O HOMEM DO SACO E A LOIRA
DO BANHEIRO
Para desenvolver as atividades
apresentaremos aos alunos o gênero
que será abordado, após organizar a
sala em duplas foi e...
Sequência Didática – Lendas urbanas
Objetivos:
Aumentar o repertório de lendas conhecidas;
Aprimorar a escrita e identific...
Oralidade
Questionamento sobre o que o aluno sabe sobre “lendas urbanas”;
Anotação de algumas hipóteses na lousa, na sequê...
Desenvolvimento
Entrega de cópias das lendas para cada aluno, orientando qual seria lida primeiro, os
alunos realizam uma ...
PESQUISA
 Os alunos são levados para a sala de informática para realizar pesquisa sobre lendas
urbanas. E assistiram a “ ...
Avaliação
A avaliação foi desenvolvida num processo de observação e alguns critérios foram
seguidos como:
Adequação do tem...
PROJETO INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL
PROJETO INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL
PROJETO INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

PROJETO INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL

515 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
515
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
16
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PROJETO INTRODUÇÃO A EDUCAÇÃO DIGITAL

  1. 1. O HOMEM DO SACO E A LOIRA DO BANHEIRO
  2. 2. Para desenvolver as atividades apresentaremos aos alunos o gênero que será abordado, após organizar a sala em duplas foi entregue cópias das lendas “A loira do banheiro e O homem do saco”. Alguns questionamentos foram realizados sobre as lendas urbanas que eles já conheciam para socialização, como era previsto todos narraram indistintamente algumas lendas folclóricas. Identificaram à personagem principal e as características, observando o pouco número de personagens que as lendas costumam apresentar, e que a história é centrada em vítima e vilão. Algumas hipóteses foram levantadas a respeito do sumiço de Carlinhos em “O homem do saco”, em a “A loira do banheiro”, identificaram causa/ consequência, lugar, diferenças nos aspectos orais e escritos, marcas de oralidade, pausas, repetições, termos coloquiais, tipo de discurso, entre outros, para que percebessem a diferença entre falar e escrever usando entonação e ritmo. Foi solicitado que os alunos circulassem trechos do texto com a presença de linguagem oral. Ao perceber a dificuldade que os alunos tinham em diferenciar lendas urbanas de lendas folclóricas após explicação os alunos foram conduzidos à sala de informática para realizar pesquisa orientada na internet, na qual incluía assistir a “A Nova Lenda da Boneca”. Na sequência os educandos leram suas produções de textos individualmente com a finalidade de observar as expressões e maneira de falar sublinhando no texto para ser reescrito adequando a linguagem, observando a coesão, utilizando sinônimos para evitar repetições, hesitações e outros conceitos fazendo modificações referentes a pontuação, parágrafos, concordância verbal e nominal para possíveis mudanças. Algumas produções que apresentaram maiores dificuldades dos alunos em marcas de oralidade, após analisadas foram discutidas na coletividade sem expor o autor. Na revisão do texto foi observado se os alunos adquiriram habilidades em distinguir marcas de oralidade e escrita. Efetivando uma aprendizagem satisfatória atingindo os objetivos propostos.
  3. 3. Sequência Didática – Lendas urbanas Objetivos: Aumentar o repertório de lendas conhecidas; Aprimorar a escrita e identificar características das modalidades orais e escrita; Marcas de oralidade da escrita formal; Desenvolver habilidades de inferências; Identificar informações pressupostas ou subentendidas; Inclusão tecnológica na atividade Conteúdos: Lendas urbanas; Leitura e produção de texto Ano 7º Tempo previsto 6 aulas Material necessário: Copias de lendas urbanas “O homem do saco” de Ana Claudia Ramos e “A loira do banheiro” de Heloisa Pietro. Computadores com acesso à internet para realização da pesquisa.
  4. 4. Oralidade Questionamento sobre o que o aluno sabe sobre “lendas urbanas”; Anotação de algumas hipóteses na lousa, na sequência explanação sobre o que é uma lenda urbana, questionando:  O que é lenda urbana?  Quem cria a lenda urbana?  Onde encontramos lendas urbanas?  Vocês conhecem algumas lendas urbanas? Quais? Pré-Leitura Exposição dos títulos de duas lendas na lousa: “O homem do saco” e “A loira do banheiro”, indagando: a) O que vocês acham que o título sugere? b) O que pode o texto abordar? c) Alguém conhece ou já ouviu falar sobre o homem do saco?
  5. 5. Desenvolvimento Entrega de cópias das lendas para cada aluno, orientando qual seria lida primeiro, os alunos realizam uma leitura silenciosa e depois o professor lê em voz a lenda, “O homem do saco”. Checagem de hipóteses oralmente anotando algumas respostas na lousa. a) Já ouviram ou leram esse texto? b) Foi confirmado o que vocês pensavam sobre o assunto do texto antes da leitura? c) Em sua opinião o que aconteceu com Carlinhos? Em seguida o professor aplica o mesmo procedimento com a lenda “A loira do banheiro”; Os alunos realizarão leitura silenciosa, em seguida o professor realiza a leitura em voz alta. Após a discussão os alunos foram questionados sobre algumas características do gênero; a) Quem é o narrador da história? b) Quais os personagens da história? c) Onde se passa a história? Em que tempo ela ocorre?
  6. 6. PESQUISA  Os alunos são levados para a sala de informática para realizar pesquisa sobre lendas urbanas. E assistiram a “ Nova Lenda da Boneca”;  Os alunos contaram a lenda oralmente para identificar a diferença da fala e da escrita, observando a entonação e o ritmo;  Para finalizar sugeriram a produção de uma lenda urbana diferente das que foram lidas. Cada aluno escreveu a lenda que mais lhe chamou atenção.
  7. 7. Avaliação A avaliação foi desenvolvida num processo de observação e alguns critérios foram seguidos como: Adequação do tema, características do gênero, forma composicional, conteúdo temático e estilo, construção da coesão e coerência; Marcas de oralidade da escrita formal. Referências Biográficas www.sobrenatural.org/lenda_urbana/ revistaescola.abril.com.br/pdf/homem_do_Saco.pdf www.queromedo.com.br/2012/06/loira-do-banheiro-lenda-urbana.htm Professoras Responsáveis: Neusa Maria da Silva Ligia C.P. Castanho

×