Capitalismo de Laços Prof. Mateus Cozer 2/1/2011
Agenda <ul><li>Descrever a dinâmica do capitalismo de laços no Brasil </li></ul><ul><li>Mudar tudo para não mudar nada </l...
Capitalismo de Laços <ul><li>Os donos do Brasil e suas conexões </li></ul><ul><li>Livro brilhante do Prof. Sérgio Lazzarin...
Os donos do poder <ul><li>Grau de entrelaçamento societário desde 1996 </li></ul><ul><li>Conceito de laço, aglomerações e ...
Eike Batista <ul><li>Dono de uma fortuna de 7,5 bilhões de dólares. </li></ul><ul><li>Maior doador individual da campanha ...
BA model Origem do SF redes: Crescimento e Conexão Preferencial Barabási & Albert,  Science  286, 509 (1999) CRESCIMENTO: ...
 
Ciência das Redes <ul><li>Paul Erdös, Duncan Watts e Albert-László Barabási </li></ul><ul><li>Emergência, redes sociais, e...
Conceitos <ul><li>Laço: relação entre atores sociais para fins econômicos </li></ul><ul><li>As transações econômicas estão...
Um Mundo Pequeno <ul><li>Rede de propriedade definida pelos laços de participação societária entre donos e firmas. </li></...
Jogos de Elite <ul><li>Os grupos empresariais e suas interdependências </li></ul><ul><li>Doadores para a campanha presiden...
Referências <ul><li>LAZZARINI, S. Capitalismo de Laços. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010. </li></ul><ul><li>BARABASI, A. “Li...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Capitalismo de laços

2.872 visualizações

Publicada em

Livro: Capitalismo de Laços: Os Donos do Brasil e suas Conexões

http://www.sergiolazzarini.insper.edu.br/

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.872
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
36
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Capitalismo de laços

  1. 1. Capitalismo de Laços Prof. Mateus Cozer 2/1/2011
  2. 2. Agenda <ul><li>Descrever a dinâmica do capitalismo de laços no Brasil </li></ul><ul><li>Mudar tudo para não mudar nada </li></ul><ul><li>O papel do BNDES </li></ul><ul><li>Jogos de elite </li></ul><ul><li>As empresas que abriram capital no período 2004-2009 </li></ul>
  3. 3. Capitalismo de Laços <ul><li>Os donos do Brasil e suas conexões </li></ul><ul><li>Livro brilhante do Prof. Sérgio Lazzarini (2010) </li></ul><ul><li>Técnicas de análise de redes </li></ul><ul><ul><li>Bruce Kogut – The small world of corporate governance </li></ul></ul><ul><ul><li>Gerald McDermott – Embedded Politics </li></ul></ul><ul><ul><li>Gordon Walker – The small world of firm ownership </li></ul></ul><ul><ul><li>Robert Gibbons – Relational contracts </li></ul></ul><ul><li>Redes de proprietários no Brasil como mundos pequenos </li></ul>
  4. 4. Os donos do poder <ul><li>Grau de entrelaçamento societário desde 1996 </li></ul><ul><li>Conceito de laço, aglomerações e atores de conexão </li></ul><ul><li>Cada R$ 100 mil de doação a políticos vencedores provocaria um incremento de 2,8% no valos da capitalização de mercado dos doadores. </li></ul><ul><li>Crise financeira de 2008. </li></ul>
  5. 5. Eike Batista <ul><li>Dono de uma fortuna de 7,5 bilhões de dólares. </li></ul><ul><li>Maior doador individual da campanha presidencial de Lula em 2006. </li></ul><ul><li>Imerso em um emaranhado de contatos, alianças e estratégias de apoio gravitando em torno de interesses políticos e econômicos. </li></ul>
  6. 6. BA model Origem do SF redes: Crescimento e Conexão Preferencial Barabási & Albert, Science 286, 509 (1999) CRESCIMENTO: adicionar um novo nó com m Links CONEXÃO PREFERENCIAL : a probabilidade que um nó se conecta a um nó com links k é proporcional a k. P(k) ~k -3 (1) Redes de expanção continua por meio da adição de novos nodos WWW : adição de novos documentos (2) Novo link para nós preferimos nodos altamente ligado. WWW : bem conhecida a ligação entre sites
  7. 8. Ciência das Redes <ul><li>Paul Erdös, Duncan Watts e Albert-László Barabási </li></ul><ul><li>Emergência, redes sociais, e mundos pequenos </li></ul><ul><li>Hubs e conectores </li></ul>
  8. 9. Conceitos <ul><li>Laço: relação entre atores sociais para fins econômicos </li></ul><ul><li>As transações econômicas estão imersas em um tecido de relações sociais. </li></ul><ul><li>Preocupa-se com a opacidade da firma, sob a ótica do programa de mercados e hierarquias de Oliver Williamson. </li></ul><ul><li>A economia institucional ( New Institutional Economics ) e a sociologia econômica ( Wirtschaftssoziologie ) possuem um diálogo por meio dos autores Mark Granovetter e Oliver Williamson. </li></ul>
  9. 10. Um Mundo Pequeno <ul><li>Rede de propriedade definida pelos laços de participação societária entre donos e firmas. </li></ul><ul><ul><li>Firmas: Embraer, Vale </li></ul></ul><ul><ul><li>Proprietários: Bozano, Previ, Bradesco, BNDES, Mitsui, Oppenheimer </li></ul></ul><ul><li>Aglomerações, atores de ligação e os mundos pequenos (small worlds) </li></ul><ul><li>Conectores: fundos de pensão de estatais e o BNDES </li></ul>
  10. 11. Jogos de Elite <ul><li>Os grupos empresariais e suas interdependências </li></ul><ul><li>Doadores para a campanha presidencial de Lula em 2006: Vale, Camargo Corrêa, banco Itaú </li></ul><ul><li>Redes de grupos no Brasil: Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa, Vale </li></ul><ul><li>Principais donos das IPOs: BNDES, Credit Suisse, UBS (BTG Pactual) </li></ul><ul><li>Conselheiros de interligação: José Mauro Mettrau, Raphael Magalhães e Antonio Bonchristiano </li></ul>
  11. 12. Referências <ul><li>LAZZARINI, S. Capitalismo de Laços. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010. </li></ul><ul><li>BARABASI, A. “Linked”. New York: Plume, 2003. </li></ul><ul><li>WATTS, D. Six Degrees. New York: Norton, 2003. </li></ul><ul><li>Twitter.com/mtscozer. </li></ul>

×