Mariana Clark Peres Rabello
Posição Adotada: Tecnófobo
O ser humano é insubstituível
• O futuro não deve estar apenas nos
computadores.
• Relegar boa parte da educação dos jovens aos
computadores é isentar o...
• O uso do computador pode ser muito útil na
educação porém há um endeusamento
preocupante e prejudicial.
• Necessidade de...
• Os computadores podem ser aliados mas não
devem, jamais, aparecer como aquilo que irá
animar os alunos, mantê-los ocupad...
• O computador, por si só, não tem um
discernimento. Ele é uma máquina.
• É preciso estabelecer uma interação humana
entre...
• Há um endeusamento geral que toda boa
escola deva ter computadores como forma de
boa educação e evolução.
• Levar em con...
• Essa pressa em concluir o papel dos
computadores na educação faz diminuir as
escolas e alunos que não têm acesso a eles....
• Acredita-se que a Internet contenha todas as
informações necessárias ao aluno. Esse fato
está longe de ser uma verdade.
...
• O ambiente virtual é rápido e esse fator pode
criar no aluno uma ideia de que tudo que se
demora um pouco mais é ruim. O...
• O uso das novas tecnologias é parte do
mundo em que vivemos. Entretanto, é preciso
desmitificar certos padrões e aprende...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Mariana clark peres rabello

142 visualizações

Publicada em

Atividade 6

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
142
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mariana clark peres rabello

  1. 1. Mariana Clark Peres Rabello Posição Adotada: Tecnófobo O ser humano é insubstituível
  2. 2. • O futuro não deve estar apenas nos computadores. • Relegar boa parte da educação dos jovens aos computadores é isentar o professor de seu papel essencial: educar os jovens e as crianças. • O uso excessivo leva às crianças e jovens a um raciocínio rápido que só tem lugar no universo virtual. O processo de aprendizado não se dá da mesma maneira.
  3. 3. • O uso do computador pode ser muito útil na educação porém há um endeusamento preocupante e prejudicial. • Necessidade de equipar todas as escolas com computadores para os alunos como se isso fosse garantia de um bom ensino. • Alto custo por parte do governo/dinheiro público para equipar escolas. Esse dinheiro poderia ser melhor gasto.
  4. 4. • Os computadores podem ser aliados mas não devem, jamais, aparecer como aquilo que irá animar os alunos, mantê-los ocupados e quietos. • É tarefa dos pais e dos professores instigar esses alunos. Deixar que o computador faça isso é extremamente prejudicial.
  5. 5. • O computador, por si só, não tem um discernimento. Ele é uma máquina. • É preciso estabelecer uma interação humana entre professor e aluno. • Há um tanto de cada professor que não pode e nem deve ser substituído por uma máquina. • Grande perda para os alunos ocorre quando o uso do computador é alçado ao estatuto de indispensável.
  6. 6. • Há um endeusamento geral que toda boa escola deva ter computadores como forma de boa educação e evolução. • Levar em conta as evoluções tecnológicas não é relegar tudo à interação entre a máquina e o aluno. • A criatividade é um ponto importantíssimo na aprendizagem.
  7. 7. • Essa pressa em concluir o papel dos computadores na educação faz diminuir as escolas e alunos que não têm acesso a eles. • Cria-se um imaginário em que qualquer estudante que não tenha acesso a eles é um estudante deficiente o que está longe de ser verdade.
  8. 8. • Acredita-se que a Internet contenha todas as informações necessárias ao aluno. Esse fato está longe de ser uma verdade. • Há inúmeras fontes de pesquisas e, na maioria das vezes, imensamente mais confiáveis que a Internet. • É preciso separar o que é verdadeiro e o que é falso e é preciso, portanto, um discernimento no uso das informações da Internet.
  9. 9. • O ambiente virtual é rápido e esse fator pode criar no aluno uma ideia de que tudo que se demora um pouco mais é ruim. Ou, pior, desacostumá-lo com outros ritmos em que a vida decorre seja no ambiente escolar quanto no factual.
  10. 10. • O uso das novas tecnologias é parte do mundo em que vivemos. Entretanto, é preciso desmitificar certos padrões e aprender, de maneira sóbria, o lugar dos computadores na aprendizagem dos alunos e dentro das escolas.

×