Politicas demográficas

6.531 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.531
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
44
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Politicas demográficas

  1. 1. 23-05-20121 Trabalho elaborado por: Fábio Pombo nº7
  2. 2. PÁGINA DE ROSTO 23-05-2012 Tema: Políticas Demográficas Aluno: Fábio Pombo Nº7 Data de realização: 23-03-12 2
  3. 3. ÍNDICE 23-05-2012 Capa--------------------------------------------------------1º Página de rosto------------------------------------------2º Índice-------------------------------------------------------3º Introdução------------------------------------------------4º O que são as politicas demográficas--------------5º Estrutura Etária vs Politicas Demográficas---6º Políticas Natalistas------------------------------------7º-10º Políticas Anti-natalistas-----------------------------11º-14º Curiosidades---------------------------------------------15º Conclusão--------------------------------------------------16º Bibliografia------------------------------------------------17º Fim-----------------------------------------------------------18º 3
  4. 4. INTRODUÇÃO 23-05-2012 Este trabalho surge no âmbito da disciplina de Geografia em que me foram propostos vários temas no qual o escolhido foi “Políticas demográficas”.Neste trabalho irei-me focar nas razões que levam ás politicas demográficas (natalistas e anti-natalistas) e como resolve-los. É por isso que as politicas demográficas são muito importantes, para que um país continue a desenvolver. 4
  5. 5. O QUE SÃO POLITICAS DEMOGRÁFICAS 23-05-2012As politicas demográficas surgem na tentativa dos diferentes países regularem o crescimento da sua população e, dessa forma, minimizarem muitos dos problemas de origem demográfica que actualmente enfrentam Natalistas Anti-natalistas 5
  6. 6. ESTRUTURA ETÁRIA VS POLITICAS DEMOGRÁFICAS 23-05-2012 6Obs.: esta tabela permite-nos saber a distribuição demográfica deacordo com os grupos etários em países em desenvolvimento (África) eem países desenvolvidos (Europa)
  7. 7. PROBLEMAS QUE A TAXA DENATALIDADE/FECUNDIDADE BAIXA CAUSAM… 23-05-2012 Diminuição da Taxa de Natalidade e do Índice de Fecundidade + Acréscimo da Esperança Média de Vida Crescimento População Envelhecimento Populacional sem + + daReduzido/Perda Renovação População População 7 PROBLEMAS COMO:
  8. 8. • PROBLEMAS SOCIOECONÓMICOS. 23-05-2012• FALÊNCIA DA SEGURANÇA SOCIAL.• AUMENTO DA DESPESA NO SECTOR DA SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL.• DESEQUILIBRIO ENTRE A POPULAÇÃO ACTIVA E A POPULAÇÃO DEPENDENTE.• DIFICULDADE NA RENOVAÇÃO DE GERAÇÕES. Então para resolvermos isto temos que recorrer a…. 8
  9. 9. POLÍTICAS DEMOGRÁFICAS 23-05-2012 PD – Natalidade muito reduzida Crescimento Natural Reduzido “O que fazer quando há gente a menos?” Politicas Natalistas 9
  10. 10. POLÍTICASNATALISTAS 23-05-2012 O que é feito… -Assistência materno-infantil gratuita - criação de uma rede pública e gratuita de infantários e escolas -Alargamento do período de licença pós-parto (para o pai ou a mãe); - Benefícios fiscais para as famílias mais numerosas; - Concessão de horário de trabalho mais reduzido para a mãe durante o período de amamentação; - Aumento substancial dos abonos de família -Levantamento de dificuldades à realização do aborto 10
  11. 11. PROBLEMAS QUE A TAXA DENATALIDADE/FECUNDIDADE ALTA CAUSAM… 23-05-2012 Recursos e População Crescimento Juventude Populacional + Pobreza + da Explosivo População PROBLEMAS COMO: 11
  12. 12. • A EDUCAÇÃO.• A HABITAÇÃO. 23-05-2012• A SAÚDE.• A SATISFAÇÃO DAS ENORMES NECESSIDADES ALIMENTARES.• A CRIAÇÃO DE POSTOS DE EMPREGO.• A CRIAÇÃO DAS INFRA-ESTRUTURAS NECESSÁRIAS À MODERNIZAÇÃO DAS SUAS ECONOMIAS. Então para resolvermos isto temos que recorrer a…. 12
  13. 13. POLÍTICAS DEMOGRÁFICAS 23-05-2012 PVD – Natalidade muito elevada Crescimento Natural elevado “O que fazer quando há gente a mais?” Politicas Anti-natalistas 13
  14. 14. POLÍTICAS ANTI-NATALISTAS 23-05-2012O que é feito… - difusão de centros de apoio ao planeamento familiar - divulgação gratuita de métodos contraceptivos - apelo a casamentos mais tardios - benefícios fiscais para as famílias mais reduzidas -Legalização do aborto -Recurso a esterilizações e realização de abortos forçados -Penalização das famílias mais numerosas - aplicação de impostos elevados para as famílias numerosas - dificuldades no acesso a emprego, habitação, despedimento ... 14
  15. 15. CURIOSIDADES 23-05-2012 Na China nascem cerca de 40 crianças por minuto, o que corresponde a 58000 por dia. Segundo a OMS, em 1995, morreram 9 milhões de crianças devido a pneumonia e diarreia; Em cada ano, nos países em desenvolvimento, morrem 3 milhões de crianças na primeira semana de vida. Um dos maiores retrocessos na esperança de vida ocorre de na Rússia. Passou, nos homens, de 65.1 anos em 1987 para 57.3 anos em 1994. Em 1993, o Níger e Angola registaram o triste recorde mundial das taxas de mortalidade infantil, respectivamente,320% e 15 292%.
  16. 16. CONCLUSÃO 23-05-2012 As politicas natalistas e anti-natalistas surgiram principalmente para poder haver um equilíbrio demográfico nas várias regiões do globo, sem esse equilíbrio um país pode vir a ter sérios problemas a nível económico, habitação ou mesmo saúde… 16
  17. 17. BIBLIOGRAFIA 23-05-2012 http://1.bp.blogspot.com/- pmRBDtm40uA/T0N_IvTyY2I/AAAAAAAAATE/N1Z-B- YPqX8/s1600/pol%C3%ADticas+demogr%C3%A1ficas.png http://geografia_8d.blogs.sapo.pt/2157.html http://www.eb23-sabugal.rcts.pt/principal/principal/projec/filu/geog.html http://en.wikipedia.org/wiki/Antinatalism Livro de geografia 17
  18. 18. 23-05-2012 18

×