Direitos sociais

804 visualizações

Publicada em

Direitos Sociais

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
804
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
33
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Direitos sociais

  1. 1. DIREITOS SOCIAIS SOCIOLOGIA 3º ANO ENSINO MÉDIO
  2. 2. DIREITOS SOCIAIS Os direitos sociais surgiram em razão do tratamento desumano vivido pela classe operária e os excessos capitalistas durante a Revolução Industrial. Diante desse tratamento opressivo, diversos países positivaram em suas constituições os direitos sociais.
  3. 3. DIREITOS SOCIAIS Desde o surgimento do constitucionalismo, século XVIII, os direitos fundamentais representam a principal garantia dos cidadãos de que o Estado se conduzirá pela liberdade e pelo respeito da pessoa humana.
  4. 4. DIREITOS SOCIAIS “A afirmação dos “direitos sociais” derivou da constatação da fragilidade dos “direitos liberais”, quando o homem, a favor do qual se proclamam liberdades, não satisfez ainda necessidades primárias: alimentar-se, vestir-se, morar, ter condições de saúde, ter segurança diante da doença, da velhice, do desemprego e dos outros percalços da vida.” (HERKENHOFF, 2002, p. 51-52)
  5. 5. DIREITOS SOCIAIS Diante dessa preocupação com a positivação e a efetivação dos direitos sociais, não há como se olvidar que a Declaração Universal dos Direitos Humanos é uma das principais, senão a principal, fonte dos direitos sociais . A preocupação com a positivação dos direitos sociais é uma constante e vêm, aos poucos, sendo incorporados na cultura Constitucional Contemporânea.
  6. 6. DIREITOS SOCIAIS CONCLUSÃO Os direitos sociais foram reconhecidos e positivados através das lutas das classes operárias, buscando, inicialmente, a proteção dos trabalhadores. Com o transcorrer dos tempos, concretizou-se o entendimento de que os direitos sociais não têm como escopo somente a proteção dos trabalhadores explorados, mas também das minorias excluídas, dos hipossuficientes. O Estado deve atuar de forma a minorar os problemas sociais, propiciando a melhoria de condições de vida aos necessitados.
  7. 7. REFERÊNCIA Âmbito Jurídico: http://www.ambito- juridico.com.br/site/index.php?n_link=revista_artigos_leitura &artigo_id=7417

×