DESENVOLVENDO A FÉ SOBRENATURAL

3.337 visualizações

Publicada em

Mensagem com Pastor Cleiton Juventino, da Igreja do Evangelho Quadrangular (IEQ) na cidade de Divinolândia de Minas/MG.
Esta mensagem visa o fortalecimento e o desenvolvimento da fé nos padrões bíblicos, pois a fé sobrenatural é a fé compreendida e aplicada de maneira correta diante das adversidades que também se tornam em grandes oportunidades para nossa vida!

Publicada em: Espiritual
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.337
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

DESENVOLVENDO A FÉ SOBRENATURAL

  1. 1. DESENVOLVENDO A FÉSOBRENATURALSe prepare para ser incompreendidoe criticado!
  2. 2. Cleiton Magno Silva Juventinopastorcleiton@hotmail.com / http://pastorcleiton.blogspot.comPastor da Igreja do Evangelho QuadrangularRua N. Sra. Do Carmo, 468 - Divinolândia de Minas/MG
  3. 3. CARREGAR LENHAGabriel García de Oro - Era uma vez uma empresa - Editora Sextante
  4. 4. Todas as manhãs Ernesto ia buscarlenha na floresta, acompanhado dofilho e de um burrinho branco.Quando tinha madeirasuficiente, colocava em cima doburrinho e os três seguiam paracasa, atravessando a rua principalda aldeia. Um dia, o camponêsouviu os vizinhos dizerem:
  5. 5. - Olha lá o Ernesto e o filho dele. Os doiscom as mãos nos bolsos e o pobre do burrocarregado até o pescoço. Nunca vi tantodescaso e crueldade com os animais...
  6. 6. Ernesto ficou incomodado com ocomentário. No dia seguinte, resolveu que ofilho levaria parte da lenha. Assim, pensavaele, o burrinho não ficaria sobrecarregado eos vizinhos com certeza não iriam criticá-lo.Mas não foi o que aconteceu.
  7. 7. Ao passar pelos vizinhos, ouviu quecomentavam com indignação:- Que cara de pau! Ele vai com as mãosnos bolsos enquanto o filho e o burrinhocarregam a lenha. É preciso que alguémfaça...
  8. 8. Ernesto ficou ainda mais incomodadocom as críticas. Talvez os vizinhostivessem razão. Ele era um sem-vergonha. Tinha que mudar e acabar comaquela injustiça. Precisava fazer algo paraque todos vissem que não era mais omesmo.
  9. 9. Então, no dia seguinte, Ernesto resolveuque ele e o filho carregariam a lenhadestinada ao burrinho, na esperança de queos vizinhos aprovassem seucomportamento. Mas não foi o queaconteceu. Ao passar pelos vizinhos, ouviu:- Meu Deus, como esses dois são estúpidos.Carregam a lenha enquanto o burro fica namaior boa vida, sem um único galho nolombo.
  10. 10. I Coríntios 2:14 a 16“Quem não tem o Espírito (o homemnatural, que não se relaciona com Deus) nãoaceita as coisas que vêm do Espírito deDeus, pois lhe são loucura; e não é capaz deentendê-las, porque elas são discernidasespiritualmente. Mas quem é espiritual(nascido de Deus e que possui relacionamentocom Deus) discerne todas as coisas, e elemesmo por ninguém é discernido(compreendido – ou seja é incompreendidopelos demais); pois ‘quem conheceu a mentedo Senhor para que possa instruí-lo’?Nós, porém, temos a mente de Cristo”.
  11. 11. Temos abordado nestes diascom respeito à fé, e, já somoscapazes de compreender pelo menosalguns pontos importantes:
  12. 12. A fé é CERTEZA de FATOS, ainda que invisíveisaos olhos do homem natural (comum, sem vidacom Deus), porém visíveis pelo olhar espirituale tangíveis ao homem ou a mulher de fé.1º - Hebreus 11:1“Ora, a fé é a certeza das coisas que seesperam, e a prova (convicção) das coisas(dos fatos) que não se vêem”.
  13. 13. Sendo nosso maior propósito, ou mais nobre propósito agradar aDeus, vemos, pela mensagem aos Hebreus que sem fé, jamaisalcançaremos este propósito, pois “sem fé é impossível agradar aDeus”, tendo em vista que aqueles que desejam desenvolver umrelacionamento com Deus (se aproximar de Deus), deve:- Crer que Ele existe – Que Ele é real!- Crer que é galardoador dos que O buscam (ou seja, é um Deusque recompensa aqueles que se envolvem com Ele);2º - Hebreus 11:6“Ora, sem fé é impossível agradar aDeus, porque é necessário que aquele quese aproxima de Deus creia que Ele existe, eque é galardoador dos que o buscam”.
  14. 14. Esta fé, uma vez em nós, pode ser aumentada oudiminuída, ativada ou cancelada, à medida que aalimentamos, ou seja:- Esta fé é ativada pelo ouvido (físico e espiritual);- Ela vem pelo ouvir... Ouvir a Palavra de Deus;Posso com isto afirmar que:O que ouço tem o potencial de aumentar ou minar a minha fé!3º - Romanos 10:17“Conseqüentemente, a fé vem por se ouvir a mensagem(ou pelo ouvir... ‘ouvido’), e a mensagem é ouvidamediante a Palavra de Cristo (mediante a revelação doEspírito Santo ao que lê, ouve, estuda e medita sobre aPalavra de Deus)”.
  15. 15. Há em mim dois lobos brigando por conquistar edominar o território da minha vida:- O lobo da fé, e- O lobo da incredulidade;Ambos na busca de conquistar o território de minhavida são vorazes e quando um está alimentado o outroestá faminto, e somente vence e avançam neste territórioaquele que está alimentado, ou seja, aquele que eu maistenho alimentado.Qual dos dois lobos tem avançado e conquistadoterritórios em sua vida? Qual deles você tem alimentado?PARAFRASEANDO A HISTÓRIA DOS DOIS LOBOS
  16. 16. Temos em Abraão um grandioso exemplo de fé: Romanos 4:18 a 25“Abraão, contra toda esperança, em esperança creu, tornando-seassim pai de muitas nações, como foi dito a seu respeito: ‘Assim seráa sua descendência’. Sem se enfraquecer na fé, reconheceu que seucorpo já estava sem vitalidade, e que também o ventre de Sara jáestava sem vigor. Mesmo assim não duvidou nem foi incrédulo emrelação à promessa de Deus, mais foi fortalecido em sua fé e deuglória a Deus (ele não duvidou da promessa de Deus, deixando-se levarpela incredulidade, mais foi fortificado na fé, dando glória aDeus), estando plenamente convencido de que Ele era poderoso paracumprir o que havia prometido. Em conseqüência, ‘isso lhe foicreditado como justiça’. As palavras ‘lhe foi creditado’ não foramescritas apenas para ele, mas também para nós, que cremos naqueleque ressuscitou dos mortos a Jesus, nosso Senhor. Ele foi entregue àmorte pelos nossos pecados e ressuscitado para nossa justificação”.UM EXEMPLO DE FÉ
  17. 17. - Contra toda esperança acreditou;- Sem se enfraquecer na fé;- Mesmo sem ter nada em seu favor(idade, seu corpo físico e o de Sara, alémdo fato da esterilidade de Sara), nãoduvidou e nem foi incrédulo em relação àpromessa de Deus;- Foi fortalecido dando glória a Deus;- Estava convicto de que Deus é poderosopara cumprir o que havia prometido;
  18. 18. ENFIM:Quem deseja desenvolver uma vida eexperiências de fé, deve aprender a lidar com tudo àsua volta – até mesmo com as críticas e jamaisdeverá PAUTAR A SUA VIDA PELOS COMENTÁRIOS ECRÍTICAS ALHEIAS!É certo que lidaremos com a incompreensãoaté dos mais próximos, todavia devemos e tirar liçõesem tudo, até mesmo na história de introdução destamensagem, afinal: QUEM ANDA PELAS CONVERSASALHEIAS, ACABA POR FAZER PAPEL DE RIDÍCULO!
  19. 19. Comentário da história: Carregar a LenhaNão importa sua profissão ou o cargo queocupe (na empresa, na igreja ou emqualquer outro setor da sociedade). Vocêterá de enfrentar críticas. Pode ter certezadisso. Por isso é importante saber"discernir", ou seja, "julgar, avaliar edecidir", um dos significados do termo latino‘criticus’, que tem origem no grego.
  20. 20. É preciso discernir entre as críticas quepodem ajudar e aquelas cujo únicopropósito é depreciar o que os outrosfazem. Uma pesquisa recente revelou que70% das conversas entre os funcionáriosdas empresas (não me espantaria se fossedos membros de uma igreja e/oucomunidade) são para fazer crítica aalgum colega (algumas vezes aopatrão, chefe ou líder).
  21. 21. Você não pode viver em função do que dizemou deixam de dizer a seu respeito nem agircondicionado por comentários maliciosos.Principalmente quando está crescendo naempresa (e cá entre nós na graça e noconhecimento... e em especial em suaexperiência de fé). Nesses momentos, deveter consciência de que muitos aliados dopassado irão lhe dar as costas. Segundo asuposta citação de Dom Quixote: "Elesladram, amigo Sancho, mas nós seguimos emfrente.”
  22. 22. O melhor remédio contra as críticas é odiscernimento. É necessário distinguir asque podem ser úteis para seudesenvolvimento das que são feitas purae simplesmente para desvalorizar suaação e/ou propósito.
  23. 23. Ernesto não é capaz de perceber que estáagindo direito. O burro carrega a lenhaporque esse é seu trabalho. Ernesto ficaconfuso por querer agradar os vizinhos: elequer que falem bem dele. Ao mudar osplanos após ouvir as críticas infundadas, elese mostra ingênuo e acaba fazendo umpapel ridículo. Para o camponês, o maisdifícil é ver que, no fim das contas, as críticasque recebe são merecidas. Há algo mais tolodo que carregar lenha enquanto o burrovolta tranquilamente para casa?
  24. 24. Pautar seucomportamento peloque os outros dizempode levá-lo a agir demaneira ridícula.Conclusão
  25. 25. Quando um homem ou uma mulher deDeus, enterra sua fé, seus dons e seustalentos apenas para agradar àquelesque o criticam, deixam neste momentode agradar a Deus e de fazer aquilo parao qual foram chamados, tornam-se emservos inúteis, e continuarão sendocriticados pois tornaram-seRIDÍCULOS, ou seja um ser de fé fora docontexto...
  26. 26. ... Pense nisto! Luz fora docontexto se torna em trevas. Sal forado contexto se torna insípido, e vocêfora do contexto deixa de viver oque Deus reservou para sua vida!
  27. 27. Este é o tempo de Deus levantarhomens e mulheres incomuns, quefarão coisas extraordinárias, movidospelo Espírito do Senhor que sobre elesrepousam, marcando seu tempo, suascidades, suas gerações!Onde estão os fora de série denosso tempo?Deus espera que você atendacom fé e obediência a este chamado!

×