Filo Arthropoda

470 visualizações

Publicada em

Resumo das principais características dos Artrópodes.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
470
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Filo Arthropoda

  1. 1. P ágina |1 O Filo Arthropoda compreende quatro classes:  Crustacea – Camarões, Lagostas, Cracas, Caranguejos, Tatuzinho de Jardim.  Myriapoda – Diplópodes e Quilópodes.  Arachnida – Aranhas, Carrapatos e Escorpiões.  Insecta – Abelhas, Besouros, Gafanhotos, Borboletas, etc.  As principais características são: o Pernas articuladas o Corpo segmentado o Exoesqueleto externo quitinoso o O corpo dos artrópodes é dividido em segmentos. Sustentam-se com uma carapaça dura e externa. Ecdise  Processo de “mudança de pele”, troca de cutícula.  Controlado por ecdisteróides  Presença de α-quitina  A troca desta cutícula é desencadeada pelo hormônio ecdysozona, daí o nome Ecdysozoa (MINELLI, c2009). Ecdisteróides  Causam a ecdise nos insetos – ecdisona e ecdisterona Crustáceos  Possuem carapaça rígida.  Dois pares de antenas (análise química e equilíbrio).  O corpo é dividido em cabeça, tórax e abdômen. A cabeça pode ser fundida com o tronco formando o cefalotórax.  Possuem apêndices. A troca gasosa ocorre através das brânquias; ocorrendo troca entre os gases existentes na água e o sangue do animal vivo. A troca gasosa nas cracas acontece por meio de uma região fina e permeável na superfície da carapaça.  A carapaça pode ser formada por carbonato de cálcio.  Não possuem estruturas inoculadoras de veneno  Cinco ou mais pares de pernas
  2. 2. P ágina |2 Aracnídeos – – – – – – – Anatomia e Morfologia Corpo dividido em cefalotórax e abdome Quatro pares de pernas Respiração por filotraquéias Ausência de antenas Circulação aberta Boca provida de quelíceras (aranhas e carrapatos), aguilhão (escorpiões) Digestão deita fora do corpo. É posto sobre a presa um líquido correspondente ao suco gástrico. A atividade enzimática faz com que o alimento adquira uma consistência líquida.
  3. 3. P ágina |3 Myriápodos Quilópodes • São carnívoros e apresentam um par de pernas em cada segmento. • Lacraias ou centopeias Diplópodes • Tem o corpo cilíndrico e segmentado • Dois pares de pernas articuladas por segmento • Vivem ao abrigo da luz e se alimentam de plantas em decomposição • Piolhos-de-cobra (embuás ou gongolôs) Insetos  Anatomia Metamorfose  Mudanças anatômicas que ocorrem durante a vida;  Há quatro tipos de Metamorfose: • Ametábolos: formas jovens similares aos adultos; • Hemimetábolos: ninfas vivem na água, morfologia diferente dos adultos; • Paurometábolos: não diferem na forma, porém em tamanho, formação de asas; • Holometábolos: Mudança perceptível de jovens e adultos. •
  4. 4. P ágina |4

×