O Tanque de Betesda

2.529 visualizações

Publicada em

Obediência absoluta a Cristo transformará as circunstâncias mais dificeis (João 5, 1-5)

Publicada em: Espiritual
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.529
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
58
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Tanque de Betesda

  1. 1. João 1, 1-15
  2. 2.  Obediência absoluta a Cristo transformará as circunstâncias mais difíceis. Verdade Prática
  3. 3.   A lição de hoje apresenta o caso de um inválido a quem Jesus ajudou. Sua cura constitui mais um dos milagres ou sinais cuja finalidade era apresentar outro aspecto glorioso da divindade do Mestre. Foi operado num dia de sábado e mostra como Jesus tem poder para conceder vida. Introdução
  4. 4.  Conhecendo Betesda – Betesda é a forma grega do termo aramaico “Beth hasdâ”, isto é, “casa da misericórdia”. É mencionado somente no Novo Testamento. A Bíblia relata que este local havia se transformado num grande centro de peregrinação de pessoas que pretendiam obter cura através do movimento das águas (João 5.3). Betesda tem uma representação de: 1) Comodismo – os doentes apenas esperavam um milagre; 2) Imediatismo – quem mergulhasse primeiro seria curado; 3) Apostasia – Os profetas e homens de Deus, naqueles dias, haviam abandonado a verdadeira fé. Vamos mergulhar na História?
  5. 5.  Tanque de Betesda
  6. 6.  Em Jerusalém
  7. 7.  “Ora, em Jerusalém há, próximo à porta das ovelhas, um tanque, chamado em hebreu Betesda, o qual tem cinco alpendres. Nestes jazia grande multidão de enfermos, cegos, mancos e ressicados, esperando o movimento da água. Porquanto um anjo descia em certo tempo ao tanque, e agitava a água; e o primeiro que ali descia, depois do movimento da água, sarava de qualquer enfermidade que tivesse”. João 5,2-4
  8. 8.   Tinha cinco pórticos (entradas) suficientemente espaçosos para conterem um grande número de pessoas. Segundo o “Novo Dicionário da Bíblia”(Douglas, 1995, p. 208) escavações feitas nos séculos passados trouxeram à luz um tanque com cinco pórticos no nordeste da cidade, com uma pintura a fresco bem desmaiada, deixando claro que aquele era realmente o local onde ficava o tanque, segundo tradições cristãs bem antigas. Betesda era um tanque
  9. 9.  João 5,1 diz que Jesus foi a Jerusalém para uma festa entre os Judeus. Vamos entender: O capítulo 23 do livro de Levítico contém a descrição das grandes festas ou solenidades periódicas que deveriam ser observadas pelo povo de Israel. Estas eram em número de sete, sendo as mesmas celebradas ao longo do ano de Israel. Seis delas eram ocasiões para o povo alegrar-se, sendo estas a Festa da Páscoa, a Festa dos Pães Asmos, A Festa das Primícias, a Festa de Pentecostes, a Festa das Trombetas e a Festa dos Tabernáculos. O que Jesus foi fazer lá?
  10. 10.   Somente uma festa era celebrada com tristeza, sendo esta a Festa da Expiação. As festas davam aos israelitas a oportunidade de refletir sobre a bondade de Deus, lembrando-lhes os momentos nos quais Deus interveio para livrar o seu povo, por isto elas se relacionavam com os acontecimentos históricos ligados a formação da nação israelita. Além disto, elas estavam ligadas também as atividades agrícolas da nação de Israel, indicando assim a presença de Deus em meio ao seu povo para lhes prover continuamente o seu sustento.  Das sete festas três delas exigiam que todos os judeus fossem a Jerusalém: a da Páscoa, a de Pentecoste e a dos Tabernáculos. Mas,
  11. 11.  Propósito: trazer em memória a saída do povo de Israel do Egito e a redenção efetuada por meio do cordeiro pascoal, o qual tipificava a morte de Cristo na cruz do Calvário. A festa da Páscoa
  12. 12.   Era comemorada aos quinze dias deste primeiro mês, e nesta, durante sete dias os israelitas deveriam comer pães sem fermento. Os pães sem fermento é um indicativo de que Deus procura santidade desenvolvida pelo poder do Espírito Santo na vida dos seus remidos. Festa dos Pães Asmos
  13. 13.   Era comemorada cinquenta dias após a Festa das Primícias, sendo a mesma conhecida também como Festa das Semanas, já que os cinquenta dias equivaliam a sete semanas. A Festa de Pentecoste era chamada também Festa da Colheita, já que ela marcava a colheita do trigo, e sendo assim ela era um prenúncio da descida do Espírito Santo que a partir do “Dia de Pentecostes” dá início à colheita de almas deste mundo para Deus. Festa de Pentecoste
  14. 14.   Como as festas eram ocasiões onde se refletia sobre a bondade de Deus, durante os dias de comemoração os israelitas suspendiam seus trabalhos, tendo assim oportunidade de descanso e de se reunirem com o Senhor, reconhecendo ser Ele a fonte de vida que dava a eles força para a realização de seus trabalhos.  O texto bíblico de João 5 começa descrevendo a subida de Jesus a Jerusalém por ocasião de uma destas festas. Apesar de ser uma dupla oportunidade para o descanso, já que aquele dia, além de ser um dia de festa, era também sábado, o relato de João 5.1-15 vai mostrar Jesus em plena atividade em favor dos necessitados. Então,
  15. 15.  Nada na Bíblia foi escrito por acaso, nem um ponto e nem uma ´palavra. Nem este milagre foi realizado num dia qualquer. Foi realizado durante uma festa que era celebrada para que todos pudessem se lembrar da bondade de Deus com o seu povo. Lembrar-se de que Deus sempre intervém a favor do seu povo. Deus cuida de nós ! Aleluia!!!!!! Será que tem relação?
  16. 16.   A multidão de invalidos, vers. 1-3. O tanque de Betesda (casa de compaixão) ou Betsaida reunia em seus alpendres uma multidão de gente sofrendo de varias enfermidades.  Como representa a humanidade em nossos dias! Nós, como cristãos, não podemos permanecer indiferentes ou apáticos diante dos sofrimentos, mais sim devemos apresentar a Cristo o mesmo ontem, hoje e para sempre, Cristo que tem compaixão dos necessitados. Mar. 16.17,18; Jó 5.7. UMA CENA LASTIMÁVEL. João 5.1-5.
  17. 17.   visitou esse “hospital” no sábado e notou (pense bem, Jesus escolheu aquele homem, havia muitos outros doentes), aquele homem doente, havia 38 anos. Devido á sua paralisia, o pobre nunca conseguira chegar primeiro no tanque ao serem movidas as águas. Sem duvida assim teria permanecido até morrer, se Jesus ali não viesse. A presença de Jesus no caso simboliza a diferença entre o tempo da lei, da sombra das coisas melhores vindouras, e o tempo da graça. Então dependia de esforços próprios, hoje depende apenas de crer em Jesus, Quem todo pode. Então alguns recebiam, hoje todos podem receber. Jesus então...
  18. 18.  ONTEM: ESFORÇO PRÓPRIO SALVAÇÃO (CURA) (entrar no tanque) HOJE: SALVAÇÃO ESFORÇO PESSOAL (santidade) Resumindo:
  19. 19.  A pergunta que despertou esperança, vers. 6. Jesus lhe perguntou “Queres ficar são” Essa pergunta, á primeira vista, parece estranha. Quem nessas condições estando doente não quereria ficar são?  Mas assim Jesus perguntou pelas seguintes razões: O SALVADOR COMPASSIVO. João 5.6-9.
  20. 20.  O coração do paralitico também sofria da “paralisia” e precisava avivar-se. Quantas vezes fora ele desapontado no tanque de Betesda! Despertada a esperança, seria um passo dado em direção à fé que Jesus exige. Já pensou durante 38 anos conviver com a indiferença e o egoismo das pessoas à sua volta, quando você mesmo tem tantas dificuldades? 1) Jesus queria despertar a esperança
  21. 21.   Por estranho que pareça, há pessoas que preferem permanecer doentes, a fim de gozarem da solicitude alheia, de esmolar, etc.  Da mesma forma também acontece que muitos ignoram sua profunda necessidade espiritual e não buscam a Deus para receber o batismo no Espirito Santo ou a santidade. Quem está são, seja física ou espiritualmente, precisa também assumir as responsabilidades no caso. Há trabalho a fazer! 2) Jesus queria provar seu desejo
  22. 22.  Muitos não recebem a cura divina por falta de vontade, de volição. A fé que traz a cura é algo mais do que uma atitude mental; é também um ato de apropriação. Jesus disse a mulher cananeia, que O procurou para curar sua filha endemoninhada, “Seja isso feito para contigo COMO TU DESEJAS!” Mat. 15-28. 3) Jesus queria despertar sua vontade
  23. 23.  que o caminho para a saúde não é questão de lugar e hora (o caso das águas movidas esporadicamente), mais sim de ouvir a voz de Jesus! Mat. 11.15; 13.9,43. Muitos ainda hoje correm atrás desta e daquela novidade e deixam de ouvir a voz de Cristo que traz benção, cura e a vida eterna. 4) Jesus queria ensinar-lhe
  24. 24.   Vers. 7. As palavras do sofredor demonstram o quanto estava ele algemado pelo desanimo, e resignado à sorte, seja qual fosse. Ele culpava aos outros também, que eles nenhuma compaixão tinham, e que ele era a vitima das circunstâncias, um solitário no meio da multidão que só procurava os interesses próprios. Ele talvez tinha suas razões, mas que adiantou expressa-las? Como cristãos, devemos ajudar os fracos, ser bondosos para com os que sofrem, e orar pelos outros, para que nunca ninguém nos possa acusar como o paralítico acusou as demais pessoas nos alpendres de Betesda.  Uma resposta triste
  25. 25.  Veja se não é assim:
  26. 26.  Ou assim?
  27. 27.  Ou assim?
  28. 28.  Ou assim?
  29. 29.  Ou assim???
  30. 30.   O tanque de Betesda pode ser visto como uma simbologia do mundo, onde uma multidão de pessoas sofre das mais variadas enfermidades podendo ser estas de ordem física, emocional ou espiritual. No meio deste vale de lágrimas muitas vezes gerado pelo pecado, a misericórdia de Deus se manifesta, ainda que os homens não O conheçam e não atribuam a Ele a bênção recebida em meio aos seus esforços para consegui-la. A misericórdia de Deus era manifestada lá pelo anjo que ali descia em certo tempo e agitava a água. Tanque de Betesda = Mundo hoje
  31. 31.   Aquele homem do tanque de Betesda vivia rodeado de pessoas que não se importavam com ele, apenas consigo mesmas. Pensavam em ser o primeiro, que se arranjassem os outros!  E você? Como tem se portado hoje, em relação a esta grande multidão de enfermos que nos cercam, como mostrei nas figuras anteriores?  VOCÊ TEM SIDO  AJUDADOR OU INDIFERENTE? Qual o seu testemunho hoje?
  32. 32.   Pense nesta cena: uma família no Domingo toda arrumada e perfumada, com a Bíblia na mão, indo pro Culto.  Por ela passa o seu vizinho, cambaleando de tão bêbado que está.  E essa família passa direto pensando: Só Jesus!!!  E o bêbado passa pensando: cristãos como eles jamais serei, nunca me convidaram pra ir a Igreja!!! O QUE DIZEM DE VOCÊ???
  33. 33.   Aquele homem do tanque de Betesda estava focado no seu problema? Não, ele estava focado na multidão que o cercava e que nunca tinha se preocupado com ele.  Será que não foi esse foco que fez ele perder a esperança, o desejo de ser curado?  Que sentimentos ruins devia haver em seu coração, magoado com a atitude dos outros em relação a ele mesmo, tanto que passou 38 anos olhando pros outros, ao invés de olhar pra ele mesmo! Não é igual???
  34. 34.   Como alguém indiferente, ou como um ajudador?  As pessoas recorrem a você? Pedem ajuda?  O que você faz então?  Ou você nem sabe o nome de seus vizinhos?  Ou você passa pelos “enfermos” e muda de calçada?  Ou você é alguém que sempre leva alguém “enfermo” para o culto?  QUEM É VOCÊ ????? Como o mundo te enxerga?
  35. 35.  Uma ordem espetacular
  36. 36.   Sem duvida as pessoas presentes levaram um susto ao ouvir tal ordem a um paralítico, e até julgar cruel tal coisa! Mas cruel não foi porque:  1) Quem lhe deu ordem tinha poder para cura-lo;  2) Suas palavras inspiraram fé em seu coração. Assim operou Jesus varias vezes, como no caso do homem carregado por quatro amigos (Mat. 9..1-8) e do homem com a mão mirrada. Lucas 6.8-10. “Levanta-te, toma a tua cama e anda”
  37. 37.   vers. 9. Quando Deus manda, Ele também dá poder. A fé lançou mão do invisível. (Hebreus 11.1). O Seu corpo deformado recebeu o poder de Deus e num instante ficou completamente são. Glória a Deus!  Glória a Deus! A fé consiste em obedecer a palavra de Deus.  Elias, ao trazer fogo do céu, disse: “Conforme a Tua palavra fiz todas estas coisas”  ( I Reis 18.36). A cura completa...
  38. 38.   Todos felizes com a cura daquele homem! Mentira! Olha que linda a figura abaixo:
  39. 39.   vers. 10-13. Vendo o paralitico curado, e andando por toda parte, os judeus nem ao menos o felicitaram! Antes o criticaram por estar carregando a sua esteira! Tal crítica procedia da inveja em seus corações. Alegavam estar ele quebrando a lei de Deus que está em Jeremias 17.21: “Não tragas carga no dia de sábado”. Mas esse versículo refere- se ao transporte comercial e não a uma coisa simples como a de por a esteira no ombro, coisa que ele não pôde fazer durante 38 longos anos! CRÍTICOS ALARMADOS
  40. 40.   Como o legalismo e preconceitos humanos cegam as pessoas! Como procuram defeito nos outros!  Querem que a observância à risca das tradições e costumes sejam mais importantes do que o alivio de terríveis enfermidades.  A cura divina de verdade faz parte da salvação.  Jesus curou e salvou. Certamente a fim de ter com que acusar Jesus, inquiriam ao homem curado o nome do seu bem feitor. Mas ele não sabia o Seu nome! Contudo, fez como Ele havia mandado – tomou a sua cama e andou, alegre e satisfeito! Legalismo e preconceito!!!
  41. 41.   vers. 14. Jesus se afastou da cena, e o curado perdeu de vista a Jesus, mas Jesus não o perdeu de vista! Tinha para ele uma advertência:  “Não peques mais, para que não te sucedas coisa pior”.  Jesus às vezes curou primeiro e tratou dos pecados depois; as vezes acontece o contrário. O Espirito Santo sempre nos dirige em cada caso sobre qual assunto devemos tratar com as pessoas que nos procuram. Um aviso claro!!!
  42. 42.   REFLITA:  Aquele homem não conhecia Jesus, mas se permitiu ser curado e dali em diante, começou a obedecer as ordens de Jesus.  Você tem deixado Jesus dirigir a sua vida?  Você tem se permitido ser curado? Tem se permitido ser dirigido por Jesus contra todos os obstáculos? Que lindo!!
  43. 43.   vers.15,16. O homem curado contou aos judeus que fora Jesus Quem o curou. Esses então O perseguiram, porque transformaram a lei (que era boa e justa, Rom. 7.12) em peso. Observaram a letra e desprezaram o espirito da mesma. Sentindo-se mal, porque Jesus corrigia seu extremo legalismo. Nos vers. 17,18, vemos que os judeus ficaram ainda mais irados com Ele, porque revelou que Deus era Seu pai, e consequentemente Jesus era Deus. Deus descansou no sétimo dia, mas continuou a trabalhar (em sustentar e governar o universo). Deus não era restrito pela lei do sábado que deu a Israel. Da mesma forma, Jesus o filho de Deus, não estava sujeito a essa lei e tinha autoridade sobre a mesma. Tal expressão naturalmente incitou a ira deles contra Jesus. A IRA MALIGNA
  44. 44.  João 15,14 – Jesus disse: “Vós sereis meus amigos se fizerdes o que eu vos mando” Como aplicar esta Palavra à minha vida?
  45. 45.  João 15, 16 - Jesus disse: “Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vos conceda” Eu vos escolhi...
  46. 46.  Não é igual ao que aconteceu com aquele homem?
  47. 47.   Aquele homem também não escolheu Jesus, ele foi escolhido por Ele, igual como Jesus nos escolheu.  Queres ficar são? Tem andado doente?  Queres ficar são? Jesus te diz hoje:  Levanta, e comece hoje a obedecer a voz do Meste.  A obediência transformou a vida daquele homem, ele nunca mais foi o mesmo! Agora ele estava fora daquela multidão de doentes para sempre. Mas preste atenção: mesmo depois deste milagre uma multidão de doentes ainda continuou no Tanque de Betesda.  Parece difícil obedecer? Acha que não consegue? Precisas ser curado?
  48. 48.  “Indo além do que os outros vão, você chegará onde poucos estão dispostos a chegar”. Medite nesta frase:

×