Atividade 1 o dono

270 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
270
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atividade 1 o dono

  1. 1. Planejar a reescrita, listando os episódios do texto” Odono da luz”- TODO MUNDO VIVIA NAS TREVAS. DIA E NOITE NÃO EXISTIAM.- PROCURAVAM COMIDA NA ESCURIDÃO.- SÓ CONHECIAM A LUZ DO FOGO.- UM HOMEM QUE TINHA DUAS FILHAS SOUBE DE UM JOVEM QUETINHA A LUZ.- MANDA A FILHA MAIS VELHA BUSCAR O DONO DA LUZ.- HAVIA MUITOS CAMINHOS E ELA PEGA O ERRADO.- A MOÇA ENCONTRA O VEADO E SE DISTRAI COM ELE.- VOLTA SEM A LUZ.- O PAI MANDA A FILHA MAIS NOVA BUSCAR O DONO DA LUZ.- ELA PEGA O CAMINHO CERTO E ANDA MUITO.- ELA ENCONTRA O DONO DA LUZ E DIZ QUE VAI FICAR COM ELE UMPOUCO E QUE FOI BUSCAR A LUZ.- O JOVEM DIZ QUE A ESPERAVA E QUE ELA DEVERIA VIVER COM ELE.- ELE MOSTRA A LUZ PARA A MOÇA, DENTRO DE UM BAÚ.- A LUZ ILUMINA OS DOIS.- TODOS OS DIAS ELES SE DISTRAEM COM A LUZ.- A MOÇA SE LEMBRA QUE DEVE VOLTAR PARA O PAI.- O JOVEM DÁ A LUZ DE PRESENTE, POR TEREM SE TORNADO AMIGOS.- ELA REGRESSA E ENTREGA A LUZ AO PAI.- O PAI PENDURA A LUZ NO PAU QUE SUSTENTA A PALAFITA.- A LUZ ILUMINA O RIO, OS FRUTOS E AS FOLHAS.- A NOTÍCIA SE ESPALHA.- O POVO ENTRA NAS UBÁS E VAI VER A LUZ.- COMEÇA A FICAR CHEIO DE GENTE E A PALAFITA ONDE MORAM MALSE SUPORTA.- O PAI FICA NERVOSO, SOCA O BAÚ E JOGA A LUZ PARA O CÉU.- A LUZ VAI PARA O LESTE E O BAÚ PARA O OESTE.- DO CORPO DA LUZ SURGE O SOL E DO BAÚ SURGE A LUA,FORMANDO O DIA E A NOITE.- PELO IMPULSO ELES ANDAM MUITO DEPRESSA E O DIA E A NOITEPASSAM MUITO RAPIDAMENTE.- O PAI PEDE A FILHA MAIS NOVA BUSCAR UMA TARTARUGA.
  2. 2. - ELE DÁ A TARTARUGA DE PRESENTE AO SOL E PEDE PARA ELEESPERAR O BICHO.- O SOL PASSA A ANDAR MAIS DEVAGAR E O DIA A NOITE PASSAM AANDAR COMO HOJE.ATIVIDADE 1: PARA INÍCIO DE CONVERSAO dono da luzNo princípio, todo mundo vivia nas trevas. Os waraos procuravam oque comer na escuridão, e a u´nica luz que conheciam provinha dofogo que obtinham da madeira. Não existiam então nem o dia nema noite. Um dia, um homem que possuía duas lindas filhas ficousabendo que existia um jovem que era dono da luz. Então, chamoua filha mais velha e disse-lhe:- Vá até onde se encontra o dono da luz e traga-o para mim.Ela fez sua trouxa e partiu. Mas encontrou pela frente muitoscaminhos e acabou tomando um que a levou até a casa do veado.Ali conheceu o animal e acabou se distraindo a brincar com ele .Em seguida, voltou à casa do pai sem trazer a luz. Então o paidecidiu enviar a filha mais nova.- Vá até onde se encontra o jovem dono da luz e traga-o para mim.A jovem tomou o caminho certo e, depois de muito andar, chegou àcasa do dono da luz e disse-lhe:- Vim para conhecê-lo, ficar um pouco com você e obter a luz parao meu pai.O dono da luz lhe respondeu:
  3. 3. - Eu já esperava por você. Agora que chegou, viverá comigo.Então o jovem pegou um baú de junco que tinha a seu lado e, commuito cuidado, abriu-o. A luz iluminou imediatamente seus braços eseus dentes brancos. Iluminou também os cabelos e os olhosnegros da jovem. Foi assim que ela descobriu a luz. O jovem,depois de mostrar a luz à moça, voltou a guardá-la.Todos os dias, o dono da luz a tirava do baú para que se fizesse aclaridade e ele pudesse se distrair com a jovem. E assim foipassando o tempo. Até que a moça se lembrou de que tinha quevoltar para casa e levar ao pai a luz que viera buscar. O dono daluz, que já tinha ficado amigo da moça, deu a ela, de presente, aluz.- Tome a luz, leve-a para você. Assim poderá ver tudo.A jovem regressou à casa do pai e entregou-lhe a luz fechada nobaú de junco. O pai pegou o baú, abriu-o e pendurou-o num dospaus que sustentavam a palafita em que moravam. De imediato, osraios de luz iluminaram a água do rio, as folhas dos mangues e osfrutos do cajueiro.Quando nos vários povoados do delta do rio Orinoco, espalhou-sea notícia de que existia uma família que possuía a luz, os waraoscomeçaram a vir conhecê-la. Chegaram em suas ubás do rioAraguabisi, do rio Mánam,o e do rio Amacuro. Eram ubás e maisubás, cheias de gente e mais gente. Até que chegou um momentoem que a palafita já não podia aguentar o peso de tanta gentemaravilhada com a luz. E ninguém ia embora, pois ninguém queriacontinuar vivendo na escuridão, já que com a claridade a vida eramuito mais agradável.
  4. 4. Por fim, o pai das moças não pôde mais suportar tanta gentedentro e fora de sua casa.- vou pôr fim nisto - disse. - todos querem a luz? Pois lá vai ela!E com um soco quebrou o baú e atirou a luz ao céu. O corpo da luzvoou para o leste, e o baú, para o oeste. Do corpo da luz fez-se osol, e do baú em que ela estava guardada surgiu a lua, cada um deum lado. mas, como eles ainda estavam sob o impulso da força dobraço que as lançara longe, sol e lua andavam muito rápido. O dia ea noite eram, assim,muito curtos, e a cada instante amanhecia eanoitecia.Então o pai disse à filha mais nova:-Traga-me uma tartaruga. Quando a tartaruga chegou às sua mãos,esperou que o sol estivesse sobre sua cabeça e lançou-a a ele,dizendo-lhe:- Tome essa tartaruga. É sua, é um presente que lhe dou. Esperepor ela.A partir desse momento, o sol ficou esperando a tartaruguinha. E,no dia seguinte, ao amanhecer, viu-se que o sol caminhavalentamente, como a tartaruga, exatamente como anda hoje em dia,iluminando até que a noite chegue.

×