Paulo ‘I r. -
Andre‘ I. 

__i, .— -_. _

ENE]-5:‘

MlIIn‘
Paulo Paleslras
Andre workshops
flfleinamentos
Paulo Palestras  J  
Andre Workshops / . ’  
afleinamentos 7 /  IJJ

' ll . - 1_‘i. .‘“ .  V ' ‘
I I I/  /~ 5 I /  ,1,’
’/  I I ,1 I If I V /1] I’ 1/ / 
/ /1‘/ N /  z  /  / r /  / 5
I y,  , /  ‘ ‘I/ ,4’,  / ' /  / j/ , ...
“ Emoétndawuuhy,  voetpouluiouur: 
$unpn; Nun. ¢.ar, Elurna4wu~lt». 
Ca-h4nuuh». Jo-no4'o, Touloyow
Niagu-in. 
Tudvcpwévio...
gtwuv ow prof»-town; 

yawn-L

Abmgor ca boijar owfro-yer

kaammw who hlgado ca mauv-

» ma ¢f¢fiM'. dul«o,  ow sqoa, 

sue...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Insights

145 visualizações

Publicada em

Aqui compartilho gratos insights que me ocorreram e me guiam.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
145
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Aqui compartilho gratos insights que me ocorreram e me guiam.
  • “Sofrer é opcional.
    É o uso consciente do conhecimento que funciona como agente libertador.”
    Paulo André
  • “Cuidado com a ansiedade em conquistar algo.
    Pois a ansiedade é freio e não acelerador.”
    Paulo André
  • “No passado e/ou em terceira pessoa é muito mais fácil ver graça nas coisas que no presente e em primeira pessoa não tinham graça nenhuma.”
    Paulo André
  • “Em ciências exatas, você poderá usar:
    Sempre, Nunca, Eternamente, Certamente, Jamais, Todos ou Ninguém.
    Tudo que é vivo não obedece estes termos, devido à sua própria natureza mutante. Para tudo que é vivo prefira:
    Usualmente, Normalmente, Raramente.”
    Paulo André
  • “Abraçar e beijar outro ser humano não está ligado ao gênero ou preferência sexual
    Abraçar e beijar outro ser humano esta ligado e muito a sua afetividade, ou seja, sua amorosidade.”
    Paulo André
  • Insights

    1. 1. Paulo ‘I r. - Andre‘ I. __i, .— -_. _ ENE]-5:‘ MlIIn‘
    2. 2. Paulo Paleslras Andre workshops flfleinamentos
    3. 3. Paulo Palestras J Andre Workshops / . ’ afleinamentos 7 / IJJ ' ll . - 1_‘i. .‘“ . V ' ‘
    4. 4. I I I/ /~ 5 I / ,1,’ ’/ I I ,1 I If I V /1] I’ 1/ / / /1‘/ N / z / / r / / 5 I y, , / ‘ ‘I/ ,4’, / ' / / j/ , / / I I 1 J / I U / I,‘ / yr / ‘ , "~ 0 7% 1I. fi-; Pcrlesmzs _ > =4workshops 2-. »“‘Treincsmeni*os I ' v 9 A
    5. 5. “ Emoétndawuuhy, voetpouluiouur: $unpn; Nun. ¢.ar, Elurna4wu~lt». Ca-h4nuuh». Jo-no4'o, Touloyow Niagu-in. Tudvcpwéviownfiaybedwvwiw mmmmwmw Pmwtudaquuwé U Nomaumvdw, : PC)'OJ}y(‘J}‘£ Paulo Paleslras André workshops flhelnamenlos
    6. 6. gtwuv ow prof»-town; yawn-L Abmgor ca boijar owfro-yer kaammw who hlgado ca mauv- » ma ¢f¢fiM'. dul«o, ow sqoa, sue» amorosidada C96‘) '0 Mra / Paulg Palestras . _ . Andre workshops , ‘ L ’ afleinamentos ,1’ _. _ x A . . . "". ‘ x' . ‘

    ×