O Complexo Villa Lobos consiste em uma moradia acessível para idosos e uma praça linear.
Todos as partes do Complexo são a...
COMPLEXO VILLA LOBOS
UM NOVO OLHAR PARA MORADIA ACESSÍVEL DE IDOSOS.
Condomínio aberto para que os idosos se sintam indepe...
VISTAS DO COMPLEXO VILLA LOBOS
ENTORNO DA PRAÇA LINEAR ORQUIDÁRIO – EDIFÍCIO MULTIFUNCIONAL
MUSEU DA LINHA FÉRREA PRAÇA LI...
Passarela e Teleférico : não só para transpor a Via Férrea e levar os moradores e trazer os
turístas, a passarela foi proj...
O entorno é rico em estabelecimentos do dia-a-dia do idoso, como supermercados, feira livre,
bancos financeiros, praças, r...
De maneira análoga a interação
do idoso com a população e com os
Turistas, o espaço físico também está
integrado com a áre...
MUSEU DA LINHA FÉRREA
CAFÉ
SALÃO DE FESTAS
EDIFÍCIO MULTIFUNCIONAL
MORADIA ACESSÍVEL
SUBSISTEMA DE SAÚDE
A acessibilidade permeia todos os ambientes, barras em todos os sanitários e nas entradas
dos blocos, sem desníveis.
Cada ...
CASA PÁTIO
A casa pátio foi aplicada no bloco da moradia em L com jardins suspensos na frente
de cada apartamento e para que a vista ...
Espaço Gourmet
CONCEITO
• O projeto tem um olhar diferenciado para o estilo de vida do idoso, onde
resgata sua memória e o interage com a...
PARTIDO
O trem é a idéia chave, pois o terreno escolhido localiza-se ao lado
da linha férrea e da Estação da Maria Fumaça,...
TERRENO PROPOSTO
OBJETIVOS
Objetivo Geral
Pretende-se com a proposta alcançar a arquitetura e
urbanismo acessível para idosos, que os ident...
Objetivos Específicos
- Inserir o idoso na sociedade;
- Modificar o paradigma a respeito da moradia acessível
para idosos;...
O nome Complexo Villa Lobos veio da inspiração da música “Trenzinho do Caipira” de Heitor
Villa Lobos.
Além do trocadilho ...
Lá vai o trem com o menino
Lá vai a vida a rodar
Lá vai ciranda e destino
Cidade e noite a girar
Lá vai o trem sem destino...
Complexo Villa Lobos - Um novo olhar para moradia acessível para idosos.
Complexo Villa Lobos - Um novo olhar para moradia acessível para idosos.
Complexo Villa Lobos - Um novo olhar para moradia acessível para idosos.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Complexo Villa Lobos - Um novo olhar para moradia acessível para idosos.

745 visualizações

Publicada em

Apresentação : Trabalho Final de Graduação - Arquitetura e Urbanismo.

para mais informações entre em contato!

Publicada em: Governo e ONGs
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
745
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Complexo Villa Lobos - Um novo olhar para moradia acessível para idosos.

  1. 1. O Complexo Villa Lobos consiste em uma moradia acessível para idosos e uma praça linear. Todos as partes do Complexo são abertas e de fácil acesso.
  2. 2. COMPLEXO VILLA LOBOS UM NOVO OLHAR PARA MORADIA ACESSÍVEL DE IDOSOS. Condomínio aberto para que os idosos se sintam independentes e para possibilitar que o acesso ao entorno seja pleno.
  3. 3. VISTAS DO COMPLEXO VILLA LOBOS ENTORNO DA PRAÇA LINEAR ORQUIDÁRIO – EDIFÍCIO MULTIFUNCIONAL MUSEU DA LINHA FÉRREA PRAÇA LINEAR – TÓTENS INFORMATIVOS A Praça Linear e o Edifício Multifuncional foi projetado para que a população da cidade e os turistas usem os espaços e com isso propiciem uma interação dos idosos moradores com eles. Fazendo uma simbiose. Tótens informativos do turismo da Estância Turística e do próprio Complexo, além de tirar fotos das pessoas nos pontos distribuídos pela Praça Linear.
  4. 4. Passarela e Teleférico : não só para transpor a Via Férrea e levar os moradores e trazer os turístas, a passarela foi projetada para que a vistas dos desenhos dos jardins do Complexo fossem contempladas.
  5. 5. O entorno é rico em estabelecimentos do dia-a-dia do idoso, como supermercados, feira livre, bancos financeiros, praças, rodoviária, ponto de taxi, igrejas, postos de gasolina e ferroviária.
  6. 6. De maneira análoga a interação do idoso com a população e com os Turistas, o espaço físico também está integrado com a área do entorno e com a cidade propriamente dita. Acrescentando valor turístico a Estância Turística de Paraguaçu Paulista.
  7. 7. MUSEU DA LINHA FÉRREA
  8. 8. CAFÉ
  9. 9. SALÃO DE FESTAS
  10. 10. EDIFÍCIO MULTIFUNCIONAL
  11. 11. MORADIA ACESSÍVEL
  12. 12. SUBSISTEMA DE SAÚDE
  13. 13. A acessibilidade permeia todos os ambientes, barras em todos os sanitários e nas entradas dos blocos, sem desníveis. Cada morador é contemplado com um jardim e uma vista plena com vidros na totalidade do vão. APARTAMETO ACÉSSIVEL
  14. 14. CASA PÁTIO
  15. 15. A casa pátio foi aplicada no bloco da moradia em L com jardins suspensos na frente de cada apartamento e para que a vista fosse plena foi utilizado janelas de vidro na totalidade do vão para que a paisagem externa adentrasse ao bloco da moradia.
  16. 16. Espaço Gourmet
  17. 17. CONCEITO • O projeto tem um olhar diferenciado para o estilo de vida do idoso, onde resgata sua memória e o interage com a vizinhança do entorno. • Público alvo são idosos independentes ou eventualmente semi- dependentes. • A solidão apontada como grande vilã da terceira idade será quebrada, num espaço em que o idoso tenha sua individualidade preservada e sua vida social ativa. Focamos no espaço, minimizando impedimentos, mais acessível, mais gentil e que o não prive do contato social com a família, com a comunidade do entorno e com o próprios moradores da mesma faixa etária PALAVRAS CHAVE: Interação, Integração, Acessibilidade, Memória.
  18. 18. PARTIDO O trem é a idéia chave, pois o terreno escolhido localiza-se ao lado da linha férrea e da Estação da Maria Fumaça, sendo usado como elemento de memória. Na abstração da figura da Maria Fumaça, o trem impulsiona a cidade-locomotiva e a vivência e experiência do idoso conduz toda a força da cidade como um maquinista.
  19. 19. TERRENO PROPOSTO
  20. 20. OBJETIVOS Objetivo Geral Pretende-se com a proposta alcançar a arquitetura e urbanismo acessível para idosos, que os identifique, resgatem suas memórias, atenda suas necessidades, num espaço diferenciado que os insira na sociedade por meio de recursos arquitetônicos e por meio da localização da proposta na malha urbana.
  21. 21. Objetivos Específicos - Inserir o idoso na sociedade; - Modificar o paradigma a respeito da moradia acessível para idosos; - Repensar a localização urbana deste tipo de moradia acessível; - Pesquisar soluções formais de integração; - Criar espaços acessíveis a todos os usuários do local; - Possibilitar o uso dos espaços pela comunidade do entorno.
  22. 22. O nome Complexo Villa Lobos veio da inspiração da música “Trenzinho do Caipira” de Heitor Villa Lobos. Além do trocadilho com o nome: VILA : Lugar / Morar LOBOS :Experiência = Vila de pessoas experientes
  23. 23. Lá vai o trem com o menino Lá vai a vida a rodar Lá vai ciranda e destino Cidade e noite a girar Lá vai o trem sem destino Pro dia novo encontrar Correndo vai pela terra Vai pela serra Vai pelo mar Cantando pela serra do luar Correndo entre as estrelas a voar No ar no ar no ar no ar no ar Música: Trenzinho do Caipira Heitor Villa Lobos

×