Fundamentos econômicos

5.031 visualizações

Publicada em

1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.031
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
100
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fundamentos econômicos

  1. 1. Fundamentos econômicos da sociedade Professora: Cristiane Vilela Disciplina: Sociologia Bibliografia: Introdução à Sociologia. Pérsio Santos de Oliveira. Introdução à Sociologia. João Guizzo.
  2. 2.  Na sociedade em que vivemos, existe uma variedade de bens e serviços aos quais usufruímos, e que existem para satisfazer as nossas necessidades. O ser humano com o seu trabalho produz esses bens e serviços. Ao viver em sociedade, as pessoas participam diretamente da produção, da distribuição e do consumo de bens e serviços. A produção é a atividade econômica mais importante de uma sociedade.
  3. 3.  Os bens e serviços usufruídos pelos indivíduos resultam de algum tipo de transformação dos recursos da natureza pelos processos de produção. trabalhoProcessos de produção matéria-prima instrumentos de produção
  4. 4. Toda atividade desenvolvida pelo ser humano – física ou mental.Trabalho Resultam bens e serviços. Quanto a execução pode ser classificado em qualificado e não qualificado.Matéria-prima Elementos (recursos naturais) que, no processo de produção, são transformados para constituírem o bem final. Instrumentos Todas as coisas que direta (ferramentas de trabalho, os de produção equipamentos e as máquinas) ou indiretamente (local de trabalho, condições físicas) permitem transformar a matéria-prima num bem final.
  5. 5.  Assim, para se produzir qualquer bem ou serviço são indispensáveis a matéria-prima e os instrumentos de produção.Tais elementos são considerados meios de produção. Portanto, são meios de produção todos os objetos materiais que intervêm no processo produtivo, ou seja tudo o que intefere na relação entre o trabalho humano e a natureza, no processo de transformação da própria natureza. Conforme vimos, o processo produtivo além dos meios de produção (matéria-prima e instrumentos de produção) necessita do trabalho humano.
  6. 6.  Assim todos os elementos que exercem na sociedade uma influência para modificar ou transformar a natureza, bem como produzir bens materiais é denominado de forças produtivas. Então, Forças produtivas = meios de produção + força de trabalho As forças produtivas alteraram-se ao longo da História.
  7. 7.  No processo produtivo, os indivíduos estabelecem relações uns com os outros, e estão ligados entre si dependendo uns dos outros. Essas relações que se estabelecem entre os seres humanos na produção, na troca e na distribuição dos bens e serviços são chamadas relações de produção. Assim, a relação existente entre os proprietários dos meios de produção e os trabalhadores, é uma relação de produção. No decorrer da história da humanidade, essa relação de produção foi modificando-se e caracterizando cada um dos diferentes tipos de sociedade. Portanto, podemos dizer que a relação de produção é o elemento que determina a organização e o funcionamento da sociedade, pois definir o “perfil”da sociedade.
  8. 8.  Por meio das forças produtivas e das relações de produção, a sociedade se organiza para produzir e para distribuir sua produção. Então, a maneira pela qual a sociedade produz seus bens e serviços, como os utiliza e os distribui é denominada de modo de produção ou sistema econômico. Assim, Modo de produção = Forças produtivas + relações de produção
  9. 9.  Ao longo da história, a espécie humana tem produzido de vários modos aquilo de que necessita, modificando o processo produtivo. Esse desenvolvimento no processo de produção, ocasionou o aparecimento dos principais modos de produção e determinou um processo de transformação da sociedade. Vale ressaltar, que cada modo de produção pode ter existido em lugares e épocas diferentes.
  10. 10. Primitivo Escravista AsiáticoPrincipais modos Feudal de produção Capitalista Socialista
  11. 11.  Modo de produção “primitivo”:  Modo de produção das sociedades de caçadores e coletores.  Nessas sociedades os indivíduos não dispunham de outros recursos de sobrevivência senão a própria natureza.  São nômades.  A posse de recursos como ferramentas e instrumentos de caça e pesca, se reduz ao mínimo, devido à necessidade constante de deslocamento.  Não há produção de reserva (excedente), produzem um pouco de cada coisa para consumo imediato: economia de subsistência.  Não há divisão do trabalho e nem ocupação especializada.  A produção é repartida entre todos.
  12. 12.  Modo de produção escravista:  Modo de produção que predominou na Antiguidade, e em algumas regiões, como o Brasil, entre os séculos XVI e XIX.  Os meios de produção (terras e instrumentos) e os escravos eram propriedade do senhor.  Assim, as relações de produção eram relações de domínio e sujeição.  Os senhores eram proprietários da força de trabalho (os escravos), dos meios de produção (terras, gado, instrumentos) e do produto do trabalho.
  13. 13.  Modo de produção asiático:  Modo de produção que predominou no Egito Antigo, na China, na Índia, entre os astecas do México, os incas do Peru e na África.  Classes sociais definidas:  Os grupos privilegiados: sacerdotes, nobres, funcionários e guerreiros. A parte produtiva da sociedade:  Escravos: executavam trabalhos forçados  Camponeses: obrigados a entregar ao Estado o que produziam.  Os meios de produção (terras e instrumentos) pertenciam ao Estado.
  14. 14.  Modo de produção asiático:  Excedente de produção permitia o destacamento de homens para constituir o exército e construir obras grandiosas.  Esses segmentos improdutivos da sociedade consumiam a maior parcela do excedente da produção.  Fatores que determinaram o fim desse modo de produção:  A propriedade das terras pelos nobres;  O alto custo de manutenção dos setores improdutivos;  Rebelião dos escravos;  Conquista do território( no caso dos impérios inca e asteca).
  15. 15.  Modo de produção feudal:  Predominou na Europa ocidental durante a Idade Média, permanecendo até o século XVI.  Sociedade feudal estruturava-se em clero, nobreza e servos.  As relações de produção no feudalismo(relações servis) baseavam-se na propriedade do senhor sobre a terra e um grande poder sobre o servo.  Os senhores feudais tinham o poder econômico e político.  Num determinado momento, as relações de produção feudais deixaram de responder às necessidades da época, pois o processo de desenvolvimento exigia novas relações de produção.
  16. 16.  Modo de produção capitalista:  Etapas do capitalismo:  Pré-capitalismo (séculos XII a XV): o modo de produção feudal ainda predomina, mas já se desenvolvem relações capitalistas.  Capitalismo comercial (séculos XV a XVIII): a maior parte dos lucros concentra-se nas mãos dos comerciantes, que constituem a camada hegemônica da sociedade; o trabalho assalariado torna-se mais comum.
  17. 17.  Modo de produção capitalista:  Etapas do capitalismo:  Capitalismo industrial (séculos XVIII a XX): com a revolução industrial, o capital passa a ser investido basicamente nas indústrias, que se tornam à atividade econômica mais importante; o trabalho assalariado firma-se definitivamente.  Capitalismo financeiro ( a partir do século XX): os bancos e outras instituições financeiras passam a controlar as demais atividades econômicas, através de financiamentos à agricultura, à indústria, à pecuária, e ao comercio.
  18. 18.  Modo de produção capitalista:  O que caracteriza o modo de produção capitalista são as relações assalariadas de produção (trabalho assalariado).  As relações de produção capitalistas baseiam-se na propriedade privada dos meios de produção e no trabalho assalariado.  Assim, no capitalismo há duas classes sociais: a burguesia e os trabalhadores assalariados.  O desenvolvimento da produção no capitalismo é movido pelo desejo de lucro.
  19. 19.  Modo de produção socialista:  A base econômica do socialismo é a propriedade social dos meios de produção, isto é, os meios de produção são públicos ou coletivos, não existindo empresas privadas.  A finalidade da sociedade socialista é a satisfação completa das necessidades materiais e culturais da população: emprego, habitação, educação, saúde.  Nela não há separação entre proprietário do capital (patrão) e proprietários da força do trabalho (empregados). Isto não quer dizer que não haja diferenças sociais entre as pessoas, bem como salários desiguais em função de o trabalho ser manual ou intelectual.
  20. 20. Dividir por 3,6 Modo de produção socialista:  A economia é planificada, visando atender às necessidades básicas da população e não ao lucro das empresas.  No final da década de 1980 e começo da década de Multiplica por 3,6 1990, começaram a ocorrer profundas mudanças políticas e econômicas nos países socialistas europeus.
  21. 21.  Modo de produção socialista:  Foram feitas reformas para tornar mais democrático o sistema político, com eleição direta para os principais cargos.  A economia passou por profundas alterações, com a diminuição do controle do Estado e a reativação os mecanismos de mercado. A propriedade privada tem sido restabelecida em alguns setores, sobretudo no comércio.  O modo de produção socialista ainda existe, com algumas alterações de caráter político e econômico na China, Mongólia, Laos, Camboja, Guiné-Bissau, Angola, Moçambique, Vietnã e Cuba.
  22. 22. Atividade1. Tomando como exemplo uma fazenda de café, quais são os meios de produção?2. Explique o que relações de produção?3. O que você entende por modo de produção?4. Quais os modos de produção que existiram ao longo da História e quais suas caracteristicas principais?

×