Independência dos estados unidos

421 visualizações

Publicada em

Aula sobre independência das treze colônias e formação dos Estados Unidos.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
421
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
66
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Independência dos estados unidos

  1. 1. INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS Prof. Nilton Jr. História – 8º ano
  2. 2. ANTECEDENTES  Antes da chegada de exploradores europeus a partir do século XVI nos Estados Unidos, apenas nativos (indígenas) habitavam essa região da América.  Desde cedo, a colonização dos EUA apresentou diferenças essenciais: no norte e no centro desenvolveram-se as colônias de povoamento, enquanto sul, as colônias de exploração.  Como a Inglaterra não encontrou metais preciosos na América do Norte, e também não conseguiu cultivar produtos tropicais, nem nada que servisse aos ideais mercantilistas, as Treze Colônias foram quase que ignoradas, e passaram a se desenvolver com uma liberdade que não existia em outras parte da América.  Durante o século XVII grupos puritanos ingleses perseguidos por suas idéias políticas (anti-absolutistas) e por suas crenças religiosas (protestantes calvinistas) abandonaram a Inglaterra, fixando-se na costa leste da América do Norte, onde fundaram as primeiras colônias.
  3. 3. MUDANÇAS APÓS A GUERRA DOS SETE ANOS  A liberdade que as treze colônias desfrutavam começou a ruir após a Guerra dos 7 Anos.  Mesmo vencedores, os ingleses tiveram grandes prejuízos nessa guerra e decidiram aumentar impostos, e criar novas leis que trouxeram grandes perdas aos colonos americanos.  As novas leis criadas pelo governo inglês buscavam restringir o bem-sucedido comércio que as Treze Colônias faziam com as Antilhas e a África, sem pagar impostos à coroa inglesa.
  4. 4. AS LEIS INTOLERÁVEIS (1774)  1. uma guarda armada na área do porto de Boston até que todo os prejuízos do lançamento do carregamento de chá ao mar fossem indenizados;  2. suspensão das reuniões das colônias de Massachusetts;  3. O impedimento de toda e qualquer manifestação pública contra a metrópole;  4. Que todos os julgamentos de crimes cometidos em território americano fossem a critério das autoridades britânicas em suas propriedades;  5. Que os colonos estavam obrigados a proporcionar alojamento e estada de soldados britânicos em suas propriedades;  6. A redução das colônias norte-americanas em favor da ampliação do território canadense;  7. A colônia de Massachusetts foi ocupada por tropas do exército britânico;
  5. 5. OUTRAS RAZÕES E A REAÇÃO  Além dos problemas com o aumento do controle da colônia pela coroa, os colonos de desejavam expandir para oeste dos Montes Apalaches, mas eram impedidos pela coroa, devido a um acordo do governo inglês com os índios.  As lideranças da colônia organizaram congressos para encaminhar petições à coroa, solicitando a revogação da medida.  Devido às negativas do rei George III, foi declarada independência em 1776 e iniciou-se uma guerra que durou até 1783.  Essa guerra foi, basicamente, uma guerra de guerrilha e que contou com a participação de várias milícias organizadas por colonos.
  6. 6. CONSTITUIÇÃO DOS ESTADOS UNIDOS E CONSEQUÊNCIAS  Em 1787, ficou pronta a Constituição dos Estados Unidos com fortes características iluministas.  Garantia a propriedade privada (interesse da burguesia), manteve a escravidão, optou pelo sistema de república federativa e defendia os direitos e garantias individuais do cidadão.  Na prática, o novo governo dos Estados Unidos não seguiu o que estava escrito na Declaração de Independência, pois muitos norteamericanos não eram considerados cidadãos.  A escravidão não foi abolida e os índios continuaram sendo massacrados e expulsos de suas terras.

×