ESPELHOS ESFÉRICOS I 
Física 
Professor: Mário Sérgio
Análise Gráfica 
Desde as litogravuras de Maurits Escher (figura acima) ou dos famosos óleos de Van Eyck, percebe-se o fas...
Análise Gráfica 
Ambos os espelhos esféricos possuem pontos importantes que ajudam com as determinações das imagens formad...
Análise Gráfica 
•Centro de curvatura (C) – é o centro de superfície esférica à qual a calota pertence. 
•Raio de curvatur...
Análise Gráfica 
•Vértice (V) – é a interseção do eixo óptico principal com o espelho. 
•Abertura do espelho – é o ângulo ...
Análise Gráfica 
Para se formarem imagens com a menor deformação e aberração possível, algumas condições são definidas por...
Análise Gráfica
Análise Gráfica 
• Foco principal – espelho côncavo – Os raios que incidem paralelos ao eixo óptico são refletidos e passa...
Análise Gráfica 
• Foco principal – espelho convexo – os raios que incidem paralelos ao eixo óptico são refletidos de acor...
Análise Gráfica
Análise Gráfica 
•Centro de curvatura – espelho côncavo – os raios que incidem no espelho passando pelo centro de curvatur...
Análise Gráfica 
Lembre-se de que o ângulo de incidência é sempre igual ao ângulo de reflexão.
Análise Gráfica 
• Vértice – Para ambos os espelhos. 
Lembrando que o ângulo de incidência é sempre igual ao ângulo de ref...
Análise Gráfica 
Resumo:
Construção de Imagens 
•Espelho Convexo 
Caso um objeto qualquer seja colocado diante de um espelho convexo, usaremos dois...
Construção de Imagens 
•Espelho Côncavo 
1 – Objeto real antes do centro de curvatura: A imagem formada é real, invertida ...
Construção de Imagens 
•Espelho Côncavo 
2 – Objeto real no centro de curvatura: A imagem formada é real, invertida e do m...
Construção de Imagens 
•Espelho Côncavo 
3 – Objeto real entre o centro de curvatura e o foco: A imagem formada é real, in...
Construção de Imagens 
•Espelho Côncavo 
4 – Objeto real no foco: 
A imagem é imprópria, ou seja, localizada no infinito. ...
Construção de Imagens 
•Espelho Côncavo 
5 – Objeto real entre o foco e o vértice: A imagem é virtual (atrás do espelho), ...
Construção de Imagens 
•Observação 
 Toda imagem real de um objeto real é sempre invertida. 
 As imagens reais devem ser...
Atividades 
1.Assinale V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas, justificando-as. 
a. ( ) Espelhos côncavos ap...
Atividades 
d. ( ) Um espelho que não atende às condições de Gauss é um espelho astigmata. 
e. ( ) As imagens reais encont...
Atividades 
i. ( ) Um objeto real, colocado do espelho a uma distância menor que a distância focal, formará sempre imagens...
Atividades 
Isaac Newton foi o criador do telescópio refletor. O mais caro desses instrumentos até hoje fabricado pelo hom...
Atividades 
Qual das figuras a seguir representaria o funcionamento perfeito do espelho do telescópio?
Atividades 
03. A vigilância de uma loja utiliza um espelho convexo de modo a poder ter uma ampla visão do seu interior. A...
Atividades 
04. O espelho retrovisor de uma motocicleta é convexo porque: 
a)reduz o tamanho das imagens e aumenta o campo...
Atividades 
05. A imagem de um objeto real colocado entre o foco principal e o vértice de um espelho esférico cônvaco, é: ...
Testes de Vestibular 
1.(UFPA) A respeito das propriedades fundamentais dos espelhos esféricos, quais das afirmações abaix...
Testes de Vestibular 
02. (Mack-SP) A imagem e o respectivo objeto colocado perpendicularmente ao eixo principal de um esp...
Testes de Vestibular 
03. (Osec-SP) Quando você olha em um espelho côncavo e vê seu rosto aumentando e direito, o rosto se...
Testes de Vestibular 
04. (Fuvest-SP) A imagem de um objeto real produzida por um espelho esférico convexo é sempre: 
a.Vi...
Testes de Vestibular 
05. (PUC-MG) A afirmativa incorreta é: 
a.Durante a refração de um raio luminoso branco, podemos obs...
Testes de Vestibular 
06. (UFV-MG) Um farol de automóvel consiste em um filamento luminoso colocado entre dois espelhos es...
Testes de Vestibular 
A posição correta do filamento é: 
a.no foco do espelho menor e no centro de curvatura do espelho ma...
Testes de Vestibular 
07. (UFPA) Um objeto real se encontra no eixo. E a 20 cm de um espelho côncavo de distância focal 10...
Testes de Vestibular 
08. (Ufes) Uma pessoa utiliza um espelho côncavo para concentrar raios solares e acender um fósforo....
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Espelhos esféricos I

1.195 visualizações

Publicada em

Óptica

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.195
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Espelhos esféricos I

  1. 1. ESPELHOS ESFÉRICOS I Física Professor: Mário Sérgio
  2. 2. Análise Gráfica Desde as litogravuras de Maurits Escher (figura acima) ou dos famosos óleos de Van Eyck, percebe-se o fascínio pelas deformações das imagens ou modificações no campo visual provocadas pelos espelhos esféricos. Pois essa figura mostra uma calota coma superfície externa refletora, que se chama de espelho convexo. Quando se obtém a superfície interna refletora, dá-se o nome de côncavo ao espelho.
  3. 3. Análise Gráfica Ambos os espelhos esféricos possuem pontos importantes que ajudam com as determinações das imagens formadas. Espelho Côncavo Espelho Convexo
  4. 4. Análise Gráfica •Centro de curvatura (C) – é o centro de superfície esférica à qual a calota pertence. •Raio de curvatura (R) – é o raio de curvatura da superfície esférica que originou a calota. •Foco principal (F) – é o ponto em que os raios (ou prolongamentos dos raios) que incidem paralelamente ao eixo óptico se cruzam (metade do raio). •Eixo óptico – é a reta que contém o centro do espelho e o ponto central da superfície espelhada.
  5. 5. Análise Gráfica •Vértice (V) – é a interseção do eixo óptico principal com o espelho. •Abertura do espelho – é o ângulo com vértice no centro de curvatura e lados tangenciando o espelho.
  6. 6. Análise Gráfica Para se formarem imagens com a menor deformação e aberração possível, algumas condições são definidas por Gauss: • o espelho deve apresentar pequenos ângulod de abertura <10°; •Os raios incidentes são pouco inclinados e próximos ao eixo; são ditos paraxiais. •Raios notáveis – são aqueles cujo comportamento de reflexão é conhecido de antemão e utilizados para a construção geométrica da posição das imagens formadas.
  7. 7. Análise Gráfica
  8. 8. Análise Gráfica • Foco principal – espelho côncavo – Os raios que incidem paralelos ao eixo óptico são refletidos e passam pelo foco principal. Pelo princípio da reversibilidade, os raios que passam pelo foco são refletidos paralelamente ao eixo principal. É chamado de foco real, pois é atravessado realmente pelos raios de luz.
  9. 9. Análise Gráfica • Foco principal – espelho convexo – os raios que incidem paralelos ao eixo óptico são refletidos de acordo com os prolongamentos que passam pelo foco principal. Pelo princípio da reversibilidade, os raios que incidem na direção do foco são refletidos paralelamente ao eixo principal. É chamado de foco virtual, pois é atravessado pelos prolongamentos dos raios de luz.
  10. 10. Análise Gráfica
  11. 11. Análise Gráfica •Centro de curvatura – espelho côncavo – os raios que incidem no espelho passando pelo centro de curvatura incidem perpendicularmente ao espelho, por isso são refletidos pela mesma trajetória. •Centro de curvatura – espelho convexo – os raios que incidem no espelho, na direção do centro de curvatura, incidem perpendicularmente ao espelho, por isso são refletidos pela mesma trajetória.
  12. 12. Análise Gráfica Lembre-se de que o ângulo de incidência é sempre igual ao ângulo de reflexão.
  13. 13. Análise Gráfica • Vértice – Para ambos os espelhos. Lembrando que o ângulo de incidência é sempre igual ao ângulo de reflexão, pode-se determinar a reflexão dos raios que incidem sobre o vértice dos espelhos esféricos. É pouco aconselhado o uso deste raio notável pela grande possibilidade de erros advindos da imprecisão na medida e reprodução destes ângulos sem as ferramentas necessárias.
  14. 14. Análise Gráfica Resumo:
  15. 15. Construção de Imagens •Espelho Convexo Caso um objeto qualquer seja colocado diante de um espelho convexo, usaremos dois raios para construir a imagem. Como mostra a figura, a imagem do objeto estará no encontro dos prolongamentos dos raios refletidos. Imagem virtual, direita e menor
  16. 16. Construção de Imagens •Espelho Côncavo 1 – Objeto real antes do centro de curvatura: A imagem formada é real, invertida e menor que o objeto dos raios refletidos. Imagem real, invertida e menor
  17. 17. Construção de Imagens •Espelho Côncavo 2 – Objeto real no centro de curvatura: A imagem formada é real, invertida e do mesmo tamanho do objeto. Imagem real, invertida e igual
  18. 18. Construção de Imagens •Espelho Côncavo 3 – Objeto real entre o centro de curvatura e o foco: A imagem formada é real, invertida e maior que o objeto. Imagem real, invertida e maior
  19. 19. Construção de Imagens •Espelho Côncavo 4 – Objeto real no foco: A imagem é imprópria, ou seja, localizada no infinito. Imagem imprópria
  20. 20. Construção de Imagens •Espelho Côncavo 5 – Objeto real entre o foco e o vértice: A imagem é virtual (atrás do espelho), direita e maior que o objeto. Imagem virtual, direita e maior
  21. 21. Construção de Imagens •Observação  Toda imagem real de um objeto real é sempre invertida.  As imagens reais devem ser projetadas para observação. Toda imagem virtual de um objeto real é sempre direita As imagens virtuais são observadas diretamente no espelho. Objeto e imagem estão sempre do mesmo lado em relação ao foco. A imagem virtual no espelho convexo pode se afastar, no máximo, até o foco do espelho.
  22. 22. Atividades 1.Assinale V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas, justificando-as. a. ( ) Espelhos côncavos apresentam foco real. b. ( ) Nos espelhos que obedecem às condições de Gauss quase não se percebe a esfericidade (são muito semelhantes a espelhos planos). c. ( ) A principal utilização de espelhos convexos se deve à formação de imagens sempre menores que o objeto.
  23. 23. Atividades d. ( ) Um espelho que não atende às condições de Gauss é um espelho astigmata. e. ( ) As imagens reais encontram-se sempre do mesmo lado do espelho que o objeto real que as forma. f. ( ) As imagens formadas em espelhos esféricos serão tanto maiores quanto mais distantes estiverem do espelho, comparadas com os objetos que as formam. g. ( ) As imagens projetadas em um anteparo são necessariamente reais e invertidas.
  24. 24. Atividades i. ( ) Um objeto real, colocado do espelho a uma distância menor que a distância focal, formará sempre imagens virtuais e direitas. j. ( ) A base de um telescópio de reflexão é um grande espelho convexo.
  25. 25. Atividades Isaac Newton foi o criador do telescópio refletor. O mais caro desses instrumentos até hoje fabricado pelo homem, o telescópio espacial Hubble (1,6 bilhão de dólares), colocado em órbita terrestre em 1990, apresentou em seu espelho côncavo, dentre outros, um defeito de fabricação que impede a obtenção de imagens bem definidas das estrelas distantes. (O Estado de São Paulo, 01/08/91, p.14). 02. (Vunesp)
  26. 26. Atividades Qual das figuras a seguir representaria o funcionamento perfeito do espelho do telescópio?
  27. 27. Atividades 03. A vigilância de uma loja utiliza um espelho convexo de modo a poder ter uma ampla visão do seu interior. A imagem do interior dessa loja, vista através desse espelho, será: a)real e situada entre o foco e o centro da curvatura do espelho. b)real e situada entre o foco e o espelho. c)real e situada entre o centro e o espelho. d)virtual e situada entre o foco e o espelho. e)virtual e situada entre o foco e o centro de curvatura do espelho.
  28. 28. Atividades 04. O espelho retrovisor de uma motocicleta é convexo porque: a)reduz o tamanho das imagens e aumenta o campo visual. b)aumenta o tamanho das imagens e aumenta o campo visual c)reduz o tamanho das imagens e diminui o campo visual d)aumenta o tamanho das imagens e diminui o campo visual e)mantém o tamanho das imagens e aumenta o campo visual
  29. 29. Atividades 05. A imagem de um objeto real colocado entre o foco principal e o vértice de um espelho esférico cônvaco, é: a. real e invertida, dependendo do raio de curvatura do espelho. b. sempre real, invertida e maior que o objeto. c. sempre virtual, direita e menor que o objeto. d. sempre virtual, direita e maior que o objeto. e. sempre rela, direita e maior que o objeto.
  30. 30. Testes de Vestibular 1.(UFPA) A respeito das propriedades fundamentais dos espelhos esféricos, quais das afirmações abaixo são corretas? I)Todo raio de luz que incide passando pelo centro de curvatura do espelho volta sobre si mesmo. II) Todo raio de luz incidente paralelo ao eixo principal do espelho origina um raio refletido que passa pelo centro do espelho. III) Todo raio de luz que incide no vértice V do espelho gera um raio refletido que é simétrico do incidente relativamente ao eixo principal. a.Todas. b.Nenhuma. c.I e II. d.I e III. e.II e III.
  31. 31. Testes de Vestibular 02. (Mack-SP) A imagem e o respectivo objeto colocado perpendicularmente ao eixo principal de um espelho esférico côncavo de 30 cm de distância focal têm a mesma altura. A distância entre este objeto e o vértice do espelho é de: a.10 cm b.15 cm c.30 cm d.45 cm e.60 cm
  32. 32. Testes de Vestibular 03. (Osec-SP) Quando você olha em um espelho côncavo e vê seu rosto aumentando e direito, o rosto se encontra: a.No foco do espelho. b.No centro de curvatura do espelho. c.Entre o foco e o espelho. d.Entre o foco e o centro de curvatura. e.Mais afastado que o centro de curvatura, em relação ao espelho.
  33. 33. Testes de Vestibular 04. (Fuvest-SP) A imagem de um objeto real produzida por um espelho esférico convexo é sempre: a.Virtual e menor que o objeto. b.Virtual e maior que o objeto. c.Real e menor que o objeto. d.Real e igual ao objeto. e.Real e maior que o objeto.
  34. 34. Testes de Vestibular 05. (PUC-MG) A afirmativa incorreta é: a.Durante a refração de um raio luminoso branco, podemos observar o fenômeno de dispersão da luz nas cores: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, anil e violeta; b.Nas lentes delgadas, convergentes, a formação de imagens, que podem ser reais ou virtuais, é uma consequência da refração da luz nas suas faces; c.A formação das imagens, que são virtuais, nos espelhos planos, é uma consequência da reflexão da luz nessas superfícies; d.Um espelho convexo só fornece uma imagem virtual, menor e direita de um objeto real; e.O espelho côncavo só pode permitir a formação de imagens reais de objetos reais.
  35. 35. Testes de Vestibular 06. (UFV-MG) Um farol de automóvel consiste em um filamento luminoso colocado entre dois espelhos esféricos côncavos de mesmo eixo, voltados um para o outro e de tamanhos diferentes, de modo que todos os raios oriundos do filamento se refletem no espelho maior e se projetam paralelos, conforme a figura.
  36. 36. Testes de Vestibular A posição correta do filamento é: a.no foco do espelho menor e no centro de curvatura do espelho maior. b.no centro de curvatura do espelho menor e no foco do espelho maior. c.no vértice do espelho menor e no centro de curvatura do espelho maior. d.no foco de ambos os espelhos.
  37. 37. Testes de Vestibular 07. (UFPA) Um objeto real se encontra no eixo. E a 20 cm de um espelho côncavo de distância focal 10 cm. A imagem obtida é: a.Real e menor que o objeto. b.Real e maior que o objeto. c.Real e do mesmo tamanho do objeto. d.Vertical e maior que o objeto. e.Virtual e do mesmo tamanho do objeto
  38. 38. Testes de Vestibular 08. (Ufes) Uma pessoa utiliza um espelho côncavo para concentrar raios solares e acender um fósforo. A cabeça do fósforo deve estar localizada. a.Entre o centro e o foco. b.Entre o foco e o vértice. c.No vértice d.No centro. e.No foco.

×