Ao problema dos que dizem que
repetir palavras é errado, isso pode
ser correto, e útil.
Um problema entre reis e plebeus
No primeiro caso, a repetição de
palavras ou expressões seguidas
recebe o nome de “reduplicação”
Procede assim:
Reduplicaç...
Num dialogo do dia uma pessoa
conta aonde foi passear durante o
dia!
- Falando sério, eu andei, andei..
Cheguei num rio. P...
Num dialogo do dia uma pessoa
conta aonde foi passear durante o
dia!
- Falando sério, eu andei, andei..
Cheguei num rio. P...
Num dialogo do dia uma pessoa
conta aonde foi passear durante o
dia!
- Falando sério, eu andei, andei..
Cheguei num rio. P...
Quando intercala uma palavra ou
sintagma(palavra de mesmo
sentido) cortando-se a sequência,
essa reduplicação recebe o nom...
Ide por diante, pois glorioso
vencedor, ide por diante, e possam
mais diante de Deus para com
vossa piedade, as misérias.....
Ide por diante, pois glorioso
vencedor, ide por diante, e possam
mais diante de Deus para com
vossa piedade, as misérias.....
Ide por diante, pois glorioso
vencedor, ide por diante, e possam
mais diante de Deus para com
vossa piedade, as misérias.....
Nesta parte a repetição é
interrompida pela conjunção!
Então podemos dizer que este
linguajar é usado nos grandes
discurso...
Outro discurso que digamos que é
usado pela REALEZA.
Funciona assim:
Epanalepse
Recebe o nome de epanalepse, que
quer dizer “repetição”
Exemplo:
Benditos monges imortais, benditos!
Grandioso os reis, és...
Chama-se anáfora, que está
relacionada da palavra “levar”. A
repetição de palavras no início de
orações ou de versos.
Anáf...
Ela indica repetição que faz
referencia ao verbo!
Exemplo:
Divertiam-os o ódio, divertia-os a
inveja, divertia-os a ambiçã...
Ela indica repetição que faz
referencia ao verbo!
Exemplo:
Divertiam-os o ódio, divertia-os a
inveja, divertia-os a ambiçã...
Cada oração começa com “divertia-
os”.
Logo se referia ao sujeito “os”
intensificando sua agitação.
Anáfora
Denomina o que situa-se no meio,
“reunião de duas ou mais palavras”
Mesodiplose
É a repetição no final de cada
oração ou verso, “conclusão” é seu
significado!
Exemplo:
Não sei como será o universo! Será...
É a repetição no final de cada
oração ou verso, “conclusão” é seu
significado!
Exemplo:
Não sei como será o universo! Será...
No exemplo que segue, há uma
série de orações interrogativas
terminadas por mais “retornos” e
“conclusão” ,“frase ou propo...
23-01
Marcos Paulo
Isabela
Valdivino
Português   um problema entre reis e plebeus!
Português   um problema entre reis e plebeus!
Português   um problema entre reis e plebeus!
Português   um problema entre reis e plebeus!
Português   um problema entre reis e plebeus!
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Português um problema entre reis e plebeus!

221 visualizações

Publicada em

Trabalho de Português
Sobre a revista "Lingua".

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
221
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Português um problema entre reis e plebeus!

  1. 1. Ao problema dos que dizem que repetir palavras é errado, isso pode ser correto, e útil. Um problema entre reis e plebeus
  2. 2. No primeiro caso, a repetição de palavras ou expressões seguidas recebe o nome de “reduplicação” Procede assim: Reduplicação
  3. 3. Num dialogo do dia uma pessoa conta aonde foi passear durante o dia! - Falando sério, eu andei, andei.. Cheguei num rio. Pensa num rio grande! Mas fica longe demais! Ta Reduplicação
  4. 4. Num dialogo do dia uma pessoa conta aonde foi passear durante o dia! - Falando sério, eu andei, andei.. Cheguei num rio. Pensa num rio grande! Mas fica longe demais! Ta Reduplicação
  5. 5. Num dialogo do dia uma pessoa conta aonde foi passear durante o dia! - Falando sério, eu andei, andei.. Cheguei num rio. Pensa num rio grande! Mas fica longe demais! Ta Reduplicação
  6. 6. Quando intercala uma palavra ou sintagma(palavra de mesmo sentido) cortando-se a sequência, essa reduplicação recebe o nome de diácope. Procede assim: Diácope
  7. 7. Ide por diante, pois glorioso vencedor, ide por diante, e possam mais diante de Deus para com vossa piedade, as misérias... Diácope
  8. 8. Ide por diante, pois glorioso vencedor, ide por diante, e possam mais diante de Deus para com vossa piedade, as misérias... Diácope
  9. 9. Ide por diante, pois glorioso vencedor, ide por diante, e possam mais diante de Deus para com vossa piedade, as misérias... Diácope
  10. 10. Nesta parte a repetição é interrompida pela conjunção! Então podemos dizer que este linguajar é usado nos grandes discursos da REALEZA. Diácope
  11. 11. Outro discurso que digamos que é usado pela REALEZA. Funciona assim: Epanalepse
  12. 12. Recebe o nome de epanalepse, que quer dizer “repetição” Exemplo: Benditos monges imortais, benditos! Grandioso os reis, és grandiosos Recebe assim o SELO REAL Epanalepse
  13. 13. Chama-se anáfora, que está relacionada da palavra “levar”. A repetição de palavras no início de orações ou de versos. Anáfora
  14. 14. Ela indica repetição que faz referencia ao verbo! Exemplo: Divertiam-os o ódio, divertia-os a inveja, divertia-os a ambição, divertia-os o interesse, divertia-os a soberba... Anáfora
  15. 15. Ela indica repetição que faz referencia ao verbo! Exemplo: Divertiam-os o ódio, divertia-os a inveja, divertia-os a ambição, divertia-os o interesse, divertia-os a soberba... Anáfora
  16. 16. Cada oração começa com “divertia- os”. Logo se referia ao sujeito “os” intensificando sua agitação. Anáfora
  17. 17. Denomina o que situa-se no meio, “reunião de duas ou mais palavras” Mesodiplose
  18. 18. É a repetição no final de cada oração ou verso, “conclusão” é seu significado! Exemplo: Não sei como será o universo! Será que existe vida la fora? Como será? Como deve ser? Será que devo me Epífora
  19. 19. É a repetição no final de cada oração ou verso, “conclusão” é seu significado! Exemplo: Não sei como será o universo! Será que existe vida lá fora? Como será? Como deve ser? Será que devo me Epífora
  20. 20. No exemplo que segue, há uma série de orações interrogativas terminadas por mais “retornos” e “conclusão” ,“frase ou proposição final” Epífora
  21. 21. 23-01 Marcos Paulo Isabela Valdivino

×