JOSÉ LUCINÉRIO PIMENTEL FILHO
JOSÉ LUCINÉRIO PIMENTEL FILHO
A P R E S E N T A
EU-PRODUTO: O MARKETING PESSOAL
DOS FREELANCERS DE FOTOGRAFIA EM FORTALEZA...
NERO PIMENTEL
QUAL O OBJETIVO?
DE ONDE PARTIU?
A QUEM SE DESTINA?
METODOLOGIA
• ENTREVISTAS
• ENTREVISTAS
• PESQUISA BIBLIOGRÁFICA (Fundamentação Teórica)
CONCEITO DE MARKETING
E DEFINIÇÃO
TROCA
Marketing é a atividade humana dirigida para satisfazer
NECESSIDADES e DESEJOS por meio de TROCA.
“ ”
Marketing é a atividade humana dirigida para satisfazer
NECESSIDADES e DESEJOS por meio de TROCA.
“ ”Philip Kotler
NECESSIDADES
e

DESEJOS
• AUTOPRODUÇÃO
NECESSIDADES
e

DESEJOS
{
• AUTOPRODUÇÃO
• COERÇÃONECESSIDADES
e

DESEJOS
{
• AUTOPRODUÇÃO
• COERÇÃO
• SÚPLICA
NECESSIDADES
e

DESEJOS
{
• AUTOPRODUÇÃO
• COERÇÃO
• SÚPLICA
• TROCA
NECESSIDADES
e

DESEJOS
{
Aquisição de PRODUTO ou SERVIÇO
Aquisição de PRODUTO ou SERVIÇO
Atuação livre das partes envolvidas
+
Aquisição de PRODUTO ou SERVIÇO
Atuação livre das partes envolvidas
Não se limita a transações monetárias
+
+
MIX DE MARKETING
PARA O FREELANCER
• PREÇO
• PRAÇA
• PROMOÇÃO
• PRODUTO
• PREÇO
• PRAÇA
• PROMOÇÃO
• SERVIÇO
O QUE CARACTERIZA O SERVIÇO?
O QUE CARACTERIZA O SERVIÇO?
• Intangibilidade
• Inseparabilidade
• Variabilidade
• Perecibilidade
MARKETING PESSOAL
E O CENÁRIO LOCAL
O FREELANCER DEVE ENXERGAR-SE COMO EMPRESA
O FREELANCER DEVE ENXERGAR-SE COMO EMPRESA
O FREELANCER DEVE ENXERGAR-SE COMO EMPRESA
VANTAGENS DESVANTAGENS
VANTAGENS DESVANTAGENS
• Entretenimento
!
• Moda
!
• Proximidade entre os
profissionais
• Efervescência
!
• Inacessibilidad...
ESTRATÉGIAS, GESTÃO
E PROSPECÇÃO
Preço Predatório?
Preço Predatório?
Cartel?
NEGOCIAÇÃO
NEGOCIAÇÃO
Troca
NEGOCIAÇÃO
Troca Prospecção
NEGOCIAÇÃO
Troca Prospecção
Expectativa
NEGOCIAÇÃO
Troca Prospecção
ExpectativaResultado
NEGOCIAÇÃO
Troca Prospecção
ExpectativaResultadoFidelização
NEGOCIAÇÃO
Troca Prospecção
ExpectativaResultadoFidelização
Retorno
NEGOCIAÇÃO
Troca Prospecção
ExpectativaResultadoFidelização
Retorno
A QUALIDADE do serviço é a relação
entre EXPECTATIVAS e RESULTADOS.
“ ”
FALANDO EM QUALIDADE…
THYAGO SOUZA
THYAGO SOUZA
THYAGO SOUZA
THYAGO SOUZA
IGOR BARBOSA
IGOR BARBOSA
IGOR BARBOSA
IGOR BARBOSA
“ ”
Muitas coisas pequenas foram transformadas
em grandes pelo tipo certo de publicidade.
“ ”
Muitas coisas pequenas foram transformadas
em grandes pelo tipo certo de publicidade.
Mark Twain
OBRIGADO.
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel

508 visualizações

Publicada em

Tema:
"Eu-Produto: O Marketing Pessoal dos Freelancers de Fotografia em Fortaleza"

Resumo:
Este trabalho surgiu da necessidade de identificar e levantar características positivas e negativas do cenário de fotografia em Fortaleza, para quem deseja trabalhar de forma independente e rentável, sem vínculo direto à empresas ou agências de propaganda. Diante de sabermos que ter um setor interno de fotografia tem um custo alto de manutenção. Através de pesquisa e entrevistas foram analisados os processos de diferenciação, o uso de estratégias de relacionamento, gestão de contas e venda pessoal desses profissionais. Além disso foram expostos os principais critérios de contratação desses serviços pela ótica dos freelancers, para com os seus contratantes. Investigamos a existência de sistemas de nivelamento de valores (preços), dos serviços prestados, se havia algum método de parceria e como funcionava. Somado a tudo, foi feita análise técnica de trabalhos realizados pelos dois profissionais participantes, a fim de evidenciar a qualidade do serviço prestado, independente de ter ou não a cobertura de uma empresa especializada em fotografia.

Observação:
A keynote foca em tópicos, pois a argumentação foi feita durante a apresentação.

**Infelizmente o SlideShare não exporta todas as ações do Keynote.

Publicada em: Carreiras
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
508
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação para Defesa de Monografia (TCC) - Nero Pimentel

  1. 1. JOSÉ LUCINÉRIO PIMENTEL FILHO
  2. 2. JOSÉ LUCINÉRIO PIMENTEL FILHO A P R E S E N T A EU-PRODUTO: O MARKETING PESSOAL DOS FREELANCERS DE FOTOGRAFIA EM FORTALEZA “ ”FACULDADE 7 DE SETEMBRO Fortaleza - 2014.1
  3. 3. NERO PIMENTEL
  4. 4. QUAL O OBJETIVO?
  5. 5. DE ONDE PARTIU?
  6. 6. A QUEM SE DESTINA?
  7. 7. METODOLOGIA
  8. 8. • ENTREVISTAS
  9. 9. • ENTREVISTAS • PESQUISA BIBLIOGRÁFICA (Fundamentação Teórica)
  10. 10. CONCEITO DE MARKETING E DEFINIÇÃO
  11. 11. TROCA
  12. 12. Marketing é a atividade humana dirigida para satisfazer NECESSIDADES e DESEJOS por meio de TROCA. “ ”
  13. 13. Marketing é a atividade humana dirigida para satisfazer NECESSIDADES e DESEJOS por meio de TROCA. “ ”Philip Kotler
  14. 14. NECESSIDADES e
 DESEJOS
  15. 15. • AUTOPRODUÇÃO NECESSIDADES e
 DESEJOS {
  16. 16. • AUTOPRODUÇÃO • COERÇÃONECESSIDADES e
 DESEJOS {
  17. 17. • AUTOPRODUÇÃO • COERÇÃO • SÚPLICA NECESSIDADES e
 DESEJOS {
  18. 18. • AUTOPRODUÇÃO • COERÇÃO • SÚPLICA • TROCA NECESSIDADES e
 DESEJOS {
  19. 19. Aquisição de PRODUTO ou SERVIÇO
  20. 20. Aquisição de PRODUTO ou SERVIÇO Atuação livre das partes envolvidas +
  21. 21. Aquisição de PRODUTO ou SERVIÇO Atuação livre das partes envolvidas Não se limita a transações monetárias + +
  22. 22. MIX DE MARKETING PARA O FREELANCER
  23. 23. • PREÇO • PRAÇA • PROMOÇÃO • PRODUTO
  24. 24. • PREÇO • PRAÇA • PROMOÇÃO • SERVIÇO
  25. 25. O QUE CARACTERIZA O SERVIÇO?
  26. 26. O QUE CARACTERIZA O SERVIÇO? • Intangibilidade • Inseparabilidade • Variabilidade • Perecibilidade
  27. 27. MARKETING PESSOAL E O CENÁRIO LOCAL
  28. 28. O FREELANCER DEVE ENXERGAR-SE COMO EMPRESA
  29. 29. O FREELANCER DEVE ENXERGAR-SE COMO EMPRESA
  30. 30. O FREELANCER DEVE ENXERGAR-SE COMO EMPRESA
  31. 31. VANTAGENS DESVANTAGENS
  32. 32. VANTAGENS DESVANTAGENS • Entretenimento ! • Moda ! • Proximidade entre os profissionais • Efervescência ! • Inacessibilidade a Equipamentos ! • Carência Eventos de Fotografia
  33. 33. ESTRATÉGIAS, GESTÃO E PROSPECÇÃO
  34. 34. Preço Predatório?
  35. 35. Preço Predatório? Cartel?
  36. 36. NEGOCIAÇÃO
  37. 37. NEGOCIAÇÃO Troca
  38. 38. NEGOCIAÇÃO Troca Prospecção
  39. 39. NEGOCIAÇÃO Troca Prospecção Expectativa
  40. 40. NEGOCIAÇÃO Troca Prospecção ExpectativaResultado
  41. 41. NEGOCIAÇÃO Troca Prospecção ExpectativaResultadoFidelização
  42. 42. NEGOCIAÇÃO Troca Prospecção ExpectativaResultadoFidelização Retorno
  43. 43. NEGOCIAÇÃO Troca Prospecção ExpectativaResultadoFidelização Retorno
  44. 44. A QUALIDADE do serviço é a relação entre EXPECTATIVAS e RESULTADOS. “ ”
  45. 45. FALANDO EM QUALIDADE…
  46. 46. THYAGO SOUZA
  47. 47. THYAGO SOUZA
  48. 48. THYAGO SOUZA
  49. 49. THYAGO SOUZA
  50. 50. IGOR BARBOSA
  51. 51. IGOR BARBOSA
  52. 52. IGOR BARBOSA
  53. 53. IGOR BARBOSA
  54. 54. “ ” Muitas coisas pequenas foram transformadas em grandes pelo tipo certo de publicidade.
  55. 55. “ ” Muitas coisas pequenas foram transformadas em grandes pelo tipo certo de publicidade. Mark Twain
  56. 56. OBRIGADO.

×