieri Mesquita e Fabrício Teixeira são lighting designers e proprietários da Light Home Iluminação, empresa do ramo de projetos de iluminação situada na Asa Sul quadra 110, com mais de 700 projetos executados desde sua fundação. Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 30 31
  12. 12. DIETA ANIMAL C Mezaninos Metálicos Mezaninos Metálicos Corrimão em Aço, Inox e Vidro Corrimão em Aço, Inox e Vidro Qd 105 lote 01 Bloco A Loja 09 | Águas Claras Qd 105 lote 01 Bloco A Loja 09 | Águas Claras e-mail. mezaninomorelli@hotmail.com e-mail. mezaninomorelli@hotmail.com www.mezaninomorelli.com.br www.mezaninomorelli.com.br Certificados Certificados (61) 3401-3000 (61) 3401-3000 Solicite um de nossos consultores e faça Solicite um de nossos consultores e faça um orçamento sem compromisso um orçamento sem compromisso Por Ricardo Antônio Silva aros leitores, hoje, respondo a interessante e-mail enviado por um produtor rural do estado de Goiás, no qual questiona se existem dietas alimentares para os animais. Para responder a pergunta vamos, primeiramente, comparar o corpo a uma máquina. Quando abastecemos o carro com combustível adequado e mantemos a lubrificação em dia, existem grandes chances de usufruirmos de todo o potencial do veículo. Porém, quando existe dano, há necessidade de manutenção. Com o corpo não é diferente. Em algumas situações é necessário redefinir a quantidade e a qualidade dos constituintes dietéticos; pois, não raras, são as situações em que se observam dificuldades na absorção e aproveitamento dos mesmos. Nesses casos, planejar a inclusão ou retirada de alimentos é fundamental para atingir necessidades orgânicas específicas. Assim, vamos conhecer alguns tipos de dieta. 1º Dieta pobre em fibras: dieta com pouca celulose, prescrita como tratamento pós-cirúrgico, em casos de intervenções intestinais que necessitem diminuição dos movimentos no trato digestivo; 2º Dieta de eliminação: utilizada para diagnosticar alergias alimentares por meio da omissão sequencial de alimentos e posterior comparação dos sinais clínicos; 3º Dieta pobre em calorias: utilizada para o tratamento da obesidade em cães; 4º Dieta pobre em gorduras: usada no tratamento de doenças pancreáticas; 5º Dieta restrita em sódio: para o tratamento da hipertensão e insuficiência cardíaca congestiva, em cães e gatos; 6º Dieta restrita em fosfato: para casos de doença renal crônica; 7º Dieta suave: aquela isenta de alimentos irritantes ou estimulantes; 8º Dieta ‘’da seca’’: utilizada quando o corpo do animal não consegue sintetizar determinados elementos devido à ausência do pasto; dentre outras. Portanto, a resposta ao questionamento é sim. Existem dietas para diferentes situações e espécies de animais. Todas com propósito específico. Devendo, apenas, serem prescritas por profissionais devidamente habilitados para essa função. Ricardo Antônio Silva é Médico Veterinário CRMV/GO Nº 5283, Especialista e Mestrando em Ciência Animal. Atua como Fiscal Estadual Agropecuário e é Membro do Grupo Especial de Atenção às Suspeitas de Enfermidades Emergenciais ou Exóticas - GEASE, da Agência Goiana de Defesa Agropecuária - AGRODEFESA. Contato: (61)9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br
  13. 13. eu no mundo Nossa relação com os animais precisa evoluir! por Rafael Ajuz A recente polêmica do uso dos cães da raça beagle em experimentos laboratoriais levantou uma discussão importante em nossa sociedade: até onde é aceitável usar animais para garantir o nosso bem-estar? Quando assisti na TV ao evento do grupo de protetores dos animais que invadiu a empresa responsável por experimentos com os cachorros, uma cena de um filme, de baixo custo de 2002, chamado Extermínio (28 Days Later), me veio a mente. Neste filme um grupo de ativistas invade um laboratório que fazia testes em chimpanzés e os libertam, tal qual os ativistas daqui fizeram com os beagles. O problema é que os “bem intencionados” ativistas do filme não sabiam que esses macacos eram portadores de um tipo de vírus super contagioso que, em apenas 28 dias, praticamente dizimou a humanidade. Felizmente, na história real essa tragédia não aconteceu, mas poderiam ter ocorridos alguns problemas, em menor escala, uma vez que é comum o uso de animais em testes de patógenos perigosos e muitas vezes contagiosos e perigosos aos homens. Feito o alerta, não pretendo entrar no mérito deste caso específico, mas sim discutir de forma mais ampla o cerne da questão. Será que realmente precisamos usar animais para testes laboratoriais? Infelizmente, para muitos casos a resposta ainda é sim! Nos últimos anos a ciência desenvolveu alguns protocolos que eliminaram essa prática em etapas e testes específicos para determinados tecidos, por exemplo. Entretanto, quando a análise tem que ser sistêmica observando a interação entre os diversos órgãos e sistemas do nosso corpo, ainda não há um modelo totalmente artificial no mercado. Acontece que como nossa sociedade encontra-se em constante evolução, essa prática parece incomodar cada vez mais a opinião pública, muito em razão do apelo que os lindos cachorrinhos provocam na maioria. Mas aproveitando-se dessa deixa é importante lembrar que são inúmeros os tipos de animais usados e diversas as razões para este uso. Rapidamente podemos citar a indústria farmacêutica, a indústria de cosméticos, a indústria de agrotóxicos além de outras atividades como a ciência básica e a medicina que ainda dependem de modelos vivos em seus laboratórios. Como a evolução não dá saltos, no curto prazo não será possível abrir mão totalmente do uso de animais para vários destes setores, porém sugiro a seguinte reflexão: quando existir alternativa que evite o uso e/ou sacrifícios de animais, essa atividade deve ser tolerada? Cuidado com o que irão responder! Essa provocação é muito capciosa... Será que existe opção para alimentação que evite o sacrifício de animais? Será que existe opção ao sistema de produção agrícola que evite o uso de agrotóxicos? Será que existe necessidade de tantos produtos cosméticos que nem cabem nas prateleiras do nosso banheiro? Será que alguém está disposto a ser o primeiro a testar um medicamento novo que só foi testado em tecidos isolados? Será que alguém admite que um animal seja mal tratado seja por qual motivo for? Será que alguém prefere usar embriões humanos ao invés de células tronco adultas para estudos científicos? A resposta para essas perguntas são de cunho pessoal, mas servem como base para que se entenda o que realmente está por trás de toda essa discussão. Enquanto não revermos nossos hábitos, nossas prioridades e principalmente não dermos o devido valor à VIDA, tudo isso será infrutífero. Só avançaremos em nossas práticas quando a maioria dos que responderem a essas questões realmente consiga pensar sem colocar seus interesses acima do bem comum. Como diria Fritjov Capra, somos todos pontos de uma grande teia, onde não há hierarquias, com todos os seres vivos interligados de igual maneira, e caso algum destes pontos seja pressionado, toda a teia sentirá esse impacto. Logo, meus amigos, enquanto não encontrarmos todas as soluções para evitarmos o uso de animais, que consigamos então ao menos respeitar e evitar a morte por questões fúteis, como também o sofrimento desnecessário destes seres tão importantes para a nossa grande teia. Pense nisso! Rafael Ajuz é biólogo, mestre em Biologia Animal pela UnB. Atua no Licenciamento Ambiental de empreendimentos de infraestrutura de energia, com a análise do componente biótico. Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 34 35
  14. 14. Acontece shows Marisa monte Marisa Monte em Brasília com a turnê Verdade Uma Ilusão, dia 23 de Novembro! Imperdível!!! Marisa Monte Data: 23 de Novembro, Sábado Hora: 21h Local: Arena Brasília (Estacionamento do Shopping Iguatemi) - Lago Norte Vendas: Banca de Ingressos – Shopping Iguatemi Brasília Semente da Vila, 33ª edição – Casa de Samba vozes, três histórias de samba e vida: a força de Marquinhos Benon, a versatilidade de George Lacerda, que pela primeira vez estará no Semente da Vila, e o requinte de Breno Alves! A união de boa música, ambiente descontraído e público diversificado garantem a alegria do samba. “Esperamos que o público sinta prazer em frequentar o samba e sentir, na sua essência, a capacidade de transformar a tristeza em alegria e que esse negócio de dar a volta por cima, apesar de tudo que nos deixa triste, é uma das filosofias mais interessantes presentes nesse ritmo musical”, afirma a produção. As comemorações pelo Dia Nacional do Samba, começam a partir das 21h, sexta-feira (29/11) no Semente da Vila. Em sua 33ª edição, o Semente da Vila faz uma homenagem especial ao Dia Nacional do Samba e prepara uma noite pra lá de especial. A conexão de três Semente da Vila, 33ª edição – Casa de Samba Data: 29 de novembro (sexta-feira) Convidados: George Lacerda, Breno Alves e Marquinhos Benon. Horário: 21h Local: LOCAL: ROTARY CLUB - Setor de Clubes Esportivos Sul, Trecho 3, Lote 6 | Brasília- DF Ponto de Venda: Restaurante Green’s (302 norte, Bloco B). Entrada: pagamento somente em dinheiro, para consumo no bar, aceita cartões de débito Master e Visa. Estacionamento interno e gratuito (sujeito a lotação). Banheiros com acessibilidade para pessoas com deficiência físicas e idosas. Não recomendado para menores de 18 anos. Informações: (61)92671108 A POSIATIVIDADE limita-se apenas à divulgação das informações fornecidas pelas empresas promotoras de eventos aos meios de comunicação. 38 39

×