Unidade iii formas de relevo (cont.)

202 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
202
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Unidade iii formas de relevo (cont.)

  1. 1. GEOMORFOLOGIA FORMAS DE RELEVO
  2. 2. RELEMBRANDO...
  3. 3. RELEMBRANDO... AGENTES ENDÔGENOS 1. OROGÊNESE 2. EPIROGÊNESE AGENTES EXÓGENOS 1. IMTEMPERISMO 2. MOVIMENTOS DE MASSA 3. AÇÃO ANTRÓPICA
  4. 4. RELEMBRANDO... IMTEMPERISMO É um conjunto de processos físicos, químicos e biológicos que atuam sobre as rochas provocando sua desintegração ou decomposição. As rochas podem partir-se sem que se altere sua composição: é a desintegração física ou mecânica. O intemperismo químico acontece quando a água, ou as substâncias nela dissolvidas, reage com os componentes das rochas. Nesse processo, as rochas modificam sua estrutura química, sendo mais facilmente erodidas, com o material sendo levado pelos agentes de transporte (vento, chuva,rios).
  5. 5. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DORELEVO BRASILEIRO PREDOMÍNIO DE PLANALTOS E DEPRESSÕES; RELEVO MUITO ANTIGO; RELEVO DE BAIXA ALTITUDE, COM MAIORIA DAS ELEVAÇÕES INFERIORES A 900 M AUSÊNCIA DE DOBRAMENTOS MODERNOS E DEPRESSÕES ABSOLUTAS; PREDOMÍNIO DE MOVIMENTOS DE EPIROGÊNESE.
  6. 6. PERFIS DO RELEVO BRASILEIRO_ REGIÃO NORTE PLANALTOS DEPRESSÃO RESIDUAIS MARGINAL NORTE- NORTE- DEPRESSÃOAMAZÔNICOS AMAZÔNICA MARGINAL SUL- PLANALTOS AMAZÔNICA RESIDUAIS SUL AMAZÔNICOS RIO AMAZÔNAS
  7. 7. PERFIS DO RELEVO BRASILEIRO_ REGIÃONORDESTE TABULEIROS LITORÂNEOS PLANALTO DO BORBOREMA RIO PARNAIBA DEPRESSÃO SERATANEJA
  8. 8. PERFIS DO RELEVO BRASILEIRO_ REGIÃOCENTRO-SUL DEPRESSÃO PLANALTOS E PERIFÉRICA SERRAS DOPLANANTO LESTE- SUDESTE MATO- RIO PARANÁGROSSENSE
  9. 9. AÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA Quando as chuvas caem sobre a superfície da Terra, suas águas podem seguir três caminhos:1.evaporar-se, indo para a atmosfera;2.infiltrar-se no solo como água subterrânea;3.escorrer pela superfície da Terra, sob a forma de enxurradas e torrentes.
  10. 10. AÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA ENXURADAS: RAVINA (BANANAL- SP) VOÇOROCA_
  11. 11. AÇÃO DA CHUVA TORRENTES: Descendo pelas encostas, pequenos fios de água vão se reunindo para formar outros maiores. São cursos de água de regime irregular, pois dependem da quantidade de chuvas que recebem.
  12. 12. AÇÃO DO VENTO DEFLAÇÃO: AÇÃO DIRETA DO VENTO SOBRE AS ROCHAS. CORROSÃO: ATAQUE DO VENTO CARREGADO DE PARTÍCULAS EM SUSPENSÃO.
  13. 13. AÇÃO MARINHA AÇÃO DE DESTRUIÇÃO E DE FORMAÇÃO ABRASÃO MARINHA: AÇÃO CONTÍNUA DAS ONDAS DO MAR, QUE ATACA OS PAREDÕES ROCHOSOS DO LITORAL, DANDO ORIGEM AS FALÉSIAS: FALÉSIA DE MARATAÍSES (ES)
  14. 14. AÇÃO MARINHA QUANDO OCORRE A SEDIMENTAÇÃO PARALELA AO LITORAL E UNI-SE AO LITORAL É FORMAÇÃO CHAMADA DE TÔMBOLO BARRA VELHA (SC)

×