Desenho didático para cursos
online
Edméa Santos
Professora adjunto da UERJ
Área de atuação: Informática na Educação
E-mai...
Que é cibercultura?
Educação online: fenômeno da
cibercultura
Sobre o conceito de desenho
didático
O desenho didático é a arquitetura e o
desenvolvimento de conteúdos e
situações de ap...
Etapas do desenho didático
Planejamento
Arquitetura
dos conteúdos
e situações de
aprendizagem
no AVA
Avaliação
Materialida...
Planejamento
Avaliação
Materialidade da ação
As etapas são interativas!
O planejamento é uma rede!
das situações de
aprendizagem
curso
online
módulo
módulomódulo
módulo
CONTEÚDOS
ATIVIDADES
PRODUÇÕES
Equipe de produção do desenho didático
INSTRUCIONAL DESIGNER
DESIGNER DIDÁTICO
CONTEUDISTA
WEB-ROTEIRISTA
LINGUISTA
WEB-DE...
Multidisciplinaridade
Pluridisciplinaridade
Interdisciplinaridade
produção coletiva!!
• Qual é o assunto?
• Já existe material disponível? Em que mídias?
• Em que grau de profundidade será abordado?
• Quais a...
Estruturação dos conteúdos
A partir dos dados do contexto
Selecionar o conteúdo:
Definir o que é essencial, o que é secund...
Potencialidades do conteúdo
online
O conteúdo hipertextual
Estruturas de organização:
Fonte:Yale Style Manual: http://info.med.yale.edu/caim/manual/contents.html
Estrutura do conteú...
O que é
Linguagem: Ling. Todo sistema de signos que serve de meio de
comunicação entre indivíduos e pode ser percebido pel...
Verificar as possibilidades de linguagem:
História em quadrinhos, reportagem, drama, comédia,
animação gráfica, jogo, fábu...
Algumas características recomendáveis para o texto:
Adequação - ao contexto, ao curso e aos alunos, ao tempo requerido par...
Situações de aprendizagem
As interfaces digitais: a
comunicação na sala de aula online
Assíncronas: fórum de discussão,
blogs, diários, portfólios, ...
Fóruns de discussão: potenciais
Permite que os participantes interajam conforme a
conveniência de sua agenda pessoal;
o me...
Os chats: potenciais
dinamiza a comunicação de modo mais informal
entre os sujeitos no modelo todos-todos;
amplia os espaç...
Outras estratégias para situações
de aprendizagem
O trabalho com projetos - permite que o
conhecimento seja construído a p...
A Avaliação da Aprendizagem
Textos auxiliares
Redação de
recorrência
Chamadas de
reflexão
Estratégias de
linguagem
Seleção de
Conteúdo
Estratégias de
...
Vamos ao debate?
Obrigada!
“O método não precede a
experiência e se apresenta ao
final, talvez para uma nova
viagem”.
Edga...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Curso online desenho didático-méa

413 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
413
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curso online desenho didático-méa

  1. 1. Desenho didático para cursos online Edméa Santos Professora adjunto da UERJ Área de atuação: Informática na Educação E-mail: mea2@uol.com.br Site: www.docenciaonline.pro.br/moodle Fone para contato: (21) 9139-3437
  2. 2. Que é cibercultura?
  3. 3. Educação online: fenômeno da cibercultura
  4. 4. Sobre o conceito de desenho didático O desenho didático é a arquitetura e o desenvolvimento de conteúdos e situações de aprendizagem no contexto de um ambiente virtual de aprendizagem. O processo envolve a prática do planejamento, sua materialidade da ação e a avaliação do projeto.
  5. 5. Etapas do desenho didático Planejamento Arquitetura dos conteúdos e situações de aprendizagem no AVA Avaliação Materialidade da ação Co-criação com os sujeitos da processo Obra aberta
  6. 6. Planejamento Avaliação Materialidade da ação As etapas são interativas!
  7. 7. O planejamento é uma rede!
  8. 8. das situações de aprendizagem curso online módulo módulomódulo módulo CONTEÚDOS ATIVIDADES PRODUÇÕES
  9. 9. Equipe de produção do desenho didático INSTRUCIONAL DESIGNER DESIGNER DIDÁTICO CONTEUDISTA WEB-ROTEIRISTA LINGUISTA WEB-DESIGNER DESENHISTA/ANIMADOR PROGRAMADOR VISUAL PROGRAMADOR ANALISTA DE SISTEMAS PROFESSOR-TUTOR DOCENTE ONLINE CURSISTAS
  10. 10. Multidisciplinaridade Pluridisciplinaridade Interdisciplinaridade produção coletiva!!
  11. 11. • Qual é o assunto? • Já existe material disponível? Em que mídias? • Em que grau de profundidade será abordado? • Quais as mídias mais adequadas para apresentá-lo? • Temos acesso ao conteudista? • É necessário fazer pesquisa complementar? • Existem cursos similares sobre o mesmo assunto? Como funcionam e como o nosso pode ser melhor? • Quais são as referências adicionais a serem indicadas (livros, vídeos, links, artigos, reportagens de jornais e revistas, CDs, obras de arte, programas de tv, listas de discussão, eventos e objetos de aprendizagem)? Como arquitetar os conteúdos para um curso online?
  12. 12. Estruturação dos conteúdos A partir dos dados do contexto Selecionar o conteúdo: Definir o que é essencial, o que é secundário e o que é dispensável. Identificar pontes: Verificar as possíveis linhas de desenvolvimento para associações com temas correlatos dentro do próprio curso e em outras fontes. Escolher a estrutura narrativa e a linguagem mais adequadas: Como o conteúdo será apresentado ao público. Estrutura e linguagem andam juntas.
  13. 13. Potencialidades do conteúdo online
  14. 14. O conteúdo hipertextual
  15. 15. Estruturas de organização: Fonte:Yale Style Manual: http://info.med.yale.edu/caim/manual/contents.html Estrutura do conteúdo
  16. 16. O que é Linguagem: Ling. Todo sistema de signos que serve de meio de comunicação entre indivíduos e pode ser percebido pelos diversos órgãos dos sentidos, o que leva a distinguir-se uma linguagem visual, uma linguagem auditiva, uma linguagem tátil, etc., ou, ainda, outras mais complexas, constituídas, ao mesmo tempo, de elementos diversos. (Aurélio) A linguagem
  17. 17. Verificar as possibilidades de linguagem: História em quadrinhos, reportagem, drama, comédia, animação gráfica, jogo, fábula, novela, simulação, música etc. Provocar: Despertar a curiosidade, surpreender, desafiar, criar polêmica, usar humor, abrir oportunidades de envolvimento, fazer pontes entre o conteúdo e a realidade do aluno etc. Criar situações de interatividade: Diálogo, entrevista coletiva, debate, trabalho em grupo, visitas a ambientes interativos, produção e compartilhamento de textos, imagens etc. (Veras, 2002). Linguagem: alguns pontos!
  18. 18. Algumas características recomendáveis para o texto: Adequação - ao contexto, ao curso e aos alunos, ao tempo requerido para o estudo. Precisão e atualidade - deve-se oferecer representações fiéis dos fatos, princípios, leis, procedimentos que estão sendo expostos. Integração - deve formar uma unidade com os demais materiais do curso. Abertura e flexibilidade - deve convidar à crítica, à reflexão, à complementação em outras fontes, deve sugerir problemas e questionar por meio de perguntas que levem à análise e à elaboração de respostas. Coerência - entre os distintos elementos de ensino-aprendizagem do texto. Eficácia - deve facilitar a aprendizagem por meio do estudo independente do aluno, esclarecendo dúvidas e propiciando a auto-avaliação. Transferibilidade e aplicabilidade - deve propiciar a transferência positiva do que foi aprendido, bem como a utilidade e aplicação prática, favorecendo uma aprendizagem significativa. Interatividade - deve manter um diálogo permanente com o aluno, que convide ao intercâmbio de opiniões. (VERAS, 2002). Estratégias de redação
  19. 19. Situações de aprendizagem
  20. 20. As interfaces digitais: a comunicação na sala de aula online Assíncronas: fórum de discussão, blogs, diários, portfólios, listas de discussão, e-mail. Síncronas: chat, mensagens instântaneas, web e vídeoconferências.
  21. 21. Fóruns de discussão: potenciais Permite que os participantes interajam conforme a conveniência de sua agenda pessoal; o mediador mantêm ativa a discussão e intervêm de forma criativa para que o grupo sinta-se um mediador em potencial. Os mediadores são em potência todos os sujeitos da comunidade de aprendizagem; potencializa o desenvolvimento da inteligência coletiva e o sentimento de pertença a um grupo; Os temas podem ser debatidos com mais densidade teórica e metodológica.
  22. 22. Os chats: potenciais dinamiza a comunicação de modo mais informal entre os sujeitos no modelo todos-todos; amplia os espaços de participação, socialização e discussão sobre os conteúdos do curso; possibilita a discussão em tempo real na elaboração de atividades individuais ou em grupo; pode ser um dispositivo utilizado para proporcionar a construção de vínculos afetivos entre os participantes.
  23. 23. Outras estratégias para situações de aprendizagem O trabalho com projetos - permite que o conhecimento seja construído a partir de situações emergentes no contexto dos sujeitos. A pesquisa é o princípio fundante. Os estudo de casos - permitem envolver assuntos de várias áreas de conhecimento, tanto no que concerne a conteúdos conceituais, procedimentais e atitudinais.
  24. 24. A Avaliação da Aprendizagem
  25. 25. Textos auxiliares Redação de recorrência Chamadas de reflexão Estratégias de linguagem Seleção de Conteúdo Estratégias de organização Estratégias hipertextuais Estratégias cooperativas Estratégias De avaliação Diálogo simulado Interpretação Adequação Entrada Desenvolvimento Encerramento Texto impresso Projetos Estudo de caso Fórum de discussão Bate-papo Lista de discussão Pesquisa coletiva Wikis BlogsDa aprendizagem Imagens Figuras Leituras Músicas Audiovisuais Texto on- line Hipertextos Hipermídia Roteiro de navegação Do material didático Auto-avaliação Presencial à distância Pré-teste Pós-teste Estratégias de Redação Ementa Carga Horária Objetivos de aprendizagem Projeto do Curso Mapa de Processo: um exemplo Fonte:Jucimara Roesler Universidade do Sul de Santa Catarina - UNISUL
  26. 26. Vamos ao debate? Obrigada! “O método não precede a experiência e se apresenta ao final, talvez para uma nova viagem”. Edgar Morin O método aprende!O método aprende!

×