Entradas e bandeiras imagens tmp

5.861 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.861
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
474
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Entradas e bandeiras imagens tmp

  1. 1. EXPANSÃO TERRITORIALDiversos fatores contribuíram para omodo como o território brasileiro doperíodo colonial foi sendo ocupado, povoado e, posteriormente, ampliado.
  2. 2. A) INICIO DO POVOAMENTO:● Povoamento das regiões litorâneas: garantir aposse da terra. A ocupação do território: grandeproblema devido:-falta de recursos e de pessoal,-condições naturais nem sempre favoráveis,-ataques indígenas. Esses fatores tornaram muitolenta a colonização do litoral e impuseramenormes dificuldades ao povoamento do interior.
  3. 3. B) EXPANSÃO TERRITORIAL:Representou a incorporação ao domínioportuguês de uma vasta extensão de terraslocalizadas além do Tratado de Tordesilhas, comotambém a ocupação efetiva de terras jápertencentes a Portugal.
  4. 4. Fatores que possibilitaram a interiorização do Brasil:Criação de gado bovino:Bandeirismo:Mineração.Possibilidade de perder o controle da foz do rio Amazonas:Reduções jesuíticas:
  5. 5. DEFINIÇÕES● as chamadas Entradas tinham a finalidade de explorar o território, eram financiadas pelos cofres públicos e com o apoio do governo colonial em nome da Coroa de Portugal, ou seja, eram expedições organizadas pelo governo de Portugal. as Bandeiras foram iniciativas de particulares, que com recursos próprios buscavam obtenção de lucro. Seus membros ficaram conhecidos como Bandeirantes. as Monções eram expedições fluviais paulistas que partiam de Porto Feliz, às margens do Rio Tietê, com destino às áreas de
  6. 6. Fatores que fizeram de São Vicente ocentro irradiador da maioria dasbandeiras:Decadência econômica da capitania, que não produzia o açúcar. A falta de contato da capitania em relação ao centro povoado fez com que seus moradores procurassem o interior. Sem opção para a agricultura, os paulista saem a procura de metais preciosos. A caça de índios para substituir a mão-de-obra escrava que estava em falta para a produção do açúcar. (invasão Holandesa nas regiões da África de onde o negro vinha)
  7. 7. TIPOS DE BANDEIRASDe caça ao índio ou deapresamento;Bandeiras de lavagem ou deOuro e Diamante;As monções;Sertanismode contrato.
  8. 8. DE CAÇA AO ÍNDIOSéculo XVII, os holandeses conquistaram as regiões fornecedores deescravos na África e as regiões produtoras de açúcar no Nordestebrasileiro.Monopolizando o tráfico negreiro: só forneciam escravos às regiõesbrasileiras que estavam sob seu domínio. A Bahia e o Rio de Janeiro: falta de mão de obra- utilização do índio. Os bandeirantes ingressaram numa fase de apresamento maciço,penetrando no sertão, atacando as missões jesuíticas. (nas reduções osíndios estavam acostumados aos costumes portugueses)Guaíra, Itatim, Tape, localizadas na região Paraná-Paraguai e Rio Grandedo Sul.Destacaram-se a de Antonio Raposo Tavares e Manuel Preto.Com a reconquista de Angola, em 1648, por Portugal, é restabelecido otráfico negreiro para o Brasil português.Negro mais lucrativo: o lucro passaria para os portugueses, deixando de
  9. 9. Bandeiras de ouro de lavagemSegunda metade do século XVII: crise portuguesae por isso incentivo a procura do ouro.Os bandeirantes paulistas,em decadência, partempara o interior em busca de metais preciosos.Descobrimento de ouro nas Gerais, que ficampovoadas rapidamente.Guerra dos Emboabas: paulistas vão para Goiáse Mato Grosso, onde descobriram outras minasde ouro. Além da penetração a pé, bandeirantesde Itu, Porto Feliz, Leme e Tietê organizaram
  10. 10. As monçõesEram expedições que seguiampelos rios, foram responsáveis pelainteriorização do comércio e pelaformação de vários núcleos depovoação além da linha deTordesilhas.
  11. 11. A CONQUISTA DA AMAZÔNIACapitão Pedro Teixeira: percorreu o vale do RioAmazonas e tomou posse da região em nome dePortugal.
  12. 12. Raposo TavaresOutro grande desbravador daregião foi An-tónio RaposoTavares (1598-1658). Saindode São Paulo, em 1648, pelatradicional via de acesso dorio Tietê, atingiu o rioParaguai, depois o Guaporé,o Madeira e finalmente oSolimões-Amazonas, o qualnavegou até Gurupá, noactual estado do Pará, deonde regressou a São Paulo.
  13. 13. Bandeiras de sertanismo de contrato:Foram expedições contratadas pordonatários, governadores ou senhores deengenho, a fim de combater índios, capturarescravos fugidos ou destruir quilombos(redutos de escravos fugidos).
  14. 14. CONSEQUENCIAS DAS BANDEIRASPOSITIVAS:Forneceram trabalhadores para os engenhos cariocas e nordestinos.Descobriram ouro e pedras preciosas em Goiás, Mato Grosso e Minas Gerais.Ajudaram a implantar a pecuária no nordeste.Aumento do território brasileiro, com a quebra da linha de Tordesilhas.NEGATIVAS:Genocídio dos índios:O abandono da agricultura
  15. 15. TRATADOS DE LIMITESA partir do século XVI, por conta das frentesde penetração (Entradas e Bandeiras) e daUnião Ibérica (1580-1640), o Meridiano deTordesilhas (1494) que partilhava o mundoentre Portugal e Espanha, perdeu a validade.Após a restauração da soberania lusa,emergiram na América Latina conflitos entreportugueses e espanhóis na região do Rio daPrata, e também no Amapá com os francesesque buscavam ocupar toda a margemesquerda do Rio Amazonas.
  16. 16. A fundação pelos portugueses (1680) da Colôniado Santíssimo Sacramento (atualmente terrasuruguaias) tem como contrapartida espanhola afundação jesuítica dos Sete Povos das Missões(1687) e a ocupação da Colônia do Sacramento.A tentativa de amenizar os conflitos na Américado Sul dão origem ao Tratado de Utrecht (1713),onde a França reconhece, no extremo Norte, oOiapoque como limite entre a Guiana e o Brasil.No Sul os espanhóis devolvem a Colônia doSacramento aos portugueses (1715).
  17. 17. TRATADOS QUE DERAM AOBRASIL A CONFIGURAÇÃO ATUAL1. Tratado de Lisboa:a Espanha devolvia a Colônia de Sacramentopara Portugal.Como os espanhóis protestaram contra a invasão e os portugueses nãoatenderam, invadiram a Colônia do Sacramento em 1680. Portugal,indignado estava prestes a entrar em guerra.2. O primeiro Tratado de Utrecht entre Portugal e França (1713)estabeleceu as fronteiras portuguesas do norte do Brasil: o rio Oiapoquefoi reconhecido como limite natural entre a Guiana e a Capitania doCabo do Norte. A França reconhece o direito de Portugal à bacia doAmazonas.2. O segundo Tratado de Utrecht entre Portugal e Espanha (1715)tratou da segunda devolução da Colônia de Sacramento a Portugal.
  18. 18. O TRATADO DE MADRI(1750)Redefiniu as fronteiras entre as Américas Portuguesa e Espanhola, anulando oestabelecido no Tratado de Tordesilhas: Portugal garantia o controle da maiorparte da Bacia Amazônica, enquanto que a Espanha controlava a maior parteda baixa do Prata. Neste Tratado, o princípio da usucapião (uti possidetis), quequer dizer a terra pertence a quem a ocupa, foi levado em consideração pelaprimeira vez.+ Guerras Guaraníticas (1754-1777): foi a revolta dos índios de Sete Povosdas Missões liderados pelos jesuítas. É preciso lembrar que o Marquês dePombal irá expulsar os jesuítas do Brasil em 1759 e mover forte perseguição àordem religiosa.- motivos: os jesuítas não concordavam com a entrega de Sete Povos dasMissões para os portugueses e os índios suspeitavam de uma possívelocupação de suas terras e da escravização.- repressão portuguesa: a população de Sete Povos das Missões foichacinada pelas tropas portuguesas.
  19. 19. 4. Tratado de El Pardo (1761):- anulava oTratado de Madri e a Colônia do Sacramentovoltava para Portugal.5. Tratado de Santo Ildefonso (1777):- a Colôniado Sacramento e Sete Povos das Missões foramdevolvidos para a Espanha em troca da Ilha deSanta Catarina.6. Tratado de Badajós (1801):- confirmava os
  20. 20. MONUMENTO AOSBANDEIRANTES EM SÃO PAULO
  21. 21. Pombal: ministro português: (1750- 1777):− Marquês de Pombal: ministro do rei D. José I− buscou salvar Portugal da dependência inglesa.− desejava anular os efeitos desastrosos do Tratado deMethuen para a economia portuguesa.− estimulou as manufaturas portuguesas.− proibiu a exportação de ouro.− combateu vigorosamente o contrabando.− criação da Companhia de Comércio do Grão-Pará eMaranhão e da Companhia de Comércio de Pernambuco:visava racionalizar a

×