Ppt iii currículo

1.220 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.220
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ppt iii currículo

  1. 1. Currículo no Ciclo de AlfabetizaçãoCurrículo no Ciclo de Alfabetização Eliana Borges Correa de Albuquerque Magna do Carmo Silva Cruz Ana Lúcia Guedes-Pinto Telma Ferraz Leal
  2. 2. Composição e dinâmica dos GTs • Formação de grupos com número iguais de integrantes definidos aleatoriamente; • Cada grupo escolhe um relator e um mediador; • Cada grupo define sua apresentação, preferencialmente utilizando papel madeira e tarjetas; • O trabalho nos GTs deve ter 1:00hora, mais 15 minutos para apresentação.
  3. 3. Cada GT deverá observar e socializar os seguintes pontos: • Que currículo está sendo proposto e com que finalidade? • O currículo na forma de como está sendo concebido na escola, contribui para o processo de inclusão ou pode ser considerado o estigma da diferença? • Para que o ciclo da alfabetização se organize pautado pelos princípios da inclusão, continuidade e progressão, que ações são necessárias? Tais ações tem sido comuns em suas experiências como professor?
  4. 4. • Discutir sobre quais são as implicações da adoção de um currículo inclusivo. Currículo na perspectiva da inclusão Principais Entraves Principais Possibilidades
  5. 5. Discussão: • Resgatar as memórias de alfabetização dos integrantes da turma, identificando se foram vivenciadas experiências na perspectiva do currículo inclusivo.
  6. 6. Currículo no ciclo de alfabetização: ampliando o direito de aprendizagem a todas as crianças • Na organização do currículo considerar a inclusão como princípio.Todos os alunos têm o direito de ter acesso ao conhecimento e avançarem nas suas aprendizagens; • O currículo pautado no princípio da inclusão reconhece a importância dos direitos de aprendizagem dos alunos serem garantidos até o final do ciclo de alfabetização; • A escola na perspectiva da educação inclusiva deve possibilitar à criança a aprendizagem não só da leitura e da escrita de palavras isoladas, mas da leitura e produção de textos;
  7. 7. • O currículo no ciclo de alfabetização configura-se como um produto histórico-cultural, norteador das práticas de ensino da leitura e da escrita, refletindo as relações pedagógicas da organização escolar. • Marinho (2008), através de uma pesquisa analisou propostas curriculares do componente Língua Portuguesa de diferentes Secretarias de Educação, pode identificar que o eixo central do ensino era o texto. A modalidade escrita era priorizada na maioria das propostas em detrimento da modalidade oral.
  8. 8. • O currículo no ciclo de alfabetização é, portanto, uma proposta de reorganização temporal e espacial do ensino, que se traduz em uma nova forma de conceber os percursos de aprendizagem das crianças. • O ensino deve propiciar a produção/apropriação da escrita e da leitura baseado nos princípios da continuidade e do aprofundamento. (perspectiva de ensino e aprendizagem em espiral)
  9. 9. • De acordo com Veiga (2006), algumas decisões devem ser tomadas na elaboração da proposta curricular do ciclo de alfabetização: Relevância do conteúdo Intencionalidade Tipo de conteúdo (significativo e crítico) • “que”, “para que” e “como”, articulados ao “para quem” – atrelados a conteúdo, experiências, planos de ensino, objetivos, procedimentos e processos avaliativos.
  10. 10. • Ciclo de alfabetização - Como deve se dar a organização dos tempos de aprendizagens dessas crianças na relação com as diversas áreas de conhecimento? Será que devemos focar nessas turmas o ensino e a aprendizagem em todas as áreas de conhecimentos ou priorizar os conhecimentos diretamente com a alfabetização? • As Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental orientam para que as propostas curriculares contemplem várias áreas do conhecimento de forma articulada e interdisciplinar (elemento estruturante do plano curricular no ciclo).
  11. 11. • Cada unidade escolar deve firmar compromissos que garantam os direitos de aprendizagem dos estudantes. • Para Murta (2004), em cada escola os educadores deveriam eleger: [...] um conjunto de intenções educativas e um conjunto de diretrizes pedagógicas que se articulem para orientar a organização e o desenvolvimento da sua prática educativa.[...]; Ponto de partida: currículo no ciclo de alfabetização
  12. 12. • Uma proposta curricular para o ciclo da alfabetização, requer um currículo que reconheça as diferenças entre os sujeitos, considerando as singularidades e os valores culturais da comunidade, rumo à valorização de identidades de grupos sociais; • Como garantir a aprendizagem de todos os alunos, atendendo as suas necessidades e diferenças?
  13. 13. • O princípio da inclusão: (sob o ponto de vista de uma professora do 2º ano, PE) “A avaliação diagnóstica é importante, pois possibilita elaborar o planejamento, atendendo às necessidades gerais da turma e às individuais das crianças. Sabemos que não existe turma homogênea, cada estudante tem suas especificidades, as quais precisam ser atentamente observadas, a fim de que possamos desenvolver atividades, ajudando-os a ganhar autonomia em leitura e produção de texto. Sabemos que não é tão simples. Atender a todos os estudantes implica provocar, desafiar, levar a refletir sobre o Sistema de Escrita Alfabética, entender os textos que lê. Ensinar é uma provocação e só ensina quem aprende, sem esta conscientização, não atingiremos o objetivo desejado: as aprendizagens dos estudantes, em todas as áreas do conhecimento.”
  14. 14. • O que vem a ser os conteúdos de alfabetização? • Araújo(1998) ressalta que a apropriação da linguagem deve “possibilitar vivências com a leitura e a escrita que tenham relevância e significado para a vida da criança, que lhe permita refletir sobre a sua realidade e compreendê-la”. O direito à alfabetização e o acesso à cultura escrita nos primeiros anos do ensino fundamental

×