Os exames

251 visualizações

Publicada em

Aula 06_Controle Social e Sociedade Disciplinar_Nono ano_SCII_Colégio Pedro II

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
251
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os exames

  1. 1. OS EXAMES
  2. 2. Com as sociedades disciplinares surgem exames, testes e provas dos mais diferentes tipos. Os testes qualificam e hierarquizam as pessoas segundo níveis de conhecimento, aptidão física, sanidade mental e até mesmo periculosidade.
  3. 3. O momento em que as provas acontecem é ritualizado: o poder é o tempo todo mostrado àquele submetido à provação e o resultado da avaliação adquire o estatuto de verdade.
  4. 4. Não se contesta a existência das provas.
  5. 5. As provas produzem conhecimentos; elas servem como documentos e se transformam em históricos e fichas.
  6. 6. As provas viram documentos para ação e controle. Elas são produtoras de conhecimento sobre indivíduos e grupos.
  7. 7. A partir das provas, posso classificar comportamentos e conceitualiza-los: surgem os pedagogos, psicólogos, assistentes sociais e criminólogos, os quais reúnem as informações transmitidas pelas provas e classificam as pessoas construindo conhecimentos com valor científico.
  8. 8. Assistente Social Pedagoga
  9. 9. Surgem assim novos saberes como a criminologia, a medicina hospitalar, a pedagogia. A rede dos saberes/poderes estende-se a toda sociedade moderna. Os dispositivos do poder disciplinar que compreendem saberes, poderes e instituições recobrem todos os domínios da vida humana. Instaura-se assim uma nova tecnologia do podertecnologia do poder que se torna cada vez mais complexa e abrangente. 
  10. 10. A criminalização da pobreza acontece quando aqueles que analisam o cometimento de crimes, concluem que hábitos de vidas das pessoas pobres “produzem bandidos”.

×