Caderno 2 MAT parte2 esquemas mentais 2014

193 visualizações

Publicada em

Cadernos PNAIC MATEMÁTICA - 2014

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
193
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
16
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • O conhecimento lógico-matemático se diferencia dos outros por não poder ser ensinado e só estruturado pela ação reflexiva a partir da manipulação dos objetos.
  • Caderno 2 MAT parte2 esquemas mentais 2014

    1. 1. Nosso diário de bordo
    2. 2. DinâmicaDinâmica deleitedeleite
    3. 3. CADERNO 2CADERNO 2 PARTE 2PARTE 2 O. E. Profª Arianna P. T. Busch 20/08/2014
    4. 4. USO E FUNÇÕES DO NÚMERO EMUSO E FUNÇÕES DO NÚMERO EM SITUAÇÕES DO COTIDIANOSITUAÇÕES DO COTIDIANO SENTIDO DE NÚMERO CADERNO 2 – PÁG. 21
    5. 5. INDICADORES DE SENTIDO NUMÉRICOINDICADORES DE SENTIDO NUMÉRICO ALINA GALVÃO SPINILLO (p.22) SOCIALIZAÇÃO SOCIALIZAÇÃO
    6. 6. O NÚMERO E SEUSO NÚMERO E SEUS SIGNIFICADOSSIGNIFICADOS Quais os significados que um número pode ter? (Caderno 2 p. 30)
    7. 7. 4 kg Receita de Bolo Simples INGREDIENTES 2 xícaras de açúcar 3 xícaras de farinha de trigo 4 colheres de margarina bem cheias 3 ovos 1 1/2 xícara de leite aproximadamente 1 colher (sopa) de fermento em pó bem cheia.
    8. 8. Fonte: Caderno 2, p. 34
    9. 9. Como se processa aComo se processa a construção do conceitoconstrução do conceito de número pelade número pela criança?criança? Vamos lembrar as fases doVamos lembrar as fases do desenvolvimento cognitivo segundodesenvolvimento cognitivo segundo Piaget.Piaget.
    10. 10. Desenvolvimento cognitivo segundo Piaget: 1.Sensório motor (0-2 anos) – atividade intelectual é de natureza sensorial e motora. A criança percebe o ambiente e age sobre ele. Manipulação de objetos 2.Pré-operacional (2-6 anos) ou inteligência intuitiva – a criança passa a desenvolver a capacidade simbólica. Começa a usar símbolos mentais (imagens ou palavras) que representam objetos que não estão presentes, o que lhe possibilita fazer classificações. O numero também é uma relação criada mentalmente por cada individuo. 3.Operações concretas (7-11 anos) - A criança desenvolve noções de tempo, espaço, velocidade, ordem, casualidade, ..., já sendo capaz de relacionar diferentes aspectos e abstrair dados da realidade. Não se limita a uma representação imediata, mas ainda depende do mundo concreto para chegar à abstração. 4.Operações formais (12 anos em diante) - A representação agora permite a abstração total.
    11. 11. Segundo Piaget há 7 Esquemas Mentais que contribuem para a construção do conceito de número.
    12. 12. Você consegue identificar em que cada esquema contribui para a construção da ideia de número? Fonte:http://meuartigo.brasilescola.com/educacao/sequenciacao-seriacao-relacoes-necessarias-para-construcao
    13. 13. A ideia de correspondência envolve a criança nos mais variados contextos. Ex: - Cada aluno em uma carteira; - Cada caixa sua tampa. - Vamos observar no varal a ideia de correspondência. Colocar uma meia para cada prendedor. Assim teremos a correspondência, ou seja, ideia de um a um. CORRRESPONDÊNCIACORRRESPONDÊNCIA
    14. 14. Para chegar ao conceito de número, é importante que as crianças quantifiquem e comparem conjuntos. Ex. mostrar conjuntos diferentes. Pintar formas geométricas grandes e circular as pequenas. No varal colocar 5 prendedores de uma cor e 2 de outra. Pergunta: A criança precisa contar para saber onde a há mais? Identificar os conceitos de: Quantos mais ? Quantos menos? É necessário relacionar conceitos numéricos, ou seja, quantidade. COMPARAÇÃOCOMPARAÇÃO
    15. 15. • É o ato de agrupar objetos de acordo com suas semelhanças, percebendo-se as diferenças existentes entre eles. Ex. Biblioteca escolar • No varal, como podemos classificar esse conjunto?????? - Colocar no varal os prendedores misturados , pedir para separar pelo atributo das cores. - O conjunto é de prendedores, são semelhantes, porém com características diferenciadas, no caso as cores. CLASSIFICAÇÃOCLASSIFICAÇÃO
    16. 16. • Pode ser definida como a sucessão de elementos que se faz de forma regular e linear, mantendo sempre a mesma relação com os “vizinhos”, formando um padrão. Ex. Sequência numérica - No varal, como podemos organizar uma sequência com os prendedores???? - Colocar no varal os prendedores misturados , ordenar dois roxos e um preto. Ou dois roxos e dois pretos. - Ambos possuem semelhanças e diferenças. SEQUÊNCIASEQUÊNCIA
    17. 17. • Seriar é realizar arranjos com um conjunto de objetos, de modo que eles mantenham com seus vizinhos uma relação de diferença. • Surge quando a criança percebe as diferenças nos objetos e seus usos. Ex.: Prateleiras de supermercado • Vamos seriar? Como podemos fazer seriação com 6 pessoas dessa sala? SERIAÇÃOSERIAÇÃO
    18. 18. É o ato de perceber que a quantidade não depende da arrumação, forma ou posição. A invariância numérica (conservação) só é atingida quando a criança é capaz de conceber que uma quantidade permanece a mesma, seja qual for a disposição dos elementos que a compõem. • A ordem das formas ou objetos não altera a quantidade. • Misturar oito pessoas. Por tamanho primeiramente em fileira. • Depois forme em círculo com a mesma quantidade. • Nas duas situações teremos oito. CONSERVAÇÃOCONSERVAÇÃO
    19. 19. É o ato de fazer abranger um conjunto por outro. Para ser capaz de quantificar objetos é necessário que a criança coloque-os em uma relação de inclusão, ou seja, que consiga incluir mentalmente “um” em “dois”, “dois” em “três”... É preciso compreender que o número quatro, por exemplo, não é um nome que representa apenas o 4° objeto de uma coleção, mas que dentro do número quatro, temos o três, o dois e o um. • No varal - Colocar 8 prendedores no varal, Separar uma quantidade (3 e 5) • O três pode estar no numero cinco, mas o cinco não pode estar no número 3. INCLUSÃOINCLUSÃO
    20. 20. Segundo Piaget há três tipos de conhecimento: FísicoFísico Lógico-MatemáticoLógico-MatemáticoSocialSocial Envolve: • Uso dos sentidos; • Exploração dos objetos; • Qualidades observáveis; • Propriedades (cor, Envolve: • relações mentais (comparação, correspondência, conservação, classificação, inclusão hierárquica, sequenciação e seriação. • Estabelecer relações com o que se lida / manipula. Envolve: • Convenções; • Nomeações; Ex: Nomes, símbolos dos números, letras, fatos históricos... EXPLORAR RELACIONARINTERAGIR Fonte:TOLEDO,M.B.A.Teoriaepráticadamatemática:Como2e2.1ed.SãoPaulo:FTD, BOLA
    21. 21. É UM PROCESSO CONSTRUTIVO, ACONTECE NO INTERIOR DO INDIVIDUO, ATRAVÉS DA INTERAÇÃO COM O MEIO AMBIENTE, AGINDO SOBRE OS OBJETOS, E POR SUAS PRÓPRIAS EXPERIÊNCIAS.
    22. 22. VAMOS JOGAR?VAMOS JOGAR? CIRCUITO – CADA GRUPO TERÁ DE 10 A 15 MINUTOS EM CADA ESTAÇÃO 1ª estação: Nunca dez 2ª estação: As duas mãos 3ª estação: Disco Mágico 4ª estação: Varal 5ª estação: Mercadinho Observar quais sentidos numéricos aparecem nos jogos?

    ×