PREFEITURA MUNICIPAL DE JOINVILLE GABINETE DO VICE-PREFEITO Julho de 2010.
<ul><li>O QUE  É  DEFESA CIVIL? </li></ul><ul><li>É  a participa ç ão da comunidade na defesa da pr ó pria comunidade. </l...
HISTÓRIA <ul><li>No Mundo </li></ul><ul><li>As primeiras a ç ões dirigidas para a defesa da popula ç ão foram realizadas n...
<ul><li>No Brasil </li></ul><ul><li>Come ç a com a participa ç ão do pa í s na Segunda Guerra Mundial.  </li></ul><ul><li>...
   Entre outras medidas, cabe a ela  coordenar e supervisionar  os serviços  prestados pelos órgãos da administração dire...
ESTRUTURA MUNICIPAL GABINETE  VICE PREFEITO COMISSÃO  MUNICIPAL GERENCIA DE  DEFESA CIVIL   NÚCLEO DE  DEFESA CIVIL
EXTRUTURA DA DEFESA CIVIL  DE JOINVILLE GERENTE DE  DEFESA CIVIL (Alvir A. Schneider) COORDENAÇÃO   ADMINISTRATIVA (Daniel...
Estrutura da Defesa Civil - Jan 2009. <ul><li>Instalada na Rua Dona Francisca, 1283, no sub-solo do PROCON (espaço de 70m²...
Estrutura da Defesa Civil Hoje. <ul><li>Instalada na Rua Dona Francisca, 1283, no sub-solo do PROCON (espaço de 70m²) –  N...
 
MAGNITUDE E/OU INTENSIDADE ATUAÇÃO USAID/OFDA - LAC/IRG P2 R2
EMERGÊNCIAS E ATENDIMENTOS. Novembro e Dezembro de 2008:  Deslizamentos e escorregamentos (em torno de 1300); Alagamento e...
Endereço: Américo Vespúcio 610 - Bairro: Nova Brasília  Rua Abraão da Silveira, 194 ENDEREÇO:  Rua Xv de outubro - Pirabei...
<ul><ul><li>Rua do Ouro 23 -  Bairro:Saguaçu </li></ul></ul>
¡CONTINUEMOS ATENTOS! Cerro Azul 1.307  - Bairro: Nova Brasília
Isabel Bernal de Souza - Bairro: Boemerwaldt
AV. Paulo Schroeder 1.743 - Bairro: Petrópolis   Rua Izabel Bernal de Souza
ENDEREÇO: Rua Arco Iris, 171 ENDEREÇO:Rua Concórdia – Anita Garibaldi
PONTOS CRÍTICOS INUNDAÇÕES/ ALAGAMENTOS
PONTOS CRÍTICOS Inundações em toda a malha hidrográfica municipal, com destaque na Zona oeste da cidade, junto à planície ...
PONTOS CRÍTICOS INUNDAÇÕES/ ALAGAMENTOS BEIRA RIO 2008 TERMINAL CENTRAL DE ONIBUS
NOVE DE MARÇO VISTA EM FRENTE A PMJ
PONTOS CRÍTICOS INUNDAÇÕES/ ALAGAMENTOS EUGENIO MOREIRA ANITA GARIBALDI
PRINCIPAL AÇÃO DE PREVENÇÃO EM 2009. LIMPEZA DE RIOS E VALAS (150 km) R$ 4.198.586,41  HORAS MÁQUINAS PARA DESASSOREAMENTO...
Rua Ouro Preto Antes Depois Rua Cidade de Otacílio Costa Antes Depois
Rua Lyzandro de Paula Santos Lima Antes Depois
Rua Passo Fundo Rua dos Aimorés
Rua Manoel de Souza
Avenida Plutão – Jardim Paraiso
Rua Calisto – Jardim Paraiso.
Estrada Timbé Antes Depois
Ponte do Salto 1 Estrada Pirai Obra Emergencial: Abertura de Acesso secundário devido a interdição da Ponte.
AUXILIO AS FAMÍLIAS ATINGIDAS PELAS EMERGÊNCIAS DE 2008 – ENCHENTES. <ul><li>LIBERAÇÃO DO FGTS (Fundo de Garantia)   aos a...
AUXILIO AS FAMÍLIAS ATINGIDAS PELAS EMERGÊNCIAS DE 2008 – ENCHENTES. <ul><li>AUXÍLIO COM MATERIAL DE RECONSTRUÇÃO:  R$ 613...
PRINCIPAIS EMERGÊNCIAS EM 2010. <ul><li>EM JANEIRO:   ENXURRADAS ATINGINDO PRINCIPALMENTE O DISTRITO DE PIRABEIRABA E ALAG...
 
VENDAVAIS  EM  FEVEREIRO Na madrugada de terça,  dia 8 de Fevereiro , por volta de 20 hs, foram registrados ventos de  90K...
ALGUMAS FOTOS DO EVENTO . Bairro Ulysses Guimarães - Destelhamento
Após os vendavais, a Defesa Civil com o apoio das SR e Sec.Habitação, realizou a entrega de telhas para as famílias mais a...
 
1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 1900 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 ...
ABRIL DE 2010 <ul><li>25 Á 27/04: Choveu 215 mm em 4 dias, sendo que em 5 horas do dia 26/04 choveu 75 mm, causando divers...
1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 100 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 1...
1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 1900 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 ...
1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 1900 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 ...
TRABALHOS NA ÁREA DE PREVENÇÃO. <ul><li>Palestras na comunidade, em Escolas a fim de disseminar o tema “Prevenção”. </li><...
PREVENÇÃO Monitoramento Estação Metereológica do Vila Nova Trabalho realizado através de dados da EPAGRI / CIRAM / CPTEC /...
TÁBUA DE MARÉS Alerta
Palestras escolas.
FORMAÇÃO DE NUDEC’S -   NÚCLEO COMUNITÁRIO DE DEFESA CIVIL.
“ APESAR DE TODAS AS DIFICULDADES ENFRENTADAS, MUITO JÁ FOI CONSEGUIDO NA ATUAL GESTÃO, E CONTINUAREMOS A BATALHA POR MELH...
JOINVILLE – SC DEFESA CIVIL SOMOS TODOS NÓS OBRIGADO ! DEFESA CIVIL - 199
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Defesa Civil

946 visualizações

Publicada em

Ações realizadas pela DEFESA CIVIL de Joinville na gestão Carlito Merss

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
946
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Defesa Civil

  1. 1. PREFEITURA MUNICIPAL DE JOINVILLE GABINETE DO VICE-PREFEITO Julho de 2010.
  2. 2. <ul><li>O QUE É DEFESA CIVIL? </li></ul><ul><li>É a participa ç ão da comunidade na defesa da pr ó pria comunidade. </li></ul><ul><li>É o conjunto de medidas permanentes que visam: evitar, prevenir ou minimizar as conseq ü ências dos eventos desastrosos; e a socorrer e assistir as populações atingidas, preservando sua moral, limitando os riscos de perdas materiais e restabelecendo o bem-estar social. </li></ul><ul><li>(Política Nacional de Defesa Civil) </li></ul>
  3. 3. HISTÓRIA <ul><li>No Mundo </li></ul><ul><li>As primeiras a ç ões dirigidas para a defesa da popula ç ão foram realizadas nos pa í ses envolvidos com a Segunda Guerra Mundial. </li></ul><ul><li>O primeiro pa í s a instituir a DEFESA CIVIL foi a Inglaterra, entre 1940 e 1941,criando a CIVIL DEFENSE. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>No Brasil </li></ul><ul><li>Come ç a com a participa ç ão do pa í s na Segunda Guerra Mundial. </li></ul><ul><li>Em Joinville foi criada em 22 de setembro de 1973 </li></ul><ul><li>A organiza ç ão sistêmica da Defesa Civil no Brasil deu-se com a cria ç ão do Sistema Nacional de Defesa Civil – SINDEC, em 1988 , reorganizado em 1993 e atualizado em 2005; </li></ul>
  5. 5.  Entre outras medidas, cabe a ela coordenar e supervisionar os serviços prestados pelos órgãos da administração direta e indireta do Município, com a cooperação da comunidade.  Elaborar e implementar programas e projetos de prevenção,  Prever (buscar) recursos orçamentários para as ações assistências aos atingidos por desastres,  Capacitar recursos humanos (voluntários),  Providenciar a distribuição e controle de suprimentos nas emergências,  P ropor a decretação ou homologação de situação de emergência e de estado de calamidade pública. Missão da Defesa Civil
  6. 6. ESTRUTURA MUNICIPAL GABINETE VICE PREFEITO COMISSÃO MUNICIPAL GERENCIA DE DEFESA CIVIL NÚCLEO DE DEFESA CIVIL
  7. 7. EXTRUTURA DA DEFESA CIVIL DE JOINVILLE GERENTE DE DEFESA CIVIL (Alvir A. Schneider) COORDENAÇÃO ADMINISTRATIVA (Daniele s. Rosa) COORDENAÇÃO OPERACIONAL (Márnio L. Pereira) COORDENAÇÃO DE PREVENÇÃO (Milton Farikoski) Recebimento e encaminhamento das demandas 3 PESSOAS Monitorar e alertar a população, Mapear áreas de risco Desenvolver a “ Percepção de risco na comunidade”. 3 PESSOAS Responsável por vistoriar Monitorar as áreas De risco eminente 9 PESSOAS
  8. 8. Estrutura da Defesa Civil - Jan 2009. <ul><li>Instalada na Rua Dona Francisca, 1283, no sub-solo do PROCON (espaço de 70m²); </li></ul><ul><li>Possuía 2 veículos alugados, sendo uma caminhonete L200 e um Fiat Uno; </li></ul><ul><li>Possuía ao todo 6 funcionários; </li></ul><ul><li>Uma Estação meteorológica no Vila Nova . </li></ul><ul><li>Encontrava-se numa fase difícil de trabalho devido as emergências que ocorreram em 2008; </li></ul>
  9. 9. Estrutura da Defesa Civil Hoje. <ul><li>Instalada na Rua Dona Francisca, 1283, no sub-solo do PROCON (espaço de 70m²) – Negociando ida para a Arena; </li></ul><ul><li>Possui 3 veículos alugados, sendo uma caminhonete L200, um Fiat Uno e um Gol (em processo licitatório para a aquisição de uma caminhonete própria) </li></ul><ul><li>Possui ao todo 15 funcionários; </li></ul><ul><li>Uma Estação meteorológica no Vila Nova (em fase de implantação de mais 11 através da SEPLAN) </li></ul>
  10. 11. MAGNITUDE E/OU INTENSIDADE ATUAÇÃO USAID/OFDA - LAC/IRG P2 R2
  11. 12. EMERGÊNCIAS E ATENDIMENTOS. Novembro e Dezembro de 2008: Deslizamentos e escorregamentos (em torno de 1300); Alagamento em boa parte da cidade; Enxurrada na área rural; PREJUIZOS DE GRANDE VOLUME PARA O MUNICÍPIO E POPULAÇÃO.
  12. 13. Endereço: Américo Vespúcio 610 - Bairro: Nova Brasília Rua Abraão da Silveira, 194 ENDEREÇO: Rua Xv de outubro - Pirabeiraba
  13. 14. <ul><ul><li>Rua do Ouro 23 - Bairro:Saguaçu </li></ul></ul>
  14. 15. ¡CONTINUEMOS ATENTOS! Cerro Azul 1.307 - Bairro: Nova Brasília
  15. 16. Isabel Bernal de Souza - Bairro: Boemerwaldt
  16. 17. AV. Paulo Schroeder 1.743 - Bairro: Petrópolis Rua Izabel Bernal de Souza
  17. 18. ENDEREÇO: Rua Arco Iris, 171 ENDEREÇO:Rua Concórdia – Anita Garibaldi
  18. 19. PONTOS CRÍTICOS INUNDAÇÕES/ ALAGAMENTOS
  19. 20. PONTOS CRÍTICOS Inundações em toda a malha hidrográfica municipal, com destaque na Zona oeste da cidade, junto à planície de inundação do rio Águas Vermelhas, Bairros Vila Nova, Morro do Meio e Nova Brasília. Zona Norte da cidade, Área Rural e Distrito de Pirabeiraba, junto à planície de inundação do rio Cubatão do Norte e do Braço, Bairros Jardim Sofia, Jardim Paraíso e Cubatão. Zona Central da cidade, junto à planície de inundação do rio Cachoeira e do rio Mathias, Bairro Centro. Zona Sul da cidade, junto à planície de inundação do rio Jaguarão e do rio Itaum, Bairros Anita Garibaldi, Itaum ,Floresta, Petrópolis, Boehmerwaldt, Santa Catarina, João Costa , Jarivatuba.
  20. 21. PONTOS CRÍTICOS INUNDAÇÕES/ ALAGAMENTOS BEIRA RIO 2008 TERMINAL CENTRAL DE ONIBUS
  21. 22. NOVE DE MARÇO VISTA EM FRENTE A PMJ
  22. 23. PONTOS CRÍTICOS INUNDAÇÕES/ ALAGAMENTOS EUGENIO MOREIRA ANITA GARIBALDI
  23. 24. PRINCIPAL AÇÃO DE PREVENÇÃO EM 2009. LIMPEZA DE RIOS E VALAS (150 km) R$ 4.198.586,41 HORAS MÁQUINAS PARA DESASSOREAMENTO DOS RIOS; VELHO, BRAÇO, JAGUARÃO, BUCAREIN E ITAUM. (Recurso do Governo Federal) Obras emergenciais de Defesa Civil realizadas em parceria com o Deinfra, Seinfra e Secretarias Regionais.
  24. 25. Rua Ouro Preto Antes Depois Rua Cidade de Otacílio Costa Antes Depois
  25. 26. Rua Lyzandro de Paula Santos Lima Antes Depois
  26. 27. Rua Passo Fundo Rua dos Aimorés
  27. 28. Rua Manoel de Souza
  28. 29. Avenida Plutão – Jardim Paraiso
  29. 30. Rua Calisto – Jardim Paraiso.
  30. 31. Estrada Timbé Antes Depois
  31. 32. Ponte do Salto 1 Estrada Pirai Obra Emergencial: Abertura de Acesso secundário devido a interdição da Ponte.
  32. 33. AUXILIO AS FAMÍLIAS ATINGIDAS PELAS EMERGÊNCIAS DE 2008 – ENCHENTES. <ul><li>LIBERAÇÃO DO FGTS (Fundo de Garantia) aos atingidos pelas enchentes: JOINVILLE: 20.629 Contas (a pessoa pode ter mais de uma conta) R$ 43.500.000,00 (quarenta e três milhões e quinhentos mil reais). </li></ul><ul><li>AUXÍLIO REAÇÃO: VALOR TOTAL LIBERADO R$ 1.014.675,00 – 428 famílias receberam o auxílio. Cada Família recebeu 6 parcelas R$ 415,00 mensais para atender suas necessidades básicas e recuperar casas – Recurso do Fundo Estadual de Defesa Civil ( proveniente de doações). Acompanhamento da SAS para a liberação dos recursos. </li></ul><ul><li>AUXÍLIO MORADIA : R$ 714.974,56 .Pagamento de (aluguel) ás famílias que perderam suas casas, e eram proprietárias da mesma. 154 famílias receberam o auxílio que está sendo pago até hoje, foi renovado por 2 vezes (74 famílias ainda estão recebendo). Recurso SAS. </li></ul>
  33. 34. AUXILIO AS FAMÍLIAS ATINGIDAS PELAS EMERGÊNCIAS DE 2008 – ENCHENTES. <ul><li>AUXÍLIO COM MATERIAL DE RECONSTRUÇÃO: R$ 613.666,10 em materiais de Construção para os atingidos pelas enchentes. 160 famílias receberam o material (até o momento) para recuperar suas casas (2009 e 2010). Recursos do Fundo Municipal de Habitação e do Fundo Estadual de Defesa Civil. </li></ul><ul><li>COMPRA DE TERRENOS: Ocorreu ainda em 2009, a liberação de recurso para compra de terrenos para realocação de famílias que perderam suas propriedades, R$ 400.000,00 . Recurso do Governo Federal liberado á COHAB de SC, foi depositado na conta da Secretaria de Habitação. </li></ul><ul><li>*** OUTROS GASTOS PELO MUNICÍPIO*** </li></ul><ul><li>DEFESA CIVIL MUNICIPAL : R$ 118.600,00 E SECRETARIA DE HABITAÇÃO: R$ 143.350,00 . gastos com contratação de Consultoria Técnica para emissão de Laudos para que as famílias recebessem o auxilio moradia. </li></ul>
  34. 35. PRINCIPAIS EMERGÊNCIAS EM 2010. <ul><li>EM JANEIRO: ENXURRADAS ATINGINDO PRINCIPALMENTE O DISTRITO DE PIRABEIRABA E ALAGAMENTOS NO VILA NOVA, MORRO DO MEIO, JARDIM PARAISO, CAUSANDO ESTRAGOS EM PONTES, ESTRADAS, GALERIAS E PROVOCANDO DESLIZAMENTOS. </li></ul><ul><li>DATAS - 08/01/2010 – 13/01/2010 – 19/01/2010 – 23/01/2010 </li></ul>
  35. 37. VENDAVAIS EM FEVEREIRO Na madrugada de terça, dia 8 de Fevereiro , por volta de 20 hs, foram registrados ventos de 90Km/h atingindo principalmente a região do Aventureiro, Espinheiro, Comasa. No fim da tarde de segunda, 15 fev 2010 , por volta de 1730h, foram registrados ventos de 100 Km/h (tornado) afetando principalmente a região do Costa e Silva. Dia 23 de fevereiro por volta das 16:15, ventos de 85 Km/h, atingindo principalmente a região do Boa Vista, Jardim Iririú, Iririú, Comasa.
  36. 38. ALGUMAS FOTOS DO EVENTO . Bairro Ulysses Guimarães - Destelhamento
  37. 39. Após os vendavais, a Defesa Civil com o apoio das SR e Sec.Habitação, realizou a entrega de telhas para as famílias mais atingidas.
  38. 41. 1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 1900 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 1.6 SE 15.6 15.7 15.7 142 118.7 20:0 14.7 15.6 14.7 88 .0 0.00 14.7 14.1 88 12.1 0.0 S MARÇO DE 2010 <ul><li>05/03: Chuvas fortes causaram diversos pontos de alagamentos pela cidade; </li></ul><ul><li>28/03: Enxurrada atingindo novamente a região de Pirabeiraba ocasionando a interdição da ponte na Estrada Mildau. </li></ul><ul><li>29/03; Diversos deslizamentos pela cidade, mais grave na Rua Polônia e Chopin no Iririú, causando a interdição de 6 casas. </li></ul>
  39. 42. ABRIL DE 2010 <ul><li>25 Á 27/04: Choveu 215 mm em 4 dias, sendo que em 5 horas do dia 26/04 choveu 75 mm, causando diversos pontos de alagamentos na cidade, principalmente no Morro do Meio, Laterais da Bento Torquato da Rocha no Vila Nova e alguns pontos no Jardim Paraiso. </li></ul>
  40. 43. 1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 100 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 1.6 SE 15.6 15.7 15.7 142 118.7 0.00 20:0 14.7 15.6 14.7 .0 0.00 6.4 ESE 14.7 14.7 14.1 88 12.1 0.0 S SSE 14.1 12.6 1020.3 0.00 3/8/2009 22:00 13.9 14.1 13.9 89 12.1 0.0 SSW 0.00 4.8 S 13.9 13.9 13.9 12.4 1020.9 RECURSOS LIBERADOS APÓS ESSAS EMERGÊNCIAS (Solicitação DC Municipal). <ul><li>Fevereiro de 2010: R$ 197.680,36: Recurso do Fundo Estadual de Defesa Civil para compra de materiais de recuperação das pontes danificadas pelas enxurradas. </li></ul>
  41. 44. 1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 1900 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 1.6 SE 15.6 15.7 15.7 142 118.7 0.00 20:0 14.7 15.6 14.7 88 .0 0.00 6.4 ESE 14.7 14.7 14.1 88 12.1 0.0 S SSE 14.1 12.6 1020.3 0.00 3/8/2009 22:00 13.9 14.1 13.9 89 12.1 0.0 SSW 0.00 4.8 S 13.9 13.9 13.9 12.4 1020.9 RECURSOS LIBERADOS APÓS ESSAS EMERGÊNCIAS (Solicitação DC Municipal). <ul><li>Fevereiro de 2010: R$ 86.000,00 ; Recurso do Fundo Estadual de Defesa Civil para compra de materiais de reconstrução para as famílias atingidas pelos vendavais ( 110 famílias atendidas). </li></ul>
  42. 45. 1017.5 0.00 18:00 16.7 19.3 16.7 82 13.6 1.6 SE 1.61 6.4 SE 16.7 16.8 16.8 15.3 1018.0 1900 15.6 16.7 15.6 85 0.0 SE 0.00 1.6 SE 15.6 15.7 15.7 142 118.7 0.00 20:0 14.7 15.6 14.7 88 .0 0.00 6.4 ESE 14.7 14.7 14.1 88 12.1 0.0 S SSE 14.1 12.6 1020.3 0.00 3/8/2009 22:00 13.9 14.1 13.9 89 12.1 0.0 SSW 0.00 4.8 S 13.9 13.9 13.9 12.4 1020.9 RECURSOS LIBERADOS APÓS ESSAS EMERGÊNCIAS (Solicitação DC Municipal). <ul><li>Junho de 2010: R$ 99.399,50 ; Recurso do Fundo Estadual de Defesa Civil para compra de GALERIAS e SAIBRO para recuperar estradas em Pirabeiraba. </li></ul>
  43. 46. TRABALHOS NA ÁREA DE PREVENÇÃO. <ul><li>Palestras na comunidade, em Escolas a fim de disseminar o tema “Prevenção”. </li></ul><ul><li>Busca de recursos para o Município realizar obras de Prevenção, e atender os atingidos pelas emergências; </li></ul><ul><li>Produção e distribuição das Cartilhas Conhecidas como “Tábua de Marés” aos comerciantes da área central, a fim de alertar sobre os picos de maré alta que pode vir a ocorrer alagamentos no centro. </li></ul><ul><li>Trabalhar a “SINERGIA” entre os órgãos da PMJ e a Comunidade a fim de que se busque soluções aos problemas. </li></ul><ul><li>Formação dos NUDEC’s nos Conseg’s, Escoteiros, Escolas...comunidade. Busca de voluntários para atuarem em conjunto com a Defesa Civil nas ações, principalmente de Prevenção. </li></ul>
  44. 47. PREVENÇÃO Monitoramento Estação Metereológica do Vila Nova Trabalho realizado através de dados da EPAGRI / CIRAM / CPTEC / Defesa Civil Estadual entre outros.
  45. 48. TÁBUA DE MARÉS Alerta
  46. 49. Palestras escolas.
  47. 50. FORMAÇÃO DE NUDEC’S - NÚCLEO COMUNITÁRIO DE DEFESA CIVIL.
  48. 51. “ APESAR DE TODAS AS DIFICULDADES ENFRENTADAS, MUITO JÁ FOI CONSEGUIDO NA ATUAL GESTÃO, E CONTINUAREMOS A BATALHA POR MELHORIAS E PARA PRESTAR UM EXCELENTE TRABALHO Á COMUNIDADE”.
  49. 52. JOINVILLE – SC DEFESA CIVIL SOMOS TODOS NÓS OBRIGADO ! DEFESA CIVIL - 199

×