Aula 04 oferta, demanda e políticas econômicas do governo

5.112 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.112
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
111
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 04 oferta, demanda e políticas econômicas do governo

  1. 1. Oferta, Demanda e Políticas Econômicas do Governo
  2. 2. Políticas de Controle de Preços Os controles de $ são aplicados, em geral, quando os formuladores de políticas acreditam que o $ de mercado ($ de equilíbrio) de um bem ou serviço é injusto para o comprador ou para o vendedor A tributação é o instrumento utilizado como controle de preços, como também para atender as finalidades públicas Preço mínimo: teto legal mínimo para o $ de venda de um bem Preço máximo: teto legal máximo para o $ de venda de um bem 2
  3. 3. Preços Máximos e Resultados de Mercado  Conseqüências da determinação de  Quando o governo fixa um $ máximo $ máximos compulsório em um mercado competitivo, surge escassez do bem, e  $ máximo não-compulsório (a) os vendedores precisam racionar o bem  $ máximo compulsório (b) escasso entre o grande número de compradores potenciais (a) (b) $ $ escassez 4 $ máximo 3 3 $ equilíbrio 2 $ máximo 100 Q 75 125 Q$ equilíbrio Q. equilíbrio Q. oferecida Q. demandada 3
  4. 4. Aplicação Empírica: $ aluguéis No painel (a) a oferta e demanda de imóveis são inelásticos no curto prazo. Há uma pequena escassez provocada pelo controle dos $. No painel (b) a oferta e a demanda de imóveis são elásticas no longo prazo, logo o controle de $ provoca grande escassez de imóveis$ aluguel $ aluguel (a) (b) oferta oferta Aluguel controlado Aluguel controlado demanda Q. imóveis Q. imóveis escassez escassez 4
  5. 5. Preços Mínimos e Resultados de Mercado  Conseqüências da  Quando o governo fixa um $ mínimo determinação de $ mínimos compulsório em um mercado competitivo, surge  $ mínimo não-compulsório excesso do bem. Da mesma forma que preços máximos e escassez provocam mecanismos de (a) racionamento indesejáveis, preços mínimos e o  $ mínimo compulsório (b) excedente perturbam o mercado. excesso $ (a) $ (b)$ equilíbrio 4 $ mínimo $ equilíbrio 3 3 2 $ mínimo 100 Q 80 120 Q Q. equilíbrio Q. oferecida Q. demandada 5
  6. 6. Aplicação Empírica: Salário Mínimo No painel (a) o salário varia para equilibrar a oferta e a demanda de mão-de-obra. No painel (b) uma vez estabelecido um piso mínimo para o salário, vai existir um excedente de mão-de-obra e o resultado é o desemprego. (a) (b) Mercado de trabalho livre Excedente de mão-de-obra (desemprego)Salário oferta oferta W. W. mínimomínimo demanda demanda Q Q. mão-de-obra Q. Q. Q. demandada ofertada 6
  7. 7. Considerações Sobre o Controle de Preços Os mercados são, em geral, uma boa maneira de organizar a atividade econômica Os preços têm a função de equilibrar a oferta e demanda Os governos podem às vezes melhorar os resultados do mercado Freqüentemente o controle de preços tem a finalidade de distribuição de rendas e favor dos mais pobres Outras vezes o controle de preços prejudica o mercado 7
  8. 8. Os Impostos e seus Impactos no Mercado e Consumidores Incidência Tributária: estudo relativo a quem suporta o ônus de um imposto  Quando o governo lança um imposto sobre um bem, quem carrega o ônus do imposto?Questões  As pessoas que o compram?centrais  Os vendedores?  Ou compradores e vendedores?  O governo pode determinar essa divisão ou o mercado é quem se encarrega disso?  O impacto recai primeiramente sobre a demanda do produtoImpactos  O imposto reduz a dimensão do mercado do produto  Compradores e vendedores compartilham o ônus do imposto 8
  9. 9. Evidência Empírica Imposto de R$ 0,50 $ pago pelos compradores $ oferta Um imposto sobre os compradores 3,30 desloca a curva de$ sem imposto 3,00 demanda para baixo em 2,80 montante igual ao imposto $ recebido pelos D1 vendedores D2 90 100 Q Equilíbrio com Equilíbrio sem imposto imposto 9
  10. 10. Resultados e Impactos Sobre Vendedores Resultados  O imposto desestimula a atividade do mercado. Quando um bem é tributado, a quantidade de bem vendida é menor no novo equilíbrio  Compradores e vendedores compartilham o ônus do imposto. No novo equilíbrio, os compradores pagam mais e os vendedores recebem menos Impactos  O impacto recai primeiramente sobre a oferta do produto (aumento dos custos)  O imposto reduz a dimensão do mercado do produto  Compradores e vendedores compartilham o ônus do imposto 10
  11. 11. Evidência Empírica e Resultado Geral S2 Imposto de R$ 0,50 $ pago pelos compradores $ S1 Um imposto sobre os vendedores 3,30 desloca a curva de$ sem imposto 3,00 oferta para cima em montante igual 2,80 ao imposto $ recebido pelos vendedores demanda 90 100 Q Os resultados da incidência de impostos sobre compradores e Equilíbrio com Equilíbrio sem imposto imposto impostos sobre vendedores são equivalentes 11
  12. 12. Referência Mankiw, N. Gregory. Introdução à Economia: princípios de micro e macroeconomia, Rio de Janeiro: Campus, 1999, capítulo 6. 12

×