Odeio ver os telejornais!

101 visualizações

Publicada em

é a coisa que mais me custa é ver telejornais, só têm coisas desagradáveis para ver que me deixam maldisposta!

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
101
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Odeio ver os telejornais!

  1. 1. Odeio ver os telejornais! Pois é verdade! Odeio ver os telejornais! E ler jornais também! É só desgraças! Está bem que nos devemos manter informados, mas às refeições as notícias dão- me volta ao estômago! Os Media escarafuncham as notícias de tal forma que me deixa maldisposta! Passam dias infindáveis a falar sobre os mesmos temas sem nada de novo para dizer! Está bem, o Sócrates supostamente fez asneiras e foi preso! E dai? Quantos é que não estão presos pelos mesmos motivos? O que me irrita nessa notícia é que estão sempre a dizer o mesmo, Évora ficou conhecida por causa desse Sr., Porque foi ministro, tem tratamento especial, entre outros aspectos... A única coisa que me faz pensar em relação a isso, é se há ou não provas de que é culpado...Mas aí penso em relação a todos os que são presos sem culpa provada! Depois vêm as guerras constantes, entre países, religiões, territórios... Ele é tiros, bombas, é mortos e feridos, sempre com cenas chocantes que às vezes o meu filho pergunta o porquê de os homens se matarem uns aos outros. E eu confesso que fico sem saber o que responder! Também eu não percebo porque os homens são assim. Porque não se respeitam uns aos outros? porque não resolvem as suas divergências de forma pacífica sem imposições de poder? Depois vem a violência doméstica! É crime público! Não quero escrever muito sobre este tema, digo que já assisti de muito perto a isso e como criança que era, é traumatizante para a vida toda! Não tolero que haja um pingo que seja de qualquer tipo de violência! Se algum dia assistir a algo, garanto que imediatamente denuncio às autoridades! Mais uma forma de tentativas de demonstração de poder que mascaram as fragilidades, falta de auto-estima, frustrações, álcool e outras coisas em que mais uma vez são descarregadas nos mais fracos, geralmente nas Mulheres e nas Crianças, já para não falar também nos Animais, que também sofrem brutais maus tratos! Será possível que as pessoas não entendem que não é tratando mal os outros, a maioria incapaz de se defender de tamanhas brutalidades, que se sentem melhor? Que raio de treta é essa de que "entre marido e mulher não se mete a colher"? Mas marido e mulher não são ambos seres humanos que merecem respeito, carinho, compreensão, protecção? Esses homens só se sentem machos subjugando mulheres e crianças à sua maldade? E depois ainda há os que têm a lata de dizer que amam e que estão arrependidos! A cabeça não serve para pensar antes de cometerem esses actos bárbaros?
  2. 2. Há homens (também há mulheres) que matam as mulheres/maridos, os filhos, os animais de estimação! Mas isto é o quê? Porque não se vão tratar ou dar um tiro na sua própria cabeça? Depois vem a crise e o desemprego! Passam a vida a dizer que isto está mau, que temos que poupar, mas aumentam os impostos! Cada vez há mais gente desempregada e as estatísticas baixam ou porque as pessoas estão a tirar cursos de Centro de Emprego, ou porque entraram para a reforma desempregados, ou porque simplesmente emigraram... Ou seja o desemprego é grande e essas taxas ficam mascaradas por essas circunstâncias... A crise! Essa é curiosa! Parece que há crise para umas coisas e para outras não...Estou a pensar mal? Ora vamos lá ver, não há dinheiro, tivemos que pedir aos parceiros europeus, e ficámos ainda mais endividados. E depois para cobrir os buracos que os bancos têm com os desfalques que fazem, e os políticos também os fazem, já há dinheiro para injectar para que os bancos não desmoronem! Então e onde estão as centenas de Entidades reguladoras disto e daquilo onde estavam para detectar esses desfalques antes que se tornem impossíveis de resolver? E as viagens, os motoristas particulares, as mordomias que os políticos têm? E as reformas brutais que ministros e outros afins, directores disto e gestores daquilo ganham por terem estado no poleiro meia dúzia de anos? E o ensino em Portugal? Centenas de professores no desemprego, reformas no ensino constantes em que pais e professores já nem sabem como ensinar ou explicar as coisas às crianças/ adolescentes? E o acordo ortográfico que em vez de ter ficado fiel ao nosso português, ficou com "expressões" do português do Brasil? Então escrevemos em português ou em brasileiro? Podia estar aqui a noite toda a escrever e a descrever as coisas que vejo nas notícias que me desagradam completamente e que me fazem doer o bolso ou a alma! Devia haver noticiários que só falassem de coisas boas! Mas é claro, os escândalos, guerras, violência e outras notícias que tais é que dão audiência! Por isso digo, odeio os noticiários! Prefiro mil vezes ver os canais infantis, em que o meu filho se diverte e aprende e não me enjoam ao jantar. Assim fico com a cabeça limpa de desgraças e posso dar asas aos meus sonhos, às coisas de que gosto, vejo os bonecos com ele e penso na minha vida e como quero que ela seja. Assim posso pensar no que quero para mim sem estar deprimida.
  3. 3. Foi assim que descobri como ganhar dinheiro na Internet, por exemplo, com o som dos desenhos animados do miúdo... O miúdo vê os bonecos e eu trabalho na Internet sem ter os pensamentos poluídos... Tornei-me, ou estou a tornar-me numa Internet Marketer, que em breve terá muito sucesso só porque não vejo desgraças, dedico-me ao que realmente é importante, trabalhar para mim, estar com a minha família, ver coisas com interesse, sem poluição de espécie nenhuma. Vejo e leio coisas motivadoras, alegres, estudo e sinto-me feliz! Sem perdas de tempo a olhar para a televisão armada em vegetal, dedico-me ao meu trabalho que faço com muito gosto pois adoro a Internet e as redes sociais e transformo esse tempo vegetativo em tempo produtivo e sobretudo lucrativo. Eu posso dar boas notícias! Estou a progredir na carreira que escolhi para mim, trabalho as horas que quero e à hora que quero, posso trabalhar em qualquer lado pois a Internet é móvel, é um trabalho gratificante, cresço como pessoa, cresço no negócio, estou feliz! Queres realizar os teus sonhos? Queres dedicar-te a uma coisa que gostas e ganhar dinheiro com isso? Queres livrar-te de todas estas crises? Subscreve a minha newsletter gratuitamente e descobre como... Qualquer coisa que precises, é só contactares-me!

×