3 noções básicas para automação de testes efetivos - Taíse Dias da Silva

337 visualizações

Publicada em

Como criar testes automatizados com alto valor de negócio e baixo custo de manutenção de código para construir software com qualidade? Não é novidade que uma das práticas para um time construir software com qualidade é a adoção de testes no processo de desenvolvimento. Mas é muito importante que os testes sejam efetivos para garantir a qualidade das funcionalidades já implementadas e das novas funcionalidades. Esta palestra tem como objetivo compartilhar padrões e ferramentas que, quando combinados, podem oferecer testes automatizados com alto valor de negócio e de baixa manutenção seguindo três passos: definir o valor do negócio, automatizar testes e refatorar para baixa manutenção.

Publicada em: Software
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
337
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3 noções básicas para automação de testes efetivos - Taíse Dias da Silva

  1. 1. 1 3  noções  básicas     para  automação  de   testes  efetivos Taíse  Dias  da  Silva
  2. 2. 2 Apresentação Use  #TWnaMTC2015  e   siga  ThoughtWorks_pt   pra  concorrer  ao  livro   Antologia  Brasil    @taisedias      taisedias                              taise-­‐dias-­‐da-­‐silva Taíse  Dias  da  Silva
  3. 3. 3 Sumário 1.Por  que  automatizar  testes?   2.Passo  1:  definir  o  valor  do  negócio   3.Passo  2:  automatizar  os  testes   4.Passo  3:  refatorar  para  baixa  manutenção
  4. 4. 4 Por  que  automatizar  testes? Source: http://gatariadavila.blogspot.com.br/
  5. 5. 5 Por  que  automatizar  testes? Source: http://gatariadavila.blogspot.com.br/
  6. 6. 6 Passo  1:  Definir  o  valor  do  negócio -­‐ Não  testar  por  testar   -­‐ Escrever  narrativas  -­‐  valor  da  funcionalidade   -­‐ Escrever  através  de  exemplos  em  texto  puro   antes  de  implementar  (BDD)   -­‐ Pegar  feedback  do  cliente   -­‐ E  se  estiver  errado?   -­‐ Vocabulário  específico  do  domínio  do   negócio   -­‐ Cucumber:  documentação  viva
  7. 7. 7 Passo  1:  Definir  o  valor  do  negócio
  8. 8. 8 Passo  1:  Definir  o  valor  do  negócio
  9. 9. 9 Passo  2:  Automatizar  os  testes
  10. 10. 10 Passo  2:  Automatizar  os  testes Selenium  Web  Driver:   -­‐ iniciada  em  2004  pelo  ThoughtWorker   Jason  Huggins   -­‐ simula  ações  no  browser   -­‐ movido  por  código,  linguagem  de   programação   PageObject:   -­‐ mapea  os  elementos  da  classe  em  uma   página  usando  seus  elementos
  11. 11. 11 Passo  2:  Automatizar  os  testes
  12. 12. 12 Passo  2:  Automatizar  os  testes
  13. 13. 13 Passo  2:  Automatizar  os  testes
  14. 14. 14 Passo  2:  Automatizar  os  testes -­‐  Testes  em  linguagem  natural  com   Cucumber  +  Selenium   -­‐  Testes  automatizados  =  documentação  +   executável  +  manutenível   -­‐  Melhor  do  que  ferramentas  como  TestLink     -­‐  manutenção  da  documentação     -­‐  execução
  15. 15. 15 Passo  3:  Refatorar  para  manter
  16. 16. 16 Passo  3:  Refatorar  para  manter -­‐ Uso  do  padrão  page  object   -­‐ Escrever  funcionalidades  declarativas   (não  incluir  informações  técnicas)
  17. 17. 17 Passo  3:  Refatorar  para  manter -­‐ Evitar  passos  que  contêm  duas  ações
  18. 18. 18 Passo  3:  Refatorar  para  manter -­‐ Evitar  passos  que  contêm  duas  ações
  19. 19. 19 Revisão -­‐ Automatizar  para:   -­‐ ter  mais  segurança  de  que  novas   funcionalidades  não  impactarão   negativamente  as  existentes   -­‐ feedback  constante  sobre  alterações  no   código
  20. 20. 20 Revisão -­‐ Automatizar  em  3  passos:   -­‐ definir  valor  de  negócio  utilizando   ferramenta  de  BDD   -­‐ utilizar  biblioteca  de  automação  junto  com   padrões  de  projeto  como  page  object  para   implementar  a  face  de  negócio  da   ferramenta   -­‐ refatorar  código  de  teste
  21. 21. 21 @taisedias E  assim  criar  testes  automatizados  com  alto   valor  de  negócio  e  baixo  custo  de  manutenção.

×