Biblioteca escolar as literacias digitais e da informação [modo de compatibilidade]

626 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
626
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
99
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Biblioteca escolar as literacias digitais e da informação [modo de compatibilidade]

  1. 1. Filomena Rúbio/2010
  2. 2. • Tema • Autoria • Conteúdo • Acesso e usabilidade • Desenho gráfico e multimédia • Comunicação • Relação com o utilizador • Custos • Conservação e comunicação • Acessibilidade BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  3. 3. BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  4. 4. • Tema bem definido; • Implícito (por ex. no título) ou explicado através de meta – informação (introdução, apresentação); • Correspondência entre as expectativas criadas e a forma como o tema é tratado; • Claro quanto ao propósito, objectivo, missão da informação disponibilizada; • Amplitude e profundidade adequadas ao público – alvo. BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  5. 5. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  6. 6. • O(s) autor(es) do recurso estão devidamente identificados? • É fornecida descrição do autor (é um especialista, um entusiasta, um autodidacta)? • Disponibiliza currículo? • O autor é conhecido na sua área de actuação? • Fornece meios de o contactar? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  7. 7. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  8. 8. • Características intrínsecas à informação disponibilizada • Factos, opinião ou ambos? • Informação original, ou reproduz informação de outros, através de hiperligações? • Coerência entre a linguagem utilizada e os seus objectivos e o público a que se destina. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  9. 9. • Exactidão, precisão e rigor• Informação rigorosa, precisa e isenta de erros científicos;• Informação verificável;• Informação pertinente para o tema;• Informação adequada ao público – alvo;• são indicadas as fontes de informação;• Referências (bibliografia, citações, notas de rodapé …) Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  10. 10. • Exactidão, precisão e rigor• O recurso respeita os direitos de autor;• As hiperligações fornecidas estão organizadas, avaliadas,anotadas, funcionam, permitem estabelecer comparações com ainformação fornecida. BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  11. 11. • Objectividade• Nível de dependência ou de ausência de qualquer indicação decarácter comercial, religioso ou político. BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  12. 12. • Actualidade • Existe uma data de publicação? • A informação é actualizada ou obsoleta? • Com que periodicidade são feitas as actualizações? • As datas das actualizações são indicadas e correspondem à informação a que se referem? • É manifesto o compromisso dos autores com a actualização da informação? • Tem hiperligações obsoletas ou que não funcionam? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  13. 13. • Qualidade da escrita• O conteúdo textual está correctamente escrito?• É utilizado o vocabulário apropriado, incluindo vocabuláriotécnico, sem calão?• Não tem um tom sarcástico ou ofensivo?• Não há erros ortográficos ou gramaticais? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  14. 14. • Adequação ao currículo e ao contexto:• Ligação ao currículo e aos objectivos de aprendizagem;• Promove a actividade intelectual no aluno, em especial, oraciocínio, a reflexão crítica e a criatividade;• Engloba tarefas que promovam as actividades colectivas deaprendizagem em termos de comunicação e da construção doconhecimento;• Apresenta relativamente à avaliação, dispositivos de auto –avaliação e auto – regulação da aprendizagem. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  15. 15. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  16. 16. • Pesquisa•O recurso contém um sistema de pesquisa para mais rápidoacesso ao conteúdo?• O motor de pesquisa funciona bem, é eficaz, respondecom um mínimo de ruído?• O motor de pesquisa permite avançar para pesquisasnoutros recursos?• O suporte da informação é adequado aos objectivos epode ser efectivamente usado?• O interface é amigável? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  17. 17. • Pesquisa•Os serviços fornecidos exigem programas difíceis de adquirirpelos utilizadores, ou software específico para um correctofuncionamento? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  18. 18. • Recursos auxiliares à pesquisa•Tesauros, listas, glossários, mapa do sítio, guia, ajuda napesquisa;• Instruções de uso;• Documentação/manuais do utilizador para download ouimpressão. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  19. 19. • Organização•A informação é de leitura clara, fácil de interpretar ou, pelocontrário, é confuso?• A informação está bem organizada, isto é, obedece a algumaestrutura lógica?• É possível descobrir fácil e rapidamente a informação que sepretende, com um mínimo de movimentos entre os diferentesníveis de hipertexto? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  20. 20. • Tempo de download•Quanto tempo demora a informação a ser carregada?• Se é necessário esperar mais do que o normal, justifica-se aespera? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  21. 21. • Ambiente informático•A informação pode ser acedida com equipamento e programasestandardizados, ou são requeridos programas, redes oupalavras – passe especiais?• O ambiente informático foi desenhado de maneira a ser possívelaceder à informação apenas com um tipo de programa ouinterface do utilizador (por ex. a última versão dos navegadores,ou apenas com um navegador, ou com resoluções de ecrã poucousuais, …)? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  22. 22. • Ambiente informático•Se a informação inclui conteúdos com música, som animação,vídeo, é possível aceder a ela com facilidade? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  23. 23. • Estabilidade• O URL muda frequentemente?• Se acaso existiu alguma mudança, foram criados dispositivos deredireccionamento para o novo endereço? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  24. 24. • Conectividade• A informação pode ser facilmente acedida, ou está muitas vezessobrecarregada ou off – line?• Existe um limite para número de utilizadores em simultâneo?• A largura de banda permite que o tempo de carregamento dainformação não seja excessivo? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  25. 25. • Língua• A língua em que a informação é apresentada é entendida pelopúblico – alvo?• A informação está disponível nalguma outra língua, poe ex., oinglês? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  26. 26. • Ajuda• São disponibilizados mecanismos de ajuda para facilitar oacesso à informação?• Estão convenientemente localizados e são acessíveis emqualquer ponto onde o utilizador se encontre? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  27. 27. • Facilidade de uso• A informação é fácil de usar?• É necessário utilizar algum tipo de comandos especiais?• Costumam ocorrer falhas na navegação, páginas que nãorespondem ou estão ‘em construção’, páginas que nãoconseguem ser abertas? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  28. 28. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  29. 29. • A informação é apresentada de uma forma agradável à vista?• Os efeitos visuais valorizam a informação, distraem doconteúdo, ou substituem-no?• No caso de serem utilizados efeitos de áudio, vídeo, realidadevirtual ou outros, podem considerar-se apropriados e necessáriosà concretização dos objectivos da informação disponibilizada? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  30. 30. • Construção• É fácil navegar no hipertexto, sem que o aluno se perca ou seconfunda?• Que quantidade de cliques é necessária para chegar à fonte e àinformação pretendida?• O sistema de navegação facilita a movimentação dentro dorecurso?• Existe a possibilidade de o utilizador aceder ao índice ou início apartir de qualquer local? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  31. 31. • Identidade Visual• O recurso tem uma identidade visual consistente?• Existe coerência na utilização de estilos de texto, cores, tipo etamanho da letra? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  32. 32. • Composição (layout)• A organização e disposição dos diferentes elementos obedecema uma lógica coerente?• São mantidas as mesmas convenções e regras para todos oselementos da interface?• Existe consistência com o mundo real (se respeita asconvenções resultantes da experiência no mundo real)? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  33. 33. • Imagens• As imagens têm um tamanho adequado, são facilmente legíveise rapidamente carregadas?• Existe uma clara identificação das imagens e do seu autor? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  34. 34. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  35. 35. • Simbolismo• Os ícones e outras imagens comunicam eficientemente o seuconteúdo?• Varrimento• A organização dos elementos e a ênfase que se lhes pretendedar na estrutura da página respeita o esquema de varrimento doolho humano? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  36. 36. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  37. 37. • Legibilidade• Os caracteres, símbolos e elementos gráficos são exibidos coma máxima clareza?• Tipografia• O tipo e tamanho de letra são facilmente legíveis e têm emconta as características do público-alvo (por exemplo a sua faixaetária)• A cor da letra proporciona um bom contraste com o fundo? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  38. 38. • É possível a interactividade com o utilizador?• É possível aos utilizadores receberem um feedback da suautilização do recurso?• É estimulada a participação do utilizador em alguns itens dorecurso?• Existência de ferramentas de personalização. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULO Filomena Rúbio/2010
  39. 39. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  40. 40. • Existem custos específicos de utilização do recurso?• Quem suporta custos?• Os custos são adequados à qualidade do recurso? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  41. 41. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  42. 42. •Existe a possibilidade de guardar informação?• Existe alguma modalidade ou versão para impressão?• Existe a possibilidade de enviar por e-mail? Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULO Filomena Rúbio/2010
  43. 43. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  44. 44. 1. Fornecer alternativas equivalentes ao conteúdo sonoro e visual;2. Não recorrer apenas à cor;3. Utilizar correctamente anotações e folhas de estilo;4. Indicar claramente qual a língua utilizada;5. Criar tabelas passíveis de transformação harmoniosa;6. Assegurar que as páginas dotadas de novas tecnologias sejam transformadas harmoniosamente;7. Assegurar o controlo do utilizador sobre as alterações temporais do conteúdo;8. Assegurar acessibilidade directa de interfaces do utilizador integradas; Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010
  45. 45. 9. Pautar a concepção pela independência face a dispositivos;10. Utilizar soluções de transição;11. Fornecer contexto e orientações;12. Fornecer mecanismos de navegação claros;13. Assegurar a clareza e a simplicidade dos documentos. Filomena Rúbio/2010 BIBLIOTECA ESCOLAR, LITERACIAS E CURRÍCULOFilomena Rúbio/2010

×