O velho, o menino e o burro livro virtual

5.698 visualizações

Publicada em

Realizamos uma atividade didática na escola em que trabalho, em Indaiatuba - interior de São Paulo, na qual os alunos do 3º ano do ensino fundamental reescreveram o conto popular "O velho, o menino e o burro" num texto coletivo, ou seja, com a participação de toda classe.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.698
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
73
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O velho, o menino e o burro livro virtual

  1. 1. PROJETO LER FAZ BEM FICHA TÉCNICA DO LIVRO VIRTUAL NOME DO PROFESSOR(A): Maria Madalena dos Santos Alfredo ANO / SÉRIE 3º –TURMA C – TURNO: manhã TÍTULO DO LIVRO: O velho, o menino e o burro ATIVIDADE: reescrita RECURSOS TECNOLÓGICOS DISPONÍVEIS E UTILIZADOS NA UNIDADE ESCOLAR: Computador; Notebook Escolar; Lousa Digital; Câmera Fotográfica Digital; Microsoft Office 2010 (PowerPoint, Word, ) Paint; Windows REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: :O Velho, o Menino e o Burro :Pedro Bandeira – Seed Editorial Ltda O Velho, o Menino e o Burro e outras Histórias Caipiras – Ruth Rocha – Editora FTD Música: Asa branca - Gilberto Gil – instrumental Ilustrações: Juliana – aluna 3º C
  2. 2. . No sítio, havia muitos animais, um burro, que apesar de já ter trabalhado muito, estava ainda forte. O Velho Joaquim podia contar com Brinquinho, o tal burro, sempre que precisasse. O animal já havia salvo um amigo seu que passou uns apuros ao atravessar o Rio Pardo na época das cheias. Há muito tempo atrás, não muito longe daqui, morava o Velho Joaquim com seu neto num sítio. Criou o menino desde novinho. Ensinava tudo para ele e o matriculou numa escola rural ali por perto. O garoto gostava muito de estudar e ajudar o avô nos afazeres da roça!
  3. 3. A vaquinha Mimosa dava o leitinho gostoso todos os dias. O cachorro Fubá atento, servia de guarda no sítio. O Galo Carijó cantava logo cedo despertando todos do sítio. A Galinha Pipoca vivia rodeada de seus pintinhos. O Gato Malhado namorava a Gatinha Lilica. Os pardais e os sabiás alegravam o sítio com seus cantos. . A porca Oinca vivia preocupada com seus Três Porquinhos que sempre tentavam fugir e o Lobo andava por ali.
  4. 4. Certo dia, o Velho Joaquim precisava ir até uma cidadezinha e resolveu levar, para lhe servir de companhia, seu neto e Brinquinho, o burro. Cuidaram do bichinho, alisaram seus pelos, alimentaram-no bem e puseram-se a caminho: o velho, o menino e o burro. Seu Joaquim seguia em frente puxando o burro pelo cabresto! O menino alegre os acompanhava. Não demorou muito encontrou um camponês pelo caminho. Viu o Velho Joaquim puxando o burro e o menino andando por perto, criticou: - Vejam só! Em vez do Velho Joaquim montar no burro, ele vem puxando o animal.
  5. 5. Logo adiante encontraram a Dona Candinha na janela com seu gato. Ela também quis dar seu palpite: - Venham ver o absurdo! O velho folgado, no seu bem bom no lombo do burro e a pobre criança andando a pé! Alguém tem que falar! Eles se olharam e na curva pararam. O Velho Joaquim resolveu montar no burro. O menino pegou o cabresto e puxou o Brinquinho e seguiram pela estrada afora.
  6. 6. Ao chegarem perto do sítio de Dona Tiana, curiosa olhando quem passava na estrada, reclamou: - Moleque, você não tem vergonha ? É o fim do mundo! Não vê o Velho Joaquim, um senhor idoso, puxando o burro? Suba, Velho Joaquim , monte no burro também! Ficaram espantados. Muito envergonhado, o velho esperou a próxima curva, apeou do burro e mandou o menino subir. O menino esperou o avô descer e subiu no Brinquinho. Desta vez, foram embora meio que assustados.
  7. 7. Mais que depressa, o Velho Joaquim subiu no burro junto com o neto. Essa foi demais, nem olharam para trás! “Ainda bem que estamos chegando ao vilarejo! Tomara que tudo isso acabe!”. Pensou o Velho Joaquim. Que nada! Um padre saindo da igreja deu de cara com o Velho e o menino montados no burro. Muito preocupado disse: - Isso é pecado! Não pode ser! Coitadinho do burro! Preguiçosos, vocês estão judiando do burro, vamos saiam logo do lombo desse burro!
  8. 8. O sitiante, desta vez ficou muito bravo! - O que significa isso? Não conseguimos agradar ninguém! De agora em diante, vou fazer o que achar ser correto. Vou seguir minha cabeça. Apearam das costas de Brinquinho para o burro descansar! O Velho Joaquim e o neto, sem saberem mais o que fazer, resolveram carregar o amigo, Brinquinho. Levaram o burro pelas ruas da cidadezinha. Isso foi motivo de gozação, de piadas e gargalhadas.
  9. 9. Mais tarde, disse ao neto que não sabe como se deixou se levar pelas conversas das pessoas. Disse ainda que os idosos são pessoas experientes, já viveram muitos anos e podem ensinar os mais jovens. Agem com cautela e prudência. Lembrou-se o que seu pai lhe dizia: “Quem quer agradar a todos acaba, na verdade, não agradando ninguém, nem a si mesmo”.
  10. 10. Não viam a hora de chegar ao sítio. Lá levavam uma vida simples juntos com a Vaquinha Mimosa, o Gato Malhado e a Gatinha Lilica, o Galo Carijó e a Galinha Pipoca, o Cachorro Fubá, o Burrinho Brinquinho ouvindo o canto dos pássaros! FIM Como dizem os contadores de história: “Viveram felizes para sempre”!
  11. 11. Nossa turma – 3° ano C Gustavo Ingrid Jennifer Milena Oliveira Nalbert Paloma Milena Heloise
  12. 12. Agradecimentos aos nossos pais. Nos bastidores...
  13. 13. Agradecimentos aos nossos professores.
  14. 14. Agradecimentos aos nossos amigos.

×