Martasaaraiva ppe_l2015

152 visualizações

Publicada em

eportefolio das atividades elaboradas na disciplina de Processos pessoais em elarning do mpel8

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
152
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Martasaaraiva ppe_l2015

  1. 1. Universidade Aberta Mestrado em Pedagogia do eLearning, 8ª edição UC (12030): Processos Pedagógicos em elearning http://elearning.uab.pt/pluginfile.php/238267/course/section/42607/eport.jpg ePortfolio Docente: Doutora Lina Morgado Mestranda: Marta Saraiva (nº 1202662) Junho 2015
  2. 2. Uc (12030): Processos Pedagógicos em Elarning ePortfolio Página 2 Docente: Doutora Lina Morgado Mestranda: Marta Saraiva (nº 1202662 ) 1. Introdução As tecnologias da informação e da comunicação têm vindo a evoluir e a ser capazes de formar um ensino digital que consiga responder às necessidades da presente sociedade. Atualmente deparamo-nos com muitos recursos educativos abertos que podem ser utilizados de forma dinâmica e à distância, numa aprendizagem interativa e em grupo. Uma profunda reflexão sobre os Processos Pedagógicos em Elearning terá um fim último, a organização de todo o processo de aquisição de competências. Tal como se verificou ao longo desta UC do MPel 8. A Auto-reflexão e auto-análise do percurso pessoal de aprendizagem nesta unidade curricular, fazem parte de um processo de reconhecimento das aprendizagens adquiridas nesta UC. O presente documento, pretende ser o reflexo de todo o trabalho desenvolvido na unidade curricular de processos pedagógicos em elarning (MPEL8)2015, deste modo apresentarei contribuições que considero significativas e que demonstram processos de aprendizagem, autonomia e evidências relevantes para demonstrar o meu percursos de aprendizagem. 2. Aprendizagens na UC- Processos Pedagógicos em elarning Com a integração e evolução das novas tecnologias no ensino as metodologias e processos terão de ser repensados. O ensino à distância toma um lugar na educação, com ambientes virtuais de aprendizagem capazes de responder às necessidades atuais. Os processos pedagógicos em elarning adotados são preponderantes para que o processo de aprendizagem se torne uma realidade. A comunicação entre o professor e aluno pode ser efetuada através das tecnologias, quebrando as barreiras geográficas, onde existe um maior controlo por parte dos alunos no envolvimento do processo de aprendizagem, que é exigido uma maior participação nas atividades valorizando o envolvimento com base na partilha, reflexão e dinâmica de grupo online. Também, no contexto de ensino a distância, a aprendizagem toma dois tipos de lugares; síncrona, quando se requer a participação simultânea dos alunos e do professor, tal como por exemplo a utilização da ferramenta Skype, e assíncrona, quando não exige a participação dos alunos ao mesmo tempo, plataforma Moodle, por exemplo. Contudo, o desenho de todo o processo de aprendizagem é por ventura, um dos momentos mais aliciante para um professor, que tem como objeto final a construção do conhecimento. Gilly Salmon (2000) propôs um modelo de desenvolvimento de tarefas online que de certa forma enquadra o papel dos aprendentes com o do tutor. Trata-se de um modelo que se pode aplicar à generalidade das atividades concebidas num curso de e-learning, desde o processo de recolher informação, no resolver de problemas, na preparação das atividades a efetuar entre outras.
  3. 3. Uc (12030): Processos Pedagógicos em Elarning ePortfolio Página 3 Docente: Doutora Lina Morgado Mestranda: Marta Saraiva (nº 1202662 ) É composto por diversos níveis que prevê algumas competências técnicas aos seus participantes e exige ainda ao e-moderador, algumas intervenções e competências em consonância com o seu papel. Exemplifica-se pela imagem abaixo: Fig. 1 - Estádios de desenvolvimento dos estudantes e tutores em fóruns de aprendizagem - modelo de Gilly Salmon. Assim, no nível 1 está assegurado o acesso à plataforma onde é gerida a formação e é assegurado o factor motivacional dos estudantes; no segundo nível é promovida a interação e comunicação online, com troca de mensagens através do uso dos fóruns; no nível 3 é efetuada a troca de informação para realização de tarefas; no quarto nível são feitos debates com enfoque nos conteúdos cursais e possibilitando uma maior cooperação entre todos, encontrando-se a aprendizagem cooperativa através de debate formal com respetiva adequação dos temas e dos ambientes assíncronos; por último vislumbramos nesta hierarquia que os estudantes já estão capazes de a solo elaborarem casos de novas aprendizagens que lhe vão permitir atingir os objetivos de cada um juntando o e-learning a outras maneiras de aprender. Ao longo desta Unidade curricular foram desenvolvidas tarefas relevantes. Deste modo apresentarei contribuições que considero significativas e que demonstram processos de aprendizagem, autonomia que contribuíram para o meu processo de aprendizagem. Questionário inicial: http://elearning.uab.pt/Question%C3%A1rio%20PPeL Temática I- tarefa 1 -Bibliografia sobre a importância do professor http://www.slideshare.net/martams1/ppe-bibliografia-anotada-papel-do-professor Temática I Tarefa 2 - Produção de um artefacto sobre a Pedagogia do eLearning e o papel do professor online http://www.slideshare.net/martams1/ppe-papel-do-professor-5019449 Temática II – Tarefa 1 – Bibliografia anotada PLE http://martamsaraiva.blogspot.pt/2015/06/tematica-ii-os-personal-learning.html
  4. 4. Uc (12030): Processos Pedagógicos em Elarning ePortfolio Página 4 Docente: Doutora Lina Morgado Mestranda: Marta Saraiva (nº 1202662 ) Temática II- Tarefa 2- Os Personal Learning Environments http://martamsaraiva.blogspot.pt/ Participações relavantes no fórum: "Como transformar um curso presencial em online" por Ana Toscano - Segunda, 1 Junho 2015, 18:06 Olá colegas, Sinto nesta UC a oportunidade de aplicar os conhecimentos que temos vindo a adquirir ao longo de todo o processo, tendo em atenção as teorias de aprendizagem que estudámos, o papel do professor do século XXI, a implementação de tecnologias da Web e o facto de vivermos numa sociedade em rede. A questão que se coloca é ..."como transformar um curso presencial em online?", que caminhos e questões deveremos ter em conta no planeamento e implementação de algo em regime e-learning? O Vídeo - https://youtu.be/m3va-QZXe2s Mensagem superior | Responder Re: "Como transformar um curso presencial em online" por Marta Saraiva - Quarta, 10 Junho 2015, 18:16 Olá Ana e colegas, Tem sido muito enriquecedor os nossos debates, sem dúvida tenho aprendido muito, com cada um de vocês. Ana, obrigada pelo vídeo que partilhas-te.;) Ainda ontem debatia estas questões de aprendizagem com colegas nossos, e verifiquei que um dos maiores problemas do ensino, incide na motivação para as aprendizagens face a tantos estímulos externos (tm, computadores, etc). Se queremos os nossos alunos motivados teremos definitivamente de modificar as praticas, orientando e motivando, não basta transmitir conteúdos, no fundo teremos de ser capazes de tornar a aprendizagem viral, de modo a despertar interesses e curiosidade em aprender. É um desafio, enorme, mas temos currículos que nos orientam, uma formação que tem sido excecional e as tecnologias da web.2.0. A plataforma second life, mudou definitivamente a minha perspetiva em relação à aprendizagem colaborativa online sincronizada. É excecional, humano e real, mesmo sendo virtual. Tem um potencial enorme, tal como o moodle que é utilizado pelas escolas, mas como tu dizes, muitas vezes serve apenas como reportório de informação. Quando partilho, estas experiencias com colegas nossos, sinto que ficam perplexos e afirmam que é algo que nunca tinham pensado que existisse. Posso afirmar, que nunca mais vou ser a professora que fui, pois essa era maçadora e pouco apelativa. Estou a despertar-lhes curiosidades, ensinar-lhes a potenciar as suas pesquisas e a utilizar as ferramentas web 2.0. Um abraço, com amizade, Marta. Contribuição relevante de colega Andréa César, na Temática II- Tarefa 2 http://estarpresenteead.blogspot.com.br/2015/05/meu-ambiente-virtual-de-aprendizagem.html Temática III- Desenho da aprendizagem online
  5. 5. Uc (12030): Processos Pedagógicos em Elarning ePortfolio Página 5 Docente: Doutora Lina Morgado Mestranda: Marta Saraiva (nº 1202662 ) http://pt.slideshare.net/martams1/ppelmartasaraiva?qid=7de231fa-c790-4ebc-b2f6- 61a20e835321&v=qf1&b=&from_search=1 Relatório PPeL_AVA_2015MartaSaraiva.pdf Auto-reflexão e auto-análise do percurso pessoal de aprendizagem Iniciei este 2º ciclo de estudos com uma enorme satisfação por ter sido uma das seleccionadas. Agradeço mais uma vez a oportunidade que me foi concedida. Confesso que não tem sido fácil acompanhar todas as solicitações inerentes ao curso e a esta unidade curricular, uma vez que, para além de o ter iniciado com atraso, tive problemas no acesso nas credenciais, que me foram atribuídas inicialmente. Posteriormente, já no 2º semestre, tive graves situações familiares (que são do conhecimento da coordenação), que me impediram de acompanhar o curso como desejava. Algo que me deixou muito reconfortada foi ver a humanidade que existe neste ciclo de estudos. Apesar de se desenvolverem totalmente on-line , contamos com a sensibilidade dos nossos professores e colegas que têm sempre uma palavra de apoio e incentivo nos momentos que mais precisamos. Um bem haja a todos! Ultrapassadas todas estas questões, entusiasmei-me novamente e tentei recuperar o tempo perdido. Entreguei muitos trabalhos fora dos prazos estabelecidos e peço desde já desculpa aos meus colegas. Recomeçar o curso, acabou por funcionar como uma terapia, porque decidi continuar a apostar em mim. Posso dizer que tenho uma visão diferente sobre os processos pessoais em elearning, compreendo o seu papel, fundamental na organização da pedagogica de elarrning. Comprender a importância do professor, no elarning fez-me abandonar a postura de transmissora de conhecimentos para ter agora uma postura de orientadora para a descoberta e desenvolvimento pessoal. Através de pesquisas orientadas, temos de ser e- moderadores / tutores. Quanto aos PLE (Personal Learning Environments), cada um de nós temos de criar e alimentar locais onde demostramos e cultivamos interesses em volta de uma determinada temática fazendo sempre referencia aos autores, através da identificação das fontes. Podemos criar redes de interesses comuns, nas redes sociais (Facebook, rede sol, linkedIn, etc…). Se pretendermos desenvolver cursos de elarning como MOOC´S, formação de professores etc, deveremos ter sempre como base o desenho da aprendizagem, que simboliza o maior desavio de um professor, mas permite uma organização e fundamentação de todas as competências que pretendemos atingir, planificando todo o processo, definindo: Público-alvo, duração, objectivos, tarefas, recursos e avaliação, para um determinado curso ou unidade curricular, numa temática que temos domínio científico. Em jeito de reflexão final, terei de dispor de um maior número de horas de leituras, para fundamentar melhor os meus trabalhos e participações nos fóruns de discussão. Estes são locais de partilha e desenvolvimento de conhecimento por excelência. Aprendi muito com todos os meus colegas e professores. Obrigada a todos pelo excelente trabalho colaborativo.

×