Trabalho de historia

193 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
193
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de historia

  1. 1. I. E. E. ISABEL DA ESPANHA Aline G. Cezar Andrey Nunes Nicolly Ramires Primeiros povos Trabalho elaborado para a Disciplina de história, com a Orientação da professora Viviane Bilo. 1º ano, turma: 102 Viamão, 15 de Maio de 2014
  2. 2. Introdução Neste trabalho, nosso principal objetivo foi — além de seguir as orientações da professora — também acrescentar mais informações sobre a pré-história em geral. De uma maneira, que você, leitor, possa compreender melhor sobre os primeiros povos e suas culturas, e sobre as primeiras eras da humanidade. Espero que o nosso objetivo se cumpra, e você possa entender melhor sobre o inicio de tudo.
  3. 3. Pré-história Apesar da variação quando a exatidão de data, a pré-história inicia há aproximadamente 3,6 milhões de anos, e termina com o surgimento da escrita, há 4 mil anos. O termo pré-história é utilizado para fins de periodização, isso por que a História começa com o surgimento do primeiro ser humano. Os primeiros povos da pré-história surgiram na África e eram organizados em pequenos grupos que não tinham contato nenhum entre si. Esses povos viviam da caça, da pesca e da coleta, sendo assim, imigravam frequentemente, pois sempre que acabava seus recursos iam em busca de mais. Existem duas teorias sobre o surgimento do Homem, o criacionismo e o evolucionismo. Aqui, iremos falar apenas do Evolucionismo que é a concepção cientifica, baseada nos estudo de Darwin sobre a evolução humana. Antes de começar, quero deixar bem claro que, o evolucionismo não defende a idéia de que o ser humano evoluiu do macaco, ambos tiveram um ancestral comum, mas seguiram caminhos diferentes. As principais etapas da evolução humana foram: Australopiteco, que é o ancestral mais antigo do ser humano. Homo Habilis, foi quem inventou as primeiras ferramentas. Homo Erectus, foi quem soube usar alguns ferramentas feitas de pedra e era um hábil caçador. Homo Sapiens Neanderthalensis ou também conhecido, Homem de Neandertal, este já tinha preocupações espirituais e noção da morte, tinha melhor habilidade como artesão e os seus utensílios eram muito mais evoluídos do que o dos outros citados. A pré-história foi dividida em três fases de acordo com o material utilizado pelos primeiros seres humanos. Aprimeira foi denominada Paleolítico, seus indivíduos a maior parte de seus utensílios com pedras e eram nômades, que se abrigavam em cavernas e choupanas feitas de galhos e cobertas por folhas. Nas cavernas foi onde surgiram as primeiras pinturas chamadas de arte rupestre, onde era representadas cenas de caça. A descoberta mais importante deste período foi o fogo. A segunda fase, denominada Neolítico foi quando os indivíduos aprimoraram os instrumentos de pedra, polindo-os e os tornando cada vez mais afiados. A agricultura e a criação de animais também surgiram neste período. Surgiram as comunidades fixas, ou seja, grande maioria deixou de ser nômades. A última fase da pré-história denominada Idade dos Metais começou com a utilização do cobre. Foi neste período que começaram a criar armas para guerras, e também, descobriu a ligação do cobre com o estanho, obtendo o bronze, que é um metal mais duro do que o que havia anteriormente. Esse período terminou com o surgimento da escrita, sendo assim, o fim da pré- história. Povos pré-colombianos Incas
  4. 4. Os incas viveram na região da Cordilheira dos Andes na América do Sul, região que atualmente corresponde como Peru, Bolívia, Chile e Equador. Fundou no século XIII a capital do império, a cidade sagrada de Cusco. O imperador era considerado um deus da Terra e a sociedade era dividida em três classes: Nobres, classe média e classe mais baixa. Na área da arquitetura, desenvolveram varias construções com enormes blocos de pedras encaixadas, como templos, casas e palácios. A cidade de Machu Picchu foi descoberta apenas em 1911 e revelou toda a eficiente estrutura urbana desta sociedade. A agricultura era extremamente desenvolvida, pois plantavam nos chamados terraços e também, era muito variada. Construíram canais de irrigação, desviando o curso dos rios para as aldeias, a arte destacou-se pela qualidade dos objetos de ouro, prata, tecidos e jóia. Domesticaram a lhama e utilizaram como meio de transporte, além de retirar a lã , carne e leite deste animal. Além da lhama, alpacas e vicunhas também eram criadas.A religião tinha como principal deus o Sol (deus Inti). Porém, cultuavam também animais considerados sagrados como a condor e o jaguar. Acreditavam num criador antepassado chamado Viracocha (criador de tudo).Criaram um interessante e eficiente sistema de contagem: o quipo. Este era um instrumento feito de cordões coloridos, onde cada cor representava a contagem de algo. Com o quipo, registravam e somavam as colheitas, habitantes e impostos. Mesmo com todo desenvolvimento, este povo não desenvolveu um sistema de escrita. Civilização Maia O povo maia habitou a região das florestas tropicais das atuais Guatemala, Honduras e Península de Yucatán. Viveram nestas regiões entre os séculos IV a. C. e IX a.C. Nunca chegaram a formar um império unificado, fato que favoreceu a invasão e domínio de outros povos, as cidades formavam o núcleo político e religioso da civilização, e eram governadas por um estado teocrático. O império maia era considerado um representante dos deuses da terra. A zona urbana era habitava apenas pelos nobres, sacerdotes, chefes militares e administradores do império. Os camponeses, que formavam a base da sociedade, artesão e trabalhadores urbanos faziam parte das camadas menos privilegiadas e tinham que pagar altos impostos. A base da economia maia era a agricultura, e suas técnicas de irrigação eram muito avançadas. Praticavam o comercio com os povos vizinhos. Ergueram pirâmides, templos e palácios, demonstrando um grande avanço na arquitetura. O artesanato também se estacou. Sua religião era politeísta, e todos os deuses que acreditavam eram ligados a natureza. Elaboraram um eficiente e complexo calendário que estabelecia com exatidão os 365 dias do ano, usavam como escrita símbolos e desenhos. Registravam acontecimentos, datas, contagem de impostos e colheitas, guerras e outros dados importantes. Civilização Asteca
  5. 5. Povo guerreiro, os astecas habitaram a região do atual México entre os séculos XIV e XVI. A sociedade era hierarquizada e comandada por um imperador. A nobreza era também formada por sacerdotes e chefes militares. Os acampamentos, artesãos e trabalhadores urbanos compunham grande parte da população. Esta camada mais baixa da sociedade era obrigada a exercer um trabalho compulsório para o imperador, quando este os convocava para trabalhos em obras publicas. Durante o governo do imperador Montezuma II, o império asteca chegou a ser formado por aproximadamente 500 cidades, que pagavam altos impostos para o imperador. O império começou a ser destruído em 1519 a. C. com as invasões espanholas e os astecas foram escravizados.

×