Magna Celene 
Pós-graduada em psicopedagogia e 
História do Brasil Contemporâneo 
Graduada em História 
Professora coorden...
O QUE É CIDADANIA?
NA ANTIGUIDADE CLÁSSICA, QUEM HABITAVA A CIDADE-ESTADO 
E NÃO ERA CONSIDERADO CIDADÃO? 
HABITANTES DAS 
CIDADES-ESTADO 
QU...
A HISTÓRIA DA DEMOCRACIA GREGA
AS FORMAS DE GOVERNAR NAS CIDADES GREGAS 
PRIMEIRA FORMA DE GOVERNA DAS CIDADES GREGAS: 
MONARQUIA: REGIME POLTICO NO QUAL...
ESPARTA E ATENAS:AS DUAS PRINCIPAIS CIDADES GREGAS 
ESPARTA ATENAS 
FORMA DE GOVERNO: 
ARISTOCRACIA 
FORMA DE GOVERNO: 
AR...
DEMOCRACIA 
ARISTOCRACIA
ESPARTA 
ARISTOCRACIA: 
GOVERNO DOS MELHORES 
COMO ERA O GOVERNO ESPARTANO? 
INSTITUIÇÕES POLÍTICAS: 
• GERÚSIA: ASSEMBLEI...
GUERRA DO PELOPONESO 
(431 – 404 A.C) 
ATENAS X ESPARTA 
ATENAS PERDEU O SEU 
PODERIO PARA ESPARTA E A 
DEMOCRACIA DEU LUG...
A CIDADE IMPERIAL ROMANA 
* ROMA 
FUNDADA 
EM 753 a. C
HISTÓRIA ANTIGA DE ROMA SE 
DIVIDE EM TRÊS FASES 
MONARQUIA 
753 – 509 a. C 
REPÚBLICA 
509 – 27 a. C 
IMPÉRIO 
27 a. C – ...
IMPÉRIO ROMANO
1 
2 
3 
4 
• FORMAVAM A OLIGARQUIA DE PROPRIETÁRIOS RURAIS 
• DETINHAM O MONOPÓLIO DOS CARGOS PÚBLICOS 
• TINHAM GRANDE P...
1 
2 
3 
PATRÍCIOS 
PLEBEUS 
CLIENTES 
4 
ESCRAVOS 
UM CLIENTE PODERIA SE 
TRANSFORMAR EM UM 
PLEBEU E UM ESCRAVO 
PODIA T...
ORGANIZAÇÃO POLÍTICA DE ROMA 
MONARQUIA 
753 – 509 a. C. 
O SENADO era 
dominado pelos 
patrícios; 
O SENADO apoiava a 
RE...
COMO OS MAGISTRADOS CHEGAVAM AO PODER? 
OS CÔNSULES 
ERAM OS MAIS PODEROSOS DOS 
MAGISTRADOS; 
ERAM ESCOLHIDOS PELO 
SENAD...
CONFLITO ENTRE PATRÍCIO E PLEBEUS 
INÍCIO DO SÉCULO IV a.C - DIANTE DO FATO DOS PLEBEUS NÃO 
TEREM DIREITOS POLÍTICOS, ELE...
REVOLUÇÃO DOS GRACO 
TIBÉRIO E CAIO GRACO – OS TRIBUNOS DA PLEBE QUE DEFENDIAM A 
REFORMULAÇÃO DO USO DA TERRA NO TERRITÓR...
O EXPANSIONISMO ROMANO 
DURANTE A 
REPÚBLICA O 
EXÉRCITO ROMANO 
CONSEGUIU 
CONQUISTAR 
TERRITÓRIOS DENTRO 
E FORA DA PENÍ...
DIANTE DA EXPANSÃO ROMANA E 
A NECESSECIDADE CADA VEZ 
MAIOR DE SOLDADOS , O 
EXÉRCITO PASSOU A SER 
COMPOSTO POR MERCENÁR...
A CRISE DA REPÚBLICA 
OS GENERAIS 
ROMANOS PASSARAM 
A TER MAIS PODERES 
QUE O SENADO, A 
REPÚBLICA ENTROU EM 
CRISE DANDO...
O IMPÉRIO ROMANO 
PRINCIPAIS IMPERADORES 
ROMANOS : 
AUGUSTO (27 A.C. - 14 D.C) 
 TIBÉRIO (14-37) 
CALÍGULA (37-41) 
 ...
CIDADANIA ROMANA 
NOS PRIMEIROS ANOS DO IMPÉRIO, A 
CIDADANIA FOI AMPLAMENTE CONCEDIDA, 
MAS O PODER FOI FICANDO CADA VEZ ...
Créditos: 
• http://escola.britannica.com.br/assembly/134399/null 
• http://quest-preview.eb.com/#/search/109_233554/1/109...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

K cidade espaço privilegiado para o exercício do poder político

888 visualizações

Publicada em

primeiras civilizações
cultura greco-romana

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
888
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

K cidade espaço privilegiado para o exercício do poder político

  1. 1. Magna Celene Pós-graduada em psicopedagogia e História do Brasil Contemporâneo Graduada em História Professora coordenadora da área de Ciências Humanas
  2. 2. O QUE É CIDADANIA?
  3. 3. NA ANTIGUIDADE CLÁSSICA, QUEM HABITAVA A CIDADE-ESTADO E NÃO ERA CONSIDERADO CIDADÃO? HABITANTES DAS CIDADES-ESTADO QUE NÃO ERAM CIDADÃOS OS ESCRAVOS OS ESTRANGEIROS OS PRISIONEIROS DE GUERRAS ALGUNS PERTENCIAM À COMUNIDADE NAS CIDADES-ESTADO, MAS NÃO TINHAM AS MULHERES E CRIANÇAS DIREITOS POLÍTICOS OS NÃO PROPRIETÁRIOS DE TERRA
  4. 4. A HISTÓRIA DA DEMOCRACIA GREGA
  5. 5. AS FORMAS DE GOVERNAR NAS CIDADES GREGAS PRIMEIRA FORMA DE GOVERNA DAS CIDADES GREGAS: MONARQUIA: REGIME POLTICO NO QUAL O CHEFE É UM REI OU UM IMPERADOR OS NOBRES DIMINUIRAM O PODER DOS REIS E PASSARAM A GOVERNAR ARISTOCRACIA : REGIME POLÍTICO NO QUAL OS NOBRES GOVERNAM OCORREU A EXPANSÃO GREGA E A NOBREZA PERDEU PODER E OS TIRANOS ASSUMIRAM O PODER TIRANIA: REGIME POLTICO NO QUAL OS HOMENS DE BOA REPUTAÇÃO ESCREVIAM AS LEIS DA CIDADE COM OS PASSAR DO TEMPO O POVO PASSOU A QUESTIONAR O PODER DOS TIRANOS E REIVINDICAR UMA MAIOR PARTICIPAÇÃO NA VIDA POLÍTICA DA CIDADE DEMOCRACIA: GOVERNO DO POVO
  6. 6. ESPARTA E ATENAS:AS DUAS PRINCIPAIS CIDADES GREGAS ESPARTA ATENAS FORMA DE GOVERNO: ARISTOCRACIA FORMA DE GOVERNO: ARISTOCRACIA
  7. 7. DEMOCRACIA ARISTOCRACIA
  8. 8. ESPARTA ARISTOCRACIA: GOVERNO DOS MELHORES COMO ERA O GOVERNO ESPARTANO? INSTITUIÇÕES POLÍTICAS: • GERÚSIA: ASSEMBLEIA DOS TRINTA 02 REIS; 28 ANCIÃOS : HOMENS COM MAIS DE 60 AANOS), ELEITOS ENTRE OS NOBRES E TINHAM MANDATO VITÁLICIO; • OS MEMBROS DA ASSEMBLEIA QUE ESCOLHIA O ÉFOROS: CINCO PREFEITOS PARA GOVERNAR DURANTE UM ANO • EXÉCITO: TODOS OS ESPARCIATAS TINHAM QUE SERVIR AO EXÉRCITO. ATENAS DEMOCRACAIA: GOVERNO DO POVO COMO ERA O GOVERNO ATENIENSE? INSTITUIÇÕES POLÍTICAS: • AREÓPAGO: CONSELHO COMPOSTO DE ARISTOCRATAS; • BULÉ: ÓRGÃO QUE TINHA REPRESENTANTES ELEITOS DE TODAS AS CLASSES DE CIDADÃOS ATENIENSES; • ECLESIA; ASSEMBLEIA DO POVO QUE SE REUNIA NA ÁGORA.
  9. 9. GUERRA DO PELOPONESO (431 – 404 A.C) ATENAS X ESPARTA ATENAS PERDEU O SEU PODERIO PARA ESPARTA E A DEMOCRACIA DEU LUGAR A TIRANIA. APESAR DE TER DURADO MENOS DE DOIS SÉCULOS, A EXPERIÊNCIA DEMOCRÁTICA ATENIENSE SERVIU DE MODELO PARA O OCIDENTE, OU SEJA, A CRENÇA DE QUE O POVO PODERIA PARTICPAR DAS DECISÕES COLETIVAS.
  10. 10. A CIDADE IMPERIAL ROMANA * ROMA FUNDADA EM 753 a. C
  11. 11. HISTÓRIA ANTIGA DE ROMA SE DIVIDE EM TRÊS FASES MONARQUIA 753 – 509 a. C REPÚBLICA 509 – 27 a. C IMPÉRIO 27 a. C – 476 d. C • A PARTIR DO SÉCULO II A. C, ROMA DOMINOU AS DEMAIS CIDADES-ESTADO DO MEDITERÂNEO
  12. 12. IMPÉRIO ROMANO
  13. 13. 1 2 3 4 • FORMAVAM A OLIGARQUIA DE PROPRIETÁRIOS RURAIS • DETINHAM O MONOPÓLIO DOS CARGOS PÚBLICOS • TINHAM GRANDE PODER MILITAR •TINHAM MENOS DIREITOS QUE OS PATRÍCIOS, MAS ERAM LIVRES • COMPUNHA “O POVO”: CAMPONESES, COMERCIANTES E ARTESÃOS • OBEDECIAM AOS PATRÍCIOS • DEVIAM AOS PATRÍCIOS SERVIÇOS E FIDELIDADE E EM TROCA RECEBIAM PROTEÇÃO E TERRAS • VIVIAM DENTRO DAS CASAS DAS FAMÍLIAS PATRÍCIOS • PERTENCIAM AO PATRIMÔNIO DOS PATRÍCIOS • PODIAM SER PRISIONEIROS DE GUERRAS OU CAMPONESES EMPOBRECIDOS QUE SE TRANSFORMAVAM EM ESCRAVOS PATRÍCIOS PLEBEUS CLIENTES ESCRAVOS
  14. 14. 1 2 3 PATRÍCIOS PLEBEUS CLIENTES 4 ESCRAVOS UM CLIENTE PODERIA SE TRANSFORMAR EM UM PLEBEU E UM ESCRAVO PODIA TORNAR-SE LIVRE, MAS NÃO PODIAM TORNAR-SE CIDADÃOS. A MOBILIDADE SOCIAL EM ROMA NO PERÍODO DA MONARQUIA SÓ OS PATRÍCIOS PODIAM OCUPAR CARGOS PÚBLICOS, MAS NA REPÚBLICA ISSO VAI MUDAR.
  15. 15. ORGANIZAÇÃO POLÍTICA DE ROMA MONARQUIA 753 – 509 a. C. O SENADO era dominado pelos patrícios; O SENADO apoiava a REALEZA em suas funções políticas; REPÚBLICA 509 – 27 A. C O SENADO continuou sendo dominado pelos patrícios; A REALEZA foi substituída pelas MAGISTRATURAS, dominada pelos patrícios.
  16. 16. COMO OS MAGISTRADOS CHEGAVAM AO PODER? OS CÔNSULES ERAM OS MAIS PODEROSOS DOS MAGISTRADOS; ERAM ESCOLHIDOS PELO SENADO; OS DEMAIS MAGISTRADOS ERAM INDICADOS PELO SENADO, PELOS SOLDADOS E PELAS ASSEMBLÉIAS DA PLEBE; OBS: DURANTE A REPÚBLICA, SOMENTE OS PATRÍCIOS PODIAM OCUPAR O SENADO E AS MAGISTRATURAS, MAS OS PEBLEUS NÃO SE CONFORMARAM COM ESSA IMPOSIÇÃO E CONSEGUIRAM AMPLIAR A SUA PARTICIPAÇÃO POLÍTICA
  17. 17. CONFLITO ENTRE PATRÍCIO E PLEBEUS INÍCIO DO SÉCULO IV a.C - DIANTE DO FATO DOS PLEBEUS NÃO TEREM DIREITOS POLÍTICOS, ELES PASSARAM A REIVINDICAR A DIVISÃO DO TERRITÓRIO ROMANO ENTRE PLEBEUS E PATRÍCIOS. • ISSO CAUSARIA PREJUIZOS PARA A CIDADE E ESTADO ROMANO QUE DEPENDIAM DOS PLEBEUS PARA: • PAGAR IMPOSTOS; • AJUDAR NA DEFESA DO IMPÉRIO; PARA NÃO PERDER O APOIO DOS PLEBEUS, OS PATRÍCIOS DECIDIRAM CEDER A PRESSÃO DOS PLEBEUS E PERMITIRAM A CRIAÇÃO DO TRIBUNATO DA PLEBE OS TRIBUNOS DA PLEBE PODIAM:  VETAR (NÃO CONCORDAR) COM AS DECISÕES DOS PATRÍCIOS;  FAZER REUNIÕES POLÍTICAS – (PLEBISCITO) PARA FAZER LEIS QUE DEVERIAM SER APROVADAS PELO SENADO. INÍCIO DO SÉCULO II a.C AS LEIS VOTADAS NO PLEBISCITO NÃO PRECISAVA DE APROVAÇÃODO SENADO – AMPLIAÇÃO DO PODER DOS PEBLEUS.
  18. 18. REVOLUÇÃO DOS GRACO TIBÉRIO E CAIO GRACO – OS TRIBUNOS DA PLEBE QUE DEFENDIAM A REFORMULAÇÃO DO USO DA TERRA NO TERRITÓRIO ROMANO 134 a. C - TIBÉRIO (UM TRIBUNO ELEITO PELOS PLEBEUS) - PROPUNHA A LEI DA SEMPRÔNIA QUE LIMITAVA O USO DA TERRA PELOS PATRÍCIOS E DEFENDIA A DIVISÃO DAS TERRAS ENTRE OS CAMPONESES (REFORMA AGRÁRIA) . ESSA PROPOSTA DESAGRADAVA AOS SENADORES QUE TAMBÉM ERAM PROPRIETÁRIOS DE TERRAS. 133 a. C - TIBÉRIO FOI ASSASSINADO 124 a.C – CAIO FOI ASSASSINADO APESAR DE TEREM SIDO ASSASSINADOS, OS IRMÃOS GRACO CHAMARAM A ATENÇÃO DOS CIDADÃOS ROMANOS PARA A NECESSIDADE DE CRIAR LEIS PARA EVITAR O ABUSO DO PODER.
  19. 19. O EXPANSIONISMO ROMANO DURANTE A REPÚBLICA O EXÉRCITO ROMANO CONSEGUIU CONQUISTAR TERRITÓRIOS DENTRO E FORA DA PENÍNSULA TODOS OS SOLDADOS ERAM CIDADÃOS ROMANOS E SE MANTINHAM FIEIS AO ESTADO. ITÁLICA.
  20. 20. DIANTE DA EXPANSÃO ROMANA E A NECESSECIDADE CADA VEZ MAIOR DE SOLDADOS , O EXÉRCITO PASSOU A SER COMPOSTO POR MERCENÁRIOS – HOMENS QUE RECEBIAM PARA GUERREAR. OS MERCENÁRIOS NÃO ERAM FIEIS AO ESTADO E SIM AOS GENERAIS QUE OS CONDUZIAM E OS PAGAVAM.
  21. 21. A CRISE DA REPÚBLICA OS GENERAIS ROMANOS PASSARAM A TER MAIS PODERES QUE O SENADO, A REPÚBLICA ENTROU EM CRISE DANDO LUGAR AO IMPÉRIO.
  22. 22. O IMPÉRIO ROMANO PRINCIPAIS IMPERADORES ROMANOS : AUGUSTO (27 A.C. - 14 D.C)  TIBÉRIO (14-37) CALÍGULA (37-41)  NERO (54-68) MARCO AURÉLIO (161-180)  COMODUS (180-192). A U G U S T O
  23. 23. CIDADANIA ROMANA NOS PRIMEIROS ANOS DO IMPÉRIO, A CIDADANIA FOI AMPLAMENTE CONCEDIDA, MAS O PODER FOI FICANDO CADA VEZ MAIS CONCENTRADO NAS MÃOS DOS IMPERADORES. COM AMPLOS PODERES, OS IMPERADORES FORAM IMPEDIDO QUE OS CIDADÃOS PARTICIPASSEM DA VIDA POLÍTICA DO ESTADO ROMANO.
  24. 24. Créditos: • http://escola.britannica.com.br/assembly/134399/null • http://quest-preview.eb.com/#/search/109_233554/1/109_233554/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/109_128149/1/109_128149/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/108_262786/1/108_262786/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/126_3735550/1/126_3735550/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/126_498801/1/126_498801/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/126_3734903/1/126_3734903/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/126_487500/1/126_487500/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/300_2288571/1/300_2288571/cite • http://quest-preview.eb.com/#/search/134_1740088/1/134_1740088/cite

×