Sidman By Produtcs Aversive Controlv3 Final

791 visualizações

Publicada em

Demonstrar simultaneamente as funções de facilitação e supressão do estímulo pré-aversivo em macacos Rhesus;

Publicada em: Educação, Tecnologia, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
791
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
130
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sidman By Produtcs Aversive Controlv3 Final

  1. 1. Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento BY - PRODUCTS OF AVERSIVE CONTROL Sidman, M. (1958). By-Products of Aversive Control. Journal of the Experimental Analysis of Behavior, 1, 265-280. LÍVIA FAGGIAN & NELSON NOVAES Tuesday, June 23, 2009
  2. 2. Conceitos Básicos Punição; Estímulo pré-aversivo; Esquiva; Supressão condicionada de respostas; Facilitação de respostas; Indução de respostas. Tuesday, June 23, 2009
  3. 3. Vários Estudos Estes e Skinner (1941); Ralimento -> Ssom - S “free”choque Sidman, Herrnstein e Conrad (1957) & Herrnstein e Sidman (1958). Ralimento -> Ssom - pré-aversivo Resquiva -> Ssom - pré-aversivo Tuesday, June 23, 2009
  4. 4. OBJETIVO: Demonstrar simultaneamente as funções de facilitação e supressão do estímulo pré- aversivo em macacos Rhesus; Expectativa: que o comportamento controlado por comida fosse suprimido, ao mesmo tempo que houvesse um aumento na freqüência de respostas de esquiva. Tuesday, June 23, 2009
  5. 5. Método Sujeitos: 3 macacos Rhesus machos; Equipamento Dispositivo para liberação de choques Bar ra B Bar ra A Bebe do uro Tuesday, June 23, 2009
  6. 6. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Macaco R-15 (19 sessões de 6h cada - 36h privação); Barra A: VI 4’ -> 1ml suco; Barra B: Esquiva -> adia o choque por 20”. Tuesday, June 23, 2009
  7. 7. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Choque inevitável antecedido por som; Som por 5’; Barra A: VI 4’ → 1ml suco Barra B: extinção Choque a cada 10’ após o término do som. Tuesday, June 23, 2009
  8. 8. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras A: VI A: VI A: VI A: VI A: VI A: VI B: Esq B: Extinção B: Esq B: Extinção B: Esq B: Extinção t (min.) 0 5 10 15 20 25 30 Tuesday, June 23, 2009
  9. 9. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Choque Choque Choque { { { A: VI A: VI A: VI A: VI A: VI A: VI B: Esq B: Extinção B: Esq B: Extinção B: Esq B: Extinção t (min.) 0 5 10 15 20 25 30 Tuesday, June 23, 2009
  10. 10. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Fig 1: Total de respostas por sessão em cada barra. Tuesday, June 23, 2009
  11. 11. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Fig 1: Total de respostas por sessão em cada barra. Tuesday, June 23, 2009
  12. 12. Tuesday, June 23, 2009
  13. 13. Tuesday, June 23, 2009
  14. 14. Tuesday, June 23, 2009
  15. 15. Tuesday, June 23, 2009
  16. 16. Tuesday, June 23, 2009
  17. 17. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Taxa de Supressão e Facilitação X = Taxa respostas com som Taxa respostas sem som Tuesday, June 23, 2009
  18. 18. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Taxa de Supressão e Facilitação X = Taxa respostas com som Taxa respostas sem som Se X > 1 Alto nº de R na presença do som Diferente Baixo nº de R sem som Tuesday, June 23, 2009
  19. 19. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Fig 2: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada através das sessões. Barra B estava em extinção em todas as sessões. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  20. 20. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Fig 2: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada através das sessões. Barra B estava em extinção em todas as sessões. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  21. 21. MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  22. 22. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  23. 23. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  24. 24. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  25. 25. ↑ Facilitação MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  26. 26. ↑ Facilitação ↓ Supressão MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  27. 27. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Fig 3: Registros cumulativos concorrentes do responder nas duas barras. As porções no registro marcadas obliquamente para baixo indicam períodos durante os quais o estímulo pré-aversivo estava presente Tuesday, June 23, 2009
  28. 28. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Fig 3: Registros cumulativos concorrentes do responder nas duas barras. As porções no registro marcadas obliquamente para baixo indicam períodos durante os quais o estímulo pré-aversivo estava presente Tuesday, June 23, 2009
  29. 29. Tuesday, June 23, 2009
  30. 30. Tuesday, June 23, 2009
  31. 31. Tuesday, June 23, 2009
  32. 32. som Tuesday, June 23, 2009
  33. 33. som Choque Tuesday, June 23, 2009
  34. 34. som Choque som Tuesday, June 23, 2009
  35. 35. som Choque som Choque Tuesday, June 23, 2009
  36. 36. EXP1: Estímulo e choque inevitável adicionado ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva. 2 Barras Resultado: Não houve mudança relativa na taxa de respostas em ambas as barras: Houve facilitação em ambas as respostas na presença do estímulo. Tuesday, June 23, 2009
  37. 37. Novas perguntas de pesquisa Como as 2 taxas de respostas foram similares na topografia e as barras postas próximas espacialmente: Um procedimento concorrente seria ocasionado por 2 operantes independentes ? Tuesday, June 23, 2009
  38. 38. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Objetivo: Verificar se o procedimento concorrente gerou dois operantes independentes; Procedimento: Testar a independência dos operantes extinguindo e recondicionando cada resposta independentemente. Sujeitos: Macacos R15. R10 e R17 (ingênuos) Tuesday, June 23, 2009
  39. 39. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Fig 1: Total de respostas por sessão em cada barra. Tuesday, June 23, 2009
  40. 40. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Fig 1: Total de respostas por sessão em cada barra. Tuesday, June 23, 2009
  41. 41. Tuesday, June 23, 2009
  42. 42. Tuesday, June 23, 2009
  43. 43. Tuesday, June 23, 2009
  44. 44. Tuesday, June 23, 2009
  45. 45. Tuesday, June 23, 2009
  46. 46. Tuesday, June 23, 2009
  47. 47. Tuesday, June 23, 2009
  48. 48. Tuesday, June 23, 2009
  49. 49. Tuesday, June 23, 2009
  50. 50. Tuesday, June 23, 2009
  51. 51. Tuesday, June 23, 2009
  52. 52. Tuesday, June 23, 2009
  53. 53. Tuesday, June 23, 2009
  54. 54. Tuesday, June 23, 2009
  55. 55. Tuesday, June 23, 2009
  56. 56. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Fig. 4: Total de respostas por sessão em cada barra. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas Tuesday, June 23, 2009
  57. 57. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Fig. 4: Total de respostas por sessão em cada barra. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas Tuesday, June 23, 2009
  58. 58. Tuesday, June 23, 2009
  59. 59. Tuesday, June 23, 2009
  60. 60. Tuesday, June 23, 2009
  61. 61. Tuesday, June 23, 2009
  62. 62. Tuesday, June 23, 2009
  63. 63. Tuesday, June 23, 2009
  64. 64. Tuesday, June 23, 2009
  65. 65. Tuesday, June 23, 2009
  66. 66. Tuesday, June 23, 2009
  67. 67. Tuesday, June 23, 2009
  68. 68. Tuesday, June 23, 2009
  69. 69. Tuesday, June 23, 2009
  70. 70. Tuesday, June 23, 2009
  71. 71. Tuesday, June 23, 2009
  72. 72. Tuesday, June 23, 2009
  73. 73. Tuesday, June 23, 2009
  74. 74. Tuesday, June 23, 2009
  75. 75. Tuesday, June 23, 2009
  76. 76. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Fig. 5: Total de respostas por sessão em cada barra. UNCOND refere-se à taxa de respostas na barra B antes do condicionamento de esquiva. Todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  77. 77. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Fig. 5: Total de respostas por sessão em cada barra. UNCOND refere-se à taxa de respostas na barra B antes do condicionamento de esquiva. Todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  78. 78. Tuesday, June 23, 2009
  79. 79. Tuesday, June 23, 2009
  80. 80. Tuesday, June 23, 2009
  81. 81. Tuesday, June 23, 2009
  82. 82. Tuesday, June 23, 2009
  83. 83. Tuesday, June 23, 2009
  84. 84. Tuesday, June 23, 2009
  85. 85. Tuesday, June 23, 2009
  86. 86. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Resultados: As respostas na Barra A não foram extintas completamente até que houvesse, simultaneamente, extinção na barra de esquiva; A Barra A estava envolvida na contingência de esquiva – não eram independentes Tuesday, June 23, 2009
  87. 87. EXP2: Condicionamento independente e extinção das duas respostas de pressão à barra Hipótese: A topografia das respostas e a proximidade física das barras produziu indução? Encadeamento acidental entre as respostas? O esquema de reforçamento é o responsável? Tuesday, June 23, 2009
  88. 88. EXP3: Substituição da barra A por corrente. Condicionamento independente e extinção das duas respostas Objetivo: testar a indução topográfica através da substituição da resposta de pressão à barra por respostas de puxar uma corrente; Procedimento: Igual ao anterior + substituição da Barra A por uma corrente. Todos os macacos participam. Tuesday, June 23, 2009
  89. 89. EXP3: Substituição da barra A por corrente. Condicionamento independente e extinção das duas respostas Equipamento Dispositivo para liberação de choques Cor rente Barra B Bebe do uro Tuesday, June 23, 2009
  90. 90. EXP3: Substituição da barra A por corrente. Condicionamento independente e extinção das duas respostas Resultados: Macaco R10 = Rcorrente depende da contingência de esquiva. Macacos R15 e R17 = contradições A – extinção A → alimento A → alimento B → esquiva B – extinção B → esquiva ↓ Ralimento ~ 0 ↑ Ralimento ↑ ↑ ↑ Ralimento Tuesday, June 23, 2009
  91. 91. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Objetivo: Esclarecer as contradições entre os macacos R15 e R17, apesar das respostas (barra e corrente) terem seu grau de independência aumentado. Tuesday, June 23, 2009
  92. 92. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Procedimento: Choque inevitável antecedido por som; Som por 5’; Corrente A: VI 4’ → 1ml suco Barra B: extinção Choque a cada 10’ após o término do som. Tuesday, June 23, 2009
  93. 93. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Fig 2: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada através das sessões. Barra B estava em extinção em todas as sessões. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  94. 94. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Fig 2: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada através das sessões. Barra B estava em extinção em todas as sessões. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  95. 95. MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  96. 96. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  97. 97. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  98. 98. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  99. 99. ↑ Facilitação MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  100. 100. ↑ Facilitação ↓ Supressão MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  101. 101. ↑ Facilitação ↓ Supressão MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  102. 102. ↑ Facilitação ↓ Supressão MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  103. 103. ↑ Facilitação ↓ Supressão MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  104. 104. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Fig. 6: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada ao longo das sessões. Tuesday, June 23, 2009
  105. 105. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Fig. 6: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada ao longo das sessões. Tuesday, June 23, 2009
  106. 106. Tuesday, June 23, 2009
  107. 107. Tuesday, June 23, 2009
  108. 108. Tuesday, June 23, 2009
  109. 109. Tuesday, June 23, 2009
  110. 110. ↑ Facilitação Tuesday, June 23, 2009
  111. 111. ↑ Facilitação ↓ Supressão Tuesday, June 23, 2009
  112. 112. ↑ Facilitação ↓ Supressão Tuesday, June 23, 2009
  113. 113. ↑ Facilitação ↓ Supressão Tuesday, June 23, 2009
  114. 114. EXP4: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente VI e extinção da esquiva Resultados: ambas as respostas, facilitadas ou suprimidas, mantém a dependência de modo que a topografia não é relevante. Tuesday, June 23, 2009
  115. 115. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Objetivo: examinar o comportamento reforçado com comida ter se ligado à resposta de esquiva estabelecendo uma seqüência supersticiosa. Tuesday, June 23, 2009
  116. 116. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: Tuesday, June 23, 2009
  117. 117. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  118. 118. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  119. 119. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  120. 120. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  121. 121. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  122. 122. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  123. 123. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  124. 124. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  125. 125. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Tuesday, June 23, 2009
  126. 126. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Encadeamento de respostas: AB, AA, BA e BB (....) 0 5 10 15 20 25 30 t (min.) Registro das respostas: A BBA BB B B ABB A A Contabiliza as quatro (4) seqüências de duas respostas que podem ocorrer durante cada sessão. Tuesday, June 23, 2009
  127. 127. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Fig. 7: Porcentagem de respostas duplas na corrente e na barra durante sessões consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  128. 128. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Fig. 7: Porcentagem de respostas duplas na corrente e na barra durante sessões consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  129. 129. Tuesday, June 23, 2009
  130. 130. Tuesday, June 23, 2009
  131. 131. Tuesday, June 23, 2009
  132. 132. Tuesday, June 23, 2009
  133. 133. Tuesday, June 23, 2009
  134. 134. 30% Tuesday, June 23, 2009
  135. 135. 70% 30% Tuesday, June 23, 2009
  136. 136. 80% 70% 30% Tuesday, June 23, 2009
  137. 137. 80% 70% 30% 15% Tuesday, June 23, 2009
  138. 138. 80% 70% p(AB)>p(AA) 30% 15% Tuesday, June 23, 2009
  139. 139. 90% 80% 70% p(AB)>p(AA) 30% 15% Tuesday, June 23, 2009
  140. 140. 90% 80% 70% p(AB)>p(AA) 30% 15% 5% Tuesday, June 23, 2009
  141. 141. 90% 80% 70% p(AB)>p(AA) p(AB)>p(AA) 30% 15% 5% Tuesday, June 23, 2009
  142. 142. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Fig. 8: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Tuesday, June 23, 2009
  143. 143. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Fig. 8: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Tuesday, June 23, 2009
  144. 144. Tuesday, June 23, 2009
  145. 145. Tuesday, June 23, 2009
  146. 146. Tuesday, June 23, 2009
  147. 147. p(BB) > p(BA) p(AA) < p(AB) Tuesday, June 23, 2009
  148. 148. p(BB) > p(BA) p(AA) < p(AB) Tuesday, June 23, 2009
  149. 149. p(AA) > p(AB) p(BA) > p(BB) p(BB) > p(BA) p(AA) < p(AB) Tuesday, June 23, 2009
  150. 150. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Fig. 9: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Essas sessões são aquelas que começam na quarta sessão do teste de indução topográfica. Tuesday, June 23, 2009
  151. 151. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Fig. 9: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Essas sessões são aquelas que começam na quarta sessão do teste de indução topográfica. Tuesday, June 23, 2009
  152. 152. Tuesday, June 23, 2009
  153. 153. Tuesday, June 23, 2009
  154. 154. Tuesday, June 23, 2009
  155. 155. p(BB) > p(BA) p(AA) < p(AB) Tuesday, June 23, 2009
  156. 156. EXP5: Medidas de seqüências de respostas Resultados: Alta probabilidade no pareamento de AB revelou que a resposta de reforçamento de comida pode ter sido reforçada pela esquiva do choque acidentalmente. Tuesday, June 23, 2009
  157. 157. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Objetivo: eliminar a seqüência de respostas AB; Expectativa: Quebra nas relações acidentais. Tuesday, June 23, 2009
  158. 158. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Procedimento: Choque inevitável antecedido por som; Som por 5’; Corrente A: FR 12 ou 21 → 1ml suco Barra B: extinção Choque a cada 10’ após o término do som. Tuesday, June 23, 2009
  159. 159. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 7: Porcentagem de respostas duplas na corrente e na barra durante sessões consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  160. 160. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 7: Porcentagem de respostas duplas na corrente e na barra durante sessões consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  161. 161. Tuesday, June 23, 2009
  162. 162. Tuesday, June 23, 2009
  163. 163. Tuesday, June 23, 2009
  164. 164. Tuesday, June 23, 2009
  165. 165. Tuesday, June 23, 2009
  166. 166. Tuesday, June 23, 2009
  167. 167. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 10. Razão de supressão (em escala logarítmica) para as respostas de pressão à barra e puxar a corrente. Tuesday, June 23, 2009
  168. 168. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 10. Razão de supressão (em escala logarítmica) para as respostas de pressão à barra e puxar a corrente. Tuesday, June 23, 2009
  169. 169. Tuesday, June 23, 2009
  170. 170. Tuesday, June 23, 2009
  171. 171. Tuesday, June 23, 2009
  172. 172. Tuesday, June 23, 2009
  173. 173. Tuesday, June 23, 2009
  174. 174. Tuesday, June 23, 2009
  175. 175. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 6: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada ao longo das sessões. Tuesday, June 23, 2009
  176. 176. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 6: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada ao longo das sessões. Tuesday, June 23, 2009
  177. 177. Tuesday, June 23, 2009
  178. 178. Tuesday, June 23, 2009
  179. 179. Tuesday, June 23, 2009
  180. 180. Tuesday, June 23, 2009
  181. 181. Tuesday, June 23, 2009
  182. 182. Tuesday, June 23, 2009
  183. 183. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 8: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Tuesday, June 23, 2009
  184. 184. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 8: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Tuesday, June 23, 2009
  185. 185. Tuesday, June 23, 2009
  186. 186. Tuesday, June 23, 2009
  187. 187. Tuesday, June 23, 2009
  188. 188. Quebra no encadeamento Tuesday, June 23, 2009
  189. 189. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 9: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Essas sessões são aquelas que começam na quarta sessão do teste de indução topográfica. Tuesday, June 23, 2009
  190. 190. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 9: Porcentagem de respostas duplas por sessão na corrente (A) e na barra (B). Essas sessões são aquelas que começam na quarta sessão do teste de indução topográfica. Tuesday, June 23, 2009
  191. 191. Tuesday, June 23, 2009
  192. 192. Tuesday, June 23, 2009
  193. 193. Tuesday, June 23, 2009
  194. 194. 15% Tuesday, June 23, 2009
  195. 195. 90% 15% Tuesday, June 23, 2009
  196. 196. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig 2: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada através das sessões. Barra B estava em extinção em todas as sessões. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  197. 197. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig 2: Razão de supressão (em escala logarítmica) para cada resposta delineada através das sessões. Barra B estava em extinção em todas as sessões. A partir do segundo quadro todas as sessões são consecutivas. Tuesday, June 23, 2009
  198. 198. MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  199. 199. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  200. 200. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  201. 201. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  202. 202. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  203. 203. MONKEY R-15 MONKEY R-15 Tuesday, June 23, 2009
  204. 204. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 11: Registros cumulativos concorrentes do responder na barra e na corrente. Tuesday, June 23, 2009
  205. 205. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Fig. 11: Registros cumulativos concorrentes do responder na barra e na corrente. Tuesday, June 23, 2009
  206. 206. Tuesday, June 23, 2009
  207. 207. Tuesday, June 23, 2009
  208. 208. Tuesday, June 23, 2009
  209. 209. so m Tuesday, June 23, 2009
  210. 210. so m Choque Tuesday, June 23, 2009
  211. 211. so m Choque som Tuesday, June 23, 2009
  212. 212. so m Choque som Choque Tuesday, June 23, 2009
  213. 213. Tuesday, June 23, 2009
  214. 214. EXP6: Estímulo pré-aversivo e choque inevitável sobreposto ao esquema concorrente FR e extinção da esquiva. Corrente e Barra Resultados: facilitação Resquiva e, pela primeira vez, supressão da Ralimento simultâneamente; Verifica-se grande diferença no grau de supressão das 2 respostas. Tuesday, June 23, 2009
  215. 215. Discussão Conseqüência adicional do controle aversivo: Participação/engajamento em comportamentos irrelevantes; Diferença dos efeitos do controle aversivo nos diferentes esquemas. Tuesday, June 23, 2009
  216. 216. Discussão Fig 12: Registros acumulados concorrentes sobrepostos nas mesmas coordenadas de pressionar a barra (esquiva) e de puxar a corrente (FR) Tuesday, June 23, 2009
  217. 217. Discussão Fig 12: Registros acumulados concorrentes sobrepostos nas mesmas coordenadas de pressionar a barra (esquiva) e de puxar a corrente (FR) Tuesday, June 23, 2009
  218. 218. Tuesday, June 23, 2009
  219. 219. Tuesday, June 23, 2009
  220. 220. Tuesday, June 23, 2009
  221. 221. Tuesday, June 23, 2009
  222. 222. Discussão Fig. 13: Segmentos selecionados de correspondência temporal dos registros cumulativos das respostas de pressão à barra (B) e puxar corrente (A). Tuesday, June 23, 2009
  223. 223. Discussão Fig. 13: Segmentos selecionados de correspondência temporal dos registros cumulativos das respostas de pressão à barra (B) e puxar corrente (A). Tuesday, June 23, 2009
  224. 224. Tuesday, June 23, 2009
  225. 225. Tuesday, June 23, 2009
  226. 226. so m Tuesday, June 23, 2009
  227. 227. so m m so Tuesday, June 23, 2009
  228. 228. Referências! Catania, A. C.(1999) Aprendizagem: Comportamento, linguagem e Cognição. Porto Alegre: Artmed; Sidman, M. (1958). By-Products of Aversive Control. Journal of the Experimental Analysis of Behavior, 1, 265-280; Estes, W. K., and Skinner, B. F. Some quantitative properties of anxiety. J. exp. Psychol., 1941, 29,390-400; Herrnstein, R. J., and Sidman, M. Avoidance conditioning as a factor in the effects of unavoidable shocks on food- reinforced behavior. J. comp. physiol. Psychol. 1958. Tuesday, June 23, 2009
  229. 229. Obrigado!!! ??? LÍVIA FAGGIAN NELSON NOVAES Tuesday, June 23, 2009

×