O family search indexing como iniciativa de crowdsourcing

603 visualizações

Publicada em

Trabalho apresentando no XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
603
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
62
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O family search indexing como iniciativa de crowdsourcing

  1. 1. O FamilySearch Indexing como iniciativa de crowdsourcing Paula Carina de Araújo Universidade Federal do Paraná (UFPR) Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquisa Filho (UNESP) Universidade de Caxias do Sul (UCS)
  2. 2. The rise of crowdsourcing (HOWE, 2006). Crowdsourcing
  3. 3. Crowdsourcing é um tipo de atividade participativa on-line na qual uma instituição, organização sem fins lucrativos ou empresa individual propõe para um grupo de indivíduos com conhecimento variado, heterogeneidade e número, por meio de um chamado aberto, o voluntário empreendimento de uma tarefa. (ESTELLÉS-AROLAS; GONZÁLEZ-LADRÓN-DE- GUERRA, 2012, p. 9-10)tradução nossa). Crowdsourcing
  4. 4. Características – Implica benefício mútuo; – O usuário receberá a satisfação de um determinado tipo de necessidade; – O crowdsourcer obterá e utilizará a vantagem que o usuário trouxe para o empreendimento. (ESTELLÉS- AROLAS; GONZÁLEZ-LADRÓN-DE-GUERRA, 2012, p. 9- 10, tradução nossa). Crowdsourcing
  5. 5. Exemplos
  6. 6. Criado em 1989 – Continuação da Sociedade Genealógica de Utah (1894) Instituição sem fins lucrativos Family History Library 4.000 Centros de História da Família Bibliotecas Setoriais em 88 países Site www.familysearch.org FamilySearch
  7. 7. Missão “Preservar e prover acesso à informação histórica que pode ser usada para reconhecer ancestrais e famílias, bem como para compilar genealogias ou histórias de famílias”. (METCALFE; THATCHER, 2008, p. 1). FamilySearch
  8. 8. Produtos - Árvore Familiar
  9. 9. Produtos - FamilySearch Indexing
  10. 10. Produtos - Pesquisa
  11. 11. Identificar se o projeto FSI é uma iniciativa de crowdsourcing. Objetivo Geral
  12. 12. A autora é voluntária do FamilySearch Indexing. Relação do FamilySearch Indexing com a Ciência da Informação. Justificativa
  13. 13. Pesquisa exploratória, descritiva e comparativa. A partir do artigo “Towards an integrated crowdsourcing definition” de Estellés-Arolas e González-Ladrón-de-Guevara (2012). Metodologia
  14. 14. Oito características essenciais de uma iniciativa de crowdsourcing: a) há um grupo claramente definido; b) existe uma tarefa com um objetivo claro; c) a recompensa recebida pelo grupo é clara; d) o crowdsourcer é claramente identificado; e) a compensação a ser recebida pelo crowdsourcer é claramente definida; f) é um processo específico on-line do tipo participativo; g) usa um convite on-line aberto de extensão variável; h) usa a internet. (ESTELLÉS-AROLAS; GONZÁLEZ-LADRÓN- DE-GUERRA, 2012, p. 9-10)tradução nossa). Metodologia
  15. 15. O que é? É um “projeto que possibilita a indexação de milhões de registros genealógicos por milhões de voluntários, o que faz dele uma das maiores iniciativas de crowdsourcing no mundo”. (HANSEN et al. 2012, tradução nossa). Criado por A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias por meio da Fundação FamilySearch. FamilySearch Indexing
  16. 16. O que é a Indexação? “Indexação é um processo de transcrição dos campos chave em um registro ou imagem digital. Não é uma transcrição completa, mas uma captura dos elementos chave do registro para que ele se torne recuperável”. (FLINDERS, 2012, tradução nossa). FamilySearch Indexing
  17. 17. FamilySearch Indexing
  18. 18. FamilySearch Indexing
  19. 19. Qual tipo de registro pode ser Indexado? Certidões de nascimento, casamento civil e religioso, óbito, registros de imigração, batismo, senso, militares, de cemitério, entre outros. FamilySearch Indexing
  20. 20. Como são obtidos os registros que serão indexados? Parcerias com instituições que possuem os documentos. FamilySearch Indexing
  21. 21. Como é o processo de indexação? Os registros são coletados por meio da digitalização. Cada lote pode ser baixado e indexado por dois voluntários (AB); Após o trabalho desses voluntários, um terceiro, chamado de árbitro faz a conferência (A-B-ARB). Os metadados e a imagem do registro são disponibilizados para busca no FamilySearch. FamilySearch Indexing
  22. 22. FamilySearch Indexing Como se tornar um voluntário? Acesse http://www.familysearch.org/indexing
  23. 23. O que acontece com os registros depois que são indexados? Passam por um processo de arbitragem e então são disponibilizados para busca no FamilySearch. FamilySearch Indexing
  24. 24. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? a) há um grupo claramente definido. Estão envolvidos nesse pessoas comuns, interessadas em conhecer a história da sua família e também, profissionais de genealogia. Somam-se hoje, aproximadamente, 208.689 voluntários em todo o mundo. (A IGREJA..., 2013). FamilySearch Indexing
  25. 25. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? b) existe uma tarefa com um objetivo claro. Indexar os registros para torná-los pesquisáveis e recuperáveis por meio do FamilySearch. FamilySearch Indexing
  26. 26. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? c) a recompensa recebida pelo grupo é clara. Possibilidade de ter acesso gratuito e irrestrito aos bilhões de registros genealógicos que eles mesmos ajudaram a indexar. Cada voluntário adquire uma pontuação a cada lote de registros indexados, conforme o grau de dificuldade de cada projeto. FamilySearch Indexing
  27. 27. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? d) o crowdsourcer é claramente identificado; A Fundação FamilySearch e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, que se interessa pela genealogia devido às suas crenças de ligação eterna entre as famílias, são os crowdsourcers e esta informação está no site. FamilySearch Indexing
  28. 28. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? e) a compensação a ser recebida pelo crowdsourcer é claramente definida. A compensação é a alimentação da base de dados do FamilySearch, o qual está diretamente ligado à árvore familiar que, segundo Rapp e Jones (2012) “representa o maior registro de linhagem ligada a história da humanidade, atualmente, com aproximadamente um bilhão de registros indexados”. FamilySearch Indexing
  29. 29. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? f) é um processo específico on-line do tipo participativo. Disponibiliza na sua página um link para fazer o download do programa e, a cada lote finalizado, é necessário enviar os dados, ou seja, os registros indexados. FamilySearch Indexing
  30. 30. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? g) usa um convite on-line aberto de extensão variável. Não há restrição quanto ao voluntariado, todas as pessoas são encorajadas a colaborarem como voluntários para o progresso do projeto e isso é feito pelo site oficial e pelas mídias sociais, diariamente. FamilySearch Indexing
  31. 31. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing? h) usa a internet. Sim. Usa a internet como meio de acesso aos registros (documentos digitalizados), inserção e envio dos dados indexados. Atualmente vem sendo desenvolvido um aplicativo para ser usado exclusivamente na web, sem a necessidade de fazer o download do programa. FamilySearch Indexing
  32. 32. O FamilySearch Indexing é uma iniciativa de crowdsourcing. Considerações Finais
  33. 33. Pesquisa EUA – pesquisas na área de Ciência da Computação; Há inúmeras possibilidades de pesquisa sobre o FamilySearch no âmbito da Ciência da Informação. Considerações Finais
  34. 34. A IGREJA DE JESUS CRISTO DOS SANTOS DOS ÚLTIMOS DIAS. A indexação gera registro gratuitos e pesquisáveis, 2013. Disponível em: https://familysearch.org/volunteer/indexing Acesso em: 1 ago. 2013. ESTELLÉS-AROLAS, Enrique; GONZÁLEZ-LADRÓN-DE-GUEVARA, Fernando. Towards an integrated crowdsourcing definition. Journal of information science, v.20, n.10, p.1-14, 2012. Disponível em: http://jis.sagepub.com/content/38/2/189.full.pdf+html. Acesso em: 19 out. 2012. HANSEN, Derek L. et al. Improving indexing efficiency & quality: comparing A-B-Arbitrate and peer review. FAMILY HISTORY TECHNOLOGY WORKSHOP, 2012, Salt Lake City, UT. Proceedings… Salt Lake City, UT: BYU, 2012. p.1-4. Disponível em: http://fht.byu.edu/prev_workshops/workshop12/papers/4.1%20DerekHansenEtAlIndexingExperim ents.pdf Acesso em: 10 set. 2012. HANSEN, Derek L. et al.. Quality control mechanisms for crowdsourcing: peer review, arbitration, & expertise at FSI. COMPUTER SUPPORTED COOPERATIVE WORK AND SOCIAL COMPUTING (CSCW). Proceedings…, San Antoni, Texas, 2013. p. 649-660. Disponível em: http://dl.acm.org/authorize.cfm?key=6892218 Acesso em: 31 ago. 2013. FLINDERS, S. FamilySearch indexing: providing easy access to your records. ARCHIVING, 2012, Copenhagen, Denmark. Proceedings... Copenhagen, Denmark: Society for Imaging Science and Technology, jan. 2012. p. 23-27. Referências
  35. 35. FamilySearch Indexing como iniciativa de crowdsourcing by Paula Carina de Araújo is licensed under a Creative Commons Attibution 4.0 International Licence.
  36. 36. Paula Carina de Araújo paula.carina.a@gmail.com

×