Criatividade
- No produto e nas suas utilidades, características ou vantagens; - Numa idéia já utilizada que é reaproveitada de uma out...
Associe Idéias  -  pense no produto, serviço ou empresa (possibilidades, características, vantagens, objetivo da comunicaç...
Generalize -  utilize um tema amplo para apresentar vantagens de um produto específico.  Ex.:O telefone é o meio mais rápi...
Explique o produto  –  Fale detalhadamente sobre o produto. Não anuncie nada a alguém sem ter certeza de que ele conhece b...
Explique o antiproduto  –   essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está ...
Humanize –  apele para o coração do consumidor. Procure emocionar as pessoas atingindo seus sentimentos mais profundos a f...
Desdobre o uso do produto -   sempre que for criar pense em todas as aplicações do produto e, sempre que for conveniente d...
Desperte a curiosidade -  use uma imagem ou um título enigmático, absurdo, inexplicável, que leve o público a acompanhar a...
Faça uma associação incomum -  utilize uma expressão conhecida, num contexto incomum. Esse recurso possibilita impacto e e...
Submeta o produto a uma aventura visual  –  procure demonstrar as características do produto através de combinações visuai...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Criação

932 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
932
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
30
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Criação

  1. 1. Criatividade
  2. 2. - No produto e nas suas utilidades, características ou vantagens; - Numa idéia já utilizada que é reaproveitada de uma outra forma; - Em algo que foi lido, visto ou ouvido na rua, no cinema, no bar, na televisão, no rádio, etc; - Numa analogia (quente como fogo); - Por oposição (branco e preto); - Num tema histórico, geográfico, artístico, religioso, esportivo, atual, etc.; - Num símbolo (pomba branca= paz); - E em diversas formas.   Em propaganda a idéia pode ser encontrada:
  3. 3. Associe Idéias - pense no produto, serviço ou empresa (possibilidades, características, vantagens, objetivo da comunicação, etc.) as idéias começaram a aparecer, esse pode ser o ponto de partida para uma grande idéia . Contigüidade – Proximidade entre duas imagens. Ex.: mar lembra navio - pena lembra pássaro. Semelhança – Duas imagens se superpõem. Ex.: gato lembra tigre. Sucessão – Uma idéia sugere outra. Ex.: trovão sugere tempestade - veneno sugere morte. Contraste – Uma idéia oposta a outra. Ex.: preto lembra branco – ódio lembra amor     Algumas técnicas que podem ser utilizadas como ponto de partida para criação de uma campanha ou de uma peça publicitária.
  4. 4. Generalize - utilize um tema amplo para apresentar vantagens de um produto específico. Ex.:O telefone é o meio mais rápido de fazer grandes negócios e perder outros. Particularize - parta de uma particularidade para beneficiar um todo. Ex.: O vôo 404 da Lufthansa atrasou 8 minutos porque pifou a máquina do café. Agora imagine como tratamos as coisas importantes se damos tanta importância a coisas sem importância.    
  5. 5. Explique o produto – Fale detalhadamente sobre o produto. Não anuncie nada a alguém sem ter certeza de que ele conhece bem o produto. As pessoas só compram o que conhecem é nisso que se baseia a técnica de explicação do produto. Ex.:Anúncio de companhia aérea mostra a gaivota em pleno vôo e tópicos explicativos sobre o vôo dos pássaros: a função das asa, dos pés, sua visibilidade apurada, a estrutura dos ossos, etc. depois mostra o avião, na mesma posição de vôo, com verbetes informativos sobre cada detalhe, comparado ao detalhe correspondente ao pássaro.  
  6. 6. Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem.   <ul><li>Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem. </li></ul>
  7. 7. Humanize – apele para o coração do consumidor. Procure emocionar as pessoas atingindo seus sentimentos mais profundos a fim de fazer com que elas se identifiquem com o que está sendo anunciado . Ex: Gelol – não basta ser pai, tem que participar. Malwee, gostosa como um abraço.   Faça o consumidor viver o drama – Existem oportunidades em que você pode colocar o consumidor adequadamente numa posição tão crítica que ele se convencerá por si próprio. Ex.: Curso de inglês Alumni, mostra o consumidor falando um português completamente absurdo e leva o consumidor à reflexão de que ele pode estar falando inglês assim. Finaliza dizendo: Faça Alumni, aqui você aprende.   <ul><li>Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem. </li></ul>
  8. 8. Desdobre o uso do produto - sempre que for criar pense em todas as aplicações do produto e, sempre que for conveniente divulgue-as no texto. Ex.: Não venda apenas arroz, mas as deliciosas receitas que ele possibilita.   Informe – nada convence mais o consumidor do que fatos, informação, notícia. Ex.: para cada Volkswagen vendido na Itália, oito Fiats são vendidos na Alemanha, para cada Renault vendido na Itália, três Fiats são vendidos na França, para cada Volvo vendido na Itália, nove Fiats são vendidos na Suécia. VT do câncer de mama que diz o que foi feito pelo IBCC com dinheiro arrecadado com as campanhas. <ul><li>Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem. </li></ul>
  9. 9. Desperte a curiosidade - use uma imagem ou um título enigmático, absurdo, inexplicável, que leve o público a acompanhar a propaganda para achar a explicação. Ex.: comercial mostra a narração de uma partida de futebol, mas qual não se consegue definir as imagens e o locutor diz: eu acho que o gramado é verde, eu acho que a bola é branca, pois nem ele está conseguindo ver o jogo. Ao final assina Elektro a energia da sua cidade. <ul><li>Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem. </li></ul>
  10. 10. Faça uma associação incomum - utilize uma expressão conhecida, num contexto incomum. Esse recurso possibilita impacto e economia no desenvolvimento da argumentação. Ex.: bebidas de várias marcas, de um mesmo fabricante, colocadas em um anúncio para supermercadistas com a frase “Lucro Líquido”.   Conte uma história - geralmente as histórias prendem a atenção do consumidor até o final da narrativa. Ex.: Comercial de comemoração dos 276 anos de Florianópolis, na qual um pescador conta a história do seu espanto com o crescimento da cidade, mostrando a evolução da mesma. <ul><li>Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem. </li></ul>
  11. 11. Submeta o produto a uma aventura visual – procure demonstrar as características do produto através de combinações visuais com objetos, elemento ou até mesmo outros produtos. Ex.: RedBull, o personagem bebe e sai voando. A locução diz: RedBull te dá asas.   Compare - compare o produto com algo que o possa valorizar. Ex.: Guaraná Antártica, se compara aos brasileiros (no caso o próprio público-alvo do comercial), dizendo sou filho do Brasil, essa nação fantástica. Sou guaraná, Guaraná Antártica. <ul><li>Explique o antiproduto – essa técnica mostra ao consumidor todas as infelicidades que ele terá caso não use o que está sendo anunciado. Ex.: Anúncio das lâmpadas Sylvania que não atraem insetos, mostrando uma multidão de mariposas, cigarras, besouros que as outras lâmpadas atraem. </li></ul>

×