Est telhado

10.116 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.116
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
714
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Est telhado

  1. 1. ESTRUTURA DO TELHADO A cobertura é a parte superior da estrutura, que tem por objetivo proteger os edifícios da ação deintempéries, tais como chuva, raios solares, neve; impedir a penetração de poeiras e ruídos no seu interior,e ainda promover uma estética arquitetônica na edificação. É constituída por uma parte resistente (laje,estrutura de madeira, estrutura metálica, etc.) e um conjunto de telhas, que têm a função de garantir avedação , podendo, ainda, existir forro e isolação térmica.A superfície do telhado pode ser formada por planos (uma água, duas águas, quatro águas e múltiplaságuas), e por superfícies curvas (arco, cúpula ou arcos múltiplos).No presente trabalho vamos tratar da estrutura de madeira, por ser esta a mais utilizada em edificações depequeno porte.ELEMENTOS DA ESTRUTURA DE MADEIRA.A estrutura do telhado tem como função suportar o telhado e a sobrecarga atuante, sendo composto poruma armação principal , constituída por tesouras ou por pontaletes, vigas principais e peças secundárias,formadas pelas ripas, caibros e terças, que servem de apoio para as telhas, também conhecida como trama.Ver figura abaixo p oa - Ripas: peça de madeira, pregadas sobre os caibros, atuando como encaixe e apoio das telhas.b - Caibros: peça de madeira, fixada sobre as terças, para sustentar as ripas.c - Terças: viga de madeira, fixada sobre a tesoura, sobre pontaletes ou sobre paredes, para sustentar oscaibros.d - Frechal: viga de madeira colocada em todo perímetro, no topo da parede, com a função de distribuiras cargas concentradas provenientes das tesouras, vigas principais ou outras peças da estrutura.e – Terça contra frechal: terças localizadas nas pontas das linhas das tesouras, nas quais são fixados oscaibros.f - Terça de cumeeira: terça colocada no ponto mais alto da tesoura.
  2. 2. g - Tesoura: treliça de madeira, onde se apoia a trama, composta de peças que recebem as seguintesdesignações: h : asna, perna, empena ou banzo superior. i : linha, tirante, tensor ou banzo inferior. j : montante ou suspensório. k : montante principal ou pendural. l : diagonal ou escora.m - Chapuz: pedaço de madeira, geralmente de forma triangular, fixado no banzo superior da tesoura,para apoio lateral da terça.n - Pontaletes: peças de madeira, apoiadas verticalmente sobre o berço. Funcionam como um pilar demadeira, recebendo na extremidade superior vigas principais ou terças.o – Berço: peça de madeira, apoiada horizontalmente sobre a laje, que tem a função de fixar e receber ascargas provenientes dos pontaletes.p - Mão francesa: peça de madeira, disposta de forma inclinada, com o objetivo de travar a estrutura.ALGUMAS CONSIDERAÇÕES PARA PROJETOOs pontaletes devem ser contraventados com mão francesa e apoiados sobre o berço ( vigotas ou caibros),não devendo ser apoiados diretamente sobre a laje. Da mesma forma, as vigas principais ou tesouras,devem apoiar-se em coxins, vigas de concreto, cintas de amarração, ou frechais, e não diretamente sobreas paredes.O apoio criado no pontalete para receber as peças de madeira deve ser feito por encaixe, ou por talaslaterais de madeira, fitas ou chapas de aço, conforme indicado na figura abaixo:
  3. 3. No apoio da terça sobre os oitões, deve ser previsto um reforço, conforme mostra a figura abaixo:ALGUNS CUIDADOS COM A MADEIRA.As peças de madeira que forem recebidas com um alto teor de umidade (ainda “verdes”) devem serarmazenadas em galpões cobertos e ventilados e empilhadas de tal forma a deixar espaços entre as peçaspara promover uma boa ventilação.Não devem ser empregadas na estrutura madeiras que: - apresentem esmagamento ou outro tipo de danos que comprometam a estrutura; - madeiras com alto teor de umidade, ainda verdes; - apresentem defeitos como: nós soltos, nós que ocupam grande parte da seção transversal da peça, curvatura acentuada etc. - apresentem ataque de fungos ou insetos. As espécies de madeira usadas na estrutura de telhado devem resistir ao ataque de fungos e insetos, ainda que para isso necessitem receber tratamento. As peças de madeira expostas ao ambiente externo, sujeitas ao ataque de intempéries, devem receber um tratamento de impermeabilização, como pintura a óleo, esmalte sintético, verniz etc. As peças de madeira de grande comprimento devem ser apoiadas de modo a prevenir o empenamento. Ver figura a seguir:

×