Prêmio	
  Octo	
  2013	
  
Ficha	
  de	
  Inscrição	
  	
  
DADOS	
  DO	
  CLEINTE	
  
Razão	
  Social:	
  Vallourec	
  Tu...
Bairro:	
  Santa	
  Lúcia	
  
Cidade:	
  Belo	
  Horizonte	
  
Estado:	
  MG	
  	
  
CEP:	
  30360-­‐552	
  
País:	
  Bras...
1.	
  Resumo	
  do	
  case	
  (máximo	
  de	
  1000	
  caracteres)	
  
	
  Este	
   case	
   retrata	
   como	
   um	
   p...
 
2.	
  Problema	
  /	
  objetivo	
  (máximo	
  de	
  2000	
  caracteres)	
  

Líder	
   mundial	
   na	
   fabricação	
  ...
3.	
  A	
  estratégia	
  (máximo	
  de	
  2000	
  caracteres)	
  
Primeiramente,	
  foi	
  preciso	
  impressionar	
  pelo...
 
	
  
5.	
  Resultados	
  obtidos	
  (máximo	
  de	
  2000	
  caracteres)	
  
De	
   imediato,	
   a	
   Vallourec	
   pe...
 
	
  
	
  
	
  
Os	
  clientes	
  e	
  agências	
  participantes	
  outorgam	
  e	
  cedem	
  à	
  entidade	
  organizado...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Case Vallourec

506 visualizações

Publicada em

Case insc

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
506
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Case Vallourec

  1. 1. Prêmio  Octo  2013   Ficha  de  Inscrição     DADOS  DO  CLEINTE   Razão  Social:  Vallourec  Tubos  do  Brasil  S.A.   Nome  Fantasia:  Vallourec   CNPJ/CPF:  17.170.150/0001-­‐46   Telefone:  (31)  3328.2513   Endereço:  Av.  Olinto  Meireles   Número:  65   Complemento:   Bairro:  Barreiro  de  baixo   Cidade:  Belo  Horizonte   Estado:  MG   CEP:  30640-­‐010   País:  Brasil   Presidente,  Diretor  ou  Gerente  Geral  responsável  pela  inscrição  do  case  e   veracidade  das  informações  aqui  apresentadas   Responsável:  Marco  Antônio  Dias   CNPJ/CPF:  675.309.   826-­‐72   Cargo:  Coordenador  de  Comunicação       DADOS  DA  AGÊNCIA   Razão  Social:  Filadélfia  Comunicação  Ltda.   Nome  Fantasia:  Filadélfia  Comunicação   CNPJ/CPF:  02.827.027/0001-­‐88   Telefone:  3516-­‐0100   Endereço:  Rua  Turim   Número:  99   Complemento:  2º  andar  
  2. 2. Bairro:  Santa  Lúcia   Cidade:  Belo  Horizonte   Estado:  MG     CEP:  30360-­‐552   País:  Brasil   Diretor,  Gerente  Geral,  Comercial,  Marketing  ou  Comunicação  responsável  pela  inscrição   da  case  e   veracidade  das  informações  aqui  apresentadas   Responsável:  Gustavo  Jabrazi   CNPJ/CPF:  850.993.096-­‐15   Cargo:  Diretor  de  Planejamento     DADOS  DO  CONTATO   Nome:  Gustavo  Jabrazi   Cargo:  Diretor  de  Planejamento   E-­‐mail:  gustavo@filadelfiacom.com.br   Telefone:  (31)  3516.0100   Telefone  Celular:  (31)  9136-­‐9415     DADOS  DA  INSCRIÇÃO   Marca  da  instituição,  produto,  serviço  ou  equivalente:  Vallourec   Título  do  case:  “Lixo”   Categoria:  Indústria   Faturamento  Anual  (preenchimento  obrigatório  para  cases  inscritos  na  categoria  Micro  e   Pequenas  Empresas):   Período  de  veiculação  (dd-­‐mm-­‐aaaa):  16/05/2013  a  16/06/2013   Início:    16/05/2013   Término:  16/06/2013        
  3. 3. 1.  Resumo  do  case  (máximo  de  1000  caracteres)    Este   case   retrata   como   um   problema   pode   ser   resolvido   utilizando   o   próprio   problema   como  a  solução  perfeita  para  conscientizar  as  pessoas.   A  unidade  de  Tubos  da  Vallourec,  no  Brasil,  situada  em  Belo  Horizonte,  emprega  cerca  de   4,5   mil   empregados,   além   de   outros   2,5   mil   terceiros.   Diversos   programas   de   qualidade   são   permanentemente   aplicados   visando   o   melhor   desempenho   dos   seus   colaboradores   e   uma  maior  produtividade  da  empresa.   Contudo,   nos   últimos   meses,   uma   cartilha   passou   a   ser   esquecida:   a   da   educação   e   consciência   sustentável.   A   empresa   passou   a   ficar   extremamente   suja,   sobretudo   nos   arredores  dos  refeitórios.  Muito  lixo  era  descartado  fora  das  lixeiras  e  isso  passou  a  gerar   mais  despesas  com  manutenção,  além  de  poluir  as  instalações.   O  desafio  estava  lançado:  mostrar  o  volume  excessivo  de  lixo  recolhido  para  sensibilizar  e   educar  os  funcionários  e  terceiros  sobre  a  importância  de  jogar  o  lixo  no  lixo  e  de  separar   aquilo  que  não  é  lixo  (recicláveis).                                    
  4. 4.   2.  Problema  /  objetivo  (máximo  de  2000  caracteres)   Líder   mundial   na   fabricação   de   tubos   de   aço   sem-­‐costura,   a   Vallourec   possui   uma     capacidade   total   de   produção   de   3   milhões   de   toneladas   de   tubos   laminados.   Das   suas   unidades  espalhadas  pelo  mundo,  uma  está  localizada  em  Belo  Horizonte  e  emprega  4,5   mil  empregados  e  outros  2,5  mil  terceiros.       Essa  grande  quantidade  de  colaboradores  faz  com  que  a  empresa  tenha  em  sua  pauta  uma   política  de  incentivo  visando  estimular  o  descarte  consciente,  utilizando  a  coleta  seletiva,   para  manter  sua  unidade  com  o  menor  nível  de  resíduos  possível.     Nos   últimos   meses,   a   Vallourec   passou   por   um   problema   crítico:   Apesar   das   inúmeras   campanhas  feitas  periodicamente  estimulando  o  uso  correto  das  lixeiras  e  a  separação  dos   resíduos,   um   grande   volume   de   lixo   ainda   era   recolhido   do   chão,   sobretudo   nos   arredores   dos  refeitórios.     O   grupo   gestor   Vallourec   criou   uma   comissão   especial   para   estudar   o   problema   e   apresentar   propostas   para   solucionar   esse   mau   hábito   dos   seus   funcionários.   Por   mês   a   Vallourec   coletava   duas   toneladas   de   lixo,   principalmente   copos   descartáveis,   palitos   de   dente   e   palito   e   papel   de   picolé.   Simplesmente   descartados   no   chão,   principalmente   na   porta  dos  refeitórios.         A   Vallourec   sempre   fez   campanhas   educativas   de   coleta   seletiva.   Produziu   diversos   folhetos,  cartilhas,  fez  ações  internas,  renovou  as  lixeiras  e  treinou  gestores  para  orientar   seus   colaboradores.   Mas   as   ações   preventivas   perderam   o   efeito   ao   longo   do   tempo.   As   pessoas   negligenciavam   as   informações   e   sujavam   a     empresa.   Precisávamos   dar   um   eletro-­‐choque  para  que  essa  consciência  retomasse  a  sua  ação.  O  desafio  era  reensinar  e   mudar  os  maus    hábitos.      
  5. 5. 3.  A  estratégia  (máximo  de  2000  caracteres)   Primeiramente,  foi  preciso  impressionar  pelo  volume  absurdo  de  sujeira  acumulada.  Mais   do  que  informar,  os  colaboradores  precisavam  ver  o  quanto  de  lixo  eles  mesmos  estavam   descartando  no  chão  e  assim  tornando  o  ambiente  de  trabalho  sujo.     Durante   um   mês,   recolhemos   todos   os   descartes   nos   pontos   com   a   maior   incidência   de   sujeira   na   Vallourec.   Todo   o   lixo   coletado   foi   devidamente   separado   e,   a   partir   daí,   a   campanha   criou   vida.   Centenas   de   copos   descartáveis,   palitos   de   dente,   de   picolé   e   guardanapos  iriam  protagonizar  uma  campanha  interna  nos  principais  pontos  de  contato   da   empresa.   Um   volume   que   impressionava   e   mostrava   que   o   problema   era   realmente   muito  maior  que  se  poderia  imaginar.     O   mote   da   campanha,   então,   chamava   para   a   dimensão   desse   fato   e   sem   rodeios:   “O   problema  é  muito  maior  do  que  você  imagina”.       4.  Táticas  adotadas  (máximo  de  2000  caracteres)   Dispunhamos   apenas   das   mídias   existentes   dentro   da   unidade   Vallourec.   Precisávamos   utilizas  esses  canais  de  uma  forma  que  fugisse  do  habitual.  Afinal  de  contas,  esses  canais  já   existiam  lá  há  algum  tempo  e  já  faziam  parte  da  paisagem  da  empresa.   Abrigos  de  passageiros,  outdoors,  megabanners  e  cartazes  foram  criados  a  partir  de  cada   um  dos  lixos  selecionados.     Mostramos  um  volume  enorme  de  palitos  de  picolé  colados  no  outdoor  e  que  criava  uma   estética  para  chamar  atenção  para  uma  mensagem  complementar:  “Este  outdoor  é  feito   do  lixo  encontrado  aqui  no  chão.  Imagina  se  a  gente  parar  de  recolher”.  Cartazes  lotados   de  guardanapos  de  papel  usados  levavam  o  mesmo  impacto  de  estética  e  mensagem.     Banners  com  palitos  de  dente  e  copos  descartáveis  também  impressionaram  pelo  volume   de  lixo  descartado.  Em  cada  uma  das  mídias  uma  forma  diferenciada  de  abordagem.  Seja   pela   estética   na   utilização   do   lixo   coletado,   seja   pelos   impressionantes   números   que   retratavam  a  situação  de  lixo  recolhido  pela  empresa.     è  Valor  total  investido  na  campanha:  R$17.324,56      
  6. 6.     5.  Resultados  obtidos  (máximo  de  2000  caracteres)   De   imediato,   a   Vallourec   percebeu   que   o   impacto   causado   já   havia   influenciado   seus   colaboradores.   Era   visível   nos   arredores   dos   refeitórios   que   o   número   de   descartes   já   reduzia  gradativamente.     Na   primeira   semana,   dos   500   quilos   coletados   normalmente,   apenas   200   quilos   foram   recolhidos.   Outros   400   quilos   haviam   sido   descartados   no   lugar   correto.   Uma   queda   de   80%.     Ao  final  da  campanha,  a  conversão  foi  ainda  maior:  uma  redução  de  95%  na  coleta.     Com  uma  média  de  4  quilos  de  lixo  por  mês,  a  situação  foi  controlada.                                            
  7. 7.         Os  clientes  e  agências  participantes  outorgam  e  cedem  à  entidade  organizadora  do  Prêmio   Octo   os   direitos   de   publicação   e   divulgação   de   informações   dos   cases   premiados,   com   a   finalidade  de  serem  difundidas  ou  debatidas  publicamente  e/ou  utilizadas  para  a  edição  de   publicações  derivadas  do  Prêmio.           Estamos  cientes  e  de  acordo  com  todas  as  cláusulas  do  regulamento.           Assinatura  do  responsável  do  Cliente  pelo  Case           Assinatura  do  responsável  da  Agência  Responsável  Conta  do  Cliente     Esta   ficha   de   inscrição   deverá   ser   impressa   em   2   (duas)   vias,   assinada   e   enviada   para     Grupo  Minas  Marca  -­‐  R.  Grão  Mogol,  1255  -­‐  Sion  -­‐  Belo  Horizonte  -­‐  MG  -­‐  30315-­‐600.              

×