PAQUISTÃOPAQUISTÃO
BANDEIRABANDEIRA
► BandeiraBandeira
A bandeira do Paquistão se baseiaA bandeira do Paquistão se baseia
em grande parte na ...
DADOS SOBRE O PAQUISTÃODADOS SOBRE O PAQUISTÃO
ECONOMIA
Principais Produtos Econômicos
Agricultura
Trigo, algodão, arroz, ...
DADOS SOBRE O PAQUISTÃODADOS SOBRE O PAQUISTÃO
► População economicamente
ativa (por setores)
 51% Agricultura, silvicult...
DADOS SOBRE O PAQUISTÃODADOS SOBRE O PAQUISTÃO
POPULAÇÃO
 180.000.000 hab
► Densidade demográfica
 157 hab/km2
► Distrib...
CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE
POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO
► O Paquistão realizou eleições parlamen...
CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE
POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO
► 9 de março de 20079 de março de 2007 :...
CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE
POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO
► 15 a 20 de julho de 2007:15 a 20 de ju...
CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE
POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO
► 3 de novembro de 2007:3 de novembro de...
CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE
POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO
► 15 de dezembro de 200715 de dezembro d...
CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE
POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO
► 2 de janeiro de 20082 de janeiro de 20...
Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir
BhuttoBhutto
► A ex-premiê paquistanesaA ex-premiê paquistanesa
Benazir B...
Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir
BhuttoBhutto
► Ela era filha de Zulfikar AliEla era filha de Zulfikar Ali...
Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir
BhuttoBhutto
► Com 24 anos voltou aoCom 24 anos voltou ao
Paquistão, onde...
Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir
BhuttoBhutto
► A morte do ditador Zia emA morte do ditador Zia em
um acid...
Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir
BhuttoBhutto
► Bhutto voltou ao poder emBhutto voltou ao poder em
outubro...
Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir
BhuttoBhutto
► No dia 18 de outubro, no dia deNo dia 18 de outubro, no di...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Atualidades Paquistao Prof. Marco Aurelio Gondim [www.mgondim.blogspot.com]

1.814 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre atualidades do Paquistão. História, Importância, Impactos sociais, atuação de Benazir Bhutto. Prof. Marco Aurélio Gondim [www.mgondim.blogspot.com]. Baixe grátis!

Publicada em: Educação
2 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • GENERIC MESSAGE

    Congratulations for your work ! Thank you for sharing....

    For information, your presentation has been referenced in some of my 34 groups...

    PS : Feel free to visit my 34 groups and you join us. (If not already). I'm sure some will grab your interest... You're welcome. If you wish, you can view a list of all our groups here: http://www.slideshare.net/Bern7/list-of-all-our-groups-slideshare
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • GENERIC MESSAGE

    Congratulations for your work ! Thank you for sharing....

    For information, your presentation has been referenced in some of my 34 groups...

    PS : Feel free to visit my 34 groups and you join us. (If not already). I'm sure some will grab your interest... You're welcome. If you wish, you can view a list of all our groups here: http://www.slideshare.net/Bern7/list-of-all-our-groups-slideshare
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.814
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
61
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
57
Comentários
2
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atualidades Paquistao Prof. Marco Aurelio Gondim [www.mgondim.blogspot.com]

  1. 1. PAQUISTÃOPAQUISTÃO
  2. 2. BANDEIRABANDEIRA ► BandeiraBandeira A bandeira do Paquistão se baseiaA bandeira do Paquistão se baseia em grande parte na da Ligaem grande parte na da Liga Muçulmana Indiana, que liderou oMuçulmana Indiana, que liderou o movimento para a independênciamovimento para a independência do país. A lua quarto crescente, ado país. A lua quarto crescente, a estrela e o fundo verdeestrela e o fundo verde representam a maioria islâmica dorepresentam a maioria islâmica do país. A faixa branca foipaís. A faixa branca foi acrescentada em 1947 em sinal deacrescentada em 1947 em sinal de tolerância com outras crenças.tolerância com outras crenças. ► Fonte: "Paquistão", EnciclopédiaFonte: "Paquistão", Enciclopédia Microsoft(R) Encarta(R) 99. (c)Microsoft(R) Encarta(R) 99. (c) 1993-1998 Microsoft Corporation.1993-1998 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.Todos os direitos reservados.
  3. 3. DADOS SOBRE O PAQUISTÃODADOS SOBRE O PAQUISTÃO ECONOMIA Principais Produtos Econômicos Agricultura Trigo, algodão, arroz, milho, cana-de-açúcar Pesca Sardinhas, camarão, tubarão, atum, outros pescados Mineração Petróleo, calcário, sal, gesso, areia de silício, gás natural, carvão Indústria Têxteis, bens de consumo, produtos alimentícios, cimento, materiais de engenharia
  4. 4. DADOS SOBRE O PAQUISTÃODADOS SOBRE O PAQUISTÃO ► População economicamente ativa (por setores)  51% Agricultura, silvicultura e pesca  29% Comércio e serviços  20% Indústria ► Principais exportações  Fibras de algodão, roupa, alimentos (especialmente arroz) ► Principais importações  Maquinaria, petróleo e seus derivados, equipamento para transporte, óleos vegetais comestíveis, produtos químicos e metais ferrosos ► Principais parceiros comerciais  Japão, Estados Unidos, Alemanha, Reino Unido, Arábia Saudita, Hong Kong ► Moeda  Rúpia paquistanesa ► Fontes:  EIU reports  Europa World Year Book  International Financial Statistics  Microsoft Encarta.
  5. 5. DADOS SOBRE O PAQUISTÃODADOS SOBRE O PAQUISTÃO POPULAÇÃO  180.000.000 hab ► Densidade demográfica  157 hab/km2 ► Distribuição da população  32% Urbana  68% Rural ► Principais cidades  Karachi  Lahore  Faisalabad ► Línguas  Língua oficial ► Urdu e inglês  Outras línguas ► Punjabi (mais falada), pashto, sindhi, saraiki, baluchi ► Religiões  97% Muçulmanos  3% Outros ► incluindo cristãos, hindus e budistas ► Fontes:  Europa World Year Book 1995  Statesman’s Year-Book 1995-96  Microsoft« Encarta
  6. 6. CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO ► O Paquistão realizou eleições parlamentares emO Paquistão realizou eleições parlamentares em 18/02/2008, após quase um ano de crise política18/02/2008, após quase um ano de crise política que enfraqueceu o ditador Pervez Musharraf eque enfraqueceu o ditador Pervez Musharraf e culminou no assassinato da ex-primeira-ministraculminou no assassinato da ex-primeira-ministra Benazir Bhutto, em 27 de dezembro de 2007.Benazir Bhutto, em 27 de dezembro de 2007. ► A instabilidade teve início em março de 2007,A instabilidade teve início em março de 2007, quando Musharraf afastou o presidente doquando Musharraf afastou o presidente do Supremo Tribunal, Iftikhar Chaudhry, e gerou umaSupremo Tribunal, Iftikhar Chaudhry, e gerou uma onda de protestos de advogados e da oposiçãoonda de protestos de advogados e da oposição
  7. 7. CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO ► 9 de março de 20079 de março de 2007 : Presidente Musharraf afasta o: Presidente Musharraf afasta o presidente Supremo Tribunal paquistanês, Iftikharpresidente Supremo Tribunal paquistanês, Iftikhar Chaudhry, alegando abuso de poder. ChaudhryChaudhry, alegando abuso de poder. Chaudhry cuidava de casos contra os interesses do regime. Acuidava de casos contra os interesses do regime. A suspensão desata uma onda de protestos desuspensão desata uma onda de protestos de advogados, a quem se somam ativistas da oposição.advogados, a quem se somam ativistas da oposição. ► 12 e 13 de maio de 200712 e 13 de maio de 2007 : Um choque entre grupos: Um choque entre grupos pró-Musharraf e seguidores de Chaudhry deixa 41pró-Musharraf e seguidores de Chaudhry deixa 41 mortos na cidade de Karachi, no sul do país, onde omortos na cidade de Karachi, no sul do país, onde o chefe do Supremo pretendia participar de um atochefe do Supremo pretendia participar de um ato público em seu apoio.público em seu apoio. ► 10 e 11 de julho de 200710 e 11 de julho de 2007 : Cem pessoas, segundo: Cem pessoas, segundo cifras oficiais, e 300, segundo fontes do serviço secretocifras oficiais, e 300, segundo fontes do serviço secreto paquistanês, morrem em ataque das forças depaquistanês, morrem em ataque das forças de segurança à Mesquita Vermelha de Islamabad,segurança à Mesquita Vermelha de Islamabad, esconderijo de radicais islâmicos.esconderijo de radicais islâmicos.
  8. 8. CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO ► 15 a 20 de julho de 2007:15 a 20 de julho de 2007: 11 atentados terroristas em11 atentados terroristas em resposta ao ataque à Mesquita Vermelha, sobretudo nas tribosresposta ao ataque à Mesquita Vermelha, sobretudo nas tribos da fronteira com o Afeganistão. Mais de 150 pessoas morrem.da fronteira com o Afeganistão. Mais de 150 pessoas morrem. ► 20 de julho de 2007:20 de julho de 2007: O Supremo Tribunal restitui o cargo aO Supremo Tribunal restitui o cargo a Chaudhry. Presidente Musharraf acata o veredicto.Chaudhry. Presidente Musharraf acata o veredicto. ► 10 de setembro de 2007:10 de setembro de 2007: O ex-premiê Nawaz Sharif retornaO ex-premiê Nawaz Sharif retorna ao Paquistão depois de sete anos no exílio. Horas depois, éao Paquistão depois de sete anos no exílio. Horas depois, é deportado pelo regime de Musharraf à Arábia Saudita, apesar dedeportado pelo regime de Musharraf à Arábia Saudita, apesar de uma decisão Supremo Tribunal que autorizava sua volta.uma decisão Supremo Tribunal que autorizava sua volta. ► 6 de outubro de 2007:6 de outubro de 2007: Musharraf vence a eleiçãoMusharraf vence a eleição presidencial. O Supremo Tribunal bloqueia os resultados até quepresidencial. O Supremo Tribunal bloqueia os resultados até que se resolvam recursos da oposição.se resolvam recursos da oposição. ► 18 de outubro de 2007:18 de outubro de 2007: Bhutto sai ilesa de um duploBhutto sai ilesa de um duplo atentado contra sua caravana, que causa 140 mortes duranteatentado contra sua caravana, que causa 140 mortes durante uma cerimônia de boas-vindas promovida por seus seguidores auma cerimônia de boas-vindas promovida por seus seguidores a seu regresso ao Paquistão, depois de passar oito anos no exílio.seu regresso ao Paquistão, depois de passar oito anos no exílio.
  9. 9. CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO ► 3 de novembro de 2007:3 de novembro de 2007: Musharraf impõe estado deMusharraf impõe estado de exceção no Paquistão e destitui a cúpula do Supremoexceção no Paquistão e destitui a cúpula do Supremo Tribunal, entre eles Chaudhry.Tribunal, entre eles Chaudhry. ► 20 de novembro de 2007:20 de novembro de 2007: A comissão eleitoral defineA comissão eleitoral define a data das eleições legislativas para 8 de janeiro.a data das eleições legislativas para 8 de janeiro. ► 22 de novembro de 2007:22 de novembro de 2007: O Supremo TribunalO Supremo Tribunal ratifica a validez da reeleição de Musharraf comoratifica a validez da reeleição de Musharraf como presidente.presidente. ► 25 de novembro de 2007:25 de novembro de 2007: O ex-premiê Nawaz SharifO ex-premiê Nawaz Sharif chega ao Paquistão proveniente da Arábia Saudita.chega ao Paquistão proveniente da Arábia Saudita. ► 28 de novembro de 2007:28 de novembro de 2007: Musharraf abandona aMusharraf abandona a chefia das Forças Armadas. É substituído pelo generalchefia das Forças Armadas. É substituído pelo general Ashfaq Pervez Kiyani.Ashfaq Pervez Kiyani. ► 29 de novembro de 2007:29 de novembro de 2007: O ditador, já como civil,O ditador, já como civil, jura um novo mandato presidencial de cinco anos e sejura um novo mandato presidencial de cinco anos e se compromete a por fim ao estado de exceção.compromete a por fim ao estado de exceção.
  10. 10. CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO ► 15 de dezembro de 200715 de dezembro de 2007: Após aprovar novas emendas: Após aprovar novas emendas constitucionais, Musharraf acaba com o estado de exceção econstitucionais, Musharraf acaba com o estado de exceção e restabelece a ordem constitucional.restabelece a ordem constitucional. ► 27 de dezembro de 200727 de dezembro de 2007: A ex-primeira-ministra Benazir: A ex-primeira-ministra Benazir Bhutto morre em um atentado no parque Liaquat, emBhutto morre em um atentado no parque Liaquat, em Rawalpindi, perto de Islamabad, onde um suicida explode aRawalpindi, perto de Islamabad, onde um suicida explode a bomba que portava e um homem armado dispara contra ela.bomba que portava e um homem armado dispara contra ela. ► 28 de dezembro de 200728 de dezembro de 2007: O governo paquistanês vincula o: O governo paquistanês vincula o assassinato de Bhutto à rede terrorista Al Qaeda e assegura queassassinato de Bhutto à rede terrorista Al Qaeda e assegura que ela morreu devido a um golpe, e não dos tiros do atentado queela morreu devido a um golpe, e não dos tiros do atentado que sofreu. A famíilia de Bhutto enterra a ex-premiê em Larkana, nosofreu. A famíilia de Bhutto enterra a ex-premiê em Larkana, no sul do país, sem fazer a autópsia.sul do país, sem fazer a autópsia. ► 30 de dezembro de 200730 de dezembro de 2007: O partido de Bhutto decide realizar: O partido de Bhutto decide realizar comícios liderados por seu viúvo, Asif Ali Zardari. Por vontadecomícios liderados por seu viúvo, Asif Ali Zardari. Por vontade expressa da ex-primeira-ministra, seu filho de 19 anos, Bilawal,expressa da ex-primeira-ministra, seu filho de 19 anos, Bilawal, ocupará seu lugar quando completar os estudos.ocupará seu lugar quando completar os estudos.
  11. 11. CRONOLOGIA DA CRISECRONOLOGIA DA CRISE POLÍTICA NO PAQUISTÃOPOLÍTICA NO PAQUISTÃO ► 2 de janeiro de 20082 de janeiro de 2008 : A comissão eleitoral remarca: A comissão eleitoral remarca a votação para 18 de fevereiro, depois que escritórios ea votação para 18 de fevereiro, depois que escritórios e material eleitoral é destruído durante a onde dematerial eleitoral é destruído durante a onde de violência decorrente do assassinato de Bhutto.violência decorrente do assassinato de Bhutto. Musharraf aceita a ajuda de uma equipe anti-terroristaMusharraf aceita a ajuda de uma equipe anti-terrorista da Scotland Yard para esclarecer a morte da ex-da Scotland Yard para esclarecer a morte da ex- primeira-ministra.primeira-ministra. ► 15 de janeiro de 200815 de janeiro de 2008 : Talebans paquistaneses: Talebans paquistaneses tomam o forte militar de Sararogha, situado na regiãotomam o forte militar de Sararogha, situado na região de Waziristão do Sul, onde o Exército e insurgentesde Waziristão do Sul, onde o Exército e insurgentes mantêm intensos combates durante todo o mês.mantêm intensos combates durante todo o mês. ► 8 de fevereiro de 20088 de fevereiro de 2008 : Um relatório da Scotland: Um relatório da Scotland Yard conclui que Bhutto morreu por um golpe naYard conclui que Bhutto morreu por um golpe na cabeça, e não pelos disparos.cabeça, e não pelos disparos.
  12. 12. Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir BhuttoBhutto ► A ex-premiê paquistanesaA ex-premiê paquistanesa Benazir Bhutto, que foiBenazir Bhutto, que foi morta em 27/12/2007 aosmorta em 27/12/2007 aos 54 anos em um atentado54 anos em um atentado em Rawalpindi, foi aem Rawalpindi, foi a primeira mulher aprimeira mulher a comandar um Estadocomandar um Estado Islâmico.Islâmico. ► Ela foi chefe de governoEla foi chefe de governo do Paquistão durante doisdo Paquistão durante dois mandatos (1988-90 emandatos (1988-90 e 1993-96), mas não1993-96), mas não completou nenhum.completou nenhum.
  13. 13. Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir BhuttoBhutto ► Ela era filha de Zulfikar AliEla era filha de Zulfikar Ali Bhutto, que foi premiê doBhutto, que foi premiê do Paquistão na década dePaquistão na década de 1970 e foi assassinado1970 e foi assassinado pelo ditador general Zia ulpelo ditador general Zia ul Haq. Com a morte deHaq. Com a morte de Zulfikar, a ex-premiêZulfikar, a ex-premiê assumiu a direção do PPP,assumiu a direção do PPP, fundado por seu pai emfundado por seu pai em 1967.1967. ► Bhutto nasceu em KarachiBhutto nasceu em Karachi (sul do país) em 21 de(sul do país) em 21 de junho de 1953. Estudoujunho de 1953. Estudou ciências políticas nasciências políticas nas universidades de Harvard euniversidades de Harvard e Oxford.Oxford.
  14. 14. Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir BhuttoBhutto ► Com 24 anos voltou aoCom 24 anos voltou ao Paquistão, onde viu seuPaquistão, onde viu seu pai ser derrubado epai ser derrubado e assassinado por Ziaassassinado por Zia poucos meses depois.poucos meses depois. ► A partir de então, passouA partir de então, passou longos períodos detida oulongos períodos detida ou em prisão domiciliar, atéem prisão domiciliar, até que em 1984 partiu para oque em 1984 partiu para o exílio em Londres, de ondeexílio em Londres, de onde retornou dois anos depoisretornou dois anos depois para receber uma acolhidapara receber uma acolhida de um milhão de pessoasde um milhão de pessoas em Lahore.em Lahore.
  15. 15. Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir BhuttoBhutto ► A morte do ditador Zia emA morte do ditador Zia em um acidente de avião emum acidente de avião em agosto de 1988 e aagosto de 1988 e a realização de novasrealização de novas eleições a lançaram para oeleições a lançaram para o poder em 2 de dezembropoder em 2 de dezembro do mesmo ano. Nodo mesmo ano. No entanto, em 6 de agosto deentanto, em 6 de agosto de 1990, o presidente Ishaq1990, o presidente Ishaq Khan a destitui porKhan a destitui por acusações de abuso deacusações de abuso de poder, nepotismo epoder, nepotismo e corrupção, dissolveu acorrupção, dissolveu a Assembléia e convocou umAssembléia e convocou um novo pleito.novo pleito.
  16. 16. Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir BhuttoBhutto ► Bhutto voltou ao poder emBhutto voltou ao poder em outubro de 1993, mas apósoutubro de 1993, mas após três anos foi novamentetrês anos foi novamente destituída por denúnciasdestituída por denúncias de corrupção ede corrupção e improbidade administrativa.improbidade administrativa. ► A "líder dos paquistanesesA "líder dos paquistaneses pobres", como ela mesmopobres", como ela mesmo se descreveu, optou entãose descreveu, optou então em 1999 por abandonar oem 1999 por abandonar o Paquistão para um exílioPaquistão para um exílio voluntário, que só terminouvoluntário, que só terminou em outubro de 2007, apósem outubro de 2007, após um acordo com o ditadorum acordo com o ditador do país, Pervez Musharraf.do país, Pervez Musharraf.
  17. 17. Saiba mais sobre BenazirSaiba mais sobre Benazir BhuttoBhutto ► No dia 18 de outubro, no dia deNo dia 18 de outubro, no dia de sua volta ao país, violentossua volta ao país, violentos ataques atingiram o comboioataques atingiram o comboio que a seguia. Explosõesque a seguia. Explosões ocorreram perto do caminhãoocorreram perto do caminhão blindado que levava a ex-blindado que levava a ex- premiê, matando mais de cempremiê, matando mais de cem pessoas e deixando dezenas depessoas e deixando dezenas de feridos.feridos. ► A ex-premiê tinha uma históriaA ex-premiê tinha uma história ligada a atentados na família.ligada a atentados na família. Além da morte do pai, doisAlém da morte do pai, dois irmãos de Bhutto foram mortosirmãos de Bhutto foram mortos em circunstâncias nãoem circunstâncias não esclarecidas. Um foi baleadoesclarecidas. Um foi baleado em Karachi e o corpo do outroem Karachi e o corpo do outro foi encontrado em um hotel nafoi encontrado em um hotel na França.França.

×