Workshop redes sociais na educação

881 visualizações

Publicada em

Primeira parte do Workshop para professores sobre uso de redes sociais na educação + prevenção do Cyberbullying

Publicada em: Educação

Workshop redes sociais na educação

  1. 1. Workshop   Redes  Sociais  na  Escola   Patrícia  Moraes  e  Marcelo  Cou9nho   São  Paulo,  22/01/2014     br.linkedin.com/pub/patricia-­‐moraes/66/338/876   br.linkedin.com/in/marcelocou9nholima/  
  2. 2. Agenda   •  Hoje:  Workshop  para  professores   –  Apresentação  (8:00  –  9:30)   •  Redes  Sociais  Digitais   •  Bullying   –  A9vidade  prá9ca:  discussão  de  cases  (10:00  –  11:30)   •  Análise  e  discussão  de  alterna9vas   •  Ao  longo  do  semestre:   –  Apresentação  para  pais     –  Suporte  para  os  professores  (prevenção  do  Cyberbullying  e   uso  para  projetos  didá9cos)   –  Orientação  para  elaboração  de  uma  polí9ca  para  uso  de   Redes  Sociais  na  Escola  (direção  +  professores)  
  3. 3. Uniban  
  4. 4. Exemplos  de  polí9cas  de  uso  
  5. 5. Fonte:  Comitê  Gestor  da  Internet  BR.  Pesquisa  “Kids  Online”  2012  
  6. 6. Uso  das  Redes  Sociais  na  Educação   Divulgação  da   Escola   Comunicação   com  alunos   Curadoria  de   Material  /   Referências   Monitoramento   e  prevenção  de   bullying   Adaptado  do  Grupo  de  Redes  Sociais  da  FGV  
  7. 7. Comunicação  e  curadoria  de  conteúdo  
  8. 8. Espaço  pessoal   Espaço  profissional  
  9. 9. Bullying  
  10. 10. Percentual  de  escolares  frequentando  o  9  º  ano  do  ensino  fundamental  por   frequência   com   que,   nos   úl9mos   30   dias,   se   sen9ram   humilhados   pelas   provocações   de   colegas   da   escola   (rede   privada),   segundo   as   Grandes   Regiões,  os  Municípios  das  Capitais  e  o  Distrito  Federal  –  2012     70   60   50   %   40   Brasil   Sudeste   30   São  Paulo  (Capital)   20   10   0   Nunca   As  vezes   Sempre   Fonte:  IBGE  –  Pesquisa  Nacional  de  Saúde  Escolar  2012  (2.842  escolas,  109.804  entrevistados)    
  11. 11. Cyberbullying  
  12. 12. Anonimato  
  13. 13. Ausência  de  “refúgios”  
  14. 14. Perenidade  
  15. 15. Resultado:  sensação  permanente  de   impotência  e  desamparo  
  16. 16. Amanda  Todd    27/11/1996  -­‐  10/10/2012     (Este  será  um  dos  cases  discu9dos  na  2a  parte  do  workshop)  
  17. 17. Os  atores  do  bullying  
  18. 18. Sinais  de  Alerta   •  Déficit  de  atenção;     •  Falta  de  concentração  e  desmo9vação  para  o   estudo;   •  Isolamento;   •  O   professor   deve   estar   atento   para   casos   em   que   os   alunos   demonstrem   repe9damente   déficit   de   atenção  e  falta  de  concentração  não  somente  por   uma   questão   “humanitária”,   mas   também   porque   isto   afeta   o   rendimento   escolar   e   pode   comprometer   a   ins9tuição   (por   exemplo,   piores   resultados  no  ENEM)  
  19. 19. O  papel  do  Educador  
  20. 20. •  Comunicação  é  fundamental   –  Conhecer  e  frequentar  o  ambiente  digital   •  Estar  atento  para     –  déficit  de  atenção   –  falta  de  concentração   –  desmo9vação  para  o  estudo   –  instabilidade  emocional     –  Animosidade   no   convívio   escolar   (muitos   casos   começam   de   forma   anônima   e   por   não   saber   de   onde   vem   a   provocação   o   aluno   começa   a   desconfiar  de  tudo  e  de  todos)  
  21. 21. Orientações  para  os  alunos   •  Cuidado   com   o   que   postam,   pois   vai   ficar   na   rede  para  sempre;  
  22. 22. Mais  de  200  pessoas  “cur9ram”  esta  foto   (6a  série  colégio  par9cular  em  SP)  
  23. 23. Orientações  para  os  alunos   •  Cuidado   com   o   que   postam,   pois   vai   ficar   na   rede  para  sempre;   •  Esclarecer   as   consequências   jurídicas   (responsabilidade  dos  pais  e  da  escola);  
  24. 24. Orientações  para  os  alunos   •  Cuidado  com  o  que  postam,  pois  vai  ficar  na  rede   para  sempre;   •  E s c l a r e c e r   a s   c o n s e q u ê n c i a s   j u r í d i c a s   (responsabilidade  dos  pais);   •  Não  fornecer  informações  e  fotos  para  estranhos   e   também   não   receber   nenhum   9po   de   arquivo   de   pessoas   desconhecidas   (os   diversos   fragmentos   de   informação   podem   ser   juntados   com   muita   facilidade).   No   Brasil,   já   temos   registros   de   ações   criminais   feitas   com   base   em   informações  encontradas  nas  redes  sociais;  
  25. 25. Orientações  para  os  alunos   •  Cuidado   com   o   que   postam,   pois   vai   ficar   na   rede   para   sempre;   •  Esclarecer  as  consequências  jurídicas  (responsabilidade   dos  pais);   •  Não   fornecer   informações   e   fotos   para   estranhos   e   também   não   receber   nenhum   9po   de   arquivo   de   pessoas   desconhecidas   (os   diversos   fragmentos   de   informação   podem   ser   juntados   com   muita   facilidade).   No   Brasil,   já   temos   registros   de   ações   criminais   feitas   com   base   em   informações   encontradas   nas   redes   sociais;   •  Não   marcar   encontro   com   pessoas   que   conheceram   pela  Web  sem  conhecimento  de  pais.  
  26. 26. Auxiliar  os  pais   •  Os   pais   tem   uma   dificuldade   em   acompanhar   as   interações   de   seus   filhos   no   mundo   virtual   (por   diversas   causas:   não   dominam  a  tecnologia,  excesso  de  trabalho,  etc);   •  Esclarecer   a   importância   de   ainda   que   de   forma   ocasional   eles   “navegarem”  junto  com  os  filhos  e  conhecerem  os  ambientes   por  onde  eles  “circulam”;   •  U9lizar  programas  que  rastreiam  o  comportamento  dos  filhos   (registros  de  sites  visitados,  etc),  mas  lembrar  que  o  diálogo  é   mais  importante  que  qualquer  programa  ou  filtro;   •  Na  palestra  para  os  pais,  vamos  trabalhar  com  casos  similares   aos  que  já  aconteceram  nesta  escola,  ilustrados  com  exemplos   de  outras  ins9tuições  de  ensino  (aguardamos  sugestões!)  
  27. 27. Projetos  Didá9cos  
  28. 28. Agenda   •  Hoje:  Workshop  para  professores   –  Apresentação  (8:00  –  9:30)   •  Redes  Sociais  Digitais   •  Bullying   –  A9vidade  prá9ca:  discussão  de  cases  (10:00  –  11:30)   •  Análise  e  discussão  de  alterna9vas   •  Ao  longo  do  semestre:   –  Apresentação  para  pais     –  Suporte  para  os  professores  (prevenção  do  Cyberbullying  e   uso  para  projetos  didá9cos)   –  Orientação  para  elaboração  de  uma  polí9ca  para  uso  de   Redes  Sociais  na  Escola  (direção  +  professores)  
  29. 29. Workshop   Redes  Sociais  na  Escola   Patrícia  Moraes  e  Marcelo  Cou9nho   São  Paulo,  22/01/2014     br.linkedin.com/pub/patricia-­‐moraes/66/338/876   br.linkedin.com/in/marcelocou9nholima/  

×