História do Brasil - Colônia - Expansão territorial [www.gondim.net]

10.610 visualizações

Publicada em

História do Brasil - Colônia - Expansão territorial [www.gondim.net]

Publicada em: Educação
0 comentários
8 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.610
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7.556
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
8
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

História do Brasil - Colônia - Expansão territorial [www.gondim.net]

  1. 1. HISTÓRIA DO BRASILBrasil colônia. Expansão territorial Prof. Marco Aurélio Gondim www.gondim.net 1 1
  2. 2. POVOAMENTO• O primeiro momento da colonização portuguesa foi o povoamento litorâneo• Após isso, veio a interiorização da população• Alargamento do território da colônia para além do limite imposto pelo Tratado de Tordesilhas 2
  3. 3. FATORES DA INTERIORIZAÇÃO• Bandeiras / Entradas• Pecuária• Drogas do sertão 3
  4. 4. 4
  5. 5. BANDEIRAS / ENTRADAS• Apresamento de índios reduzidos• Apresamento de rebanhos livres no sul• Sertanismo de contrato• Atividade mineradora (prospecção)• Expedições feitas para expulsar invasores 5
  6. 6. Estudo da Partida da Monção (Almeida Júnior, 1897)Acervo do Palácio dos Bandeirantes 6 6
  7. 7. MONÇÕES• Expedições fluviais que tinham objetivos diversos, como: reconhecimento fluvial, busca de índios, metais preciosos• As rotas das monções foram as principais fontes de abastecimento da região Platina até o início do século XX• Dinamizaram o comércio na região Platina• Ligaram o Atlântico Norte ao Atlântico Sul• Encontraram um caminho alternativo para que pudessem estabelecer contato com as minas do Peru. 7 7
  8. 8. MONÇÕES 8 8
  9. 9. 9
  10. 10. 10
  11. 11. PECUÁRIA• Proibição de criação de gado no litoral• Ocupação do sertão nordestino• Rio São Francisco: rio dos currais• Mão de obra indígena livre assalariada (crias) 11
  12. 12. 12
  13. 13. DROGAS DO SERTÃO• Ocupação do norte do Brasil• Atuação principal das missões jesuíticas• Mão de obra indígena (escambo)• Produtos: ervas aromáticas, plantas medicinais, cacau, canela, baunilha, cravo, castanha-do-pará e guaraná• 1637 - 1639: expedição espanhola de Pedro Teixeira para reconhecer e explorar a região amazônica 13
  14. 14. Atividades econômicas no Brasil no séc. XVIII 14
  15. 15. MISSÕES / REDUÇÕES• Catequização dos índios• Os índios reduzidos não apresentariam perigo aos bandeirantes em suas rotas expedicionárias.• As missões do Itatim, Tape e Guairá contribuíram a expansão bandeirante, porém muitas delas foram saqueadas pelos caçadores de índios por dois motivos: – os índios já estavam civilizados; – já estavam habituados ao trabalho nos moldes capitalistas 15 15
  16. 16. ITATIM• Economia: as missões possuíam renda própria proveniente de suas plantações e do rebanho de gado que superavam a produção de muitas cidades coloniais• Em novembro de 1648, Antônio Raposo Tavares comandou decisivo ataque e destruição das reduções do Itatim 16 16
  17. 17. 17 17
  18. 18. ITATIM• Guarani: Pedra Branca – ita = pedra – tin, contração de morotin = branca• Existência: 1631-1659• Incentivo ao casamento entre espanhóis e índias guaranis: cristianização• Região estratégica para a comunicação entre o Brasil e o Peru, entre o vale do rio Paraguai e o Amazonas 18 18
  19. 19. ITATIM• Os conflitos entre índios e colonos foram ocasionados pela sonegação da mão-de-obra indígena pelos jesuítas• Implantação de frentes itinerantes de catequese• Principal função: fornecer índios encomiendados aos colonos de Xerez às margens do rio Miranda 19 19
  20. 20. ITATIM• Assim como Assunção, o sustento de Xerez foi garantido pelos guaranis encomiendados.• O estabelecimento dos jesuítas no Itatim foi um empecilho às práticas dos colonos.• Complexo de aldeamentos composto pelas missões de Nuestra Señora de la Fe, San José, Angeles e San Pedro, todos aglutinados em torno da cidade de Xerez. 20 20
  21. 21. ORIGEM DE ITATIM• Destruição das Missões de Guairá, causada pelos ataques dos bandeirantes paulistas• O Paraguai colonial compreendia os territórios das antigas províncias do Guairá, Tape, Uruguai e Itatim, além das regiões do Chaco e do Rio da Prata, sendo assim, a sua jurisdição incluía os atuais estados brasileiros do PR, SC, RS e Sul de Mato Grosso (Itatim) 21 21
  22. 22. TRATADOS DE LIMITES 22
  23. 23. TRATADOS DE LIMITES• Ocupação territorial do Brasil feita por Portugal• Necessidade de legalização dessa expansão• Tratado mais importante: Madri de 1750 – Princípio uti possidetis, ita possideatis – Troca de colônias entre Portugal e Espanha• Outras tratados: – Utrecht: 1713 e 1715 – El Pardo: 1761 e 1778 – Santo Ildefonso: 1777 – Badajós: 1801 23
  24. 24. MINERAÇÃO• Descoberta do ouro: 1690• Onde? MG, MT, GO, BA• Tipos de extração: faiscação e lavras• Administração: Intendência das Minas (1702)• Arrecadação de impostos: Casas de Fundição (1720)• Impostos: quinto e capitação – Finta: cota mínima de 100 arrobas anuais – Derrama: cobrança forçada dos impostos atrasados 24
  25. 25. CONSEQUÊNCIAS DA MINERAÇÃO• Surto urbanizador• Surgimento da classe média• Dinamização do mercado interno• Possibilidade de ascensão social• Desenvolvimento de manufaturas• Integração econômica entre as regiões 25
  26. 26. Integração regional causada pela mineração 26
  27. 27. ADMINITRAÇÃO POMBALINA 1750 - 1777• Apogeu do colonialismo português no Brasil• Despotismo esclarecido• Modernização de Portugal• Tentativa de independência em relação à Inglaterra• Expulsão dos jesuítas do Brasil e de Portugal• Monopólio real sobre os diamantes• Extinção das capitanias hereditárias• Transferência da capital: Salvador 27 Rio >>
  28. 28. Prof. Marco Aurélio Gondim www.gondim.net 28 28

×