Caso Clínico: 
Psoríase 
Acadêmicos: Ademir Pedroso 
Daianne Mello 
Dilair de Souza 
Paula Campos 
Sonia Frutuoso 
Viniciu...
Psoríase 
Definição: É uma dermatose inflamatória, não 
infecciosa, crônica, caracterizada por placas 
eritematosas bem de...
Epidemiologia 
• A psoríase afeta de 1 a 3% da população mundial 
• É transmissível geneticamente; sua etiologia é 
descon...
Epidemiologia 
• Pode se desenvolver no local de trauma físico 
• Na infância, o primeiro episódio pode ser 
estimulado po...
Etiopatogenia 
• Genética 
• Fatores poligênicos hereditários predispõem 
ao desenvolvimento da psoríase. Cerca de 
35% do...
Apresentação clínica 
A intensidade da psoríase varia do 
trivial ao risco de vida. Seu aspecto e 
comportamento também va...
Apresentação clínica 
• Psoríase em Placas (Psoríase Vulgar).
Apresentação clínica 
• Psoríase Flexural
Apresentação clínica 
• Psoríase Eritrodérmica
Apresentação clínica 
• Psoríase Ungueal
Apresentação clínica 
• Psoríase Guttata (Psoríase Gotejada)
Apresentação clínica 
• Formas localizadas
Apresentação clínica 
• Pustulosa generalizada
Apresentação clínica 
• Artrite Psoriásica
Fatores precipitantes 
• Fenômeno de Koebner 
• Infecção 
• Medicamentos 
• Luz solar 
• Estresse psicológico
Tratamentos 
• Não tem cura mas tem tratamento que depende do 
quadro clinico apresentado. 
• Resposta a tratamentos depen...
Tratamentos: Tópicos 
• Antralina (Ditranol) 
• Alcatrão (Coaltar) 
• Derivados da vitamina D3 (Calcipotriol – e o Tacalci...
Tratamentos: Fototerapia
Tratamentos: Terapia Sistêmica 
Os mais utilizados são: 
• Metrotexate: É eficaz na psoríase. Ele só está indicado no 
con...
Tratamentos: Terapias Biológicas
• Sexo: Feminino 
• Idade: 53 anos 
• Patologia: Psoríase 
Paciente: 
• Histórico: Paciente relata que há dois anos perceb...
Referências Bibliograficas 
• DU VIVIER, Anthony. Atlas de dermatologia clinica. 
Segunda edição São Paulo-SP: Editora Man...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Psoríase apresentação

1.990 visualizações

Publicada em

Psoriase

Publicada em: Ciências
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.990
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
65
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Psoríase apresentação

  1. 1. Caso Clínico: Psoríase Acadêmicos: Ademir Pedroso Daianne Mello Dilair de Souza Paula Campos Sonia Frutuoso Vinicius Buzzi
  2. 2. Psoríase Definição: É uma dermatose inflamatória, não infecciosa, crônica, caracterizada por placas eritematosas bem demarcadas cobertas por escamas prateadas. Afeta a pele, as unhas e as articulações. Há muitas formas, mas a apresentação mais comum são placas descamativas envolvendo os cotovelos, os joelhos e o couro cabeludo.
  3. 3. Epidemiologia • A psoríase afeta de 1 a 3% da população mundial • É transmissível geneticamente; sua etiologia é desconhecida. Homens e mulheres são igualmente afetados. • Essa condição dura toda a vida. • O estresse pode precipitar um episódio. • As influencias ambientais modificam o curso, a gravidade e a idade de apresentação. • A extensão e a gravidade da doença variam amplamente. • É mais intensa quando associada ao HIV
  4. 4. Epidemiologia • Pode se desenvolver no local de trauma físico • Na infância, o primeiro episódio pode ser estimulado por uma faringite estreptocócica. • Em geral, a doença de início tardio tende a ser mais leve. • É pior no clima seco de inverno • A quantidade de prurido (coceira) varia. • As drogas precipitam ou exacerbam a psoríase incluem o lítio, os betabloqueadores, os antimaláricos e os esteróides sistêmicos.
  5. 5. Etiopatogenia • Genética • Fatores poligênicos hereditários predispõem ao desenvolvimento da psoríase. Cerca de 35% dos casos possuem histórico familiar. Há uma probabilidade de 25% de uma criança que tem um dos pais afetado também seja afetada, esta probabilidade aumenta para 60% se ambos os pais tiverem a doença
  6. 6. Apresentação clínica A intensidade da psoríase varia do trivial ao risco de vida. Seu aspecto e comportamento também variam muito, desde as placas crônicas facilmente reconhecidas nos cotovelos até a forma pustulosa generalizada. Os padrões de apresentação da psoríase incluem:
  7. 7. Apresentação clínica • Psoríase em Placas (Psoríase Vulgar).
  8. 8. Apresentação clínica • Psoríase Flexural
  9. 9. Apresentação clínica • Psoríase Eritrodérmica
  10. 10. Apresentação clínica • Psoríase Ungueal
  11. 11. Apresentação clínica • Psoríase Guttata (Psoríase Gotejada)
  12. 12. Apresentação clínica • Formas localizadas
  13. 13. Apresentação clínica • Pustulosa generalizada
  14. 14. Apresentação clínica • Artrite Psoriásica
  15. 15. Fatores precipitantes • Fenômeno de Koebner • Infecção • Medicamentos • Luz solar • Estresse psicológico
  16. 16. Tratamentos • Não tem cura mas tem tratamento que depende do quadro clinico apresentado. • Resposta a tratamentos depende de paciente para paciente. • É possível conseguir remissão total da doença com tratamento adequado. • Existem 4 (quatro) tipos principais de terapia para psoríase: Tópicos, Fototerapia, Terapia Sistêmica e Terapias Biológicas.
  17. 17. Tratamentos: Tópicos • Antralina (Ditranol) • Alcatrão (Coaltar) • Derivados da vitamina D3 (Calcipotriol – e o Tacalcitol) • Corticóides (Pimecrolimus e Tracolimus): efeitos colaterais: Atrofia da pele Indução a acne ou dermatite perioral, e exacerbação de rosácea. Infecções fúngicasatípicas; infecções virais ou bacterianas podem ser potencializadas pelo tratamento Absorção sistêmica. Taquifilaxia • Ceratolíticos
  18. 18. Tratamentos: Fototerapia
  19. 19. Tratamentos: Terapia Sistêmica Os mais utilizados são: • Metrotexate: É eficaz na psoríase. Ele só está indicado no controle sintomático de psoríase17 severa e incapacitante que não responde adequadamente a outras formas de tratamento, mas somente quando o diagnóstico18 tiver sido estabelecido por biópsia19 e/ou após exame dermatológico. • Ciclosporina (são imunossupressores) • Acitretina (medicamento que melhora a queratinização da pele) • Retinóides via oral.
  20. 20. Tratamentos: Terapias Biológicas
  21. 21. • Sexo: Feminino • Idade: 53 anos • Patologia: Psoríase Paciente: • Histórico: Paciente relata que há dois anos percebeu início de lesões avermelhadas descamativas no tornozelo direito, alguns meses após surgiram lesões semelhantes no outro tornozelo e começaram a se espalhar para pernas e coxas • Medicamento utilizado:  Acido Salicilico 3%  Ureia 10%  Diprogenta  Sulfato ferroso • Prontuario:4818 • Não voltou a apresentar os sintomas após a cirurgia
  22. 22. Referências Bibliograficas • DU VIVIER, Anthony. Atlas de dermatologia clinica. Segunda edição São Paulo-SP: Editora Manole Ltda, 2000. • REEVES, John R. T.; MAIBACH, Howard. Dermatologia ilustrada. Segunda edição. Rio de Janeiro-RJ: Editora Revinter Ltda, 2000. • GAWKRODGER, D. J.. Dermatologia Ilustrada. Segunda edição. Rio de Janeiro-RJ: Editora Guanabara, 2002. • HABIF, Thomas P. ; Doenças da Pele. Diagnostico e tratamento ; Porto Alegre-RS: Editora Artmed, 2002.

×