Oração com estilo de vida

3.258 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.258
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
44
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Oração com estilo de vida

  1. 1. Tema: Oração como estilo de vida Texto: Mateus 6:09 / Lucas 11:01-04 / II Crônicas 7:14 Carga Horária: 1h Quando oramos, estamos falando com o Senhor. Há princípios para a oração eficaz, para vermos aquilo que desejamos sendo cumprido em nossas vidas. 1 - Princípios para a oração 1.1 - Não devemos orar como uma forma de ostentação e sim para que nós sejamos ministrados por Deus. Orar para que Deus ouça, não para que pessoas ouçam. É preciso se humilhar na oração e não se exaltar (Mt 23:14; Lc 18:11-14). 1.2 - A oração é algo particular entre nós e Deus. Precisamos ser sinceros diante do Senhor. Não podemos ser superficiais na conversa. 1.3 - Deve-se manter um devocional pessoal diário. Isto gera intimidade com Deus (Mt 6:6; Sal 25:14). Deve-se gastar nisso pelo menos 30 minutos por dia. Temos que estabelecer um tempo de oração pessoal. 1.4 - Temos que estabelecer um tempo de oração para a família. 1.5 - Não se deve usar de vãs repetições. Ex.: Rezas, novenas. 1.6 - Devemos ter propósitos na oração - O Espírito Santo colocará nos nossos lábios as palavras certas, se esperarmos N’Ele. 1.7 - A oração deve ser acompanhada de fé, sem a fé não há respostas (Hb 11:6). Não precisamos ver para crer, mas crer para ver (Jo 11:40; 20:29). 1.8 - Devemos estar plenamente convictos de que Deus está atento ao que falamos, pois Ele ouve nossas orações. 2 - O nosso estilo de oração Estilo é o conjunto das qualidades de expressão, características de alguém. Veremos em alguns personagens bíblicos seu estilo de oração: 2.1 - Quanto ao local Gn 24:63 - Isaque medita no campo Gn 3:8 - Deus buscava a comunhão com o homem no jardim Mt 14:23 - Jesus subiu ao monte para orar Lc 5:16 - Jesus se retirava para lugares solitários Jo 11:41-42 - Jesus orou no cemitério At 21:05 - Paulo ora na praia At 22:16 - Paulo ora no templo Dn 6:10 - Daniel orava no quarto em direção a Jerusalém
  2. 2. 2.2 - Quanto ao tempo Gn 3:8 - Deus buscava o homem na viração do dia Gn 24:63 - Isaque medita no cair da tarde Mt 14:23 - Jesus orava no cair da tarde Sl 5:3 - Davi ora pela manhã Sl 42:8 - Davi ora à noite Sal 119:63 - Davi ora à meia-noite Dn 6:10 - Daniel ora três vezes ao dia Dn 10:02 - Daniel ora 21 dias Ef 6:18 - Paulo ora em todo o tempo 2.3 - Quanto ao tamanho Ne 1:4-9 - Oração tamanho médio - Senta, chora e lamenta Dn 2:19-23 - Oração tamanho curto - Agradece resposta Ne 2:4-5 - Oração tamanho curtíssimo - busca direção Ne 9:5-37 - Oração tamanho longo - intercede pedindo socorro pelo povo 2.4 - Quanto ao modo Dn 6:10 - Como de costume Lc 22:44 - Intensamente Dn 10:2 - Intercede pela nação Dn 2:17-18 - Clama socorro Sl 26:01 - Clama socorro por si Sl 69:22-25 - Desabafa seus desejos Lc 9:16 - Abençoa alimentos Lc 6:12 - Preparando-se para a escolha de discípulos Jo 11:41-42 - Agradecendo antecipadamente, conforme Cl 4:2 Assim como você criou seu estilo de roupa, de uso de cabelo, de alimentação, busque desenvolver seu estilo de comunhão com o Senhor. Viver orando deve ser um estilo de vida para todo o crente (I Tess 5:17); na sua intimidade com seu Senhor você descobrirá a forma peculiar do seu comungar com Ele. E não se esqueça de que Ele lhe aguarda na viração do Dia. E como diz a querida Prª “Valnice” Milhomens: Encontrar-nos-emos no Trono às 18 horas, entregando ao nosso Rei o incenso, que são as nossas orações, e neutralizando a adoração à chamada “rainha dos céus” (Jr 7:18). 3 - Dez itens que Jesus estabeleceu na oração 1º - REDENÇÃO - Pai Nosso • Por que chamá-lo de Pai? Porque só os convertidos, só os que receberam a Jesus,
  3. 3. * podem chamá-lo de Pai (Jo 1:12; 10:30). Porque Ele nos deu vida quanto estávamos mortos (Ef 2:1; Gl 2:20). • Deus nos deu promessas, e por elas nos fez participantes da natureza divina (II Pe 1:4). 2º AUTORIDADE - Que estás nos céus • Ele é o Senhor: soberano, criador, Todo-Poderoso. • Ele nos deu autoridade e poder (Mc 16:17; Lc 10:19). • Ele nos deu senhorio na Terra (Gn 1:28; Ef 1:22-23). 3º ADORAÇÃO - Santificado seja o teu nome • O Senhor procura verdadeiros adoradores que o adorem em Espírito e em verdade (Jo 4:23-24). 4º GOVERNO - Venha a nós o teu reino • Todo o poder nos céus e na terra foi dado a Jesus... Isto é uma herança para nós também (Mt 28:18; Ef 1:22-23). • Deus governa todo o Universo e governa também a minha vida. • O governo de Deus implica em impactar o mundo através do Evangelho (At 17:6). • Estabelecer o governo de Deus aqui na terra implica em obedecer o mandamento que Paulo registrou em 1 Tm 2:01-04 - orar por todas as autoridades constituídas. 5º EVANGELIZAÇÃO - Seja feita a tua vontade assim na Terra como no céu A implantação do reino de Deus diz respeito ao desejo que Deus tem de colocar todas as coisas em ordem com a sua Palavra: que todos sejam salvos, que sejam santos, que não haja injustiça ou corrupção, etc. A vontade de Deus é que todo pecador se arrependa, então precisamos evangelizar o mundo (Mc 16:17). Sete condições para ser um evangelista: a) Ser salvo (Rm 3:24); b) Capacitar-se biblicamente (Pv 2:01-05). c) Ter compaixão pelos perdidos. Amá-los e não criticá-los (Mc 6:34; Mt 14:14). d) Ser cheio do Espírito Santo (At 1:8; 2:4; Jo 14:16). e) Ser membro ativo de uma Igreja (Hb 13:17). f) Ter um bom testemunho (Ex 18:21). g) Testificar a outros o que Deus fez em sua vida. • Por isso tenha uma vida segundo o padrão de Deus: não bebe, não fuma, não usa drogas, não se prostitui, etc (Jo 4:28-30; 1Tess 4:3-4). 6º PROVISÃO - O pão nosso de cada dia dá-nos hoje
  4. 4. • Deus garante a provisão necessária para uma vida sem carências, sem miséria. • Dependência de Deus, confiança, fé (Hb 11:1). 7º PERDÃO - Perdoa as nossas dívidas assim como perdoamos • Ah Senhor me perdoa... Você já perdoou seu irmão? (Mt 6:12; 18:21,22). • O seu coração não pode estar cheio de mágoas (Ef 4:31). 8º PROTEÇÃO - Não nos deixes cair em tentação • É necessário fortalecer-se no Senhor e vestir-se de toda a armadura de Deus (Ef 6:10-13). • Precisamos resistir nos dias mãos, e estarmos firmes diante das circunstâncias (2Co 4:17) 9º LIBERTAÇÃO - Mas livra-nos do mal • Só está livre quem é redimido por Cristo (Jo 8:32) • Quem é livre tem autoridade em nome de Jesus (Mc 16:17). • Para ser livre sempre, é necessário caminhar na direção que o Espírito Santo dá (Gl 5:25). 10º SEGURANÇA - Pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre. • Pode-se chegar com confiança diante do trono da graça (Hb 4:16; Sl 91). Fim da Lição ORIENTAÇÃO PARA O MINISTRADOR Já que a palestra estimula a oração como estilo de vida, promova um gostoso tempo de oração com o grupo.

×