População – Um mundo de gente (Introdução)

2.981 visualizações

Publicada em

Apresentação para ensino fundamental. 9º ano (8ª série) da Escola Ana Rodrigues de Liso - Proposta Curricular do Estado de São Paulo
Prof. Paulo Matiuzzi

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.981
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.984
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

População – Um mundo de gente (Introdução)

  1. 1. População – Um mundo de gente Em 1999, às 11 horas da manhã do dia 12 de outubro, nasceu um bebê especial que, segundo a ONU, representou a chegada da população humana a seis bilhões de habitantes. Será pouco ou muito? Todas essas pessoas vivem concentradas de forma irregular pelo planeta (e o mais preocupante: suas condições de vida e sobrevivência são bem distintas). O estudo da população mundial é vital para entender como os seres humanos e suas atividades econômicas têm provocado profundas alterações no planeta. Atualmente somos mais de 7 bilhões.
  2. 2. A explosão populacional De forma simples e rápida, ao analisarmos o gráfico da página 14 da apostila volume III percebemos que o crescimento populacional foi bem mais lento no século XX que no século XIX (e praticamente nulo antes do século XIX). Isso se deve ao equilíbrio entre as taxas de natalidade e mortalidade, que, no período, eram muito elevadas, ou seja, nascia muita gente, mas morria também. Dessa maneira o crescimento vegetativo era menor. Ao longo do século XX ocorre a queda das taxas de mortalidade e a manutenção dos elevados índices de natalidade, principalmente nos países subdesenvolvidos, ou seja, continua a nascer muita gente, mas a morrer menos. Esse quadro conduziu à chamada Explosão Demográfica. A queda das taxas de mortalidade possui diversas causas: descoberta de antibióticos e de um grande número de vacinas, além da expansão do saneamento básico. Atualmente, os países desenvolvidos possuem baixas taxas de mortalidade e natalidade, ou seja, nascem e morrem poucos. Realidade ainda um pouco distante, principalmente em algumas regiões subdesenvolvidas.
  3. 3. O Crescimento da População Mundial 1500 → 0,5 bilhão → 500 milhões 2007 → 6,7 bilhões → 6700 milhões Explosão Demográfica
  4. 4. Entendendo o crescimento da População Até 1500-1600 • • Nascia muita gente. Morria muita gente. De 1700 a 1900-1950 • • Continua a nascer muita gente. Passa a morrer menos. * * Melhora nas condições sanitárias e de segurança (fim das guerras, avanços tecnológicos). Atualmente (Exceto alguns países subdesenvolvidos) • • Ocorre a diminuição nos nascimentos. * Continua a morrer menos. * Medidas de controle como planejamento familiar e métodos anticoncepcionais.
  5. 5. ATIVIDADE EM DUPLA – Copie em uma folha a parte e entregue respondido ao professor. 1 – As pessoas vivem concentradas de maneira irregular pelo mundo. Cite alguns locais em que a concentração seja alta e alguns locais em que a concentração seja baixa. 2 – O que é explosão demográfica? 3 – Observe o gráfico da página 14 (apostila volume III). Quantas pessoas existiam no mundo no ano de 1800? 4 – Procure explicar os motivos pelos quais a população humana não aumentou significativamente antes de 1500-1600. 5 – Em sua opinião, qual é a ideia central do vídeo que você assistiu? Procure ser breve em sua resposta.

×