Fofocas e Futricas: 22 anos de “A Voz da Fiel”, o programa de rádio mais antigo sobre o Fortaleza Esporte Clube Marcella R...
O rádio e o futebol <ul><li>A primeira narração de um jogo de futebol foi o marco inicial para a popularização do gênero d...
A rádio AM <ul><li>Investe com frequência em programas esportivos, gerando identificação com os torcedores de clubes de fu...
O Programa “A Voz da Fiel” <ul><li>Programa idealizado pelo empresário e torcedor do Fortaleza Esporte Clube Emanuel Magal...
Linguagem, estruturação e mensagem radiofônica - Balsebre <ul><li>Composição de elementos sonoros que transmite ao ouvinte...
Linguagem, estruturação e mensagem radiofônica - Júlia Silva <ul><li>“ A inclusão de ruídos (efeitos sonoros) em uma obra ...
Conclusão <ul><li>Perceptível que, apesar da liberdade e o descompromisso com as técnicas do rádio, as características da ...
<ul><li>Obrigada! </li></ul><ul><li>Marcella Rodrigues </li></ul><ul><li>Universidade Federal do Ceará </li></ul><ul><li>[...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fofocas e futricas

1.832 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.832
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fofocas e futricas

  1. 1. Fofocas e Futricas: 22 anos de “A Voz da Fiel”, o programa de rádio mais antigo sobre o Fortaleza Esporte Clube Marcella Rodrigues Universidade Federal do Ceará - UFC Setembro/2011
  2. 2. O rádio e o futebol <ul><li>A primeira narração de um jogo de futebol foi o marco inicial para a popularização do gênero desportivo no rádio: </li></ul><ul><li>“ O rádio esportivo foi essencial para a transformação do futebol em esporte de massa e um importante complemento na definição do rádio como meio de comunicação de massa. O ponto de partida desse processo é primeira narração detalhada de um jogo de futebol” (SOARES: 1994 p. 17). </li></ul>
  3. 3. A rádio AM <ul><li>Investe com frequência em programas esportivos, gerando identificação com os torcedores de clubes de futebol, que sabem que podem obter informações sobre o gênero em programas da rádio AM; </li></ul><ul><li>Ex: Ceará Rádio Clube AM1200 </li></ul><ul><li>As emissoras disponibilizam faixas de horários que podem ser compradas por qualquer pessoa. Nestas faixas, os programas esportivos feitos por torcedores é comum; </li></ul>
  4. 4. O Programa “A Voz da Fiel” <ul><li>Programa idealizado pelo empresário e torcedor do Fortaleza Esporte Clube Emanuel Magalhães, com a primeira transmissão em 10 de outubro de 1989; </li></ul><ul><li>Linha editorial independente, já que o programa é totalmente financiado pelo próprio apresentador, sem qualquer participação do clube; </li></ul><ul><li>Identificar, a partir das teorias de Armand Balsebre e Júlia Lúcia de Oliveira Albano Silva, se o programa “A Voz Da Fiel”, mesmo com um apresentador que não se prende às técnicas do discurso no rádio, possui características da linguagem radiofônica </li></ul>
  5. 5. Linguagem, estruturação e mensagem radiofônica - Balsebre <ul><li>Composição de elementos sonoros que transmite ao ouvinte a ideia, a imagem, o ambiente, as situações cotidianas, etc., ou seja, meios que configuram o que é familiar para o ouvinte interessando em futebol e torcedor do Fortaleza Esporte Clube. </li></ul><ul><li>“ A Voz da Fiel/Emanuel Magalhães/Torcida do Fortaleza”. </li></ul><ul><li> “ São meio-dia na cidade que carrega o nome do Rei Leão do Brasil. Eu sou Emanuel Magalhães, tricolor desde que nasci e com muitas lições pela frente. Ao meu lado, Daniel Frota, o famoso ‘espion’, na técnica é o Márcio de Souza e na reportagem, Jorge Telmo, o homem-pássaro”. </li></ul>
  6. 6. Linguagem, estruturação e mensagem radiofônica - Júlia Silva <ul><li>“ A inclusão de ruídos (efeitos sonoros) em uma obra radiofônica tem como tendência o objetivo de provocar a associação do ouvinte com o objeto sonoramente representado. Com a função geralmente está determinada pelo sentido, pode-se afirmar que existem tendências, cada uma delas produto da função de sentido determinado pelo objeto que sonoramente se quer representar”. (SILVA, 1999, p. 75). </li></ul>
  7. 7. Conclusão <ul><li>Perceptível que, apesar da liberdade e o descompromisso com as técnicas do rádio, as características da linguagem radiofônica estão presentes em sua transmissão; </li></ul><ul><li>Se o apresentador e seus auxiliares identificam essa soma de fatores para solidificar o sucesso do programa não sabemos. No entanto, Emanuel Magalhães ainda prefere manter seu programa livre de uma linha editorial rígida e não há um padrão de programação. Todos os dias um debate diferente pode alterar o cronograma. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Obrigada! </li></ul><ul><li>Marcella Rodrigues </li></ul><ul><li>Universidade Federal do Ceará </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul><ul><li>@marcella_r </li></ul><ul><li>Facebook.com/marcella.mrsilva </li></ul>

×