Linguagem digital

469 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
469
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Linguagem digital

  1. 1. LINGUAGEM DIGITAL: INTRODUÇÃO/FUNDAMENTAÇÃO Alessandra Temponi Fabiane Macedo Maiara de Castro Marcela Almeida Belo Horizonte Setembro/2013
  2. 2. Vivemos na sociedade da informação; que apresenta uma maior complexidade e uma ampla utilização de tecnologias de armazenamento. ● Essa sociedade deve se basear nos princípios da igualdade de oportunidades, participação e integração de todos. ●
  3. 3. Assim, a escola atual se vê diante de diferentes desafios: trabalhar, analisar e discutir os fenômenos sociais e as diversas maneiras e concepções de vida e o impacto das novas tecnologias. ● A linguagem está em constante evolução devido às maneiras mais diversas de seu uso e interação; ● O processo de construção da linguagem fez com que o homem sentisse a necessidade de criar um ambiente que permitisse armazenar, organizar, processar, controlar e recuperar as informações; ●
  4. 4. A linguagem digital é o meio ou instrumento onde os dados são combinados, transmitidos e possuem preservação de caráter permanente; ●Toda a moderna engenharia de softwares traduz uma determinada linguagem por meio de linguagens interpostas até chegar a zeros e uns. ●Os programas são uma série de instruções destinadas a fazer a máquina compreender e executar o que se espera dela através da combinação de zeros e uns. ●
  5. 5. Dessa forma, essa nova linguagem apresenta-se como um desafio para o homem e principalmente para os educadores da sociedade contemporânea, pois trata-se de um elemento de comunicação que faz parte do cotidiano das crianças da Educação Infantil. ●
  6. 6. Criança da atualidade: novas formas de brincar, imaginar, pensar e construir sua realidade infantil. - Ela navega entre códigos eletrônicos e a linguagem digital oferecida e consumida pelo mundo globalizado. ●
  7. 7. ● ● ● Papert (1994) faz abordagem pela qual o aprendiz constrói o conhecimento por meio do computador “Aprender fazendo”- a máquina como ferramenta de aprendizagem Ele é o criador da linguagem de programação LOGO
  8. 8. ● ● ● ● ● LOGO Foi desenvolvida tendo como base a teoria de Piaget e algumas ideias da inteligência artificial; O nome foi uma referência a um termo grego que significa pensamento, ciência, etc; Propõe uma metodologia de ensino que busca facilitar a comunicação entre o usuário e o computador; O aluno é ativo e construtor de seus conhecimentos mediados pelo professor.
  9. 9. ● ● ● A linguagem LOGO é usada para comandar um cursor gráfico representado por uma tartaruga, com a finalidade de executar no computador os dados fornecidos a partir do comando. Assim, o aprendiz usa o computador como ferramenta, manipula e adquire conhecimento. Aprender fazendo X Aprender usando
  10. 10. O papel do professor - enriquecer o ambiente; - provocar situações para o aprendiz desenvolver-se de forma ativa; - articular e mediar durante todo o processo; - fazer interferências em momentos oportunos para, assim, agir na Zona de Desenvolvimento Proximal (ZDP); - agir pedagogicamente. ●
  11. 11. O uso do computador - abrange mais do que a simples implantação de máquinas e adequação de programas; - usá-lo de maneira crítica e produtiva requer uma nova leitura do processo de comunicação e de educação numa sociedade em rede. ● Vale ressaltar a necessidade de uma educação que respeite cada etapa do desenvolvimento da criança. ●

×