Aula anatomia snc

22.672 visualizações

Publicada em

1 comentário
23 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
22.672
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
39
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
626
Comentários
1
Gostaram
23
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula anatomia snc

  1. 1. ANATOMIA DO S. N. C. Dr. Victor F. Freitas
  2. 2. Divisão anatômica cerebral 5 lobos -- ( 2 hemisférios ) - Frontal, - Parietal, - Temporal, - Occipital, - Ínsula.
  3. 3. Divisão anatômica cerebral• 2 hemisférios - separados fissura longitudinal.• Cada hemisfério 3 superfícies , ( supero lateral , medial e inferior ).• Sulcos e giros que separam as circunvoluções .
  4. 4. Superfície supero lateral• Fissura Sylviana ( lateral ) curto trajeto entre a superfície orbitária do lobo frontal e lobo temporal.• 3 divisões : ramo anterior , ascendente e posterior.• Ramo anterior e ascendente 2,5 cm .• Ramo posterior 7,5 cm .• Ramo posterior termina na cissura supra marginal.
  5. 5. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral• Fissura central ( de Rolando ) se estende obliquamente para baixo e anteriormente .• É sinuosa e termina na metade do ramo posterior da fissura Sylviana.
  6. 6. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral• Fissura parieto - occipital encontra-se principalmente na superfície medial cerebral , mas apresenta um curto trajeto nesta superfície , á aproximadamente 5 cm, anterior ao polo occipital.
  7. 7. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral• Divisões dos hemisférios cerebrais ( fissuras ) ; Lobo frontal• Anterior a fissura central ( de Rolando ),• Antero superior a fissura Sylviana.
  8. 8. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral Lobo frontal• 3 sulcos / 4 giros .• Sulcos pré central , frontal superior e inferior .• Giros frontal superior , médio e inferior e giro frontal ascendente ( pré central ) principal área somato motora cortical
  9. 9. LOBO FRONTALGiroReto GiroOrbitário
  10. 10. LOBO FRONTAL Giro Frontal Superior GiroFrontalMédio GiroFrontalInferior
  11. 11. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral• Divisões dos hemisférios cerebrais ( fissuras ) ; Lobo parietal• Posterior a fissura central ( de Rolando ),• Postero superior a fissura Sylviana.• Anterior a uma linha imaginária entre fissura parieto occipital e sulco pré occipital.
  12. 12. Divisão anatômica cerebralSuperfície supero lateral Lobo parietal• 2 sulcos / 3 giros .• Sulcos pós central( paralelo cissura de Rolando ) e intra parietal .• Giros parietal superior e inferior ( separados pelo sulco intra parietal ) giro parietal ascendente ( pós central ) principal área somato sensitiva cortical
  13. 13. LOBO PARIETAL GiroParietalSuperior GiroAngular
  14. 14. LOBO PARIETAL GiroSupra marginal
  15. 15. GiroAngular
  16. 16. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral• Divisões dos hemisférios cerebrais ( fissuras ) ; Lobo occipital• Posterior a uma linha imaginária entre fissura parieto occipital e sulco pré occipital.
  17. 17. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral Lobo occipital • 2 sulcos occipital transverso semilunar( área visual sensorial e psíquica ) • cissura calcarina
  18. 18. LOBO OCCIPITAL GiroOccipitalsuperiorCuneus GiroLingual
  19. 19. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral• Divisões dos hemisférios cerebrais ( fissuras ) ; Lobo temporal• Inferior a parte posterior da fissura Sylviana e limitado posteriormente pela linha imaginária.
  20. 20. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral Lobo temporal • 2 sulcos / 3 giros . • • Sulcos temporal superior e inferior . • Giros temporal superior, médio e inferior . • 2 sulcos geralmente são paralelos a fissura Sylviana( posterior e superior ) . • Sulco superior termina no giro angular área auditiva sensorial e psíquica .
  21. 21. LOBO TEMPORAL Giro Temporal Superior GiroTemporal Médio
  22. 22. LOBO TEMPORAL GiroTemporal Inferior Ínsula
  23. 23. LOBO TEMPORAL GiroParahipocampal GiroFusiforme
  24. 24. Divisão anatômica cerebral Superfície supero lateral Ínsula • Lobo fundido a córtex recoberto pelo opérculo ( lobo de Reil ) . • Forma oval ou triangular, • Circundada pelo sulco circular . • Vértice inferior é a substância branca perfurada • ( limen da ínsula ) • Sulco central divide posterior(>) e anterior (<). • Parte profunda Claustro Núcleos lenticulares.
  25. 25. Divisão anatômica cerebral Superfície medial• Separadas pela fissura cerebral longitudinal,• Unidas em algumas partes pelas comissuras, e estruturas que limitam o III ventrículo.
  26. 26. Divisão anatômica cerebral Superfície medial CORPO CALOSO• Maior comissura cerebral,• Principal parte do teto dos ventrículos laterais,• Joelho , Corpo , Esplênio e Rostrum.• 10cm de comprimento / 2,5 cm de altura.
  27. 27. Divisão anatômica cerebral Superfície medial
  28. 28. CORPO CALOSO ESPLÊNIO JOELHO
  29. 29. QUAIS SÃO ESTAS ESTRUTURAS? COMISSURA ANTERIOR COMISSURA POSTERIOR
  30. 30. QUAIS SÃO ESTAS ESTRUTURAS?
  31. 31. Divisão anatômica cerebral Superfície medial TRÍGONO OU FÓRNIX • Pilares anteriores , corpo e pilares posteriores. • Corpo teto do III ventrículo, abaixo tela coróidea • Anterior se curva até os corpos mamilares,
  32. 32. Divisão anatômica cerebral Superfície medial CISSURA CALOSO MARGINAL• Paralela ao corpo caloso ,• Começa abaixo do joelho do corpo caloso e termina acima do tronco cerebral.• Separa o giro frontal médio do corpo caloso e na região abaixo do joelho do CC as áreas para olfatórias ( sub calosa) e circunvoluções paraterminal.
  33. 33. Divisão anatômica cerebral Superfície inferior Orbitária• A superfície inferior é dividida pela parte principal da fissura lateral em uma superfície Orbitária menor e outra maior Tentorial.• Orbitária se localiza no teto das órbitas e fossa nasal , delimitada por um sulco em forma de H ( sulco orbitário ) e um sulco reto (sulco olfatório ).
  34. 34. Divisão anatômica cerebral Superfície inferior Tentorial• Situa-se em parte sobre a fossa cranial média e em parte sobre a tenda do cerebelo.• 2 sulcos Antero posteriores sulco colateral• sulco occipito temporal• Sulco colateral anterior sulco entorrinal• Giros do hipocampo e lingual estão medial.• Giro occipito temporal medial situa-se entre os sulcos colateral e occipito temporal.
  35. 35. Anatomia cerebral Gânglios da Base• Tecido de substância cinzenta sub cortical simétrico, localizados nas superfícies inferiores dos hemisférios cerebrais.• Núcleos lenticulares ( putamen e globus pálido), núcleo caudado, claustro e amígdala.
  36. 36. Anatomia cerebral Gânglios da Base Núcleos lenticulares.• Biconvexo , envolto por substância branca,• Cápsula externa ( separa do Claustro ),• Cápsula Extrema ( separa claustro da ínsula ),• Cápsula interna ( braço anterior , joelho e braço posterior ).• Putamen ( lateral , maior e mais escuro ) / globo pálido.
  37. 37. Anatomia cerebral Gânglios da Base Núcleo caudado.• Cabeça , corpo e cauda ,• Cabeça é a principal parte , situadaadjacente ao corno frontal do VL.• Separado incompletamente do n.lenticulares pelo braço anterior da cápsulainterna ( feixes de Probst ).• Cauda postero externo ao tálamo.
  38. 38. GÂNGLIOS DA BASE NÚCLEO CAUDADO cabeça NÚCLEO CAUDADO corpo
  39. 39. GÂNGLIOS DA BASE NÚCLEO LENTIFORMES putamen NÚCLEO LENTIFORMES Globo pálido
  40. 40. Anatomia cerebral Gânglios da BaseAmígdala.• Pequena expansão da cauda do n. caudado,• Complexo de vários pequenos núcleos , localizados na parte anterior do teto do corno temporal do ventrículo lateral.
  41. 41. Anatomia cerebral Diencéfalo• Epitálamo ( núcleos e comissura habenulares , pineal e comissura posterior ).• Tálamo ( 80 % do diencéfalo ),• Hipotálamo ,• Subtálamo
  42. 42. Anatomia cerebral Tálamo• Massas nucleares , grandes e dispostas de forma simétrica.• Substância cinzenta , mede 3,0 x 1,5 cm ,• Aglomerações de neurônios e núcleos,• Forma a parede lateral do III ventrículo.
  43. 43. Anatomia cerebral Tálamo• Limite anterior tubérculo anterior,• Limite posterior núcleo pulvinar ,• Limite superior estria medular,• Limite inferior região tegmal sub talâmica.
  44. 44. DIENCÉFALO TÁLAMO HIPOTÁLAMO
  45. 45. DIENCÉFALO TRATO ÓPTICO CORPOS MAMILARES
  46. 46. Anatomia cerebral Tálamo• 3 zonas de substância cinzenta separadas por camadas brancas de fibras mielinizadas ( lâminas medulares internas )• Núcleo externo ( > de todos ),• Núcleo interno ( medial ) ,• Núcleo anterior.( < de todos ).• Núcleos sub núcleos.
  47. 47. Anatomia cerebral Rinencéfalo e sistema límbico• Estruturas cerebrais filogenéticamente antigas,• Consideradas antigamente com funções olfatórias.• Bulbo e estrias olfatórias,• Substância perfurada anterior,• Gancho e hipocampo,• Trígono da habênula e Indusium griseum,• Área sub calosa,• Corpo amigdaliano.
  48. 48. SISTEMA LÍMBICO AmigdalaHipocampo
  49. 49. SISTEMA LÍMBICO FórnixGiro cíngulo posteriorGiro cíngulo anterior
  50. 50. Anatomia cerebral Rinencéfalo e sistema límbico HIPOCAMPO• Parte posterior do giro denteado, hipocampo e indisium griseum formação hipocampal.• Indisium griseum( giro do cíngulo) fina camada de substância cinzenta que se estende sobre a superfície superior do corpo caloso.
  51. 51. Anatomia cerebral HIPOCAMPO• Um dos elementos mais importante do sistema límbico,• Córtex contém 3 camadas intermediária ( céls. Piramidais ),• Corno de Ammon é parte mais epileptogênica do cérebro inteiro.• Conexões com o hipotálamo.
  52. 52. Anatomia cerebral TRÍGONO E FÓRNIX• Estruturas de substância branca que conduzem a maioria das eferências do hipocampo ao hipotálamo.• Transportam fibras da comissura ao hipocampo oposto e ao trígono habenular.
  53. 53. FISSURAS / SULCOS CEREBRAIS Sulco Central Sulco Lateral
  54. 54. FISSURAS / SULCOS CEREBRAIS Fissura Parieto- occipital Fissura calcarina
  55. 55. FISSURAS / SULCOS CEREBRAIS Fissura Marginal Fissura Intra- parietal
  56. 56. FISSURAS / SULCOS CEREBRAIS Sulco colateral
  57. 57. CENTRO SEMIOVAL/COROA RADIATA
  58. 58. MESENCÉFALO COLÍCULOS SUPERIORES COLÍCULOS INFERIORES
  59. 59. • TETO MESENCEFÁLICO (LÂMINA QUADRIGEMINAL)• PEDÚNCULOS CEREBELARES SUPERIORES E INFERIORES• IV VENTRÍCULO• CEREBELO - HEMISFÉRIOS
  60. 60. MESENCÉFALO SUBSTÂNCIA CINZA PERI- AQUEDUTAL SUBSTÂNCIA NIGRA/ NÚCLEOS RUBRO
  61. 61. MESENCÉFALO
  62. 62. PONTE / BULBO
  63. 63. CEREBELO VERMIS TONSILAS
  64. 64. CEREBELO NÚCLEO DENTADO HEMISFÉRIO CEREBELAR
  65. 65. • FORAME MAGNO• MEDULA ESPINHAL CERVICAL• ART. VERTEBRAIS• TONSILAS CEREBELARES
  66. 66. • CLIVUS • VALÉCULA. FORAME DE• CANAL DO HIPOGLOSSO MAGENDIE • CISTERNAS• BULBO • MAGNA• AMÍGDALAS • PRÉ BULBAR• ART. VERTEBRAIS • CEREBELO-BULBAR• BULBO JUGULAR • PROTUBERÂNCIA OCCIPTAL
  67. 67. • BULBO • PIRÂMIDES • OLIVAS• SULCOS – PRÉ OLIVAR – PÓS OLIVAR• AMÍGDALAS CEREBELARES / LOBO BIVENTRAL (+LAT)• FORAMES DE LUSCHKA• PICA• SEIOS SIGMÓIDES
  68. 68. • PONTE• PEDÚNCULO CEREBELARES MÉDIOS / CORPOS MEDULARES NÓDULO VERMIS ÚVULA PIRÂMIDE• CEREBELO FLÓCULO HEMISFÉRIOS SEMILUNAR• ARTÉRIA BASILAR• IV VENT.• CISTERNAS PRÉ-PONTINA CEREBELO-PONTINA• CONDUTOS AUDITIVOS INTERNOS
  69. 69. • PONTE - COLÍCULOS FACIAIS• PEDÚNCULOS CEREBELARES MÉDIOS / CORPOS MEDULARES• CEREBELO VÉRMIS - NÓDULO, ÚVULA, PIRÂMIDE• CISTERNA HEMISFÉRIOS PRÉ-PONTINA• C.A.I. CEREBELO-PONTINA
  70. 70. • PONTE• PEDÚNCULOS CEREBELARES SUPERIORES• CEREBELO - VERMIS (LÍNGULA, LÓBULO CENTRAL, CULMEN, DECLIVE)
  71. 71. • MESENCÉFALO • PEDÚNCULOS CEREBRAIS (SUBST. NIGRA) • TETO MESENCEFÁLICO (COLÍCULOS INFERIORES)• CISTERNAS • INTERPEDUNCULAR • QUADRIGEMINAL • PERIMESENCEFÁLICA• IV PAR CRANIANO (DECUSSAÇÃO)• AQUEDUTO DE SYLVIUS• SUBSTÂNCIA CINZENTA PERIAQUEDUTAL• ARTÉRIAS CEREBRAIS POSTERIORES
  72. 72. • MESENCÉFALO • PEDÚNCULOS – NÚCLEOS RUBOS – SUBST. NIGRA • TETO - COLÍCULOS SUPERIORES• CISTERNAS • INTERPEDUCULAR • PERIMESENCÉFALICA • QUADRIGEMINAL • AMBIENS
  73. 73. CORTE MEDIANO• MESENCÉFALO – TETO – PEDÚNCULO• PONTE• BULBO (OBEX, CLAVA)• MEDULA ESPINHAL• VERMIS CEREBELAR (TODOS OS LÓBULOS E FISSURAS)• IV VENTRÍCULO - VALÉCULA• CISTERNAS (INTERPEDUNCULAR, PRÉ PONTINA, PRÉ BULBAR, MAGNA, QUADRIGEMINAL)• ARTÉRIA BASILAR
  74. 74. • PEDÚNCULOS CEREBELARES • SUPERIOR • INFERIOR• HEMISFÉRIOS CEREBELARES • LÓBULOS QUADRANGULAR, SEMILUNAR, AMÍGDALAS
  75. 75. • PEDÚNCULO CEREBELAR MÉDIO• HEMISFÉRIO CEREBELAR
  76. 76. • HEMISFÉRIOS CEREBELARES (LÓBULOS QUADRANGULAR, SEMILUNAR, BIVENTRE, CORPO MEDULAR)
  77. 77. Anatomia cerebral VENTRÍCULOS CEREBRAIS• 4 cavidades que se intercomunicam, ( VL D e E , III, IV ),• Contém plexos coróides ,• Comunicações entre VL --- III ( forames de Monro), III --- IV ( aqueduto de Sylvius ), IV ---- espaço subaracnoideo ( 2 forames de Luschka e 1 forame de Magendie - central )
  78. 78. Anatomia cerebral VENTRÍCULOS LATERAIS• Cavidades extensas e irregulares dentro dos hemisférios cerebrais.• Limites - superior corpo caloso medial septo pelúcido inferior parte do tálamo núcleos caudados ,trígono.
  79. 79. Anatomia cerebral VENTRÍCULOS LATERAIS• Corno occipital diminui de volume até terminar em fundo cego.• Corno temporal curva para trás e inferiormente ao tálamo , vai em direção ao lobo temporal e termina em fundo cego ( 2,5 cm ponta do temporal).
  80. 80. Anatomia cerebral III VENTRÍCULO• Fenda na linha média que separa os tálamos e metade adjacentes dos hipotálamos.• Limites Teto tela coróide Assoalho quiasma óptico, tuber cinereum, infundíbulo corpos mamilares. Anterior lâmina terminal comissura anterior Posterior pineal , comissura habenular e posterior.
  81. 81. Anatomia cerebral III VENTRÍCULO• Limites laterais tálamo póstero-superior hipotálamo ântero-inferior
  82. 82. Anatomia cerebral CIRCULAÇÃO LIQUÓRICA• O LCR circula nos ventrículos laterais, no canal central da medula e nos espaços sub aracnóideos.• Atua como um liquido tampão que distribui e absorve forças externas ou internas que poderiam lesar o cérebro e a medula.• Regulação na variação de volume na produção e na absorção.
  83. 83. Anatomia cerebral CIRCULAÇÃO LIQUÓRICA• O LCR desempenha a função do sistema linfático nos outros tecidos ( SNC não tem linfa )• Transfere substância do sangue para os tecidos nervosos ( BHE )• A troca de eletrólitos é mais fácil nos ventrículos que nos espaços sub aracnoideos.• A troca de água é mais rápida nas cisternas que nos ventrículos.
  84. 84. Anatomia cerebral CIRCULAÇÃO LIQUÓRICA• Formação do LCR plexos coróides ,• Pode-se ter pequena produção do LCR, nos espaços sub aracnoideos e peri vascular.• Formação , circulação e absorção contínua. ( 120 a 150 ml - volume total )• Produção diária de 400 a 500 ml ( troca a cada 6 a 7 horas ).
  85. 85. Anatomia cerebral CIRCULAÇÃO LIQUÓRICA• Os plexos coróides são franjas de grupos capilares de pia máter que invaginam em delicadas paredes ependimárias dos ventrículos.• Os maiores PC estão nos ventrículos laterais ( produzem + LCR ) .• Pressão do LCR 70 a 120 mmH2O.
  86. 86. Anatomia cerebral CIRCULAÇÃO LIQUÓRICA• O LCR é reabsorvido para o sangue através das granulações aracnoídeas e através das paredes dos capilares do SNC e pia máter.• Pequena quantidade de LCR contidos nas bainhas dos nervos cranianos e espinhais podem ser reabsorvidos para vasos linfáticos extra durais.• Pressão liquórica pode haver reabsorção pelo plexo coróide.
  87. 87. TRATO PIRAMIDAL

×