Aulas Multimídias – Santa Cecília Prof. Aníbal
RENASCIMENTO CULTURAL E CIENTÍFICO RENASCIMENTO CULTURAL E CIENTÍFICO <ul><li>Movimento científico-cultural ocorrido na Eu...
Vincent de Beauvais escrevendo em seu escritório, em ilustração do século XV. Até a invenção da imprensa, os livros, copia...
Gravura do século XVI representando gráficos trabalhando em uma oficina que contava com os equipamentos tipográficos inven...
<ul><li>CARACTERÍSTICAS: </li></ul><ul><li>Humanismo: forma mais terrena, concreta, de pensar a ciência, a moral, a religi...
Gravura do alemão Durer. Aqui, Jesus Cristo está pensativo e melancólico. O gosto pelo corpo e a humanização de Deus são t...
Compare estas duas ilustrações italianas. A da esquerda é medieval (século XIV) e a da direita pertence a uma obra renasce...
As três graças
Diagrama do sistema heliocêntrico de Copérnico, com a Terra e os planetas em órbita em torno do Sol; De revolutionibus (15...
<ul><li>ANALOGIA ENTRE O HOMEM MEDIEVAL E O RENASCENTISTA:  (MODERNO) </li></ul><ul><li>Enquanto o homem medieval era teme...
ITÁLIA – BERÇO DO RENASCIMENTO
FATORES DO PIONEIRISMO ITALIANO NO RENASCIMENTO: <ul><li>Desenvolvimento comercial de suas cidades; </li></ul><ul><li>Mece...
PRINCIPAIS AUTORES E OBRAS DO RENASCIMENTO ARTÍSTICO-CULTURAL NA ITÁLIA: <ul><li>Nicolau Maquiavel – O Príncipe </li></ul>...
Lourenço de Médici Nicolau Maquiavel, autor de O príncipe Mona Lisa, de Leonardo da Vinci
Na famosa Pietá Michelangelo representou Cristo morto no colo de Maria. Expressa o infinito amor da mãe pelo filho.
Sandro Botticcelli, ao desenhar este belo Nascimento de Vênus, inspirou-se na mitologia clássica greco-romana; ele queria ...
Michelangelo trabalhou durante quatro anos na pintura do teto da Capela Sistina, no Vaticano, onde concebeu e realizou gra...
Ao morrer, com aproximadamente 67 anos, Leonardo da Vinci deixou cerca   de quatro mil páginas, com desenhos, anotações, p...
A revolução científica do Renascimento trazia revelações no campo da medicina que contrariavam dogmas da época. Vessálio, ...
A EXPANSÃO DO RENASCIMENTO CULTURAL PELA EUROPA: As obras de Shakespeare estão ainda hoje presentes no teatro e no cinema....
<ul><li>Países Baixos – Erasmo de Rotterdam: Elogio da Loucura </li></ul><ul><li>Portugal – Luis de Camões – Os Lusíadas <...
PRINCIPAIS EXPOENTES DO RENASCIMENTO CIENTÍFICO: <ul><li>Nicolau Copérnico: Teoria heliocêntrica </li></ul><ul><li>Galileu...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3 renascimento cultural-e_cientifico

3.282 visualizações

Publicada em

BOA AULA DE HISTÓRIA

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.282
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
79
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3 renascimento cultural-e_cientifico

  1. 1. Aulas Multimídias – Santa Cecília Prof. Aníbal
  2. 2. RENASCIMENTO CULTURAL E CIENTÍFICO RENASCIMENTO CULTURAL E CIENTÍFICO <ul><li>Movimento científico-cultural ocorrido na Europa durante a transição entre as idades Média e Moderna e que representou as aspirações da burguesia. </li></ul><ul><li>FATORES: </li></ul><ul><li>A expansão marítima e o renascimento comercial; </li></ul><ul><li>Influência da civilização bizantina; </li></ul><ul><li>A retomada dos estudos das civilizações clássicas (greco-romana), graças à preservação pelos mosteiros medievais; </li></ul><ul><li>A ascensão sócio-econômica da burguesia; </li></ul><ul><li>A invenção da imprensa etc. </li></ul>
  3. 3. Vincent de Beauvais escrevendo em seu escritório, em ilustração do século XV. Até a invenção da imprensa, os livros, copiados manualmente, tinham circulação muito restrita.
  4. 4. Gravura do século XVI representando gráficos trabalhando em uma oficina que contava com os equipamentos tipográficos inventados por Gutemberg .
  5. 5. <ul><li>CARACTERÍSTICAS: </li></ul><ul><li>Humanismo: forma mais terrena, concreta, de pensar a ciência, a moral, a religião etc. </li></ul><ul><li>Antropocentrismo: o homem passa a ser visto como o centro do Universo, negando o Teocentrismo Medieval. </li></ul><ul><li>Individualismo: valorização da capacidade de criação e o espírito de competição. </li></ul><ul><li>Racionalismo: sobreposição da ciência (experimentalismo) sobre a fé (dogmas). </li></ul><ul><li>Naturalismo: preocupação em retratar fielmente os homens e animais nas artes(detalhes anatômicos). </li></ul><ul><li>Heliocentrismo: o sol visto como centro do Universo, contrariando a concepção geocêntrica de Ptolomeu. </li></ul><ul><li>Hedonismo: valorização dos prazeres do corpo e do espírito etc. </li></ul>
  6. 6. Gravura do alemão Durer. Aqui, Jesus Cristo está pensativo e melancólico. O gosto pelo corpo e a humanização de Deus são típicos do Renascimento, mas o estilo alemão é bem diferente do italiano.
  7. 7. Compare estas duas ilustrações italianas. A da esquerda é medieval (século XIV) e a da direita pertence a uma obra renascentista de Botticelli (século XV). Na pintura medieval, as três moças são praticamente idênticas, até mesmo na postura (louras, mão direita levantada, roupa uniformizada). No quadro renascentista, destacam-se as diferenças individuais (cada moça tem suas próprias características). Note a importância dada ao corpo humano: rígido na obra medieval; gracioso e atraente na renascentista. As três graças
  8. 8. As três graças
  9. 9. Diagrama do sistema heliocêntrico de Copérnico, com a Terra e os planetas em órbita em torno do Sol; De revolutionibus (1543).
  10. 10. <ul><li>ANALOGIA ENTRE O HOMEM MEDIEVAL E O RENASCENTISTA: (MODERNO) </li></ul><ul><li>Enquanto o homem medieval era temente a Deus, envolvido na cristandade e acomodado às restrições/obrigações servis, o homem moderno tornou-se crítico, individualista, envolvido no espírito de competição capitalista. </li></ul>
  11. 11. ITÁLIA – BERÇO DO RENASCIMENTO
  12. 12. FATORES DO PIONEIRISMO ITALIANO NO RENASCIMENTO: <ul><li>Desenvolvimento comercial de suas cidades; </li></ul><ul><li>Mecenato (burguesia incentivadora e protetora das artes); </li></ul><ul><li>Abrigo dos sábios e artistas bizantinos, com a queda de Constantinopla; </li></ul><ul><li>Sede do Império Romano. </li></ul>No centro da figura, o atento Maximiliano Sforza, filho de importante família de Milão, rodeado de colegas desinteressados na aula.
  13. 13. PRINCIPAIS AUTORES E OBRAS DO RENASCIMENTO ARTÍSTICO-CULTURAL NA ITÁLIA: <ul><li>Nicolau Maquiavel – O Príncipe </li></ul><ul><li>Giovanni Boccaccio – O Decameron </li></ul><ul><li>Dante Alighieri – A Divina Comédia </li></ul><ul><li>Leonardo da Vinci – A Gioconda e A Santa Ceia. </li></ul><ul><li>Michelangelo – Afrescos no teto da Capela Sistina, Moisés, Pietá </li></ul><ul><li>Sandro Botticelli – O Nascimento de Vênus, A Primavera </li></ul><ul><li>Rafael Sânzio – Diversas Madonas </li></ul>
  14. 14. Lourenço de Médici Nicolau Maquiavel, autor de O príncipe Mona Lisa, de Leonardo da Vinci
  15. 15. Na famosa Pietá Michelangelo representou Cristo morto no colo de Maria. Expressa o infinito amor da mãe pelo filho.
  16. 16. Sandro Botticcelli, ao desenhar este belo Nascimento de Vênus, inspirou-se na mitologia clássica greco-romana; ele queria reconciliar o pensamento cristão com o pensamento pagão da Antiguidade.
  17. 17. Michelangelo trabalhou durante quatro anos na pintura do teto da Capela Sistina, no Vaticano, onde concebeu e realizou grande número de cenas do Antigo Testamento. A cena mais representativa é a da criação do homem, em que Deus estende a mão para tocar a de Adão.
  18. 18. Ao morrer, com aproximadamente 67 anos, Leonardo da Vinci deixou cerca de quatro mil páginas, com desenhos, anotações, projetos de máquinas e tratados científicos. Entre seus projetos, encontramos máquinas voadoras, máquinas de guerra (capazes de lançar bombas à distância), máquinas têxteis, esboços precisos de músculos, de nervos e do cérebro humano. Ao lado, uma das páginas deixadas por Da Vinci, na qual se pode ver o projeto de um laminador movido por roda hidráulica.
  19. 19. A revolução científica do Renascimento trazia revelações no campo da medicina que contrariavam dogmas da época. Vessálio, o pai da moderna anatomia, comprovou que o homem possui o mesmo número de costelas que a mulher. Harvey demonstrou que o sangue não circula em uma única direção.
  20. 20. A EXPANSÃO DO RENASCIMENTO CULTURAL PELA EUROPA: As obras de Shakespeare estão ainda hoje presentes no teatro e no cinema. Thomas Morus: Utopia <ul><li>Inglaterra </li></ul>William Shakespeare: Romeu e Julieta, Hamlet, Otelo <ul><li>França </li></ul>Michel de Montaigne: “Ensaios críticos” François Rabelais: “Gargântua e Pantagruel” <ul><li>Espanha </li></ul>El Greco: O enterro do conde de Orgaz Miguel de Cervantes: Dom Quixote
  21. 21. <ul><li>Países Baixos – Erasmo de Rotterdam: Elogio da Loucura </li></ul><ul><li>Portugal – Luis de Camões – Os Lusíadas </li></ul>Sancho Pança e Dom Quixote. ( Azulejos em La Mancha, Espanha)
  22. 22. PRINCIPAIS EXPOENTES DO RENASCIMENTO CIENTÍFICO: <ul><li>Nicolau Copérnico: Teoria heliocêntrica </li></ul><ul><li>Galileu Galilei: Telescópio (considerado “pai da Física moderna”) </li></ul><ul><li>Miguel Servet e William Harvey: estudos acerca da circulação sanguínea, dissecando corpos. </li></ul>

×