DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM
POR
MARIA HELENA SOARES DA SILVA SOARES
A definição desenvolvida pelo National Joint Comittee on Learning
Disabilities – (NJCLD) – EUA, 1997. (Comitê Nacional de
...
TIPOS DE DA
• REATIVAS RESULTANTE DE UMA REAÇÃO DO SUJEITO EM FUNÇÃO DE ALGO QUE
LHE ACONTECE, DESENVOLVENDO ASSIM UM COMP...
DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM
• É TUDO AQUILO QUE ATRAPALHA, IMPEDE OU INTERROMPE O PROCESSO DE
APRENDER.
• DIS – SIGNIFICA N...
INTEGRIDADES BÁSICAS QUE CARACTERIZAM O PROCESSO DE
APRENDER:
• FATORES PSICODINÂMICOS – INTERNALIZAÇÃO DO QUE FOI
OBSERVA...
PRINCIPAIS DISTÚRBIOS
DISLEXIA - DISGRAFIA – DISCALCULIA – DISLALIA –.DISORTOGRAFIA - TDHA
CONHECENDO OS DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM
• DISLEXIA – DIFICULDADE PARA INTERPRETAR O QUE LÊ, FAZ TROCAS E
OMISSÕES, QUER D...
CONHECENDO OS DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM
• DISLALIA – APRESENTA PRONÚNCIA INADEQUADA DAS PALAVRAS, COM
TROCAS DE FONEMAS E...
QUANTO MAIOR A IDADE DA CRIANÇA (E
PORTANTO, O TEMPO SE PASSOU COM A
DIFICULDADE DA LEITURA E ESCRITA),TANTO
MENORES SÃO O...
• BIBLIOGRAFIA:
• COELHO Maria Teresa, JOSÈ Elisabete da Assunção, Dificuldade de Aprendizagem - Editora Ática.
•
Imagens ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Dificuldades de aprendizagem

310 visualizações

Publicada em

Definição de Dificuldades de aprendizagem

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
310
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dificuldades de aprendizagem

  1. 1. DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM POR MARIA HELENA SOARES DA SILVA SOARES
  2. 2. A definição desenvolvida pelo National Joint Comittee on Learning Disabilities – (NJCLD) – EUA, 1997. (Comitê Nacional de Dificuldades de Aprendizagem ) é a seguinte: “Dificuldade de Aprendizagem é um termo genérico que se refere a um grupo heterogêneo de desordens, manifestadas por dificuldade na aquisição e no uso da audição, fala, leitura, escrita, raciocínio ou habilidades matemáticas. Estas desordens são intrínsecas ao sujeito, presumidamente.
  3. 3. TIPOS DE DA • REATIVAS RESULTANTE DE UMA REAÇÃO DO SUJEITO EM FUNÇÃO DE ALGO QUE LHE ACONTECE, DESENVOLVENDO ASSIM UM COMPORTAMENTO RELACIONADO À TAL SITUAÇÃO. • SINTOMÁTICAS É UM SINTOMA, UM SINAL, UM INDÍCIO DE QUE ALGO NÃO VAI BEM COM A CRIANÇA OU SUA FAMÍLIA.
  4. 4. DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM • É TUDO AQUILO QUE ATRAPALHA, IMPEDE OU INTERROMPE O PROCESSO DE APRENDER. • DIS – SIGNIFICA NEGAÇÃO, ALGO QUE MODIFICA. • TURB – ALGO QUE PERTURBA OU INTERROMPE UMA ORDEM.
  5. 5. INTEGRIDADES BÁSICAS QUE CARACTERIZAM O PROCESSO DE APRENDER: • FATORES PSICODINÂMICOS – INTERNALIZAÇÃO DO QUE FOI OBSERVADO OU EXPERIMENTADO. • FUNÇÕES DO SISTEMA NERVOSO PERIFÉRICO – RESPONSÁVEIS PELA APRENDIZAGEM SIMBÓLICA. • SISTEMA NERVOSO CENTRAL- CONSTITUÍDO PELO ENCÉFALO E MEDULA ESPINHAL. ARMAZENA, ELABORA E PROCESSA AS INFORMAÇÕES RESULTANDO EM RESPOSTA APROPRIADA AO ORGANISMO.
  6. 6. PRINCIPAIS DISTÚRBIOS DISLEXIA - DISGRAFIA – DISCALCULIA – DISLALIA –.DISORTOGRAFIA - TDHA
  7. 7. CONHECENDO OS DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM • DISLEXIA – DIFICULDADE PARA INTERPRETAR O QUE LÊ, FAZ TROCAS E OMISSÕES, QUER DE SÍLABAS, QUER DE PALAVRAS. • DISGRAFIA – APRESENTA TRAÇOS POUCOS PRECISOS E INCONTROLÁVEIS, FALTA DE PRESSÃO COM O LÁPIS. • DISCALCULIA – DIFICULDADE PARA FAZER CÁLCULOS, IDENTIFICAR AS QUATRO OPERAÇÕES, INTERPRETAR ENUNCIADOS DE PROBLEMAS, NÃO CONSEGUE QUANTIFICAR OU FAZER COMPARAÇÕES.
  8. 8. CONHECENDO OS DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM • DISLALIA – APRESENTA PRONÚNCIA INADEQUADA DAS PALAVRAS, COM TROCAS DE FONEMAS E SONS ERRADOS. • DISORTOGRAFIA – APRESENTA DIFICULDADE NA LINGUAGEM ESCRITA, COM TROCAS DE FONEMAS, AGLUTINAÇÃO OU SEGMENTAÇÃO DE PALAVRAS, FALTA DE PERCEPÇÃO E COMPREENSÃO DOS SINAIS DE PONTUAÇÃO E ACENTUAÇÃO. • TDAH – APRESENTA PROBLEMA DE ORDEM NEUROLÓGICA, COM SINAIS DE INQUIETUDE, DESATENÇÃO, FALTA DE CONCENTRAÇÃO E IMPULSIVIDADE COM PERDAS SIGNIFICATIVAS NO PROCESSO DE APRENDIZAGEM.
  9. 9. QUANTO MAIOR A IDADE DA CRIANÇA (E PORTANTO, O TEMPO SE PASSOU COM A DIFICULDADE DA LEITURA E ESCRITA),TANTO MENORES SÃO OS EFEITOS DE INTERVENÇÃO. OLSON - 1996
  10. 10. • BIBLIOGRAFIA: • COELHO Maria Teresa, JOSÈ Elisabete da Assunção, Dificuldade de Aprendizagem - Editora Ática. • Imagens inseridas foram pesquisadas na web.

×