PRÉ-HISTÓRIA
4.500.000 a.C. – 4.000 a.C.
95% de toda a história da
humanidade.
Classificamos como período pré-histórico aquele onde
houve o surgimento da humanidade até o desenvolvimento
da escrita. (O...
A evolução biológica permitiu ao homem
desenvolvesse a cultura: 2) evolução cultural: interação com
o meio, o homem altera...
Teorias:
Criacionista: Bíblia – Gênesis.
Para a História, uma ciência humana,
consideraremos a teoria Evolucionista, de
Da...
• Homo habilis: inventou as primeiras ferramentas.
• Homo erectus: sabia utilizar melhor as
ferramentas e era um hábil caç...
Divisão da pré-história: Baseada em diferenciação técnica.
• PALEOLÍTICO (Paleo = velho; Lítico = pedra).
Período da Pedra...
Com o domínio do fogo o homem pôde se
aquecer, iluminar; se proteger, cozinhar alimentos,
alterando e melhorando sua dieta...
• NEOLÍTICO (Neo = novo; Lítico = pedra)
Período da Pedra Polida. 10.000 a.C. – 5.000 a.C.
• +-10.000 a.C.: Revolução Agrí...
• +-8.000 a.C.: Revolução Urbana: surgem as primeiras cidades
nas proximidades dos rios.
• Relações exogâmicas
• Desenvolv...
• Idade dos Metais: 6.000 – 4.000 a.C. (aproximadamente –
há divergência entre datas)
– Metalurgia (Idade dos Metais)
– 6....
Pré-história - Resumo
Pré-história - Resumo
Pré-história - Resumo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Pré-história - Resumo

1.499 visualizações

Publicada em

Resumo dos períodos pré-históricos.
Lembrando que as datas são aproximadas.

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.499
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
80
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pré-história - Resumo

  1. 1. PRÉ-HISTÓRIA 4.500.000 a.C. – 4.000 a.C. 95% de toda a história da humanidade.
  2. 2. Classificamos como período pré-histórico aquele onde houve o surgimento da humanidade até o desenvolvimento da escrita. (O homem nunca conviveu com dinossauros, como algumas séries e desenhos mostram!!) Além da classificação pela ausência da escrita, há que se incluir duas outras características: 1) a evolução biológica da humanidade (todo o seu período evolutivo, até o homo sapiens sapiens se concentra neste período) – abordagem evolucionista: coluna vertebral ereta; polegar opositor e telencéfalo desenvolvido.
  3. 3. A evolução biológica permitiu ao homem desenvolvesse a cultura: 2) evolução cultural: interação com o meio, o homem altera o ambiente de forma consciente (espaço geográfico). Desenvolve a linguagem, o que permite a transmissão de conhecimentos. Ou seja, a pré-história compreende: • Evolução biológica • Início da evolução cultural: capacidade de apreensão de conhecimento. Transmissão para gerações futuras. • Até o desenvolvimento da escrita (+- 4.000 a.C.).
  4. 4. Teorias: Criacionista: Bíblia – Gênesis. Para a História, uma ciência humana, consideraremos a teoria Evolucionista, de Darwin. Para o cientista, o homem não veio do macaco e sim, ambos teriam um ancestral comum. Origem do Universo: Big Bang. Autor: Georges Lemaítre (cosmólogo belga), que se baseou na teoria da relatividade de Einstein e nas equações de Alexander Friedmam).
  5. 5. • Homo habilis: inventou as primeiras ferramentas. • Homo erectus: sabia utilizar melhor as ferramentas e era um hábil caçador. • Homo sapiens: artesão habilidoso, melhora dos utensilios. Já possuia o volume do cérebro do ser humano moderno (1.500 cm³) • Homo sapiens neanderthalensis: Homem de Neandertal – preocupações espirituais e noção de morte. O volume de seu cérebro excedeu o do ser humano moderno (1.700 cm³).
  6. 6. Divisão da pré-história: Baseada em diferenciação técnica. • PALEOLÍTICO (Paleo = velho; Lítico = pedra). Período da Pedra Lascada (4 milhões a 10.000 a.C.) • Economia coletora (caça, pesca, colheita natural) • Nomadismo • Comunismo primitivo • Grupos pequenos – clãs - (relações endogâmicas) *PALEOLÍTICO INFERIOR: Não há domínio do fogo *PALEOLÍTICO SUPERIOR OU MESOLÍTICO: domínio do fogo; rituais funerários; divisão do trabalho por gênero.
  7. 7. Com o domínio do fogo o homem pôde se aquecer, iluminar; se proteger, cozinhar alimentos, alterando e melhorando sua dieta alimentar, além da melhora em sua qualidade de vida. No Paleolítico Superior o homem desenvolveu a Pintura Rupestre, uma forma de arte, de expressão e também uma forma de “magia”, “simpatia” – o homem pintava as cenas de caça antes delas acontecerem, visando obter êxito. *O paleolítico superior pode aparecer como MESOLÍTICO, período de transição entre o paleolítico e o neolítico.
  8. 8. • NEOLÍTICO (Neo = novo; Lítico = pedra) Período da Pedra Polida. 10.000 a.C. – 5.000 a.C. • +-10.000 a.C.: Revolução Agrícola ou Revolução Neolítica: desenvolvimento da agricultura irrigada. • Economia produtora – divisão social do trabalho – agricultura. • Sedentarização • Comunidades começam a se cercar (proteção) • Domesticação de animais e seleção de plantas • Aumento dos grupos, das sociedades clãnicas.
  9. 9. • +-8.000 a.C.: Revolução Urbana: surgem as primeiras cidades nas proximidades dos rios. • Relações exogâmicas • Desenvolvimento da olaria (cerâmica) – armazenar produção agrícola; tecelagem. • Começam a surgir as primeiras disputas por terra e poder. • Utilização dos metais em estado bruto, até que desenvolvem a metalurgia (Idade dos metais: devido ao domínio do fogo). Metais: cobre, estanho, bronze (cobre + estanho), ferro.
  10. 10. • Idade dos Metais: 6.000 – 4.000 a.C. (aproximadamente – há divergência entre datas) – Metalurgia (Idade dos Metais) – 6.000-3.000 a.C.: Cobre e Estanho – 3.000-1.500 a.C.: Bronze(Cobre + Estanho) – 1.500a.C.: Ferro. Surgimento do ESTADO: – Território definido – Poder do governante reconhecido pelos governados – Idioma/Cultura: identidade – Monopólio estatal do uso da força *Nasce a noção de PODER. A partir da escrita e da consequente produção (escrita) de leis, temos a transição da pré-história para as primeiras civilizações.

×