CURSO: Engenharia Civil – 8º Período 
DISCIPLINA: Estradas I 
PROFESSOR: Maria da Anunciação Rodrigues Araújo 
ALUNOS: Mar...
O transporte é responsável por todo e qualquer atividade econômica, sem ele, não há 
desenvolvimento em uma cidade, região...
O modal rodoviário brasileiro é responsável por grande parte do transporte 
de pessoas, bens e mercadorias no país, e, por...
Hidroviários. CT Transportes – Secretária Técnica do Fundo Setorial de Transporte São 
Paulo, 2002. 
PEREIRA, D; RATTON, E...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

1º check paper estradas 1

545 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
545
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1º check paper estradas 1

  1. 1. CURSO: Engenharia Civil – 8º Período DISCIPLINA: Estradas I PROFESSOR: Maria da Anunciação Rodrigues Araújo ALUNOS: Marcia Kerle Garcia Silva ANO/SEMESTRE: 2014.2 1º CHECK DO PAPER Título: Estudo da importância do traçado rodoviário para o desenvolvimento socioeconômico de cidades e para condições de segurança e conforto dos usuários. OBJETIVOS O objetivo desta pesquisa é descrever a importância do projeto rodoviário para o desenvolvimento de cidades brasileiras, bem como a segurança, conforto e conveniências de seus usuários, identificando as variáveis presentes na concepção de projetos geométricos de vias, a partir da análise comparativa dos parâmetros normativos e a sua integração com o meio ambiente, adequação dos elementos físicos e socioeconômico. Relacionar as vantagens e desvantagens do transporte rodoviário, a fim de fundamentar a elaboração do melhor e mais viável traçado rodoviário. JUSTIFICATIVA Antes da intensificação do uso do automóvel, as estradas passavam por dentro das cidades através de ruas e avenidas e os fluxos de transportes tinham com elas uma relação intensa de contato cultural e intercâmbio comercial, trazendo desenvolvimento local. Atualmente, os anéis ou contornos viários funcionam como “não-lugares”, que circundam as cidades. (PINTO, 2012 apud AUGÉ, 1994).
  2. 2. O transporte é responsável por todo e qualquer atividade econômica, sem ele, não há desenvolvimento em uma cidade, região ou país. No Brasil, as redes de transportes servem de elemento fundamental no transporte de mercadorias e pessoas, unindo os setores produtores e consumidores, propiciando a redução das desigualdades entre as regiões e cidades, fazendo assim, com que aumente a acessibilidade urbana e a inclusão social das camadas menos favorecidas, originando, portanto, a importância de um estudo de viabilidade do traçado na criação de uma rodovia. A relação entre a criação de estradas, a forma e extensão de uma cidade é um fato inegável e preponderante no desenvolvimento das cidades, pois com a criação de rodovias a morfologia e a estrutura urbana e rural de cidades são modificadas, permitindo um maior crescimento e expansão territorial. REFERENCIAL TEÓRICO O Projeto Geométrico é a parte principal do projeto de estradas que estuda as diversas características geométricas do traçado em função das leis do movimento, do comportamento dos motoristas, das características de operação dos veículos e do trafego, de maneira a garantir uma estrada segura, confortável eficiente, com o menor custo possível. (ADADA, 2008). Uma das fases preliminares que antecede os trabalhos de execução do projeto geométrico propriamente dito é a constituída pelos estudos de traçado, que tem por objetivo principal a delimitação dos locais convenientes para a passagem da rodovia ou via urbana, a partir da obtenção de informações básicas a respeito da geomorfologia da região e a caracterização geométrica desses locais de forma a permitir o desenvolvimento do projeto. (PEREIRA, 2013). A consolidação do sistema viário ou orbitas, provoca uma grande mudança na estrutura das cidades, que passam a ter um desenvolvimento policêntrico, devido à interação destas vias com o sistema radial, surgindo novos núcleos que concentram atividades comerciais, industriais e residenciais. Isto está relacionado com a suburbanização periférica, onde a rede de transporte causa mudanças nas atividades, sociais, econômicas e nos usos do solo. (PINTO, 2012 apud SERRANO, 2002). Outro aspecto importante a ser observado é a consistência do projeto geométrico de uma rodovia, pois serve para desenvolver parâmetros de segurança do usuário, velocidade operacional do percurso, rampas e curvas horizontais e verticais do trecho.
  3. 3. O modal rodoviário brasileiro é responsável por grande parte do transporte de pessoas, bens e mercadorias no país, e, por isso, necessita trafegar por vias que possibilitam esse trabalho ao mesmo tempo em que garantem a integridade física dos usuários, do bem material e do condutor do veículo automotor. (BARROS, 2011). O sistema de transporte pode ser conceituado a partir de dois componentes: o sistema de oferta de transporte e o objeto de transporte, que pode ser a carga ou o passageiro. Esse sistema interage com um ambiente físico e sócio-econômico gerando impactos significativos sobre o ambiente. A realização do transporte se dá pelo serviço prestado aos usuários, sejam eles os passageiros ou os expedidores de carga. A função do sistema de transporte é atender a esta demanda dentro de certos padrões de desempenho, gerando impactos positivos e minimizando impactos negativos sobre o meio ambiente, o físico, e socioeconômicos. (MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA, 2012). METODOLOGIA A metodologia aplicada neste trabalho será uma pesquisa bibliográfica, com análise descritiva, por meio de livros, artigos, dissertações e pesquisas de campo, a fim de fornecer elementos que serviram de base conceitual para as demais etapas. Após a coleta desses dados, será necessária a interpretação da funcionalidade dessas informações com relação ao traçado de rodovias, com o intuito de demonstrar a importância do projeto rodoviário para o desenvolvimento de cidades brasileiras, bem como a segurança, conforto de seus usuários. REFERÊNCIAS BARROS, Alice R. Consistência geométrica de rodovias e sua relevância para o transporte rodoviário. (Dissertação de Mestrando em Transportes) - Escola de Engenharia de São Carlos- EESC- USP. São Paulo, 2011. LUCAS, Bach A. Tópicos de Projeto Geométrico Rodoviário. Programa de Integração e Capacitação. DER – Curitiba –Paraná, 2008. MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Diretrizes Estratégicas do Fundo Setorial de Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Setor de Transportes Terrestres e
  4. 4. Hidroviários. CT Transportes – Secretária Técnica do Fundo Setorial de Transporte São Paulo, 2002. PEREIRA, D; RATTON, E. Projeto Geométrico de Rodovias. UFPR: Universidade Federal Paraná (Setor de Tecnologia- Departamento de Transportes). Curitiba – PR, 2013. PINTO, Antonio F. C. A implantação de contornos rodoviários e as transformações da forma urbana de pequenas cidades: Estudo de caso da Rodovia RS-377 em São Francisco de Assis e Santiago, RS. (Dissertação de mestrado) – UFRGS: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre RS, 2012.

×